1. Spirit Fanfics >
  2. One Piece- A Quarta Adaga >
  3. Hora de partir!

História One Piece- A Quarta Adaga - Capítulo 4


Escrita por: e Mini_Tigr3sa


Capítulo 4 - Hora de partir!


Akashi On

Depois de eu ter acertado a cabeça do homem que estava ao meu lado no balcão se deu início a uma enorme briga de bar, cadeiras jogadas para o alto gritaria de um lado pro outro enfim. Uma verdadeira zona que foi parada pelo dono do bar depois dele puxar um rifle e atirar pro alto

-SAIAM TODOS DO MEU ESTABELECIMENTO IDIOTAS! * Dono do Bar.

Os covardes saíram todos correndo do bar com o rabo entre as pernas sobrando pra mim e pra Yuka.

-O QUE VOCÊS ESTÃO ESPERANDO? SAIAM TAMBÉM! *dono do bar grita dando tiros pro alto.

Eu e a Yuka saímos em alta velocidade pela porta do estabelecimento quebrando a portaria e ouvindo os berros do senhor, dono do bar.

-Akashi-kun onde está a Asaika? *Yuka lembra Akashi de sua Capitã que já tinha sumido há um bom tempo.

-É verdade a onde aquela Capitã cabeça de vento se meteu? *Akashi suspirou pesado decidindo ir atrás da garota que tinha sumido e sendo acompanhado por Yuka que não parava de falar sobre acasalamento.

-O que eu fiz pra merecer isso Senhor? - *Akashi pensa frustrado.

Quebra de tempo

Depois de um longo tempo procurando Asaika eu e Yuka finalmente encontramos a garota que para o nosso espanto estava nocauteada no chão com grandes hematomas e com muito sangue.

-ASAIKA-CHAAN!! - *Yuka grita correndo até a garota e colocando a cabeça da capitã em seu colo.* -Asaika abra os olhos por favor, por favor. *Yuka implora tentando reanimar a garota.

Saio rapidamente do meu estado de choque e vou até a garota desacorda no colo da ruiva e vejo que ela ainda estava respirando, de forma fraca mais o suficiente para não preocupar.

-Coloque ela no meu colo Yuka, vamos até o hospital rápido! *Yuka se apressa em fazer o que lhe pedir.

Corro na minha velocidade máxima até o Hospital que tinha no centro da cidade e logo quando eu entro já vem uns médicos me atenderem e pegar a Asaika de meu colo a pondo sobre a maca para começar o atendimento.

Tempos depois o médico que havia entrado com a Asaika para o tratamento retorna, sua pele clara, seu cabelo marrom, seu bigode e seu olhar sério faziam jus a sua seriedade como médico.

-Vocês que vieram com a garota Asaika! * Assim que ele nos chamou nos pusemos de pé imediatamente* - Me sigam. * Segui ele com a ruiva agarrada meu braço e entramos em seu consultório, onde tinha uma mesa, duas cadeiras de frente para ele que já estava sentado.

-A Asaika ficara bem Dr.? *Pergunta Yuka preocupada *

-Descobrimos senhorita após alguns exames que a amiga de vocês tem uma doença rara.

-Doença? * Questiona a ruiva* - O que seria? *Após ele dizer o que a Asaika tinha engolimos seco * -Poxa... * Coloquei as mãos sobre os ombros da ruiva para acalma-la.

-Vocês sabem o que aconteceu com ela? Afinal chegou em péssimo estado. *O médico comentou e nós negamos. * - Vocês gostariam vê-la? Vai demorar um tempo para que ela acorde.

-Claro, Aonde ela está!?

-Se acalme Yuka, não adianta ficar agitada a Asaika está bem! *Tento acalmar a ruiva que estava muito preocupada com a Asaika.

-Me sigam! *O médico disse saindo da sala e nós seguimos ele por um longo corredor até chegarmos num quarto onde Asaika estava deitada em uma cama com algumas coisas ligadas nela * - Eu volto depois. *Ele disse fechando a porta e Yuka corre e segura a mão da garota.

-Acorda por favor! * Yuka observa ela na cama* -No que você foi se meter Asaika? Quem te machucou dessa forma? *Tento não mostrar preocupação pra não afetar mais a Yuka.

-Y-uka... A-akashi, desculpa...

-Asaika o que houve com você? *Pergunta a ruiva afobada para saber o que aconteceu *

-E-eu tentei fazer ele pagar por fazerem mal aos meus amigos... *Foi tudo que ela disse antes de desmaiar de novo.

-Akashi- kun o que ela quiz dizer? *Perguntou Yuka *

Depois da palavra da Asaika eu fico irritado por saber o que pode significar a frase que ela disse.

-Droga, ela foi atrás do Rey!

Dou um soco na parede fazendo um buraco na parede.

-Vai ter troco Yuka, eu prometo eles não vão mexer com os meus Nakamas- *Saio pela porta irritado. Já está na hora desse idiota parar de me dar problemas, agora é definitivo não vou deixar ele escapar dessa vez. -Pode esperar Rey eu estou chegando- *Pensamento.

Quebra de tempo

Depois de uma longa busca eu finalmente acho o infeliz que eu estava atrás Rey Shadow.

-Finalmente te encontrei idiota, lembra do meu rosto? -*pergunto Rey que estava num bar popular na ilha rodeado de capangas e crianças com correntes e coleiras que eu deduzir ser escravas -Eu vim da o troco!!! Pelo o que vôce fez a minha nakama!

-Oe Akashi-Kun, você sabe o que está fazendo? Ele acabou com a Asaika, o que o faz pensar que você se sairá melhor? *Yuka diz se agarrando ao meu braço e cochichando *

-Simplesmente porque eu conheço esse traidor como a palma da minha mão Yuka. Ele não pode me derrotar! -Explico a garota encarando Rey com fúria que em troca me olhava de maneira debochada* -Eu não posso deixar ele sair sem uma punição depois do que fez a Asaika!! - Exclamo não escondendo a minha irritação.

-Eh, você está certo! Boa sorte Akashi-kun! *Dá um beijo na bochecha do garoto * - Acaba com ele! Pela Asaika!

-Acha mesmo que pode me derrotar Akashi, ou devo chamar de o rejeitado? Ou fica melhor, o exilado? *Rey riu - No final você vá ficar no chão que nem aquela fracote da sua Nakama.

Ignoro completamente a provocação dele e logo falo com um sorriso debochado* -Rey cala a boca, morto não fala!! *Digo partido pra cima dele acertando um potente chute no rosto dele jogando ele pra fora do estabelecimento*

Rey voa pra fora do bar e cai de cara no chão, revoltado ele levanta encarando Akashi que havia saído pra fora da taverna. - Vai pagar por isso Akashi! Yakamura leve as crianças para o barco, a minha conversa vai demorar um pouco!

-Certo! *Seu parceiro sai puxando as crianças *

-Sonorous Impulse ! - *Rey usa seu poder da fruta do som pra se mover a velocidade dos impulsos do som aparecendo em questão de segundo na frente do Akashi lhe dando uma sequência de socos muito rápida e repetidas vezes na velocidade dos impulsos sonoros e no último soco Akashi voou para o telhado de uma casa * - MUAHAHAH! NÃO SE PREOCUPE JÁ, JÁ VOCÊ FARA COMPANHIA A SUA NAKAMA!

Após a sequência de golpes de Rey eu sou lançado em velocidade no telhado de uma casa aleatória então eu acabo quebrando a casa com o impacto.

-Droga esse idiota está mais forte do que da última vez!- pulo recuando um pouco vendo que a velocidade de Rey no momento era superior a minha

-Que droga a única forma de eu acertar ele é de surpresa, já tenho uma idéia.- dou um sorriso e logo aponto meus dedos pro céu.

-Shirubu Ryu Ame(Chuva do Dragão de prata)

Apontando os dedos para o céu, Akashi dispara cinco feixes de fogo que se lançam e se curvam para acertar Rey, o ataque some pelo céu e só e visto por Rey quando já estava em cima dele.

Rey é atingindo pelo ataque de fogo supresa e sofre bastante dano. - Nada mal garoto! Mas vamos ver se aguenta essa! Estágio dois! Rey bate as mãos na direção do alvo que devido ao estágio 2, as ondas sonoras da batidas das palmas se tornam maiores gerando um grande impacto explosivo quando atinge o alvo no mesmo instante das palmas devido a grande velocidade ondas sonoras -Explosao sonora! *Akashi fica no chão *

Quebra de tempo

Yuka On

Enquanto Akashi prosseguia em sua luta eu vi Yukamara levando as crianças conforme ordenado pelo Rey e eu fui seguindo ele.

Ele havia levado às crianças para um barco, com muito cuidado fui me aproximando do barco e me escondi atrás de um barril observando 2 subordinados limpando o convés. Enquanto eles estavam destraidos pude ver através das grades do chão as crianças no porão do navio. Puxei a grade pra cima e joguei uma corda no porão e elas foram subindo uma atrás das outras devido as correntes.

-Shiiuu! * Eu fiz pra elas e elas continuaram subindo. Quando chegaram no topo eu peguei e joguei um esqueiro acesso no porão onde tinha muita palha para que pegasse fogo.

-EI VOCÊ! *Yukamara sai para fora vendo Yuka com as crianças saírem correndo e tenta apagar o fogo.

Enquanto isso Yuka corre para cidade com as crianças e as esconde na casa do pai de uma delas onde o ferreiro as libertas das correntes.

-Muito obrigado! * Diz o ferreiro de pele escura cabelos grisalhos e com um avental marrom muito sujo, sem camisa e com uma calça jeans e botas pretas.

-Não foi nada, só esconda as crianças! *Ele assentiu *

Yuka saiu dali e estava a caminho da luta para encontra Akashi quando é capturada pelos subordinados de Yukamara que a cercam.

Quebra de tempo

Akashi estava no chão devido ao último ataque que sofreu.

-Eu disse que ia acabar com você garoto! *Rey se pronuncia.

A área ao redor deles estava devastada com um sinal nítido de uma intensa batalha que houve alí

-A batalha apenas começou Rey, eu já disse que morto não fala! Shiruba Ryu Hira!

Uma enorme coleção de fogo e coletado na palma da mão de Akashi antes de ele libera-lo em uma onda de luz vermelha, explodindo tudo o que é infeliz o suficiente para entrar em seu caminho. Rey porém, usa o poder de sua akuma no mi que lhe permite ter uma velocidade como a de uma onda sonora e desvia do ataque eminente se jogando para o lado, porém parte do seu ombro é acertado pelo feixe de luz vermelha sofrendo dano e parte do ataque termina de explodir as casa que estavam destruidas logo atrás.

- Vou acabar com você garoto* Diz Rey no chão.

-CHEFE! *Yukamara chega correndo * - As crianças foram libertadas, mas já prendemos a responsável por isso. * Diz trazendo Yuka amarrada e a põe de joelhos no chão*

-Idiotas! Como deixaram isso acontecer? *Rey dá um soco em Yukamara * - Encontrem as crianças! E matem essa maldita!

-Akashi-kun, gomen.

-Mas senhor, ela se recusa a falar já revistamos toda a cidade e ela é companheira do garoto com que o senhor está lutando.

-HAHAHAHA, Isso é menso interessante! * Ele põe a mão no queixo de Yuka* -Ei Akashi! O que vai fazer? Estou com a sua amiga! *Rey rir *

Noto que fiquei sem saída então me rendo em troca da libertação de Yuka.

-Rey, eu me rendo só solte a Yuka por favor. - Akashi.

Um dos subordinados foi para atrás de Akashi que se rendeu colocando correntes de Kairouske em seu pulso.

-Eu vou levar os dois! *Rey disse * - Você será uma ótima diversão Akashi!

-Cala a boca seu inseto, estou de saco cheio de ouvir sua voz- Akashi disse enfurecido se sentindo fraco por conta da corrente.

-HAHAHAHA - Rey.

Quebra de tempo

Akashi e Yuka estavam no barco de Rey acorrentados e o mesmo estava a tortura- los de forma cruel enquanto havia mandando seus subordinados reencontra as crianças, mas nada. O que fez Yuka ser mais torturada ainda, porém nada fazia a moça revelar para onde levou as crianças.

-AAAAAAAAAH! Eu vou matar essa desgraçada! Gritava Rey - Vai ser uma prazer ver você sofrer ainda mais. *Ele segurou ela pelo pescoço *

-Não direi nada! * A mesma cuspiu na cara de Rey e foi arremessada ao chão sendo chicoteada na frente do Nakama que estava fraco devido as correntes.*

-Senhor, se ela não revela onde está as crianças o que diremos a você sabe "quem"? *Sussurro o homem.

Quebra de tempo

-Doutor! Doutor! *Uma enfermeira andava correndo pelos corredores do hospital * - A paciente sumiu! A paciente sumiu!

-Que paciente? *Exclama um dos médicos de plantão *

-Asaika, senhor.

-Deixe está.

-Mas senhor...

-Deixe assim! Ela tem uma richa com Rey, estão todos comentando sobre a luta deles, pode sobrar para nós. Entendeu?

-Entendi.

Quebra de tempo

-Ela irá dizer Yukamara! Vai na cidade e me traga aquela garota que largamos jogada na estrada, se não tiver morrido me será útil. *O subordinado assentiu *

Um estrondo se ouve e o barco no qual eles estavam balança fortemente fazendo Rey, Yukamara cair no chão.

-O que foi isso? Rey questiona e Yukamara sai para fora do porão do navio dando de cara com um pedaço do barco quebrado - Mas que merda foi essa? *Ele procura por quem poderia ter feito o estrago *

Quebra de tempo

-Akashi-Kun, meu corpo dói... *Diz a moça ruiva quase chorando de dor. - O que será que foi esse barulho?

-Desculpa... Yuka eu falhei em te proteger

Akashi que recebeu um tratamento de choque acaba desmaiando.

-Akashi-Kun!! *Yuka chora *

-Adoro ver vocês chorando. *Rey deu um sorriso sádico * - Já que não falar nada, vou acabar com você, que nem fiz com sua amiga.

Outro estrondo é ouvido e Yuka abaixa a cabeça com medo.

-Falando de mim?

Após estrondo Asaika invade o porão caindo por um buraco feito no teto e parte pra cima com um soco envolto em raios na cara de Rey.

-Asaika! *Yuka sorri

-Veio para morrer junto da sua amiga? Hahaha! *O esverdeado dá uma gargalhada * - Dessa vez não vou poupar sua vida!

-Não será necessário!

-E o que vai fazer? Você não pode comigo!

-Oto oto no Mi fruta do som, você realmente quase me matou *Asaika da um salto para atrás * - Body shorck! *Asaika transforma seu corpo em nuvem *

-Não vai me vencer virando um algodão doce! Hahahahah! Deadly Vibrations! É uma das minhas habilidades mais mortais, posso provocar vibrações sonoras fortes o bastante para obliterar até mesmo os ossos do meu oponente! *Rey bate as mãos e os pés no chão juntos criando uma forte onda sonora * - Raio não é mais rápido que uma onda sonora! Assim que ela te atingir será o seu fim! *Rey lançou as ondas na direção da capitã *

-Corre Asaika! * Disse Yuka mas ela não se moveu * Asaika!

-Decidiu se entregar a morte? Hahahahah! *Rey sorrir e quando as ondas iam se choca contra o corpo da garota um trovão imenso é ouvido no local e Yuka e Rey fecharam os olhos * - Nani?! *Mas quando abriu se espantou * -Ainda está viva?

Asaika sorrir e parte pra cima do esverdeado com os punhos de nuvens em voltos em raio e disfere uma sequência de socos em Rey que começa a sangrar.

-Mas como? *Rey questiona caído no chão *

-Um raio talvez não seja mais rápido que suas ondas. Mas quando elas vieram se chocar contra meu corpo a onda sonora emitida do meu trovão alguns segundos antes anulou o efeito das suas ondas. Uma onda sonora anula a outra.

-Você criou uma interferência na minha onda! Maldita! *Asaika lhe deu um último soco o eletrocutando e nocauteando no chão.

Após liberta seus companheiros, Asaika leva o corpo de Ray a parte central da cidade e o povo se reúne a volta deles pasmo com a situação e começam a cochichar.

-Akashi, terminou a bandeira?

-Hai capitã! *Passou a bandeira *

-Ela derrouto um deles...

-Eles não sabem com que está mechendo...

-EI VOCÊ! *Gritou um dos moradores da vila * VOCÊ DERROTOU UM SOLDADO DO COMANDANTE MAIS FORTE DO NORTH BLUE! ELE VAI ACABAR COM VOCÊ!

-Deixem de ser idiotas eles serão nossos libertadores!

-Ou a nossa ruina...

-Asaika acho que eles não gostaram do que fizemos... Ou gostaram... Eu não sei dizer...

-Deixe que eles decidam o que vão pensar da gente Yuka.

Uma discussão se estabelecia na cidade...

-A PARTIR DE HOJE EU REIVINDICO ESSA CIDADE E A ESSE COMANDANTE EU DIGO: "VEEEEEEEEEM PRO PPAUUUU!" *Alguns na cidade vibraram felizes * - COLOCAREI ESSA CIDADE SOBRE MINHA PROTEÇÃO! *estendeu a bandeira *

Após aquilo a cidade entrou em festa e nosso amigos comeram, beberam e se divertiram, mas a notícia da derrota de Ray já estava se espalhando pelo mundo e a marinha se aproximava da ilha.

-É HORA DE PARTIR!

-HAI!


Notas Finais


Espero que gostem ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...