1. Spirit Fanfics >
  2. One Punch Deku >
  3. O inicio

História One Punch Deku - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Ola pessoal! essa e uma outra historia que eu vou começar a fazer também espero que todos vocês gostem dela!
Desculpe estar mandando essa hora.
Boa Leitura! :3

Capítulo 1 - O inicio


Fanfic / Fanfiction One Punch Deku - Capítulo 1 - O inicio

Um dia uma criança, nasceu e ficou brilhando, nesse dia nasceram ás individualidades no mundo.

Nesse mundo 80% da população mundial tem um tipo diferente de individualidades, enquanto 20% dessas pessoas são apenas pessoas normais...

- 8 anos atrás –

-Garota: Por favor, me deixe em paz, não me machuquem.

-Garoto: Hahaha, quem mandou incomodar a gente.

-Garota: Eu só queria apenas brincar ali mais nada, me desculpa.

-Garota 2: Problema e seu, você quis ir lá no nosso território e agora vai sofrer as consequências disso.

* De repente um garoto de cabelos verdes bagunçados aparece na frente da garota no chão*

-Garoto: O que, você quer aqui Deku de merda.

-Deku: Kacchan e Katsumi , calma deixem essa garota em paz,  ela apenas queria brincar um pouco nos brinquedos do parque como todos.

-Kacchan: É você acha que eu ligo pra isso seu Deku de merda! E eu já mandei você parar de me chamar de Kacchan! Meu nome e Bakugou seu desgraçado.

-Katsumi: Você vai mesmo proteger essa  menina ai? Hahaha... ainda com esse sonho bobo de querer ser um herói? Você acha que um quirkles como você ira ser um herói algum dia! Desista de uma vez seu inútil.

-Deku: Eu posso não ter uma individualidade, mas nunca irei desistir do meu sonho!

-Bakugou: A e, vai ser assim então? Se prepare então!

Depois de vários minutos do nosso querido Midoriya sendo espancado pelos dois irmãos eles vão embora.

-Garota: Ei menino, você esta bem?

-Deku: Sim, dói bastante mais já estou acostumado a  apanhar deles dois.

-Garota: Entendi, seu nome e Deku né?

-Midoriya: Na verdade não, me chamo Izuku Midoriya, ele me chama daquele jeito porque Deku significa inútil que e o que eu sou. *ele fala num tom triste*

-Garota: Pra min você não e um inútil, você acabou de me salvar daqueles dois! Muito obrigada.

-Midoriya: De nada, eu vi o jeito que eles estão te ameaçando e queriam te bater eu não podia deixar isso acontecer.

-Garota: *fica um pouco envergonhada* Obrigada, nem me apresentei para você, me chamo Nejire Hado, prazer em conhecer você.

-Midoriya: Prazer em conhecer você também *fala sorrindo*

-Nejire: Agora que aqueles dois foram embora vamos ali brincar nos brinquedos que tal?

-Midoriya: Sim, vamos!

*Os dois ficam a tarde inteira brincando e conversando e viram ótimos amigos*

-Midoriya: Esta começando a ficar tarde, tenho que voltar para casa.

-Nejire: Ah, que pena, mas amanha você ira vir aqui de novo para nós brincarmos mais?

-Midoriya: Claro! Ate amanha.

-Nejire: Ate, que pena que ele já teve que ir, mas estou muito feliz também de ter conhecido ele, ele e muito legal.

*No dia seguinte*

-Midoriya: E mesmo esqueci de te perguntar qual e a sua individualidade?

-Nejire: Ela se chama Wave motion, ela me permite converter minha vitalidade em energia pura e liberar ela na forma de ondas de choque.

-Midoriya: Nossa! Que individualidade incrível!

-Nejire: A calma precisa disso não *fala meio vermelha* mas e a sua? Qual e?

-Midoriya: Bem isso... Eu não tenho uma individualidade.

-Nejire: Me perdoe, por ter perguntado isso.

-Midoriya: Não tem problema, mas mesmo eu não  tendo  uma individualidade eu irei continuar com meu sonho  e irei  virar um herói e salvar todos! *fala determinado*

-Nejire: Nossa mesmo não tendo uma individualidade  você quer se tornar um herói,  eu  confiou em você! Você ira virar um herói.

*Nesse momento ela percebe que Midoriya esta chorando*

-Nejire: M-M-Me desculpe, falei algo errado?

-Midoriya: Não, e que estou feliz, você foi a única que esta acreditando em min, nem minha própria mãe acreditou que eu poderia virar um herói, eu sempre sofri e fui atacado pelo Bakugou e a Katsumi por eu não ter uma individualidade e eles sempre zoam comigo, mas não se preocupe  estou bem!

-Nejire: Nossa, que triste, você deve ter passado por coisas horríveis, só por não ter tido uma  individualidade.

-Midoriya: Sim, aconteceu muitas coisas mais mesmo assim não irei desistir! Irei me tornar um herói!

-Nejire: Isso mesmo, nunca desista!

-Midoriya: Sim, mas vamos parar de falar sobre isso, vamos ir lá brincar!

-Nejire: Sim!

*Eles ficam outra tarde brincando ate começar a escurecer*               

-Midoriya: Nejire-san, descobri que abriu um novo parque de diversões! Vamos pedir para nossas mães nos levar lá para brincar que tal?

-Nejire: Sim! Tenho que ir agora Midoriya, Ate amanha.

-Midoriya: Até.

*As mães gostaram da ideia e combinaram de no sábado irem lá no parque*

-Midoriya/Nejire: Nossa! Que grande e quantos brinquedos!

-Segurança: Boa noite crianças, por favor coloquem essas pulseiras para entrarem no parque, e uma coisa como e a primeira visita de vocês , vocês  podem ir em todos os brinquedos de graça se quiserem!

* As Duas crianças que nunca foram antes num parque de diversões ficam com os olhos brilhando depois  de escutarem que podem ir em tudo de graça*

-Nejire: Vamos Logo Midoriya!

-Midoriya: Sim vamos!

* As duas crianças vão em vários brinquedos ate pararem numa barraca*

-Nejire: Nossa, olha aquele ursinho gigante, queria tanto ele.

:Midoriya: Hm pelo que eu vi posso jogar nesse brinquedo ate 3 vezes.

-Midoriya: Certo, quero jogar!

-Senhor: Claro garoto tome aqui.  *ele entrega as três bolhas para derrubar as garrafas*

-Midoriya: Certo, três chances, lá vai!

-Senhor: Que pena garotinho, talvez você de mais sorte na próxima.

*ele jogar de novo e não acerta*

-Midoriya: Droga, tenho apenas uma chance agora.

-Nejire: Midoriya: Não precisa tentar ganhar aquele urso.

-Midoriya: Não eu ainda vou tentar!

-Senhor: Pode ir garoto.

-Midoriya: Aaaaa, joga com tudo que ele tem.

-Senhor: Parabéns garoto! Conseguiu o urso gigante.

-Midoriya: Ebaaa.

-Senhor: Tome aqui, dois um para você e outro para sua namoradinha.

*Os dois ficam vermelhos mais ignoram o que o senhor disse e continuam brincando pelo parque.

-Inko : Filho, temos quer ir embora vem.

-Midoriya: Estou indo mâe, Ate amanha Nejire.

-Nejire: Até Midoriya.

-Depois disso eles viram ótimos  amigos e ficam sempre brincando, se passou quase 2 anos dês que eles se conheceram, ate que chega um dia onde acontece algo-

-Midoriya: Nejire, tenho algo para te contar *fala num tom triste* E-e-eu vou me mudar.

-Nejire: Oque! Não, não pode ser *fala já chorando* Porque?

-Midoriya: Eu não sei também, minha mãe não me contou o motivo.

-Nejire: Você não pode ir embora nos conhecemos a tanto  tempo  já, não quero que você vá, você e meu único amigo!

-Midoriya: Eu também não quero ir, você e minha única amiga também. *Fala desabando em lagrimas*

*Nesse momento os dois se abraçam, e depois de alguns minutos de tristeza eles se separam*

-Nejire: Hoje então e sua ultima tarde brincando comigo.

-Midoriya: Sim...

*Eles brincando o máximo que eles podem e aproveitam o máximo o ultimo dia de Midoriya*

-Nejire: Adeus Midoriya, ate algum dia.

-Midoriya: Para nós nunca esquecermos um do outro eu fiz isso.

*ele entrega para ela uma pulseira onde tem o nome dele e uma foto*

-Nejire: Irei usar isso aqui todo dia! Nunca irei tirar ate achar você de novo.

-Midoriya: Eu também nunca irei tirar a minha! *Ele mostra uma pulsei com o nome dela e uma  foto*

-Nejire: Ate algum dia, Midoriya.

-Midoriya:  Ate, Nejire...

*Midoriya depois disso vai embora, e se muda para outra cidade bem longe*

(Autor: No inicio da fic o Midoriya esta  com 8 anos e hoje em dia 10 porque ele conheceu Nejire já faz dois anos, e agora um time skip.)

-4 anos depois-

Uma área de  uma cidade esta sendo destruída por um vilão.

-Vilão: Hahahaha, ninguém pode me derrotar, finalmente irei acabar com esses lixos  de heróis!

-???: A cala a boca, você fala de mais.

-Vilão: Ah? Quem e você garotinho  para falar essas coisas para min! Você e apenas uma mosca hahahaha

-???: Eu? Eu sou Izuku Midoriya, alguém que  quer se  tornar um herói para ajudar os outros, e por diversão também.

-Vilão: Entendi, pena que isso não ira acontecer, porque sua vida acaba aqui!

Nesse momento o vilão explode em milhões de pedaços.

-Midoriya: Não, não, não De novo nãoooooo *Da um soco no chão que quebra ele todo, nesse momento ele grita de raiva, e fala*De novo! Apenas um golpe!


Notas Finais


Espero que todos tenham gostado.
Qualquer dica que tiverem bastar escrever nos comentários, isso me ajuda muito! e gosto muito de ler os comentários de vocês também
Uma Boa Noite a todos vocês :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...