História Ômegas e Alfas - Capítulo 2


Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Eijirou Kirishima, Izuku Midoriya (Deku), Katsuki Bakugou, Personagens Originais, Shouto Todoroki
Visualizações 1
Palavras 643
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Magia, Mistério
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Fim de um começo


Fanfic / Fanfiction Ômegas e Alfas - Capítulo 2 - Fim de um começo

MARCELINE (ON)

Acabei de acordar, sempre acordei cedo,mas hoje não pra falar a verdade hoje o dia está estranho os empregados estão andando apreçados,vejo Minha dama de companhia ela parece preocupada,ela e ômega de cabelos verdes baixinha e linda.

:Querida porque está tudo tão apressado

D.companhia:O princesa já acordara??

:Bem obviamente sim,mas não a problema.

D.Companhia:A conforme solicitado o rei eu não a chamei você treinou muito até a exaustão.

:Meu pai onde ele está, não a vejo a dias ele voltou da sua longa viagem.

D.Companhia:Sim ele voltará e com o rei,e tua irmã e te espera para uma conversa.

:Já vou ok~~ao sair escuto ela susurrar

D.Companhia: que Deus proteja a princesa

____________^°^____________

Eu cheguei a sala enorme que estão meu pai minha irmã meu madrasto e bem uma menina,quem era ela eu não sabia mas eu ia saber, Natsu meu pai me olha com sorriso (Natsu=Verão)Natsu nome engraçado bem e assim porque meu pai tem cabelos loiros quase brancos.

Mas isso não importa me pergunto incessantemente quem e aquela garota,dos olhos escuros.

Pai: OLHE QUEM ACORDARA

:Oi pai tudo bem como se cente chegou bem.

Pai:Sim mas olhe para trás, porque tem quadras na portas não e.

Pai:O nosso reino…

:Nosso reino será atacado pela matilha do sul os reinos de fogo e gelo~~falo espantada~~

:e você quer que eu fique e os proteja

Pai: Não apenas isso mas nós proteja você e mais novo por isso me perdoe mas fique tranquila eu prometo e se lembre de sua mãe

:Claro

Só Deus sabe como me arrependerei disso..

Mas agora não a nada a fazer quando o sangue deramar eu estarei lá.

Lembro-me de tudo dos gritos de evacuação,para o povo os guardas feridos e o sangue derramado no chão os gritos e a minha luta e penitenciá,eu lutei com um dos filhos do Endeavor(Um alfa tão vil que agredia a própria esposa)um garoto cheio de costuras que depois de muito se revirou contra o pai.

Dabi:Oque temos aqui uma ômega, porque persistência ti iras morrer mesmo que insista.não percebe que foste abandonada.

: Não dissistirei e não ligo, perante tudo isso ainda lutarei pois mesmo sem família tenho um povo a proteger então não cairei tão facilmente.

Dabi:Menina tola prefere saldar a morte a me escutar.

:Se for pra morrer lutando pelo que me seria talvez erdado e pelo lugar aonde me criaram *snif*~~porque estou chorando~~a morte que me guie.

Dabi:haha que assim seja

Antes de perceber eu estava lutando com ele e me vi morrer mas avistei algo,uma garota chorando por temer a morte ela lembra a mim mesma.

Me levantei ainda sangrando e cantei uma música que me disseram a décadas mas antes minha vista escureceu e eu caio,me pergunto,se meu pai e irmão e a Senhora Inko minha dama de companhia estão bem,

DEUS PERMITA QUE A MORTE ME AGUARDE POR MAIS ALGUNS ANOS NÃO DEJESO MORRER DESSA FORMA TENHO MUITO A LUTAR.

(A música que ela contou e da banda Fleurie a música e soldier)

Escuto eles falando sobre minha família

??: você não achou nada só estava ela e estes guardas

¿¿:Sim perdão

??:INFERNO…mas foda-se ainda possuímos a princesa e ela serve

Eu..me lembro de tudo eu me lembro de ser carregada e eu acordei em uma jaula

Dabi:já acordada princesa

:….

Dabi:quer saber aonde se encontra

:(Apenas aceno com a cabeça)

Dabi:que fofa você se eu não tivesse te vendido como escrava virgem eu te violentada

:….

Dabi:eu te vendi como escrava espero que aproveite mas eu te juro se te ver de novo não perderei a oportunidade de por em minha cama não morra

:(Ele passa a mão no meu rosto enquanto eu falo) eu te odeio

Dabi:deveria me agradecer por não te matar de lhe dar essa bela pesa de roupa combina com você

: Compriendo

Dabi:A propósito sua família está.…

Antes dele terminar de falar a carroça que carrega a jaula começa a andar.

DEUS EU PEÇO QUE ME PROTEJA



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...