História One false and one true - ChanBaek - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Sehun
Tags Baekhyun, Chanbaek, Chanyeol
Visualizações 42
Palavras 1.005
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


espero que gostem, esse eu escrevi a uns meses atrás quando eu ainda estava bem o suficiente para escrever, são dois capítulos então Boa leitura...

Capítulo 1 - Capítulo - 1



16 de dezembro de 2016


Chanyeol- mas baekhyun porque seus pais lhe obrigaram a se casar com quem não quer?


Baekhyun- pelo fato de que esta pessoa me quer apenas para ela pensando que irá durar até o fim de sua vida


Chanyeol- mas quem é esta pessoa posso saber?


Baekhyun- Sim pode, o nome é Oh Sehun, irá me buscar assim que está aula terminar


Chanyeol- mas você disse que não queria se casar?


Baekhyun- eu tentei tantas formas de não me casar mas são pessoas tão difíceis de fazer mudar a maldita opinião


Chanyeol- Baek, o que você fará agora?


Baekhyun- esperar, esperar e lhe guardar em meu coração


Chanyeol- prometa que irá voltar um dia…


baekhyun- lhe prometo que voltarei mais cedo do que imagina


Chanyeol- vamos aproveitar o tempo restante deste período vago, esqueça por minutos que terá de se casar tão novo e contra a sua vontade



baekhyun não falou nada apenas abraçou Chanyeol colocando seus braços em sua cintura, por sua altura conseguia ouvir o coração do maior batendo ainda tão calmamente, claro que não queria sair daquela posição, não queria soltar o seu amor, nem Chanyeol queria soltar o seu pequeno, ficaram ali por minutos longos até seu amigo JongIn aparecer na sala


JongIn- Baek fiquei sabendo sobre o assunto, espero que você volte para este bebê que a qualquer momento pode virar um chorão


Chanyeol- JONGIN POR FAVOR


Jongin- ok ok estou indo só vim dar adeus ao pequeno


Baekhyun- não estou indo para sempre Kai, não irei demorar tanto



a porta se fechou, os dois haviam confessado seus sentimentos a poucos dias e dias depois avisaram Baek de que iria se casar com o seu primo, óbvio que não tinham laços sanguíneos pois Sehun era filho apenas da esposa do primo de seu pai Sr. Byun. Claro que com as notícias Baek se trancou no quarto, não se alimentava direito, “por que justo agora que a pessoa que amo sabe que a amo e sei que ele tem o mesmo sentimento que eu?” pensava todas as noites na qual Chanyeol não pulava a janela de seu para lhe mostrar músicas na qual ele mesmo produziu para o menor, Baek adorava o modo que seu “namorado” agia só para lhe ver feliz mas com o aproximar dos dias seus sorrisos estavam apenas desaparecendo, baekhyun tentou de tudo para não se casar mas era uma quantia de dinheiro que seu pai não recusou, sim Baek foi como uma compra.


Chanyeol- percebi apenas agora que nunca nos beijamos


Baekhyun- ele está chegando


Chanyeol- Baek…


Baekhyun- pode me dar um beijo agora Chan?


Chanyeol- agora? beijo? você irá se casar baekhyun não posso lhe beijar agora que irá pertencer a outro homem


Baekhyun- irei pertencer sempre a você, casado ou não, sempre serei apenas seu, antes que nosso tempo termine apenas me beije Chanyeol.


Chanyeol não falou mais nada, lhe deu um beijo calmo, carinhoso e repleto de amor, agora por enquanto proibido, não mostrava que iria virar algo a mais, era sem intenção de prosseguir para algo selvagem e com desejos impuros, o beijo de despedida dos dois.


Ouviram o relógio da escola tocar indicando que acabou o tempo dos dois meninos, agora havia alguém por trás da porta, esperando alguém que não o amava.


Sehun- Baekhyun está aí?


Baekhyun- adeus Chanyeol, eu te amo, me espere… consegue?


Chanyeol- por quanto tempo terei que lhe esperar?


baekhyun- me de dois anos, em 16 de dezembro de 2018, esteja aqui nesta sala, espere aqui, quando esse dia chegar serei totalmente seu e ninguém irá inventar de se casar com quem não ama…


Chanyeol- Baek eu te amo


Sehun- quem está ai?


Baekhyun- eu e meu melhor amigo se me dá licença, já estou indo, adeus Chan espero lhe ver de novo em algum tempo…


Sehun- o carro está bem ali, você tem que assinar uns papéis aqui


Baekhyun- se eu não assinar?


Sehun- você sabe o que seu pai irá fazer não é mesmo, ele está seguindo as ordens de minha mãe e você sabe o poder dela não é mesmo, afundaria seu pai e sua mãe ao mesmo tempo


Baekhyun não falou nada assinou os papéis pois era sua única opção seu pai além de ser pago era ameaçado


1 ano depois


Chanyeol- Kaaaaai


Jongin- o que é peste


Chanyeol- chegou isso para você


Jongin- e precisava fazer um escândalo, se Kyungsoo acordasse com esse seu berro ele iria te deixar roxo e você nunca mais iria se lembrar da data especial que lhe aguardando


Chanyeol- ele falou com você?


Jongin- eu prometi guardar segredo então saia vou voltar para o quarto


Chanyeol- JONGIN ME FALE


Jongin- segredo é segredo aguarde e verás



Chanyeol parou de falar, voltou para a sala, fazia alguns meses que foi morar com o casal de amigos, sentia tanta falta de Byun, desde o beijo que deu em Baek ele nunca mais beijou, prometeu a si mesmo que não ficaria com ninguém e esperaria seu amor voltar, fazia um ano que não tinha notícias dele, não sabia se estava bem, se estava se alimentando bem, nada, não tinham como se comunicar.



Baekhyun- você sabe que não sou seu amor, sabe que não será para sempre Sehun, eu não sou seu, não me entregarei para você, deveria entrar em sua cabeça que não fui feito para você, não é amor Sehun, nunca será amor, por que quer tanto a mim? sabe que pertenço a alguém a muito tempo


Sehun- cale-se Baekhyun, você por um ano fica fugindo de mim, até hoje não encostei um dedo sequer em você, nem mesmo meus lábios no seus


Baekhyun- e que assim continue até você achar a pessoa certa


Sehun- você é esta pessoa Baekhyun, por que sempre enxerga aquele orelhudo como o seu amor? Sou mil vezes melhor que ele e sabe disso


Baekhyun- aquele pode não ser o melhor mas ele sabe sobre mim, coisas que eu passei ao lado dele, momentos que apenas nós temos, especiais, não são momentos impuros mas sim momentos como encontros e outras coisas, entenda você irá encontrar alguém em menos de um ano Sehun irá notar que eu não sou quem você tanto quer


Sehun- saia baekhyun me dê um tempo acho que não quero ver seu rosto por um tempo.


Notas Finais


irei postar o segundo capítulo a qualquer dia...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...