1. Spirit Fanfics >
  2. One Plus One >
  3. Dinner and Chill

História One Plus One - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Boa noite, como estão?

Faz bastante tempo que não escrevo uma historia Jackjae, mesmo que seja uma historia bobinha de cotidiano tenho que dizer que foi revigorante.

Espero que gostem ^-^

Capítulo 1 - Dinner and Chill


Youngjae estava bem concentrado em terminar de fazer o jantar quando ouviu o som do teclado do painel da porta sendo usado e o suave clic quando a porta foi destravada. Ele não se incomodou com isso, segundo a mensagem que recebeu há vários minutos sabia quem era, e continuo o que estava fazendo.

– Baby, I’m home. – escutou a voz de Jackson vindo da sala. – E eu trouxe o que você me pediu... Hummm que cheiro bom é esse? Não sei o que é, mas está me deu água na boca e me deixando com fominha.

– Você é impossível. – Youngjae riu desacreditado ouvindo os passos apressados do namorado vindo em direção a cozinha. Ele não estava fazendo nada demais para o jantar para qualquer pessoa além de Jackson vir falando assim. – Mesmo que eu estivesse só fervendo água, você diria a mesma coisa, hyung.

– Ei, não me culpe pelo seu talento culinário que faz até água fervida ter um cheiro divino. – disse Jackson com seriedade entrando na cozinha carregando uma sacola de mercado. – Eu só estou aqui para apontar os fatos.

Como todo ser humano, Youngjae se sentia bem contente quando recebia um elogio, ainda mais vindo de alguém que ama, mas como podiam ver, Jackson Wang tinha o talento de elevar tudo ao extremo, até a simples habilidade de ser capaz de ferver água.

– Você é um ridículo bajulador isso sim e não de mais nem um passo, hyung. – disse em tom de ameaça fazendo o mais velho parar com o pé no ar para impedir seus movimentos e o olhar de forma dúbia. – Eu sei o que você quer, mas não vai ter até que tome um banho. Deixe a sacola na mesa ao seu lado. E sem ahhh pra cima de mim. – Youngjae brincou com a faca que estava em sua mão, a que estava usando para cortar os legumes, de forma bem sugestiva.

Jackson fez diversas caretas de desagrado, mas fez o que lhe foi pedido, não adiantava argumentar quando Youngjae parecia tão sério. Deixou a sacola sobre a mesa e correu para o banheiro sem ganhar os beijinhos e abraço que tanto queria do namorado e que sempre recebia quando chegava em casa.

Vários minutos depois, usando um pijama completo, foi pulando animado para a cozinha ansioso para ganhar seus beijo e abraço gostoso – Jackson é uma pessoa bastante carinhosa que gostava de contato físico principalmente com o jovem Choi – e foi recebido com uma travessa de vidro contendo a salada contra o peito.

– Coloca na mesa pra mim, fazendo um grande favor. – Youngjae sorriu maroto e mandou um beijo no ar para o outro antes de se virar em direção ao fogão deixando um chinês embasbacado as suas costas.

– Você está fazendo isso de propósito, não está? – o beicinho já dominava completamente os lábios de Jackson enquanto fazia novamente o que lhe foi pedido colocando com cuidado a travessa sobre a mesa, tinha sofrido um pequeno incidente envolvendo coisas de vidro que o fazia ser tão cauteloso com qualquer coisa relacionada. – Isso é pura maldaaade.

A gagueira de Jackson se deu pelo simples motivo de Youngjae, enquanto colocava a tigela de kimchi sobre a mesa, encostar completamente seu corpo contra as costas do mais velho surpreendendo-o inteiramente e como se isso não bastasse Youngjae aproximou seu rosto da nuca de Jackson.

– Realmente quer rotular isso de maldade? – questionou Youngjae propositalmente com a voz baixa e provocante e adorando ver quando sua respiração bateu contra a pele exposta do namorado e os pelinhos da nuca dele se arrepiarem.

E como bom provocador abusado que era, com uma mão Youngjae segurou firmemente na cintura de Jackson mantendo-os daquela forma e com a outra ele tocou as costas dela com delicadeza na bochecha do mais velho indo levemente até seu queixo no qual segurou firme e o fez virar o rosto para o lado deixando assim eles cara a cara, pouquíssimos centímetros separando-os.

– Bem vindo, amor. – sussurrou olhando com profundo amor para Jackson antes de tocar levemente os lábios dele com os seus. – Como foi seu dia? – perguntou antes de lhe dar mais um selinho com um pequeno sorriso adornando sua boca.

– Porque você gosta de me provocar assim? – o sorriso que Youngjae deu com sua pergunta só fez Jackson inflar suas bochechas e fazer bico, o que só causou mais felicidade no mais novo fazendo-o abrir amplamente seu sorriso.

Fazendo uma cara de bravo, muito fofa na concepção de Youngjae, Jackson ficou de frente para o namorado dando a ele um longo olhar antes de levar suas mãos para a nuca dele, seus dedos agarraram os cabelos presentes ali, um claro aviso de que ele não iria escapar, antes de o puxar para si.

O beijo que deu no namorado agora foi do jeito que queria ter recebido, um digno beijo de boas-vindas com gostinho de quero muito mais, mas que de forma provocativa foi lhe recusado antes. Jackson sabia como Youngjae era e amava as provocações do mais novo, isso o deixava tão coisado e com vontades de fazer tantas coisas.

E ele não queria ficar só na vontade. Wang até tentou saciar um pouco de suas vontades, entretanto, Youngjae tinha outros planos e terminou o beijo sorrindo depois de dar uma mordida leve no lábio inferior do mais velho.

– Você é tão carente, hyung. – o bico estava novamente nos lábios de Jackson com a fala de Youngjae, porém não disse nada, não tinha o que dizer já que era a pura verdade, quando se tratava de Youngjae Jackson era o ser mais carente do mundo e muitas pessoas concordavam com ele. – Prometo matar sua carência depois, agora precisamos comer ou a comida vai esfriar e eu não quero isso.

Como forma de incentivo, Youngjae deu mais um selinho demorado no namorado que de bom grado foi se sentar depois. O mais novo sempre cumpria com o que prometia.

Depois do jantar acompanhado de uma deliciosa sobremesa Youngjae foi tomar banho enquanto Jackson cuidava da louça – esse era um acordo entre eles, se um cozinhava o outro limpava, nem mesmo olhos pidões podiam ser usados nesse momento fazendo com que o acordo era só quebrado se algo impedisse o outro de fazer a tarefa.

Com tudo limpinho e depois de checar se tudo estava trancado, o mais velho se direcionou para o quarto do casal. Ainda não era tão tarde, não tinham visitas e não levaram nem um trabalho pra casa, quando as coisas estavam propicias assim eles preferiam ir direto para a cama e assistir TV confortavelmente, ou fazer qualquer outra coisa.

Youngjae saiu do banheiro já vestindo seu pijama, o mesmo que fazia par com o de Jackson, e não tardou a se juntar com o namorado na cama arrancando uma risada deliciosa dele quando pulou sobre o colchão e foi rolando até o centro a onde o chinês o esperava para entrar em seus braços.

Promessa é uma divida que Youngjae nunca deixa de pagar, então ele cumpriu com sua e matou a carência de Jackson com direito a assistir um filminho carregado de abraços gostoso, beijinhos de tirar o folego e mãos bobas porque ninguém era de ferro ali.

 

Fim...?


Notas Finais


Espero que tenham gostado ^-^

Futuramente pretendo escrever mais Jackjae e outros shipps com o nosso Jae. Confesso que depois da entrevista do Youngjae no Naver Now com o Ravi me deu vontade de escrever uma ideia que a tempos deixei no porão que tem os dois como par romântico, eu sei, as vezes tiros shipps estranhos da cartola kkkkk

Muito obrigada a todos que leram e até uma próxima ^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...