1. Spirit Fanfics >
  2. One Love, Two Mouths - Fack >
  3. (Capítulo - 15) - Sadness.

História One Love, Two Mouths - Fack - Capítulo 15


Escrita por:


Notas do Autor


Kkkkkk n quis fazer edit :)

- Boa Leitura.

Capítulo 15 - (Capítulo - 15) - Sadness.


Fanfic / Fanfiction One Love, Two Mouths - Fack - Capítulo 15 - (Capítulo - 15) - Sadness.

~ Jack - P.O.V ~

Hoje é sábado, eu não quero fazer nada. Só ficar no meu quartinho trancado em paz e foi oquê eu fiz de ontem de noite até hoje de tarde, não comi nada porquê não to com vontade e não quero falar com ninguém, nem com minha mãe, ela vai entender...

- FILHO! ABRE ESSA PORTA! - Bateu na porta com raiva.

Ah não.

- Oi mãe? - Abri a porta com cuidado.

- Você chorou? Porquê? Oquê houve? Quer comer não? - Ela me encheu de perguntas e eu só revirei os olhos. - Não revira os olhos pra mim mocinho.

- Desculpa, eu to bem mãe... Não to com fome só isso. - Minha mãe com certeza sabia que eu estava mentindo, afinal, ela é psicóloga e além do mais é minha mãe.

- Ok, dessa vez deixo passar. - Respirou fundo. - O Angel vai vir para uma consulta hoje, se você quiser falar com ele...

- Eu não quero ver ninguém mais, agora posso voltar a dormir? - Falei frio

- Pode... - Minha mãe me encarou com uma cara preocupada e saiu do quarto.

Fechei a porta e voltei pra cama, aproveitei e peguei meu celular.

× CELULAR ×

Mexi um pouco no instagram, twitter, tiktok, tudo o mesmo de sempre.

{3 mensagens de 2 conversas.}

{My Angel}

- Ontem -

MBB: Ei, ta tudo bem?

MBB: Finn é um babaca, não chora por ele :(

MBB: Mas se estiver chorando... Saiba que estou aqui ok?

- Hoje -

JDG: Oi Mill, desculpa só vi sua mensagem agora.

JDG: To bem já... Não fica preocupada :)

{Príncipe}

- Ontem -

FW: Oi Jack ^^

FW: Queria saber se tu topa sair comigo domingo...

FW: Só pra gente se conhecer melhor e virarmos melhores amigos, que tal?

- Hoje -

JDG: Finn não sei não... Não to me sentindo muito bem sabe.

JDG: Me desculpe, outro dia a gente sai. ;)

Como ele tem coragem de me chamar pra sair depois de beijar a Sadie Sink? Não quis ler as mensagens do nosso grupo e coloquei meu celular pra carregar, estava escutando música desde de noite e acabou a bateria agora. Bateu uma puta sede agora, eu não vou ter que descer não né?

Abri a porta com cuidado e desci as escadas silenciosamente e nem olhei pra nenhum canto, quando eu estava chegando na cozinha...

- Jack? - Me viro e vejo Asher sentado no sofá olhando pra trás, no caso pra mim. Merda.

- Oi Asher. - Me virei. - Que bom te ver aqui... Ou não...

- É, fazer oquê né. - Eu não queria conversar com ninguém, mas a curiosidade falou mais alto.

- Eu... - Me sentei do lado dele. - Eu posso te fazer uma pergunta?

- Já fez uma, mas pode fazer outra. - Deu um sorrisinho.

- Porquê você tem encontros com minha mãe, vulgo sua psicóloga? - Ele pareceu me encarar profundamente com um olhar triste. - Me desculpa. Se não quiser responder tudo bem, foi invasão de privacidade desculpa mesmo. - Quando eu ia levantar ele me segura fazendo eu sentar.

- Eu tenho ataque de pânico e ansiedade. - Não é tão ruim... Ou será que é? - Sua mãe é a única psicóloga que me ajuda a combater isso.

- Ah sim, me desculpa a pergunta.

- Tudo bem...

- Asher pode vir. - Minha mãe se despediu do outro paciente. - Jack? Achei que não queria ver ninguém. - Deu um riso.

- Haha, só vim pegar água. - Levantei e fui pra cozinha e os dois tinham subido.

"Quero ver filme de romance triste." Pensei comigo mesmo, eu ainda tenho dinheiro no cartão então... Vou no mercado comprar besteiras.

* Q.D.T *

No caminho do mercado eu vejo Finn e Sadie juntos, ótimo, mais motivos pra chorar. Eles estão juntos de novo, será que estão namorando? Não... Não pode ser.

- Oi Jack! - Sadie falou animada e Finn me encarou tímido.

- Oi. - Seco que nem um deserto.

- Oquê houve? Parece triste. - Triste é pouco.

- Nada demais sabe, só uma dor mesmo. Se me derem licença. - Sai andando e senti o olhar dos dois sobre mim.

Comprei tudo oquê precisava e fui embora pra casa, precisava ver meu filme e chorar mais um pouco.

- Jack? - Abri a porta de casa e entrei logo a fechando. - Que susto.

- Que? - Wtf?

- Sei lá achei que tinha acontecido alguma coisa com você. - Me encarou preocupada, mé.

- To bem, só fui comprar algumas coisas desculpa por não ter avisado. - Quando eu ia subir as escadas...

- Filho, o Asher queria conversar com você, mas quando eu fui te chamar no quarto você não estava então dei o seu número pra ele. - Falou da cozinha.

- Tá, to no quarto vendo filme. Beijos.

Finalmente paz!

~ Finn - P.O.V ~

- Jack parecia estranho hoje, oquê houve com ele? - Eu e Sadie andávamos até minha casa, pois ela e eu vamos jogar videogame porquê estamos no tédio. Eu ia convidar o Jack, só que ele disse que não estava bem. Millie não quer falar comigo e até me bloqueou. Wyatt e Jaeden devem estar fazendo alguma coisa juntos. Sophia, foi passar o fim de semana na casa de praia com os pais e nem convidou a gente. A única que restou foi a Sadie, se bem que a Sadie é legal e beija bem, pera quê?

- FINN! - A ruiva me empurra. - Você tava ouvindo?

- Não. - Ela ficou emburrada. - Desculpa, tava pensando aqui.

- Pensando em quê?

- Sei lá. - Ela me olha curiosa.

- Você é estranho. - Me olhou de cima baixo. - Um estranho bonito, agora abre a porta da sua casa que eu quero jogar.

Nem havia percebido que já tinhamos chegado em casa, nossa.


Notas Finais


Desculpinha se o cap estiver curto ;)

- Idéias são sempre bem vindas.
- Qualquer erro ou algo que não gostem me falem.
- Fiquem com Deus. 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...