História One Chance - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Cameron Dallas, Camila Cabello, Nash Grier, Shawn Mendes
Personagens Camila Cabello, Shawn Mendes
Tags Cameron Dallas, Camila Cabello, Nash Grier, Shawn Mendes
Visualizações 158
Palavras 1.576
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Yaaaaaaay
Olha eu aqui de novoooo!!!
Obrigada pelos comentários e favoritos amores <3 Vcs são de maissss (Rumo aos 300 fav - UHUUUUL).
Leiam as notas finais ok? Ok.
Boa leitura meus lindos <3 XOXO

Capítulo 10 - Um almoço


Breantford- Canadá

Nash: Ora ora Jade. Como seu novo vizinho, eu sinceramente esperava uma recepção mais calorosa... Estou decepcionado.

Jade P.O.V´s

Continuo o encarando pasma.

Eu: Não acredito que vai me perseguir até aqui, isso é doentio.

Dou um passo para trás, no mesmo momento em que Nash franze o cenho, caindo na gargalhada em seguida.

Nash: Sério Jade? Você é bonitinha, mas não tanto assim pra que eu me mude para a casa ao lado da sua. Se enxerga.

Fala e sai, indo em direção a sua casa. Fico ali parada confusa, até Cameron me tirar de meus devaneios.

Cameron: Quem é o cara?

Pergunto confuso.

Eu: Longa história.

Entramos em casa e cada um foi direto para o seu quarto. Nossos pais estavam no trabalho e só chegariam à noite. Tomei um banho relaxante e após me trocar, vou até a escrivaninha, ligando meu MacBook. Quando olho para a janela, vejo Nash arrumando o quarto que dava de frente pro meu.

Só pode ser brincadeira!

Bufo e vou até a janela, fechando a cortina rapidamente. Recebo uma mensagem de Shawn.

“Chegou bem?”

“Cheguei. Tudo bem?”

Respondi e ficamos trocando algumas mensagens.

Jantamos todos juntos. Eu, minha mãe, Cameron e Mark. Após isso, Cam saiu para ir comprar uma lente pra sua câmera, ou algo do tipo e eu voltei para o meu quarto.

Estava ditada na cama ouvindo Maroon 5, quando barulhos na casa ao lado chama minha atenção, pauso a música por um momento.

Nash: Eu já falei pai, não encostei um dedo nas suas coisas.

Ouço a voz de Grier.

XxX: Garoto burro, Você perde minhas coisas e nem consegue assumir.

Presumo ser o pai dele, que pela voz, parece embriagado.

Nash: Pai, por favor. Larga a garrafa.

Eu me encontrava espiando por entre a cortina, tentando ouvir melhor o que acontecia.

XxX: Você não manda em mim. EU QUE SOU SEU PAI, NÃO O CONTRÁRIO!

Berra e quebra a bendita garrafa no chão, fazendo com que os cacos se espalhassem pelo quarto. Alguns pagaram de raspão na mão de Nash, eu podia ver os pequenos cortes ali.

XxX: Limpe essa merda toda.

Diz e sai do ambiente.

Grier pega uma camisa de uma das caixas e pressiona em sua mão machucada, fechando os olhos em seguida. Quando torna a abri-los, eles estavam brilhantes. Ele parece então me notar e fecha o semblante mais ainda.

Nash: O que está olhando?

Questiona se aproximando da janela. As casas eram tão próximas, que estávamos no máximo a dois metros e meio talvez.

Eu: E-Eu...

Não conseguia formular uma resposta melhor que: Eu estava te espionando.

Nash: Pra alguém que parece me odiar tanto. Você parece muito interessada na minha vida.

Fala sentando-se na soleira da janela.

Eu: Não te odeio. Mas te acho bem babaca.

Ele dá de ombros.

Nash: Eu mereço. Consigo ser bem idiota quando quero.

Tenta descontrair, mas acabo rolando os olhos.

Eu: Seu pai sempre bebe assim?

E o humor que ele parecia ter a segundos atrás, se esvai. Nash me encara sem expressão.

Nash: Boa noite Jade.

O moreno sai da janela e fecha a mesma, sumindo de vista.

Volto para minha cama, apago a luz e em poucos minutos adormeço.

[...]

Acordo com alguém pulando em minha cama.

Cameron: Acorda maninhaaaa...

Cantarolava. Tento o empurrar da cama sem sucesso.

Eu: Sai Cameron. Quero dormir.

Resmungo me virando de bruços e o garoto aproveita para sentar em mim.

Eu: Cai fora gordo!

Reclamo. Ele acaba rindo, mas se levanta dali.

Cameron: Beth pediu pra avisar que os novos vizinhos vem almoçar aqui e quer sua ajuda com o almoço.

Explica.

Pego meu celular e olho o horário no visor: 9hr30min.

Eu: Vou tomar um banho e já desço.

Ele assente e deixa o quarto.

Tomo um banho rápido, me vestindo em seguida. Coloco uma calça jeans e um crooped de tricô preto. Desço para a cozinha e ajudo minha mãe a montar as pizzas. Quando dá perto do meio dia, a campainha toca.

Mãe: São eles, pode atender pra mim?

Meio a contra gosto, vou até a porta, abrindo-a em seguida.

Uma mulher de meia idade morena se encontrava parada ali, junto com o pai de Nash, que parecia sóbrio, apesar de carrancudo. Ao lado de Grier estava uma menininha pequena e loiro e um garoto um pouco mais baixo que Nash, mas com os olhos tão azuis quanto.

Eu: Oi, sejam bem vindas.

Abro meu melhor sorriso.

Descobri que a mãe de Nash também se chama Elizabeth, seu irmão Hayes e a pequena é a Skylynn. Ah, claro, também tinha o pai rabugento dele, Chad.

Meu padrasto havia comprado um forno de pizzas a alguns anos e se animava muito quando podia desempenhar a função de pizzaiolo.

Nos encontrávamos todos almoçando na mesa externa ao lado da piscina. Elizabeth 1 e 2 fofocavam sem parar, como duas adolescentes. Chad e Mark falavam sobre algumas empresas. Nash, Hayes e Cameron conversavam sobre garotas, pra variar. Então só restava a mim e a pequena Sky.

Sky: Você gosta de cavalos? Eu tenho três, mas posso te emprestar um se você quiser.

Falava freneticamente enquanto mexia em meus cabelos. Sorri para a mesma.

Eu: Claro Sky. iria adorar brincar com você um dia desses.

Ela dá pulinhos animada.

Mark: Jay Jay...

Ele me chama e levanto minha cabeça lentamente, vendo pelo rabo do olho Nash rir ao ouvir meu apelido.

Mark: Por que você e Cameron não mostram a cidade para Hayes, Nash e Skylynn? Eles não conhecem nada aqui ainda.

Sugere e praguejo mentalmente.

Cameron: Vou ter que passar essa pai. Combinei de sair para fotografar com um pessoal que irá estudar comigo.

Fala e Hayes emenda em seguida.

Hayes: E eu marquei de encontrar uma amiga minha que mora aqui perto.

Completa e observo tudo calada.

Elizabeth: Eu e Chad precisamos resolver algumas coisas no centro. Seria um grande favor pra mim se você pudesse sair com Nash e Sky, Jade.

Diz a mãe de Nash olhando diretamente para mim, como se implorasse com os olhos.

Eu: Tudo bem.

Acabo me dando por vencida.

Os pais de Grier saem para resolver sei lá o que, em seguida Cameron e Hayes também fazem o mesmo, por último minha mãe e Mark vão para o trabalho, afinal, era sexta-feira ainda. O resultado foi uma pilha de louça para mim lavar, assim como uma bagunça do lado de fora, que Nash se prontifica para ajudar a arrumar. Até estranho ele estar tão “querido”.

Após limparmos tudo vou até meu quarto pegar meu celular, e quando volto, vejo Nash sentado no sofá com Sky em seu colo, jogando algo no celular do irmão. Pigarreio chamando atenção de ambos.

Eu: Onde querem ir?

Pergunto e Grier da de ombros.

Nash: Você que conhece a cidade, não eu. Escolha.

Encaro eles pensando.

Eu: Vamos ao parque de diversões.

Assim que falo isso, Skylynn me encara com seus olhinhos brilhando e abre um grande sorriso.

Sky: Eba, eba, ebaaa!!

Rio da reação dela. Vamos até a casa ao lado para pegar o carro de Nash. Ele coloca a cadeirinha no banco de trás e prende a Irmã na mesma. Já havia entrado no carro dele e as lembranças que me vinha à mente, não eram lá muito agradáveis.

Chegamos ao parque em minutos. Já havíamos ido à roda gigante pelo menos quatro vezes, brincado no carrinho de choque e ido a uma pequena montanha russa para crianças. Agora nos encontrávamos apoiados na cerca do carrossel, vendo Sky brincar ali.

Nash: Me desculpe.

Fala quase em um sussurro.

Eu: Hm?

Nash: Me desculpe. Por tudo, por ter sido o babaca que fui e ela festa também...

O moreno toma fôlego molhando os lábios com a língua e se vira, ficando de frente pra mim.

Nash: É só que, sei lá... Gostei de você logo de cara, achei que podíamos ter algo, até ver você com Shawn e isso me incomodou muito, mais do que deveria. Não lembro direito da festa, porque bebi muito, mas só por ter acordado todo roxo, já deduzi que tinha feito alguma merda durante a noite. Então, tem como me desculpar?

Completa me olhando nos olhos.

Ele parecia realmente arrependido. Espero que esteja sendo sincero mesmo.

Eu: Última chance ok? Se você for babaca outra vez, não vou pensar duas vezes antes de cortar teu pau fora e te fazer engolir.

Falo séria e ele me olha chocado, rindo em seguida.

Nash: Fechado.

Meu celular toca.

Eu: Já volto.

Dou alguns passos pra lado antes de atender.

Ligação On:

Eu: Alô?

Shawn: Hey! Não falei com você o dia todo hoje...

Sorrio ao ouvir a voz dele.

Eu: Desculpe. Estive ocupada...

Não, eu não havia contado a Mendes que Grier era meu novo vizinho, pois isso com certeza o faria surtar e eu não queria confusão no momento.

Shawn: Ah, tudo bem. Como você está?

Pergunta e vejo Nash se aproximar com Skylynn no colo.

Nash: Ei J., Sky quer comprar sorvete, vai querer um também?

Nego com a cabeça e assim que ele se afasta, volto a aproximar o celular do meu ouvido.

Shawn: Sky? Jade, essa era a voz do Nash?

Questiona tentando controlar a raiva que começava a transparecer na sua voz. Engulo em seco.

Fodeu.

Eu: S-Sim...

Respondo com um fio de voz que me restava.

Shawn: Então era com isso que você esteve tão ocupada o dia todo?!


Notas Finais


Vishhh sinto uma treta no arrrr, pra variar né!!! kakakaka
Comentem o que acharam xuxussss, seus comentários são tipo muuuuito importantes. Aliás, vou estar escolhendo um ou dois dos melhores comentários para por em destaque <3 Então me surpreendam shauhasu
Genteeee, volto semana que vem ok?? Me esperem que vem mtaaa coisa pela frente. Estou pirando pq já sei o que é kakakaka Sou malvada? Talvez um pouco...
Beijos da tia Bia <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...