História One and Only. (Chen) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Visualizações 612
Palavras 1.824
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpe o cap tarde mas o importante é que teve rsrs
Boa leitura.

Capítulo 14 - Chen.


Fanfic / Fanfiction One and Only. (Chen) - Capítulo 14 - Chen.

 

Hoje é o aniversário da Yoomi, fico triste que tenha caído em um sábado pois queria vê-la logo e sei que sou vou conseguir isso mais tarde. 

Ela me avisou que estaria ocupada demais se preparando para sua festa e também disse que se pudesse desistir de tudo ela faria, mas agora já está tarde e segundo o próprio pai já disse que não dava para voltar atrás.  

Desci para a sala e encontrei somente o Xiumin assistindo televisão enquanto conversava no celular. 

- Bom dia, cade a Mi? Perguntei me sentando ao seu lado. 

- Bom dia, estou bem e você? Ele respondeu e eu revirei meus olhos. - Ela foi visitar uns amigos, só volta segunda. 

Não disse nada, peguei meu celular e assim que desbloqueei chegou mensagem de Yoomi. 

"Bom dia amor, está uma bagunça aqui em casa então se eu não te responder é porque não consegui... Te amo." - Yoomi.

"Tudo bem, espero que apesar de tudo tenha um ótimo dia. Eu também te amo e até mais tarde." 

Mandei a mensagem e quando percebi que Xiumin me encarava eu o olhei de volta. 

- Tão apaixonado ele, nem pareceu meu melhor amigo virgem de alguns meses atrás. Min começou a rir da minha cara séria. 

- Deve ser porque agora não sou mais virgem. 

- Meu garoto transante. Ele bagunçou meu cabelo e se levantou. - Quer tomar café? Assenti o seguindo até a cozinha. 

Faz um bom tempo que não tomo café com Min. Ele sempre sai no final de semana para eventos importantes de sua carreira e fiquei super feliz em saber que ele cancelou um para poder ir no aniversário da Yoomi. Isso só mostra que ele está se enturmando mais com os meus amigos e apesar de ser mais velho não deixa que isso afete a relação com eles. 

Mesmo que a relação dele e de Yeeun me preocupe um pouco, acho que isso de algum jeito está fazendo super bem para Minseok. Meu amigo parou de beber muito e sair todo final de semana e passou a escrever muito mais. Arrisco com a minha opinião que ele está se apaixonando por ela e mesmo depois do que a Yoomi me disse sobre a amiga... "Ela não é de se apaixonar fácil e isso só aconteceu com o Kyungsoo."... Espero que ela esteja gostando dele do mesmo jeito que ele está dela. 

- O que está pensando? Min me tirou de meus pensamentos e acabou me assustando. 

- Nada demais, estou preocupado em conhecer o pai da Yoomi. 

- Acho que não precisa dizer que está com ela hoje, afinal vai acabar estragando a festa dela... Pense nisso depois. 

- Tem razão. Bebi um pouco do café que Min me serviu.

- Já sabe qual roupa vai ir hoje? Arregalei meus olhos com sua pergunta.

Não tenho nenhuma roupa chique para ir... não saio de casa para nada e nunca me preocupei em comprar nada. 

- Não faço ideia de como vou. Fiz uma careta e Xiumin soltou uma gargalhada.

- Então teremos que ir comprar roupas pois eu também não tenho. Ele suspirou descontente.

- Mas é que... Não sabia como dizer ao Xiumin que não tinha dinheiro pois apesar de não parecer, ele sabe que não tenho dinheiro. 

- Eu pago.

- Você pagando algo para mim? O que te deu? Me levantei brevemente para ver se Min estava doente mas nenhum sinal de febre, ele deve ter enlouquecido. 

- Cala a boca e come logo, Soo está esperando a gente no shopping. 

- Nossa que intimidade vocês dois. Fiz uma cara de ciúmes por brincadeira. 

- Come rápido e se arrume. Ele se levantou e foi para o quarto se arrumar e eu fiz o mesmo. 

 

Passar a tarde com os dois não foi a opção mais legal da minha vida. Primeiro porque Xiumin demora anos para escolher roupas, pode não parecer no cotidiano já que ele demora menos que eu para ficar pronto mas para comprar ele leva uma eternidade. 

Segundo porque Kyungsoo apesar de não parecer demorou alguns, muitos minutos para escolher seu terno mas apesar da demora a sua escolha foi sábia. 

Terceiro porque todos os ternos e roupas que mostrava para eles não eram tão "seu nível" como disse Minseok. Demorou umas três idas em lojas diferentes até finalmente escolher o meu. 

Sei que a ocasião requer preparo e muita elegância mas se eu pudesse eu colocaria uma calça jeans e uma camiseta e meu tênis. 

Acho que achei o primeiro defeito de ser quase namorado de Yoomi: Tenho que ser o mais lindo da festa segundo os meus amigos. 

Tiramos algumas fotos e fomos almoçar em um restaurante. Estava tão cansado que só queria chegar em casa e dormir. 

Assim que chegamos em casa eu levei as coisas para os quartos enquanto Soo e Min conversavam sobre a festa. Kyung perguntou se não poderia se arrumar e pegar uma carona com a gente e eu não vi problema. 

- Acho que você deveria começar a se arrumar Xiumin. Dei a sugestão enquanto desci as escadas. 

- É acho que já vou pois teremos que sair um pouco mais cedo. Min disse ao levantar. 

- Por que? Perguntou Soo. 

- Yeeun pediu carona e do jeito que são as mulheres ela vai demorar uma eternidade se a gente não a apressar. 

- Se quiser pode tomar banho no meu banheiro Soo. Disse ao mesmo que concordou e subiu com o Xiumin. 

Deitei no sofá cansado e desbloqueei meu celular. 

3 mensagens de Yoomi. 

"Eu ainda me pergunto o porque concordei de fazer festa." - Yoomi. 

"Deveria ter pedido um dia com você." - Yoomi. 

"Estou com saudades :(" - Yoomi. 

Sorri com as mensagens. Como diz o meu caro amigo Xiumin - "Ela está mesmo afim de você."

"Calma amor, já vou começar a me arrumar." Respondi e não demorou muito para ela me responder. 

"Quero fotos de todos vocês." - Yoomi. 

"Só vai ver quando eu chegar." 

"Aí chato T-T" - Yoomi. 

"Também te amo." 

"Tenho que ir agora, beijos." - Yoomi. 

"Beijos."

 

- Já terminei, já pode usar o banheiro. Soo desceu secando seu cabelo com a toalha e realmente aquele terno caiu muito bem nele. 

- Ok, estou indo. 

Não demorei muito para me arrumar. Acho estranho falar isso pois estou parecendo aquelas meninas descrevendo a noite do primeiro encontro e como elas demoraram para se arrumar e blá blá blá. Então acho que devo cortar esse momento do meu dia. 
 

- Estão todos prontos? Xiumin gritou do andar de baixo enquanto eu e Soo terminávamos de arrumar o cabelo. 

- Sim. Gritei e desci logo em seguida, assim como Kyung. - Nossa que princesa. Brinquei com meu amigo que fez uma cara de desgosto.

- Chen você calado é uma arte. Ele pegou a carteira e a chave do carro e fomos buscar a Yeeun. 

 

Uma hora, ficamos esperando uma hora... Mas pelo menos valeu a pena já que ela estava linda. Seu vestido azul escuro rodado e completamente bonito destacava muito sua pela um pouco mais morena do que a de Yoomi. Seu cabelo estava preso em um coque um pouco bagunçado propositalmente e sua franja um pouco enrolada estava solta em sua testa... Acho que não sirvo para descrever roupas femininas. 

Mas sou bom em perceber que Xiumin estava claramente babando por ela e como sou uma pessoa bem legal coloquei a mão na sua boca para fecha-la e recebi um soco no braço em seguida. 

- Acho que deveria ir na frente para não amassar tanto o vestido. Disse ao abrir a porta para ela já que os dois bobos estavam ocupados demais reparando na beleza da garota. - A propósito, está linda. 

- Obrigada... Ela beijou meu rosto e entrou no carro. - Oi. Ela disse sorrindo para Min e Soo enquanto eu entrava no carro. - Oi... Os dois disseram juntos, mas não demorou muito para Soo focar em seu celular e Min focar no caminho até a casa de Yoomi. 

Estava ansioso, queria ver Yoomi logo e acho que o fato de ter que encarar o pai dela não facilitou muito. 

Chegamos uns minutos depois e como um cavalheiro ajudei Yeeun a sair do carro que esperou Soo e Min para comentar algo da festa. Eu não escutei nada. 

Tudo o que eu prestei atenção quando entrei foi: Yoomi não estava lá ainda e Luhan me encarava muito bravo como se fosse me matar. 

- Chen, vem conhecer a omma da Yoomi. Soo me puxou para a cozinha e assim que entrei percebi que o local estava completamente lotado de garçons e que no fundo havia um mulher aparentemente velha conversando no telefone. - Oi senhora Kim, esse é o Chen. Soo colocou a mão no ombro da mulher que se virou automaticamente e me encarou assustada. 

Ela não disse nada, ficou um bom tempo encarando meu rosto já corado de vergonha. Por um momento pensei que ela poderia estar me reconhecendo de algum lugar mas preferi deixar isso de lado e falar algo antes que aquilo ficasse constrangedor demais. 

- Oi senhora Kim, é um prazer te conhecer. Estendi minha mão para ela que apertou desconfiada e incomodada. 

Será que fiz algo errado? 

- Vou deixá-los sozinhos, qualquer coisa estou na sala. Soo disse e eu assenti com medo. 

Assim que meu amigo deixou o local a senhora Kim, mais conhecida como omma me arrastou para um canto da cozinha e me encarou brava. 

- Olha não me peça para explicar ou algum motivo específico para o que eu vou falar. Assenti nervoso. - Fica longe da Yoomi, estamos entendidos? 

- O que? Arregalei meus olhos indignado. 

- Ela não é da sua classe e eu só quero protegê-la. Disse ríspida. 

- Mas eu não faria mal algum á ela. Tentei me explicar mas fui interrompido por Xiumin e Yeeun que entraram na cozinha me chamando para ver Yoomi. 

Assenti para os dois mas antes que eu pudesse me mexer a senhora Kim segurou meu braço e suspirou. 

- Espero que tenha entendido o que eu te pedi. Soltei de sua mão bravo e caminhei para a sala. 

Como ela pode pedir essas coisas para mim? 

Como ela pode? 

O que eu fiz de errado? 

- Ela já vai descer. Yeeun cochichou sorrindo e meu coração acelerou. 

Estava nervoso. 

Não só com a ansiedade de ver Yoomi mas agora tinha uma preocupação maior...

Por que a sua omma não me quer perto dela? 

De repente meus pensamentos se embaralharam todos quando a vi descendo as escadas. 

Ela estava linda, como sempre mas dessa vez um pouco mais do que o normal. 

Yoomi está perfeita... 

Tenho sorte em tê-la 

E esse vestido dourado brilhante não facilita nada os meus pensamentos de que eu deveria subir as escadas, beijá-la e dizer para todos:

"Essa é a minha namorada."


Notas Finais


Amo vocês... Até o próximo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...