1. Spirit Fanfics >
  2. One-shot Anna e Neville >
  3. Capítulo único

História One-shot Anna e Neville - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Outro casal esquecido ou ignorado,não conheço muito a Anna mas ela e o Neville parecem ser um ótimo casal.
Já que muitos o queria com a Luna,eu não consigo ver Neville e nossa Di-lua como um casal,acho que a relação deles é parecida com a do Harry e da Mione.

Capítulo 1 - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction One-shot Anna e Neville - Capítulo 1 - Capítulo único

Neville Longbottom sempre foi considerado um garoto desastrado e medroso.Mas após a segunda guerra bruxa ele mostrou ser um verdadeiro grifinório ao cortar a cabeça de Nagini e enfrentar Voldemort de igual para igual sem medo e sem receios.
Agora ele é casado com Anna Abbott uma lufana muito gentil e que sempre o apoiou em tudo.
Os dois se conheceram na armada de Dumbledore e começaram a nutrir sentimentos quando ela foi desfeita.
Ela conseguiu comprar o caldeirão furado e ele virou professor de herbologia de hogwarts.
Apesar de Neville não ser mais tão inseguro de si,ainda pensava porquê Anna o escolheu para ser seu marido,ela podia ter escolhido uma outra pessoa,mas por que ele?
Foi pensando nisso que resolveu fazer um jantar para ela,Anna sempre faz apesar de estar cansada nunca demonstrou isso a ele.Quando terminou de arrumar a mesa a lufana chegou.
_Boa noite meu amor. - Ao invés de responde-la a beijou apaixonadamente.
_Estou vendo que sentiu muito a minha falta. - Ela brinca ao se separarem.
_Sempre sinto.
_Sabe Neville eu te amo muito.
_E por quê?
_Porque você foi a melhor coisa que aconteceu em minha vida. - Neville fica feliz com que escutou e não se sentiu tão inseguro quanto antes - uau isso tudo é...? - Anna ao entrar na cozinha fica boquiaberta - ...Para nós.
Neville havia feito a comida favorita de dela,lasanha,ele puxa a cadeira para ela e enche as taças com vinho.
_O que vamos comemorar hoje?
_Na verdade,fiz isso para te deixar livre da cozinha. - Anna o olha como se tivesse lendo sua mente - Neville Longbottom me diga o que está acontecendo? - Ela o indaga curiosa.
_Nao é fácil te enganar não é? - Ele cora.
_Eu te conheço muito bem e sei quando está ou não mentindo. - Neville suspira derrotado e resolve dizer o que está acontecendo.
_É que...as vezes me sinto inseguro e me pergunto do porquê está comigo.
_Como assim? - Ela pergunta incrédula.
_Você é bonita,corajosa,gentil,inteligente...
_E o que isso tem demais?
_As vezes acho que você merece alguem melhor do que eu...
_Nao comece Longbottom. - o grifinório a olha temeroso,quando ela falava seu sobrenome queria dizer que estava furiosa,Ana se levanta e vai até ele - Neville eu te amo...você é corajoso,gentil,alem de ser meu marido é meu melhor amigo.
_Mas porquê estaria comigo?
_Simples,eu te amo. - Ela diz sincera.
_Mesmo eu sendo...
_Um pouco acima do peso?inseguro?
_E desastrado. - Anna revira os olhos.
_Deixa de fazer drama Neville,eu te amo do jeito que você é...e isso não vai mudar.
Antes que ele argumenta-se ela o beija o calando e depois se separa dele colando as testas de ambos.
_Vamos parar de falar sobre esse assunto e vamos jantar,estou faminta.
Os dois sorriem e vão jantar conversando sobre seus trabalhos e trivialidades.


Quando acabaram de comer Neville a ajuda na cozinha e ela lhe diz alegremente depois de acabar de arrumar a louça.
_Tenho uma ótima novidade.
_O que seria?
_Depois que eu tomar banho vou te contar.
Neville ficou curioso para saber o que seria o assunto,ela vai tomar banho enquanto ele a espera pacientemente.
Quando Anna voltou estava trazendo uma caixinha pequena,Neville fica curioso.
_E essa caixinha?
_É para você,abra.
Ele abre a caixa sobe o olhar de Anna e dentro dela estava um sapatinho azul,Neville a olha e murmura:
_Eu vou ser pai?
_Sim. - Ele a abraça e a rodopia,mas quando faz isso Anna lhe da uma bronca - Nao faz mais isso eu poderia ter vomitado em você.
_Desculpa,eu sou um desastre. - Ele a coloca no chão sem jeito.
_Nao é,é um pai maravilhoso...fico muito feliz que está radiante. - Ela sorri mostrando seus dentes brancos.
_Claro que estou,faz muito tempo que estávamos tentando.
_Eu sei,agora seremos pais.
Os dois se beijam e ele a pega delicadamente a levando para o quarto.
Ao chegar ele a coloca na cama e fica por cima dela e desce seu olhar para o ventre de Anna beijando o local.
_Agora eu e sua mãe vamos ter uma "conversa".
Anna da uma gargalhada com que ele falou,mas para quando Neville começa a beijar seu pé e panturrilha.
Depois ele tira o pijama dela e ela o ajuda a se livrar de suas roupas,ficando ambos nus.Neville brinca com seu clitóris enquanto Anna rebolava sobre a boca dele buscando mais contato.
Depois de Anna ter se derramado sobre sua boca ele se posiciona sobre ela e a penetra devagar para não machucar seu filho e nem causar desconforto a sua esposa.
Depois que viu que ela não estava se sentindo desconfortável começou a penetra-la mais rápido,enquanto Anna arranhava suas costas e mordia seu ombro direito.
Depois de algum tempo os dois chegam ao clímax juntos,ele se retira dela devagar e caí para o outro lado a puxando para ficar sobre seu peito.
_Eu te machuquei? - Ele pergunta preocupado.
_Nao.
_Ainda bem.
_Nao se preocupe amor,estamos bem. - Ela o beija e ele corresponde.


Neville e Anna visitam os pais de longbottom no cemitério.
_Mãe,pai...eu e Anna vamos ser pais...vocês serão avôs... - Neville diz com um pequeno sorriso nos lábios apesar de seus pais estarem mortos,sentia que estavam ali felizes por eles.
Neville tira de seu casaco a embalagem de doce que sua falecida mãe o havia lhe dado e a olha carinhosamente,Anna o abraça e lhe consola.
_Aonde estiverem estão orgulhosos de você.
_Obrigado Anna por estar aqui comigo.
_Nao precisa agradecer,estou aqui para lhe apoiar e dar a notícia a seus pais.
Ao dizer isso ela coloca flores novas sobre os túmulos de Frank e Alice Longbottom.


Alguns anos se passa Neville e Anna levam seu único filho até a plataforma 9¾,Frank se parece muito com seu pai fisicamente e a personalidade é de sua mãe.
No caminho se encontram com Luna e Blás que estavam levando seus filhos para a plataforma.
_Hoje é o primeiro dia do pequeno Frank? - Luna pergunta animada.
_Sim e hoje é o segundo ou terceiro ano dos gêmeos? - Neville pergunta.
_Terceiro,eles estão bem animados,estão deixando eu e Luna com cabelos brancos. - Blás brinca fazendo eles rirem dos desesperos de seus filhos.
Antes de Frank ir Anna e Neville o encoraja.
_Nao se preocupe filho,você será um ótimo bruxo. - Anna diz.
_Nao estou nervoso eu sou filho de um dos grifinórios mais corajosos e tenho o nome de um dos aurores mais poderosos. - Neville se emociona e o abraça.


Finalmente Frank é chamado para ser selecionado,o chapéu seletor o seleciona depois de alguns minutos pensando.
_Lufa lufa!!!
Os estudantes do lufa lufa aplaudem e ele vai até a mesa sendo bem recebido por seus colegas,entre eles Tiberius.
_Bem-vindo a lufa lufa,vamos ser grandes amigos. - Frank sorri para Tiberius.
_Seremos melhores amigos a partir de agora.
Os dois sorriem um para o outro e se sentam na mesa da lufa lufa e começam a comer do grande banquete que apareceu na mesa.


Notas Finais


Eu pesquisei e Neville e Anna não tiveram filhos,por isso coloquei que eles tiveram um filho com o mesmo nome de seu avô.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...