História Olivia lucet ea descoberta de um reino - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 1
Palavras 803
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Sobrenatural, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Isso faz sentido,só que não


-OLHA NÃO ME IMPORTA SE VOCÊ FALA LATIM OU ALEMÃO EU Só QUERO SABER O Que ACABOU DE ACONTECER AQUI

O meu grito o pegou de surpresa e antes que ele pudesse me responder a Alex a Lilian e a Marlene entraram na biblioteca fazendo um estrondo,Marlene e lilian estavam com uma arco cada e eles eram dourados com enfeites de flores enquanto Alex carregava uma adaga completamente negra com detalhes em seu Cabo e uma lâmina diferente

Assim que Diogo as viu seu rosto fez uma carranca de raiva e ele se escondeu nas sombras parecendo se misturar a escuridão

-Olívia

Alex vem até min com um semblante preocupado,mas o mais estranho foi que enquanto ela corria até min sua adaga diminuiu e se transformou no pequeno anel negro que ela sempre usava e,aconteceu a mesma coisa com o arco da Lilian e com o da Marlene que viraram as lindas pulseiras que elas nunca tiram do pulso

Minha cara ganhou um semblante ainda mais confuso

-Você esta bem?,se machucou?

Alex pegou em meus ombros e começou a me examinar de cima abaixo a procura de algum hematoma
Eu rapidamente afastei suas mãos de min e a olhei com uma carranca de incredulidade e raiva

-o que

Eu disse e só aí elas pareceram se lembrar que haviam arrombado uma porta e entrado em uma biblioteca com armas em mãos
Lilian foi até o local onde minutos antes estava o professor Andrade.ela se abaixou e tirou de sua pequena bolsa um saquinho que ela logo abriu e tirou um pouco de pó dourado que assim que atingiu o chão pegou fogo,uma chama baixa e amarela,que logo se apagou,as três me olharam com caras nada boas,elas ficaram me encarando por um tempo até que alguém,totalmente inesperado quebra o silêncio

-então vocês são as três guardiãs

Diogo avia saído de seu refúgio nas sobras e em seu rosto estava estampado um sorrisinho sacana,em uma questão de segundos Alex voou pra cima dele e quando pude perceber ele já estava sendo prensado na estante pela Alex que tinha sua adaga novamente em mãos,e a mantinha encostada perigosamente no pescoço do garoto

-você é um deles né,vamos diga logo

-você por acaso sabe com quem está falando

Logo depois de Diogo dizer isso seu rosto adquiriu uma carranca de raiva e seus olhos voltaram a ser pretos.no mesmo instante Alex o soltou e deu uns passos pra trás,seu rosto era uma mistura de medo e discrença e o que mais me surpreendeu foi que assim que o olhar de Diogo a atingiu as pontas de seu cabelo começaram a adquirir um tom de vermelho vivo que se estenderam até a metade de seu cabelo



Ela pareceu não ter notado a diferença.eu desviei meus olhas daquela cena por um minuto para poder observar as expressões de minhas outras amigas e ao contrário do que achei elas não estavam com expressões de medo ou discrença e sim expressões de raiva.quando consegui finalizar minha linha de raciocínio percebi que seu cabelos também tinham a coloração alterada,o cabelo de Marlene antes ruivo agora estava com um tom de castanho com as pontas bem amareladas



o cabelo de Lilian também mudou porém não tanto quanto o de sua irmã,seu cabelo continuava ruivo só que agora com um tom de amarelo alaranjado nas pontas.



Foi aí que resolvi lembrar a todos que eu ainda estava ali

-mas que raios,alguém pretende me explicar o que tá acontecendo ou vão continuar com essa vibe de vamos excluir a Olivia

Todos viraram seus rostos para mim,Diogo ainda estava com os olhos pretos o que me deu um pouco de medo,mas mantive minha postura firme

-olivia tudo será explicado mas antes você por um acaso não estaria tendo sonhos estranhos ultimamente,estaria?

Marlene me perguntou,eu olhei de uma pra outra Liliam estava já com seus cabelos ruivos de volta assim como Marlene,já Alex mantinha seus olhos fixos em Diogo,seu cabelo permanecia vermelho,Diogo parecia notar e não se importar com o olhar de Alex sobre ele porque mantinha seus olhos,que perderam sua escuridão,fixados em mim.
Eu pensei bastante antes de responder e quando o fiz minha voz saio desconfiada

-pq vcs querem saber se ando tendo sonhos

Alex revirou os olhos como se isso fosse esperado

-pavor Liv é importante

Eu a olhei e a vontade que tive era de a perguntar oque estava acontecendo e chorar em seu colo em quanto ela me explicava que era uma piada de mal gosto,mas não foi isso que eu fiz.

-eu nunca tinha tido sonhos o primeiro foi hoje

-olha vcs pretendem me explicar ou não

Diogo me olhou parecia atudiado,derrepente ele vem até min com uma esfera preta em mãos,eu com receio me afasto

-não,se você quer saber a verdade precisa ver isso

Ele disse umas palavras estranhas e derrepente a bolinha estava grudada em meu rosto e eu comecei a entender

Uau



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...