1. Spirit Fanfics >
  2. Onde se encontra o amor? -Min Yoongi >
  3. Capítulo 2

História Onde se encontra o amor? -Min Yoongi - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Hello, tudo bem com vocês? espero que todos estejam bem e espero que tenham uma boa leitura 💜💜

Capítulo 2 - Capítulo 2


-Vai realmente ficar encarando essa caixa o dia todo? - ouso a voz de Taehyung que agora se encontrava com os dois pés em cima da mesa de centro, enquanto se aconchegava no sofá, assistindo "Love Alarm".Me pergunto quantas vezes ele irá repetir o mesmo dorama, essa já seria a quarta vez só nesse mês.-Se não abrir eu abro, sempre fui bom com presentes- o moreno balança as mãos pedindo a caixa, decido sentar ao seu lado para abrimos juntos. - São bombons! -fito o mesmo e sorrio vendo os doces que na verdade era um dos meus preferidos.

-São dos que gosto- o moreno estala a língua e sorrir no final concordando - quem será?- na verdade a pergunta saio mais para mim, mas tinha uma idéia de quem seria meu admirador secreto e de algum modo, me sentia feliz por pensar nele.

-Isso daria um ótimo dorama- vejo o olhar triste do outro ao meu lado.

-Que tal ligarmos para Namjoon?- pergunto batendo nossos ombros enquanto pegava o celular digitando o número.

-O Jonnie não- sinto o aparelho se tirado de minhas mãos- ele vai ficar dando em cima de você! - sorrio pegando o aparelho de volta.

-Está com ciúmes Taetae? -cruzo as pernas enquanto já ligava para o outro Kim.

Kim Namjoon é primo de Taehyung, nos conhecemos a pouco tempo mas foi o bastante para nos darmos bem - tirando o fato do maior ter um Crush em mim e sempre ficar nervoso com minha presença - confesso que morar com tae foi uma das melhores escolhas da minha vida, e se não for a melhor.

-E se eu estiver- fico confuso com a fala do Kim enquanto a chamada cai na caixa postal.Sinto as mãos de Taehyung subirem por minha cintura até nossas respirações se encontrarem, mas antes que o outro me beijasse me retiro do sofá o afastando.

-Tae...- Suspiro vendo o mesmo com os olhos úmidos, mas eu não poderia retribuir...não dessa vez, não quando ele pensa em JungKook, não quando penso em alguém- Eu não sou o JungKook, você...- as palavras saem como lamentação e me sinto mal pelo o outro que sai da sala sem trocar nenhuma palavra comigo.

Essa seria a cena onde os protagonistas se beijavam, mas nós não, essa realmente era uma boa hora pra falar com Jonnie.

_______

Já estávamos na sorveteira e a manhã toda ele me ignorava- sentia um nó na garganta- talvez fui grosso demais com Tae, ele nem se quer esperou para virmos juntos e pra piorar meu dia, Jin nem se quer parou para conversarmos como fazia todos os dias, ele parecia focado em algo, conversava com alguém no celular e sorria para os quatro ventos.- Confesso que isso me incomodava, poderia jurar que o outro tinha me presenteado com os bombons.

-Você está triste Hyung?- ouso a voz de Jungkook que aparentemente havia mudado a cor do cabelo, de um ruivo para um vermelho- Taehyung está...- vejo morder os lábios nervoso.

-Não estou triste, está vendo coisas- atendo uma cliente mas suspiro pensando que estou sendo rude demais com o maior.Depois que vi a mulher sair satisfeita com o atendimento encaro o outro- Não se preocupe Jungkook, esta tudo bem, tanto comigo, como para Tae...

Antes que o outro pudesse falar algo um homem meio baixo de olhos verdes e de cabelo preto nos interrompe.

-Bem vindo a nossa sorveteria,vejo que o senhor é um cliente novo, então tem direto a um soverte por conta da casa- falo tudo sorrindo mas ao ver a cara emburrada do homem desfaço o sorriso.

-Não estou aqui como cliente e sim para entregar essas flores ao senhor Min- o homem levanta um buque de flores que até um tempo atrás não havia tido noção de ter visto- Quem de vocês é o senhor Min Yoongi?!

-Sou eu- sorrio simplis e um tanto quanto nervoso e pego o buque de suas mãos, antes que o homem fosse embora o interrompo- É...quanto seria pela a entrega? - o fito nervoso.

-Não é necessário, já fui pago pela a entrega- vejo o moreno sair sem ao menos falar mais nada, poderia ser um pouco mais baixo que eu, mas a sua altura não alterava sua velocidade.

-Não sabia que você estava namorando Hyung!- vejo os olhos de Jungkook fitar o buque em minhas mãos, pensei em não olhar a carta que vinha junto ao buque na frente do mesmo, mas sabia que Jungkook não era uma má pessoa, só deixou que acreditassem depois que traiu Taehyung.

-É...-mordo os lábios pegando a carta e a fitando- não estou- suspiro vendo que Taehyung nos encarava enquanto atendia os outros clientes, tentando disfarçar.Jungkook logo anda em direção às mesas sorrindo para mim.

Antes de olhar a carta tentei não me distrair e terminar de organizar os pedidos - que não eram muitos- hoje a clientela não estava de dar um bom lucro, mas nossos clientes fies sempre vinham, adorava quando as crianças se juntavam para vim na manhã de sexta, elas eram adoráveis, lembro como amavam brincar com Jungkook e tae , até que deram um nome ao casal "TaeKook".

_______

depois do expediente acabar pego as flores e a carta saindo da sorveteria, mas antes olho para trás esperando Taehyung, mas o mesmo passa por meu lado sem dar nenhuma palavra pegando um táxi- olho para o chão mexendo nas flores e ando até até a praça- Com o mesmo daquele jeito, seria melhor ficar um tempo fora de casa, a praça estava repleta de crianças e pessoas mais velhas que faziam seus exercícios.- sento em um banco um pouco distante das pessoas e abro a carta.

pisquei duas vezes lendo a carta em voz alta- "Você está lindo hoje, amo quando te vejo com essa calça jeans, você usava uma igual quando te conheci, você não mudou nada Yoon" - suspiro - Yoon?- agora realmente fiquei confuso...e se?- e se for o Tae...- nego...não poderia ser ele, ele namorava o Jungkook.

Antes que pudesse raciocinar sinto as patas de um cachorro pulando perto de minhas pernas, tentando chamar minha atenção.

-Holly- ouso alguém chamar um nome de longe que parecia pertencer ao animal, pois o mesmo latia na direção do homem de cabelos ruivos, não sabia identificar o que senti naquele momento, mas percebi que o homem tinha uma beleza exuberante, algo que me fez morder os lábios um pouco nervoso com sua presença já perto.

-Holly! você fugiu de novo, essa já é a terceira vez que você faz isso- sorrio pelo o modo que o homem falava com seu animal, parecia que o outro entendia tudo que seu dono citava.

-Ah, eu sinto muito por Holly!- fito o mesmo que parecia envergonhado diferente de um tempo atrás.

-Tudo bem, eu adoro animais- fico envergonhado e guardo a carta em meu bolso- Holly parece ser bem animada- sorrio ouvindo seus latidos enquanto tentava morder a bolo que estava na mão de seu dono.

-É ele- o homem sorrir acariciando o pelo do animal depois que arregalo os olhos- tudo bem, todos confundem...Holly parece gostar de você, ele já fugiu mas nunca pra perto de alguém...e alguém tão bonito assim-coro com o elogio do ruivo e observo Holly que pulava vindo com a bola em minha direção.

-Você quer brincar Holly?- o animal late e pego a bolo jogando não tão longe e vejo o mesmo ir pegar pulando.

-Você também parece gostar dele- sorri o fitando e dessa vez parei pra observalo atento, seus lábios tinham uma forma de coração, como seu nariz, e seu sorriso...não sabia escolher uma palavra para o seu significado, mas ele brilhava, brilhava como o sol...- Meu nome é Jung Hoseok e o seu? - Saio dos meus pensamentos corado e me pergunto se estava o encarando a muito tempo mas o maior não pareceu se importar.

-Min...Min Yoongi- vejo Holly voltar com a bola a deixando no chão e se aconchegando nos meus pés.

- Ele realmente gostou de você!- o mesmo sorrir- foi um prazer te conhecer Yoongi, mas agora preciso levar Holly- o homem chama o animal que sai correndo atrás do mesmo- espero o rever, Holly também gostaria- aceno sorrindo, depois que o homem foi embora pego o buque  indo para casa, talvez taehyung estivesse mais calmo, talvez já pudéssemos voltar a nos falar.


Notas Finais


Até o próximo capítulo💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...