1. Spirit Fanfics >
  2. One Piece-Behind Red Eyes >
  3. Capitulo 2

História One Piece-Behind Red Eyes - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem!

Capítulo 2 - Capitulo 2


Fanfic / Fanfiction One Piece-Behind Red Eyes - Capítulo 2 - Capitulo 2

   A jovem havia ficado até tarde estudando sobre cada um dos Mugiwaras.Sua "equipe" haviam informado informações sobre cada um dos integrantes e suas habilidades.
               -Então temos três usuários de Akuma no mi,o Capitão,Nico Robin e o guaxinim Chopper...ou seja,fraqueza ao mar!.-Disse enquanto encarava a foto dos outros tripulantes.-Eles são realmente perigosos,conseguiram acabar até mesmo com o CP9!.-Disse incrédula.-Declararam guerra á Marinha...-A cada informação,seu coração acelerava ainda mais.
               -Coloque sua venda,cadela!.-Um dos subordinados gritou do outro lado da porta,a jovem rapidamente pegou o objeto metálico e colocou sobre seus olhos apertando-o até ouvir um "click" indicando que ele havia sido travado em seu rosto.A jovem conseguia sentir o cheiro nojento daqueles homens á quilômetros de distância,estava habituada a ficar sempre vendada e com o tempo,seu corpo foi ficando muito mais sensivel que o normal.
               -Minha querida Lucy!.-O líder dos subordinados disse de forma irônica.
               -Lucy?.-A jovem estranhou o nome,afinal,ela nem ao menos se lembrava do próprio nome.Mas tinha certeza de que não era esse.
               -Sim,esse será o seu nome daqui para frente.Terá de viver junto as outras pessoas,se enturmar para conseguir informações sobre os Mugiwaras,seu nome será sempre Lucy!.-Disse autoritário.
               -Sim,meu senhor...-A jovem disse reprimindo toda raiva em ser tratada como um cachorro sem nome.
               -Aqui está um vestido,duas adagas com correntes e isso é tudo.-Disse jogando tudo no chão.-Em hipótese alguma você deve retirar sua venda metálica!.-Disse ainda autoritário.
               -Mas como irei me locomover sem nem ao menos enxergar?.-Perguntou num tom inconformado.
               -Se vire!.-Disse seco.-Se você retirar essa venda,iremos caça-la no mesmo instante e pode dizer adeus a liberdade para sua mãe,você sabe que se tentar algo,é só eu apertar o aparelhinho que sempre está comigo e pronto,sua mãe literalmente explodirá...-Disse simplista.
               -Me perdoe,não irei mais questiona-lo!.-Disse temendo por sua mãe.
               -È exatamente assim que eu gosto!.-O homem disse ao se aproximar e puxar a menor pelas madeiras roxas.-È melhor mesmo não desobedecer minhas ordens!.-Murmurou enquanto arrancava alguns fios de cabelo devido a agressividade.
               -Sim,meu senhor!.-Apenas respondeu simplista.
               -Se arrume!.-O homem ordenou enquanto sentava-se em uma cadeira e assistia a jovem retirar suas roupas de trapo e colocar o vestido preto e roxo tomara que cai curto,e enrolar as corretes das adagas em seu pulso.-Use também essa capa,não vai chamar tanto a atenção.-Jogou no chão fazendo-a abaixar para pegar a capa e se cobrir.
               -Estou pronta,senhor!.-A menor disse enquanto sentia o nervosismo em suas veias,sentiu uma forte pancada em sua cabeça e seu corpo fora direto ao chão.Ela não esperava por aquilo...


                       _______________________________________________________________________ 


         A jovem acordou em um lugar muito quente,sentia estar sobre a areia e logo escutou uma gravação vindo direto de seu objeto metálico localizado em sua face.
           -Lucy,me desculpe o jeito que despachei você daqui.-Disse debochado.-Tenho assunto mais importante para tratar e serei breve,você deve seguir três regras,primeira é nunca retirar sua venda metálica,a segunda é nunca se envolver com homem algum,lembre-se de que você é minha propriedade! e terceiro,mate-os,custe o que custar!.-Disse ainda autoritário.
           -Eu iria me aproximar deles através do Vinsmoke Sanji .-Disse de forma seca.
           -Pode se aproximar,mas não pode dar para ele!.-Disse irritadiço desligando na cara da menor.
           -Já foi tarde!.-Disse enquanto se levantava e sacudia toda a areia,Creio que estou em um tipo de praia...-A menor disse enquanto tentava desvendar o local onde se encontrava.-Uma vez minha mãe disse que os golfinhos enxergam atrávez do som que emitem,eles emitem o som,o som se espalha pelo ambiente e se tiver algo parado na sua frente o sim bate no objeto e volta.-Disse para sim mesma enquanto se concentrava o máximo que podia.A jovem fez um barulho de estalar a língua e concentrou para onde o sim batia e se refletia.Logo esta estava conseguindo "enxergar através das pálpebras".
           -Isso é loucura demais...eu consigo saber até mesmo quantas árvores tem por aqui através do cheiro e da vibração do som que eu faço e bate contra os troncos!.-A menor dizia incrédula.
           Logo constatou que estava dentro de uma ilha,tinha de sair daquele estranho lugar,mas para isso,teria de construir uma jangada.A jovem rapidamente entrou para dentro daquela selva sempre estalando a língua para conseguir enxergar onde estava cada coisa,agora mais do que nunca teria de contar com seus sentidos super apurados.
           -Pirralha,o que faz por aqui?.-A menor fora surpreendia pela voz grossa indicando que havia um homem ali presente,logo se colocou em posição de combate mas tudo o que ouviu foram alguns risos e um som abafado indicando que ele havia sentado no chão.Ela sentia o olhar pesar sobre si e seu corpo.-Não tenho intenção de lutar,apenas quero saber de você.-Disse brincalhão e simplista.
           -Porque eu deveria confiar?.-A jovem disse ainda não convencida.
           -Não precisa confiar,eu apenas estou dizendo que não irei lutar,independende se acredita ou não.-O homem suspirou pesado.
           -Qual seu nome?.-A garota perguntou enquanto desfazia lentamente sua posição de ataque.
           -Me chamo Shanks,e você?.-Disse tranquilo.
           -Sou Lucy e,espera! você disse Shanks? Shanks o Ruivo?.-A menor tentou fingir indiferença.
           -Tão bom saber que lembram de mim apenas pela cor do cabelo...-Disse brincalhão enquanto ria.-Sim sou eu,Lucy? um belo nome,mocinha!.-Elogiou a menor que logo sentou suas bochechas corarem,afinal,nunca havia sido elogiada antes,precisou olhar para o outro lado,afinal,não queria que o pirata lendário a visse tão...frágil.Shanks por sua vez,riu internamente ao ver que a menor havia ficando envergonhada por um simples elogio.
           -O que faz por aqui?.-Lucy decidiu quebrar aquele clima de vergonhas.
           -Apenas de passagem,e você?.-O ruivo perguntou curioso.
           -Estou á procura de um bando...-Lucy estava decidida a jogar verde,tinha total ciencia de que quase todos os piratas se conheciam,e se sua teoria estivesse certa,conseguiria a localização de Luffy e seu bando através de Shanks.
           -Pode entrar para o meu se preferir.-Disse simplista.
           -Agradeço a oferta,mas...devo recusa-la,estou atrás de um bando em especial,os Mugiwaras...-Disse obtendo total silêncio.
           -O que pretende?Quer entrar para tripulação?.-O ruivo não aguentou de curiosidade.
           -Quero lutar com Luffy.-Disse surpreendendo o ruivo ali.
           -Não quero te insultar,mas...você mal conseguiu notar minha presença,como conseguirá lutar?.-Aquele pirata estava por algum motivo preocupado com a idéia arriscada da menor.
           -Quando lutar com ele você verá,tudo o que eu preciso fazer é tirar essa venda,ela me impede de ter uma melhor percepção.-Deu uma desculpa qualquer,claro que ela nunca tiraria aquela coisa da cara,pelo bem de sua mãe.
           -Entendo...-Disse pensativo.
           -Sabe onde ele está?.-Lucy decidiu ir mais direto.
           -Acredito que sim...-Shanks disse ainda pensativo.-Luffy era muito amigo do Ace,eram quase irmãos,porém o Ace morreu e agora sua Akuma no mi será dada para o vencedor de uma luta em Dressrosa,se tem um lugar muito provável que o Luffy possa estar é lá.-Disse também direto.
           -Obrigada pela informação,partirei agora mesmo para lá.-A jovem disse dando as costas,ms logo sentou uma mão em seu ombro impedindo-a.
           -Você nem ao menos tem um barco,você sabe navegar?.-Shanks perguntou estranhando a própria atitude.
           -Eu tentarei me virar.-Lucy disse tentando se esquivar das perguntas.
           -Ao menos sabe para que lado Dressrosa fica?.-O ruivo perguntou obtendo total silêncio,logo suspirou pesado.-Não tenho escolha...eu irei passar por lá,posso te levar se quiser,a luta começará daqui a três dias,é tempo suficiente para que chegue bem em Dressrosa.-Disse enquanto tirava a mão do ombro da menor.
           -O que isso vai me custar?.-Aquela pergunta deixou o ruivo confuso.
           -Perdão?.-Disse tentando entender.
           -Tudo tem um preço,creio que não esteja fazendo de graça,já aviso que não tenho nada de valor.-Disse direta.
           -No momento,financeiramente estou muito bem com a tripulação.-O ruivo disse tentando conforta-la.
           -Então quer que eu pague com meu corpo?.-Ao dizer aquilo o ruivo havia engasgado com a própria saliva.-Já aviso também que de certa forma,estou prometida a alguém,não poderei pagar com meu corpo.-Disse e forma seca.
           -Não quero de pague de nenhuma maneira,não quero que use seu corpo e nem desejo que me dê tesouros,estou levando você até ele,poque acredito que ele gostará de te conhecer,apenas isso.-Disse simplista e calmo.-Se quiser,é só me seguir.-O ruivo disse dando as costas enquanto deixava a menor decidir,mas logo sentiu um certo peso sobre suas costas.-Parece que se decidiu...-Disse enquanto olhava por cima do ombro.
           -Irei ir junto!.-Disse convicta,enquanto se afirmava no chão.-E me desculpa,eu tropecei na raíz da árvore,eu não..vi...-Disse um tanto sem graça.
           -Tudo bem!.-O ruivo disse sorridente enquanto puxava gentilmente a jovem pelo pulso avisando-a os lugares onde era essencial tomar cuidados.-Viu,andando devagar você consegue evitar cair.-Disse enquanto caminhava tranquilamente enquanto se perdia no azul do céu.Logo ouviu um barulho e olhou para trás,se deparando com a jovem,que mais uma vez caía no chão.
           -Essas raízes...-Lucy estava irritada,com a ajuda de Shanks se pôs de pé outra vez,porém,sentiu uma pontada em seu tornozelo,ela estava tenso dificuldades para conseguir afirmar o pé esquerdo no chão,a cada tentativa,a dor ficava mais aguda.
           -Se continuar insistindo dessa forma,quando chegar em Dressrosa não conseguirá andar para procurar o Luffy.-Shanks disse observando a menor imediatamente parar de tentar forçar aquele local;-Ela realmente quer encontrar o Luffy...-Fez sua anotação mental.
           -Droga...-Lucy praguejou enquanto se escorava no tronco de uma árvore.
           -Eu vou levar você até o navio,a culpa foi minha por ter me distraído e não vi quando você torceu o tornozelo.-Shanks disse enquanto colocava os braços finos ao redor de seu pescoço.-Eu não tenho os dois braços então preciso que você se segure firme no meu pescoço.-Disse percebendo a garota ruborizar e apertar um pouco mais os delicados braços em volta do seu pescoço grosso,com o único braço que lhe restava,Shanks passou por trás dos joelhos da menor,forçando as pernas torneadas de flexionarem e então ele a ergueu no chão.
             Lucy mantinha seu rosto para baixo enquanto tentava pensar em algo que não a deixasse envergonhada.Se sentia de certa forma feliz por estar sendo tratada como uma mulher,se sentia um tanto protegia,apesar daquele homem ainda ser um completo estranho.

                  

'Não tenho tempo pra poder ficar pensando nisso...preciso chegar rápido em Dressrosa!".-A jovem pensou saindo imediatamente de seus devaneios.                                                  


Notas Finais


Me perdoem os erros,eu escrevi mto tarde e estou morrendo de sono kkkkkk espero que tenham gostado e qualquer erro por favor me informem para q eu possa fazer as devidas correções,Obg BJSSSSSSSSS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...