1. Spirit Fanfics >
  2. On! Movie >
  3. Capítulo I - Prólogo

História On! Movie - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


~ Oioioioi, aqui estou eu com mais uma fanfic nova, essa daqui eu queria postar faz tempo hein XDDD
~ Enfim, fiquem com o prólogo <3333

Capítulo 1 - Capítulo I - Prólogo


Fanfic / Fanfiction On! Movie - Capítulo 1 - Capítulo I - Prólogo

Era mais um dia como qualquer outro em que eu estava ajudando as "estrelas" daquele lugar, pegando refrescos, satisfazendo os luxos, enquanto ajudava na produção de cada cena. Eu suspirava reverenciando mais uma vez, após ter errado o pedido de café com leite sem açúcar da senhorita Park Jungyoon, uma das atrizes em destaque da "agência", a estrela daquele lugar. Eu não podia contestar suas ordens - até porque ela ganhava tudo o que queria de todos -, e se eu ousasse ao menos pensar nisso iria direto para a rua.

 

Por outro lado, o ator cujo eu vivia atendendo aos desejos era um doce de pessoa, talvez tenha feições um pouquinho esnobes, parecia ser metido ou mimado - sendo este último realmente verídico -, mas ainda sim era um ótimo superior, a melhor estrela dali na minha opinião - quando se trata de caráter, é claro. Foi a melhor pessoa que já me colocaram para ficar ao lado cuidando dos caprichos. Seus pedidos nunca foram realmente complexos ou complicados, eu sempre conseguia trazer direitinho o que ele queria, às vezes ele pedia coisas um pouco mais detalhadas, mas nunca fora tão difícil assim de se lembrar - se bem que eu costumava anotar quando a coisa era grande.

- Saia daqui e só volte quando o meu pedido estiver certo, e meu café sem o açúcar! - Jungyoon ordenava de forma ríspida, respirando fundo, ela não parecia estar muito tranquila - Aishh. - Ela resmungava tocando sua testa estressada.

- Me desculpe, me desculpe, irei trazer outro agora mesmo, me desculpe. - Reverênciei quatro vezes antes de me retirar rapidamente de sua frente, a Park estava nervosa quem era eu para tentar acalma-la?

Ouvi um murmuro em repreensão, algo como "tsc" em um ato de desapontamento, em seguida senti uma mão no meu ombro coisa que me fez parar de andar na velocidade em que eu andava, me fazendo parar e olhar para si com curiosidade.

Era ninguém menos, ninguém mais que Jeon Jungkook.

- Não dê atenção à ela, noona. - Tinha um biquinho formado em seus lábios enquanto este negava repetidas vezes com a cabeça - Ela é muito grosseira para uma estrela! - Cruzou os braços em frente ao peito, balançando a cabeça.

- Tudo bem, senhor Jeon. - Sorri um tanto quanto sem graça, coçando a minha nuca sem jeito enquanto comprimia meus lábios - Eu já estou acostumada - Ri soprado tendo este me observando - Vou apenas pegar outro café para aquela tirana. - Murmurei o xingamento destinado à esta cujo estava longe o bastante para não me ouvir, vendo-o rir mexendo seus ombros levemente.

- Enfie o açúcar na cara dela da próxima vez. - Comentou me arrancando risadas, me fazendo assentir em seguida concordando consigo.

- Pode deixar, agora se me der licença - Sorri de forma sincera, vendo-o respirar entrecortado comprimindo os lábios em seguida, às vezes o senhor Jeon era estranho.

Joguei aquele copo de café com leite e açúcar já morno levemente frio no lixo, indo em direção a porta de saída, rumo a cafeteria que eu havia ido a minutos atrás.

- Hey, noona! - Ouvia aquela voz manhosa me chamando um tanto quanto longe - Não se esqueça do meu---

- Seu milkshake. - Completei revirando os olhos enquanto um leve sorriso adornava meus lábios, sentindo que este estava com um largo sorriso na sua boquinha avermelhada - Eu já irei traze-lo.

Ele sempre me pedia a mesma coisa; um copo grande de milkshake de baunilha e morango com calda de chocolate quente por cima, sem contar a cereja que ele sempre fazia manha pra que eu lembrasse o atendente de por.

- Traz ele 'pra o meu camarim, noona? - Pediu fazendo um biquinho manhoso, piscando os olhinhos puxados, com aquelas lentes extremamente provocantes com um tom chamativo de mel esverdeado, aquelas típicas lentes que ele vivia usando.

- Pode deixar. - Sorri assentindo rapidamente, vendo este retribuir o sorriso.

- Você é demais, noona! - Piscou para mim enquanto sorria abertamente de forma simpática.

Então, esta era minha rotina. Todos os dias - até mesmo os finais de semanas, porém nestes eu sempre saía mais cedo - este era o protocolo. Esta era a vida de uma manager em uma agência de filmes pornô.

Eu sei que não é um dos melhores empregos do mundo, mas o que eu poderia fazer? Eu estava realmente desesperada quando me fizeram a proposta de trabalhar naquela empresa, sem contar que o emprego não era de todo ruim, tinha seus lados bons claro, mas também tinham seus lados ruins - ou melhor, péssimos.

Talvez o desespero não tenha me feito pensar direito, acabei caindo neste emprego e ficando até um ano por completo, o salário não era ruim.

- Aah, isso! D-Desse jeito... ahh... Você me enlouquece! - Era possível ouvir estes barulhos em uma sala de filmagens ao lado.

O que havia passado pela minha cabeça na hora em que eu aceitei este emprego?! Eu deveria seriamente repensar minhas decisões...


Notas Finais


~ Espero que gostem, estou trabalhando no próximo capítulo então, logo, logo ele sairá <333


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...