História One Shot - Imagine Woozi - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Black Pink, Seventeen
Personagens Jisoo, Junghan "Jeonghan", Lee Jihun "Woozi", Lisa, Personagens Originais
Tags Imagine, Lee Jihoon, One-shot, Woozi
Visualizações 436
Palavras 3.664
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Ficção Adolescente, Hentai
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Finalmente, aqui está a One Shot do Woozi.
Depois de tanto tempo dela estando só no meu caderno, ela está aqui.
Espero que gostem, ela está muito diferente da primeira versão.
Ela já era comprida na 1° versão, nessa está mais ainda.
Desculpem caso tenham erros ortográficos.
E leiam as notas finais S2.

Capítulo 1 - One Shot - Pool Party


Estava na aula, quando minha amiga, Jisoo, me chama.

Jisoo: ______, tu vai na minha festa amanhã?

- Sim, vou precisar levar algo?

Jisoo: Dinheiro, pra ajudar na comida. E se for dormir lá em casa, leva uma mochila.

- Beleza.

Jisoo: Ah, não precisa levar toalha, semana passada você esqueceu, lá em casa, uma.

- De boas.

Voltei minha atenção na aula. Depois de um tempo, o sinal do começo do intervalo tocou. Preferi ficar na sala, porque é mais silencioso.

Peguei um livro qualquer e coloquei meus fones, ligando em uma música qualquer.

Jisoo: Miga, não vais descer? - Diz aparecendo na porta.

- Não, aqui é mais calmo. Mas se quiser me trazer comida, eu quero. - Digo rindo.

Jisoo: Eu não vou fazer isso, não sou sua escrava!

- Tá!

Ela saiu e me deixou sozinha na sala, é o que eu achava que estava até alguém tocar em meu ombro.

???: _______, posso ficar aqui do seu lado?

- Woozi!? - Falo assustada. - Sim… - Pegou uma cadeira e colocou ao meu lado - ...quer um lado do fone?

Woozi: Claro, obrigado. - Sorriu e sentou na cadeira.

Uns 10 minutos depois o sinal bate indicando o fim do intervalo, Woozi tira o fone e coloca a cadeira de volta no lugar e volta ao seu. Todos voltaram e arrumamos a sala, pois agora é prova.

*~Quebra de Tempo~*

A aula terminou e eu esperando, Jisoo, arrumar seu material.

Jisoo: Miga, verdade que você passou o intervalo com o Woozi, na sala?

- Sim, mas a gente só ficou conversando e ouvindo música.

Jisoo: Conheço esse “só conversando”. - Olhou pra mim de forma maliciosa.

- É sério! - Bati fraco em seu ombro

Jisoo: Tá. - Revirou os olhos. - Eu vou faltar, amanhã.

- Por que?

Jisoo: Vou passar a manhã com meus pais, e não esquece de ir na festa às 19:30.

- Beleza, tchau, até amanhã!

Jisoo: Tchau, até!

Nos abraçamos e cada uma seguiu para um lado. Chegando em casa, almocei e fui tomar banho. Me sequei, coloquei um pijama e dormi.

Acordei com meu celular, tocando.

*~Ligação on~*

- Alô, quem é? - Falo com a voz sonolenta e rouca por ser acordada pela ligação.

Lisa: Oi ______, você vai amanhã na festa da Jisoo?

- Sim… O que aconteceu contigo? Quase não vai mais pra aula.

Lisa: Não te falei? - Neguei - A escola me passou direto, como eu estava no último ano e tenho notas muito boas, ganhei uma bolsa de uma escola em um lugar um pouco longe. Daí só volto quando vou pegar minhas coisas que normalmente ficavam na escola.

- Caramba! Seus pais devem estar muito orgulhosos, né?

Lisa: Eles estão me exibindo pros amigos. - Risos - Miga, tenho que sair, beijos, nos vemos amanhã.

- Tchau, beijos, até amanhã.

*~Ligação off~*

Olhei a hora, eram 16h. Desci, peguei várias besteiras pra comer, peguei meu material, liguei minha playlist no celular e fiquei estudando pra provas de semana que vem.

Arrumei a sala, pois estava cheia de sacos com besteira e materiais jogados, subi, tomei um banho e fiquei assistindo filme até dormir.

*~Dia Seguinte~*

Acordei, e como estava com preguiça de viver, apenas troquei de roupa e comi algo. A aula estava muito chata, quase dormi, mas como eu sei que se dormir vou me ferrar na prova, tentei prestar atenção.

*~Quebra de Tempo~*

O sinal da saída tocou, e como Jisoo foi preguiçosa de mais e ficou em casa, eu tive que ir pra casa sozinha pra casa.

Woozi: ______! - Segurou meu pulso antes que eu saísse da sala, normalmente eu era a última à sair - Tem problema se eu for com você pra casa da Jisoo? Eu não sei onde fica.

- N-não, você quer já almoçar lá em casa?

Woozi: Não terá problema? - Neguei - Vou sim. - Falou sorridente.

Fomos conversando sobre coisas aleatórias, e somos parecidos em muitos assuntos. Ao chegar em casa, procurei meu pai, ele não estava em casa, mas deixou almoço pronto.

Almoçamos, e enquanto conversávamos eu arrumei e lavei as louças.

- Woozi, eu vou tomar banho, sinta-se à vontade. - Sorriu assentindo.

Entrei no meu quarto, pegando um moletom, um short de moletom e um par de meias compridas, deixando em cima de minha cama. Fui ao banheiro e tomei um banho não muito demorado, me sequei e me troquei. Escuto batidas na porta.

Woozi: ______? Posso entrar?

- Sim! - Disse enquanto passava creme em meus cabelos.

Woozi: Você se importaria de eu tomasse banho aqui? Já que na casa da Jisoo, um pessoal vai tomar banho lá.

- Sem problema, precisa de toalha? - Assentiu - Tem no móvel do banheiro lá de baixo.

Woozi: Obrigado. - Sorriu.

Arrumo minha mochila para ir na Jisoo e desço com ela, deixando-a num canto da sala.

Woozi: E agora? O que vamos fazer?

- Menino do céu, não me assusta mais desse jeito, não pretendo morrer tão cedo. - Disse com a mão no peito, rindo.

Woozi: Desculpa kkk, não foi minha intenção.

- Respondendo sua pergunta… Ainda são 14:40h, ou seja, temos 5hs pra fazer alguma coisa. Filmes?

Woozi: Pode ser, mas só se for de terror.

- Finalmente, alguém que gosta de filmes de terror, que não sou eu. - Rimos - Que tal…. A Bruxa de Blair?

Woozi: Parece ser bom.

- Vou fazer pipoca, me espera.

Fui para a cozinha e vejo o quê? Não tem pipoca de microondas, só pra fazer em panela. Eu nunca consegui fazer pipoca em panela, elas não estouram quando eu faço.

- Woozi!

Woozi: Precisa de ajuda?

- Sim, eu não sei fazer pipoca de panela e não tem de microondas. boa boa

Woozi: Então deixa que eu faço, só preciso da pipoca e de óleo. - Entreguei-os - Vai ficar me vendo fazer? - Assenti

Coloquei uma cadeira perto dele e fiquei só olhando pra ele. Acordei de meu transe, com o barulho dos milhos estourando.

Woozi: Vai ver como eu faço a pipoca ou vai me admirar mais um pouco? - Desviei o olhar para a panela, cora. Ele apenas riu de mim. - Você sabia que desde que você chegou na escola, os meninos pararam de me zoar.

- Por que eles t  zoavam?

Woozi: Eles diziam que não existia pessoa mais baixa que eu. - Fiz cara de indignada.

- Então é por isso que toda a sala passa a mão na minha cabeça, bagunçando o meu cabelo?

Woozi: Antes eu era alvo dessas caçoadas, apesar de às vezes fazerem isso comigo ainda. Terminei! Onde tem tempero?

- Na geladeira “Pra não ter formiga na hora que a gente for comer” - Falei imitando a voz de meu pai.

Woozi: Seu pai parece ser engraçado. - Assenti.

- Tá mais pra palhaço, mas tudo bem. - Rimos.

Woozi: Vamos ver o filme?

- Bora! Ah só um minuto, pode indo.

Ele saiu e eu peguei umas balas de gelatina, que me lembrei que tinha na geladeira, colocando-as num pote. Fui para a sala, sentando do lado de Woozi.

Woozi: Mentira que cê’ também gosta dessas balas, achava que mais ninguém comia.

- Se ainda vendem nos mercados, é porque não é só você que come kkkkk.

Woozi: Nossa, não sabia que existia uma ______ grossa por trás de tanta fofura. - Corei com seu comentário.

- Todo mundo tem seu lado ignorante kkkkk só que o meu é mais perceptível. tá vamos ver logo o filme, se não daqui a pouco vão dar 19:30 e a gente ainda não assistiu nem o início.

Woozi: Beleza kkkk.

*~Quebra de Tempo~*

Admito, fiquei o filme todo grudada nele fingindo estar com medo, ótimos métodos que senhoritas Lisa e Jisoo me ensinaram kkkkk.

Woozi: É… Continua sendo a ______ fofa que conheço. - Mostrei a língua pra ele e fechei a cara, como se estivesse brava. - Não fica assim, eu já fui de levar susto, mas me acostumei.

- Agora são…. 16:30, dá de ver mais um ou dois filmes.

Woozi: Agora eu escolho o filme, tapa o olho.

- Eu não, quero saber o que a gente vai assistir.

Woozi: Então eu vou colocar um de romance.

- Tá eu fecho. - Revirei os olhos e encostei meu rosto em seu peito, porque ele tinha me abraçado assim no meio do filme, achando que eu tava realmente com medo.

Woozi: Pronto, pode abrir. - Quando olhei a tela, estava estampado nela “Ao Cair Da Noite”, só vamos relevar que eu nunca ouvi falar desse filme, mas ok.

*~Quebra de Tempo~*

A mesma coisa que eu fiz no primeiro filme eu fiz no segundo, sim eu sei que é idiota, mas você também faria isso se estivesse assistindo um filme assim com seu crush kkkk.

Woozi: Quer assistir outro? Ainda temos uma hora e meia até a festa.

- Pode ser, só vou pegar um chocolate.

Woozi: Beleza.

Meu coração está acelerado e só agora percebi, deve ser a proximidade.

- Quer refrigerante? - Gritei.

Woozi: Sim!

Peguei o chocolate e o refrigerante, servindo-o em dois copos.

Woozi: Obrigado, que tal um de heróis agora?

- Só vou vestir a roupa que eu vou pra festa, daí quando o filme terminar é só fechar as janelas, desligar tudo e ir pra casa da Jisoo.

Woozi: Ok, vou fazer isso também.

Subi, peguei um short, uma blusa justa (a única que tenho), meu all star, um par de meias compridas e uma blusa xadrez de botões todos na cor preta. Vesti e penteei meus cabelos que antes estavam molhados, deixei solto pelo fato dele ser na altura dos meus ombros. Desci e passei desodorante e perfume, que estavam em minha mochila.

Woozi: Achei que você só usava roupas largas. - Riu

- Todos pensam assim, to até acostumada com esse comentário. - Falei indiferente.

Woozi: Já escolhi o filme.

- Qual?

Woozi: “Hancock” parece ser divertido.

Sentei no sofá e Woozi me puxou para mais perto.

*~Quebra de Tempo~*

- Nunca achei que ia gostar tanto de um filme de comédia.

Woozi: Concordo. Vamos pra festa?

- Vamos. Desliga a TV e fecha as janelas daqui de baixo eu eu fecho as de cima. - Assentiu.

Depois de desligar as luzes, saímos e eu fechei a porta. Fomos em direção à casa da Jisoo, quando sinto a mão do maior se entrelaçando à minha. Não falei nada, apenas deixei.

Chegando na festa, toco a campainha e vejo Lisa e Jisoo vindo abrir o portão.

- Olá, meninas. - Acenei para elas e soltei a mão de Woozi para abraçá-las

Woozi: Olá, os meninos já chegaram? - Jisoo assentiu e ele foi para o jardim de trás da casa.

Lisa: Pode contar tudo pra gente - Deu ênfase no tudo.

- Ele só passou a tarde lá em casa, a única coisa de mais que aconteceu foi: Na hora dos filmes de terror eu usei a tática que vocês me ensinaram

Lisa e Jisoo: Essa é a minha garota!

- Vamos pra lá antes que estranhem.

Jisoo: Bora. Ah só pra avisar, nós vamos dormir em barracas. Só você e o Woozi vão dormir dentro de casa. - Me olhou maliciosa.

- Não acredito, só vocês pra fazerem isso.

Jisoo: Não reclame, nos agradeça.

Fomos para o jardim de trás da casa, havia uma mesa com algumas bebidas e gelo, uma caixa de som, a piscina estava cheia de bóias e bolinhas brancas (A: Lembrei da música Boys - Charli XCX, quando o Jay Park cai em uma piscina de bolinhas brancas), alguns meninos estavam na piscina, outros na borda.

- Vou me trocar, já volto.

Vou ao banheiro e coloco um biquíni preto, meio retrô porém simples e troco meu all star por um chinelo também preto. E vou para perto da piscina.

Jisoo: Tá arrasando, miga. - Pega minha mão e a levanta - Dá uma rodadinha pra chamar atenção kkkkk. - Fiz o que ela pediu me sentindo envergonhada.

- Obrigada kkkk

Lisa: Olha que nenenzinha, toda vermelhinha. - Apertou minhas bochechas.

- Não faz isso, dói.

???: O Jihoon tem sorte de você ter trago esse biquíni. - Me assustei com a voz repentina.

- Jeonghan!! - Abracei-o - Quanto tempo, achei que nunca mais te veria.

Jeonghan: Também achei que não ia mais voltar, mas graças à bipolaridade dos meus pais, aqui estou. Vamos dar um mergulho?

- Bora. - Olhei para o lado, vendo minhas amigas cochicharem algo.

Lisa: Só um minuto Han, já vamos, só vamos conversar sobre coisas de garotas. - Me puxaram pra dentro. - Cê’ não viu a cara do Woozi, de ciúmes, quando você abraçou o Jeonghan kkkkkk.

- Ele não sentiria ciúmes de mim, ele não deve pensar em mim como outra coisa, a não ser como amiga. - Revirei os olhos.

Jisoo: Deixa disso. Vai lá na piscina pra ver como ele reage vendo você assim.

- Tá, mas só porque eu to com vontade de entrar na água.

Saí de dentro da casa, me jogando dentro da água.

Jeonghan: Essa é a ______ que eu conheço kkkkkk. - Demos um high five. - Melhor eu sair de perto de você, se não eu morro algum dia desses.

Olhei pra onde ele estava apontando e vi que Woozi estava nos encarando. Vou lá falar um pouco com ele.

- Woozi, tá tudo bem? Parece bravo.

Woozi: Se você ficar aqui comigo, sim está tudo bem.

- Você está agindo diferente, comparando hoje mais cedo.

Woozi: É só impressão sua.

- Tá, esquece.

Saí dali, com raiva do que ele está fazendo. Vou beber alguma coisa… Humm… Refrigerante.

Lisa: E agora a saga da ______ que nunca bebe!!! - Gritou para todos ouvirem.

- Prefiro ficar só assim mesmo, sóbria, porque eu sei que não vou fazer merda se eu não beber.

Só ouvi vários “OOOOHHHHH” ou “Uish, essa doeu até em mim” ou “ Entendi a referência”. Ri das reações e me sentei numa cadeira de praia, mexendo em meu celular.

Logo, estavam todos de banho tomados indo dormir, alguns sóbrios, outros nem tanto. Só faltava eu para tomar banho, fui rápida, meu pijama se consistia em um short curto e uma blusa comprida.

Fui para o quarto, Woozi já me esperava, eu ainda estava com raiva dele, por aquela bobagem. Só me deitei, de costas pra ele, e tentei dormir.

Acordo sentindo minha garganta seca, vou até a cozinha pegando um copo d’água e tomando com calma, sinto alguém me abraçar por trás e acabo levando susto.

Woozi: Está com medo por coisa dos filmes que a gente assistiu ontem?

- Não. - Revirei os olhos, sem tirar os braços dele de volta do meu corpo.

Sinto alguns selares molhados em meu pescoço.

- O que você está fazendo!? - Me afastei dele, olhando para seu rosto

Woozi: Uma coisa que estou a muito tempo querendo fazer, inclusive quando te vi com aquele biquíni.

Se aproximou de mim, tentei recuar mas havia uma mesa me fazendo ficar presa entre ela e ele.

- Woozi, o qu… - Um beijo, calmo porém quente o suficiente para me deixar um pouco excitada.

Ele segurou em minha cintura, apertando-me contra seu corpo. Separamos do beijo por falta de ar.

Woozi: Vamos para o quarto, é mais confortável do que cozinha. - Sorriu malicioso.

Me beijou novamente, agora mais ferozmente, andando às cegas pela casa. Quando chegamos no quarto, ele me jogou na cama, me fazendo bater contra o colchão macio. Se afastou, trancando a porta.

Woozi: Assim ninguém vai nos atrapalhar.

- Woozi… - Murmurou um “Hum”- Eu nunca fiz isso.

Woozi: Vou ser cuidadoso.

Deitou em cima de mim e começou a beijar meu pescoço, me fazendo soltar arfares. Desceu seus beijos até meus seios ainda cobertos.

Tirou minha blusa e, pela vergonha, os tampei.

Woozi: Deixe-me ver, não vejo a hora de marcar você todinha. - Fiquei mais excitada do que estava antes, destampei-os - São tão lindos quanto na minha imaginação.

Ri de sua perversidade, e ele atacou meu seio esquerdo, dando beijos molhados, mordida e chupando deixando poucas marcas.

Meus arfares se transformaram em gemidos baixos, eu estava indo às alturas. Trocou de seio, massageando o outro. Desceu mais, os beijos e os leves mordiscos, para minha barriga e para perto de meu íntimo.

Tirou as peças que restavam em meu corpo. Seus beijos vinham de meus pés até as partes internas de minhas coxas, deixando um chupão em uma de minhas coxas, bem perto de minha intimidade.

Colocou dois dedos perto de minha boca.

Woozi: Chupa.

Fiz o que me foi pesso, chupei seus dedos simulando um boquete. Quando os dedos já estavam bem lubrificados, massageou minha vagina com os mesmos. Introduziu um dos deles em meu sexo, fazendo movimentos de vai-vem enquanto sua língua passava levemente em meu clítoris.

Meus gemidos se tornaram mais constantes, mas continuavam baixos. Sinto ele colocar o outro dedo, gemi sentindo uma leve dor no local, mas não deixava de ser prazeroso.

Senti sua língua se tornando mais presente, rebolei tentando ter mais contato com a mesma. Os movimentos de seus dedos ficaram mais rápidos me proporcionando mais prazer.

Puxei levemente seu cabelo, ele me encarou sorrindo. Meu corpo pedia por mais, me sentia quente como o inferno, mas também às alturas como se estivesse indo para o céu ao chegar em meu ápice.

Woozi limpou os vestígios de gozo e de saliva em excesso se deitando sobre mim.

Woozi: Você tem um gosto muito bom, pequena. - Me beijou, fazendo-me sentir meu próprio gosto.

Coloquei minha mão dentro de sua camisa arranhando seu abdômen, ele cessou o beijo e tirou sua blusa e sua bermuda. Fiquei por cima dele, beijando seu pescoço.

Ouvia seus arfares, soavam como música para mim, deixei alguns chupões ali e desci para seu abdômen, também deixando uma marca. Ao chegar no cós da box, deixei alguns beijos ali, vendo seu membro se mexer.

Tirei a box que me atrapalhava, fazendo seu membro saltar em meu rosto. Segurei o mesmo lambendo a cabecinha avermelhada, ouvindo um gemido rouco sair de sua garganta.

Coloquei na minha boca uma parte de seu pênis, o que não coube estimulei com minha mão. Comecei a fazer movimentos com a cabeça, sentindo meu cabelo sendo segurado em um rabo de cavalo mal feito. Woozi empurrou minha cabeça para ainda mais baixo, me fazendo engasgar com seu membro.

Aumentei a velocidade da minha cabeça, ouvindo o mesmo falar coisas impuras e algumas vezes desconexas. Sinto seu membro pulsar mais e seu líquido escorrendo pela minha boca, engoli o que havia se derramado e passei um dedo em minha bochecha tirando dali uma gota de gozo, passei na língua tentando ser sexy.

Ele me fez sentar em seu colo, iniciando um beijo, tentando pegar algo no móvel presente ao lado da cama. Logo vejo o que ele estava procurando, uma camisinha. Ele a abre e reveste seu membro com a mesma.

Ele trocou as posições, me deixando por baixo.

Woozi: Se doer, pode arranhar minhas costas sem dó. - Assenti.

Segurou seu membro e, com dificuldade, introduziu apenas a cabecinha de seu membro. Eu gemi de dor e apertei minhas unhas na lateral de seu corpo.

Woozi: Quando se acostumar, me avise.

Se passou um curto período de tempo até que eu me acostumasse com seu membro.

- Pode começar. - Disse meio ofegante.

Ele começou com movimentos lentos, para que eu me acostumasse um pouco mais. Logo, já eram mais rápidos e precisos. Nossos gemidos começaram a ecoar pelo quarto, deixando o clima um pouco mais quente do que já estava.

- M-mais r-rápido.

Ele atendeu meu pedido, o barulho de nossos corpos se chocando se fazia presente no ambiente. Senti uma ardência na coxa, ao mesmo tempo de um barulho estalado ecoar pelo quarto. Gemi manhosa em resposta.

Woozi: Gosta disso, pequena? - Assenti.

Ele nos troca de posição e começa a estocar mais rápido, se era possível. Suas mão pousaram em minha bunda, apertando e batendo constantemente.

Levantei meu tronco, ficando reta, me apoiando em seu peitoral, enquanto ele colocou suas mãos em minha cintura pressionando-me para baixo. Quicando mais e mais, chegamos ao ápice praticamente juntos.

Me joguei ao seu lado, deixando minha cabeça em seu peitoral.

- Vamos tomar banho?

Woozi: Quer ir primeiro? Eu vou trocar a roupa de cama, não quero deixar esse trabalho pra dona da casa kkkkkk.

- Ok, eu vou.

Entrei no banheiro, já com minhas coisas, tomei um bom banho e escovei os dentes. Saí do banheiro, vendo Woozi sentado numa cadeira do quarto, ainda pelado.

Woozi: Achei que ia demorar mais. - Riu e me deu um selar entrando no banheiro.

Deito na cama ouvindo algumas batidas na porta.

- Quem é? - Gritei.

Jisoo: Quem tu acha que é pra ficar te espionando? A Lisa, óbvio.

Lisa: Olha só, você também ficou aqui escutando.

- Vocês estão aqui desde quando?

Jisoo: Desde quando vocês começaram a se beijar na cozinha, pois é, ouvimos tudo.

Lisa: Usaram camisinha, né?

- Sim.

Jisoo: Agora sim, é uma mulher de verdade kkkkkk. Agora vamos voltar para as cabanas, antes que alguém saia do banho.

- Boa noite, pra vocês também.

Voltei para a cama, me deitando esperando Woozi se deitar comigo. Vejo ele sair do banheiro e se deitar ao meu lado. Iniciou um beijo calmo, diferente dos anteriores, diria eu, apaixonado.

Woozi: ______, eu queria preparar algo especial… Mas não consigo esperar… - O olhei confusa - Quer ser minha namorada? Eu gosto de você desde que entrou na escola. Parece idiota dizer que foi amor à primeira vista… Mas foi o que senti.

- E-eu aceito. - Sorri e o abracei deixando vários beijinhos em seu rosto.

Deitei em seu peitoral e dormimos juntos, agora, como um casal.

*~Fim~*

 


Notas Finais


Muito obrigada por lerem.
Leiam minha primeira Fic/One Shot:
https://spiritfanfics.com/historia/one-shot--imagine-lisa-8682688
Minha próxima Fic, só vou postar quando ela estiver totalmente pronta e digitada, mas espero conseguir postar outras One Shots enquanto ela não fica pronta.
https://spiritfanfics.com/historia/i-love-my-hybrid--imagine-renjun-nct-10963364
Sigam meu insta de atualizações: @kat_uni_


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...