História One For Two - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Lgbt, Romance, Treesome, Yaoi
Visualizações 62
Palavras 825
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Seinen, Shonen-Ai, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 22 - O Pedido de Casamento


    Como eles não vão perde tempo, eles colocam Daniel para fora do quarto, trancando a porta e me olhando.

- Vamos aproveitar!- Diz jogando sua blusa no chão e partindo para cima de mim.

- C-calma, Naru...- Haru vem por trás e me puxa, me jogando contra a parede e começando a me beijar.

- Hm...- E nessa dança de línguas, mordidas e chupões, já vejo os dois nus.

- Vou ir rapidinho...tá?- Diz colocando minhas pernas em volta da sua cintura, colocando seu membro em minha entrada.

- Naru...a seco machuca...- Digo e sorrimos. Começo a beijar o pescoço de Naru.

Sinceramente não sei como fui parar aqui...nem como tive a sorte de encontrar esses dois. Com a minha vergonha de lado, puxo Naru para me beijar, dando uma forte mordida nos seus lábios, fazendo ele gemer de dor. Ele fica passando seu membro em minha entrada, fazendo eu me arrepiar e implorar para me penetrar. Sinto seu membro me invadir com calma e profundidade.

- A-ahm...d-dói...um pouco....- Não vou mentir, essa dor é...prazerosa.

- Calado, senão irei colocar você para mamar...- E começou os movimentos fortes e fundos.

─══─━══─⊱✠⊰─══━─══─

    Sinto Haru me invadir sem aviso nem um, fazendo eu soltar um gemido alto. Com Tairu contra a parede e sendo fodido por mim e eu sendo fodido por Haru, começo a mordo toda parte que consigo do corpo de Tai, principalmente seus mamilos rosados e sensíveis.

- Ahm...awwm..hmm..- O safado ri, fazendo uma cara sexy.

Seguro seu membro e começo a masturba-lo. Com minha mão esquerda livre, seguro em sua perna direita e a coloco em meu ombro esquerdo. Viro o rosto, beijando Haru e logo indo beijar Tai.

- Hmm...ghr..Deus...- Sinto um tapa ser colado na minha coxa esquerda.

- Bate com força...ahm...vou gozar...- Digo sem parar com a masturbação em Tairu e com os movimentos fortes.

Depois de muitos beijos e tapas, ambos vão ao delírio, principalmente eu.

- Essa foi a foda mais gostosa que já fiz...- Sorrimos e deitamos.

- Ahm...vocês são ótimos na cama...

- Como assim Tai? Nós somos ótimos em tudo...- Digo com um sorriso de canto, me aproximando e o beijando.

- Espero que Daniel não tenha escutado...- Sorrio.

Algumas Horas Depois

    Pego uma bebida para mim e para Tairu, sem Haru saber.

- Foi uma ótima ideia vim dá um passeio de barco.

- É minha primeira vez...- Diz sorrindo, na ponta do barco.

- Tudo é sua primeira vez.- Digo sorrindo, segurando seu queixo e o puxando para um beijo romântico. Nada como praia, fazer amor e um passeio de barco em plena noite de lua cheia.

- E-espera...Daniel está aqui...e se...ele ver?- Ele coloca suas mãos em minha boca.

- Tsh...não se preocupe. Ele já escutou seus gritos. Não é mesmo, Daniel?

- Ah, sim.

[ Ele se quer ouviu o que eu falei. ]

Não é só fazer amor com dois caras lindos ou ter fama e dinheiro, é sobre ter a confiança de cada um, ter o carinho, fidelidade e a companhia. Isso sim me deixa feliz.

[ Claro que não perco uma, né...]

Solto uma risada baixa, do meu próprio pensamento.

- Ah? O que foi?

- N-nada...só pensando em coisas. Sabe, sou tão feliz que você tenha entrado em minha vida...garanto que Haru pensa o mesmo.

Ele sorri e que sorriso angelical e inocente, puro e lindo. Nunca liguei para a opinião dos outros. À emprega e jornais sabem quem somos e ainda bem, nos deixa em paz.

- Eu também sou muito feliz...- O beijo de uma forma carinhosa e entregadora. Paro e olho para os dois que estão mais afastados.

- Ei, vocês.- Pisco para Haru e ele se liga. Me afasto de Tai e eu com um pouco de vergonha, me ajoelho na frente dele.

Haru faz o mesmo. Haru pega uma caixinha azul e eu uma amarela do bolso, as abrindo e mostrando para Tai.

- Não acredito.....- Seus olhos começam a lacrimejar.

Me sinto nervoso e tento o máximo não desviar os meus olhos dos de Tairu.

- Tairu, aceita ser meu noivo?- Digo com lagrimas no rosto, sorrindo bobo.

- Aceita ser o meu também?- Daniel faz parte do plano, então está de longe filmando.

- Esses três.....- Sorri.

- E-eu aceito! Sim! Sim!- Ele pula em cima de Haru e eu abraço eles. Seguro em seu queixo, dando um selinho nele. Pego o anel de noivado e coloco no dedo da sua mão esquerda.

- Eu amo vocês....- Como sou um chorão, Tai passa sua mão em meu rosto. Haru pega o anel e coloca em seu dedo de sua mão direita.

- Eu também amo vocês, minhas vidas- Sorrimos, deixando o choro tomar conta da gente.

Hoje eu posso dizer que não preciso de mais nada, apenas momentos assim e quem não gosta de ter momentos juntos com a pessoa que ama? Ter conquistado esses sorriso, já é o sufuciente.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...