História Old days - imagine Woozi - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Personagens Originais, Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Visualizações 28
Palavras 959
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - 8


Fanfic / Fanfiction Old days - imagine Woozi - Capítulo 8 - 8

Depois das palavras vindas de Woozi, eu suspirei seguido de um "Eu preciso de um tempo", ele apenas concordou, saindo de perto de mim, talvez indo para seu quarto. Aproveitei e fui para o meu, peguei meu celular e me joguei na cama, olhando pro teto, decidi ouvir algumas músicas, então continuei cantarolando sozinha com meus pensamentos que me pertubavam naquele momento.

[Algumas horas depois]

Eu nem havia percebido, mas havia dormido, vi que horas eram e eram 17:00 da tarde, eu havia dormido demais, e estava morrendo de fome. Fiz um bico em reprovação a mim mesma e me levantei me espreguiçando, sai do meu quarto lentamente olhando em volta, a casa estava silenciosa, porém no fundo eu ouvia o barulho da Tv, provavelmente passando algum filme. Fui até a cozinha, vendo que quem via o filme era Dino e Woozi, o filme parecia interessante, então acabei me juntando.

Liddy: Qual o nome? – Digo pegando a pipoca de Dino

Dino: Yah! Peça primeiro. – ele diz bravo – É um dorama, chama Solomon's Perjury.

Liddy: Sobre o que fala? – Digo interresada, Woozi apenas fingia que nós dois não estávamos ali, vendo seu dorama.

Dino: Um garoto morreu na escola, duas semanas depois de ser expulso por conta de uma briga com o valentão da escola, os policiais dizem que ele se jogou e foi suicídio, mas o alunos acham que tem mais coisa por trás, então eles abrem um tribunal escolar pra ver se é o suicídio, e se for, o que levou o garoto a fazer aquilo, ou se foi um assasinato.

Liddy: Wow, que foda! Eu com certeza vou assistir. – Digo me aconchegando no ombro de Dino, que faz carinho na minha cabeça, percebo que o mesmo sorria, então também sorri. Era bom ter momentos bons e calmos com ele, ele era meu primo apesar de tudo.

Liddy: Aonde está a vovó?

Dino: Ela está na casa de uma das amigas dela, disseram que era chá da tarde. – Ele dá de ombros – Coisas de velhas.

Liddy: Se ela te pega a chamando de velha, você tá ferrado. – digo rindo, e ele ri também.

O dorama em si era ótimo, nós conseguimos terminar ele em um dia! Bom, talvez tenhamos madrugado...mas isso não importa, era tão bom que com certeza havia entrado na minha lista de favoritos. Eram 4:30 da manhã, todos estavam com sono, menos eu, que dormi a tarde toda. Vovó chegou cedo, fez a janta e foi descansar, Dino foi para seu quarto, me deixando sozinha com Woozi, ainda era desconfortável, mas não queria deixar esse clima assim, ele era importante demais pra mim.

Liddy: W-woozi? – Chamo-o com um pouco de receio, ele me olha sem entender – Não está com sono? Está tarde.

Woozi: Não...eu dormi também. – ele ri fraco – Quer assitir mais alguma coisa?

Liddy: Pode ser! – digo animada, me sentando ao lado dele, que sorri fraco. – Posso escolher o filme?

Woozi: Pode

Liddy: Coloca a barraca do beijo!

Woozi: Aquele filme que está famoso?

Liddy: Exatamente, eu ainda não assisti, então estou com curiosidade.

Woozi: Hum...Ok. – ele ri, colocando o filme na Netflix, me aconchego em seu ombro e assistimos o filme confortavelmente, nem me lembro que horas dormi.

[Um mês depois]

Depois do que aconteceu comigo e com Woozi sobre o filme, nossa relação melhorou, conversamos como melhores amigos igual antes, eu me sentia quase completa, só estaria completa com meus pais aqui.

Minhas aulas começam hoje, eu acordei uma hora mais cedo por ansiedade, tomei um banho, coloquei o uniforme, passei uma maquiagem leve e arrumei meu cabelo, queria passar uma boa impressão nessa escola, e deixar minha vida desprezível de lado, era meu último ano, eu queria que valhesse a pena. Sorri ao me olhar no espelho, eu me sentia tão bonita, se eu fosse um garoto não pensava duas vezes. Ri com meu pensamento, desci as escadas e encontrei todos tomando café, minha avó sorriu e todos me deram bom dia, me sentei ao lado da minha avó, comendo uma maçã.

Vó: Não vai tomar café?

Liddy: Estou sem fome. – olhei no relógio – tenho que ir, e você também Dino. – ele bufa se levantando, Woozi iria nós levar de carro, pois sua faculdade era no caminho da escola, ele estava usando o carro do meu tio, que estava viajando no momento, como sempre. O caminho foi silencioso, eu apenas ouvia algumas músicas e sentia borboletas em meus estômago, balançava as pernas, e acho que Woozi percebeu meu desconforto, pois eu estava no banco da frente ao seu lado.

Woozi: Ta tudo bem?

Liddy: Sim, está. – digo tentando parecer calma, ele sorri tentando me passar algum tipo de conforto, que funcinou, quando ele sorria pra mim parecia que eu esquecia de tudo, e só focava em seus lábios, sorri boba com meu pensamento, parando de encara-lo.

Quando chegamos na escola, foi tudo normal, pessoas andando pra lá e pra cá com seus amigos, Dino já conhecia várias pessoas, então nos separamos muito rápido, estava tentando achar a diretoria, e então trombei em uma garota.

Xxx: me desculpa – ele diz pegando meu papel, que cairá da minha mão.

Liddy: Tudo bem...eu te conheço? – digo a olhando, ela me encara também – a garota do shopping!! – sorriu, e ela parece se lembrar

Xxx: Que louco! A gente sempre se tromba por ai. – rimos – meu nome é Lalisa Manoban, eu sou estrangeira, me mudei a pouco tempo, hoje é meu primeiro dia. – ela coça a nuca

Liddy: Meu nome é Liddy, também é meu primeiro dia – riu e ela também – parece que vamos ser boas amigas. – sorriu, e ela concorda

Lalisa: Está procurando a sala da diretora? Acabei de sair de lá, se quiser te acompanho.

Liddy: Eu agradeceria muito! – sorriu com a gentileza da garota, fomos conversando sobre coisas aleatórias o caminho todo, ela era extorvertida e engraçada, eu havia gostado dela, parece ser gente boa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...