História OPOSTOS - Park Chanyeol - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Visualizações 139
Palavras 1.834
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Presente Recusado


Fanfic / Fanfiction OPOSTOS - Park Chanyeol - Capítulo 3 - Presente Recusado

Nas semanas que se seguiram eu havia pegado um ritmo muito bom, acordava todo dias as 8 tomava café, as 9 hrs eu ia pra aula de dança, montando coreografias e ficava lá até a hora do almoço, tinha o restante do dia pra entrevistas e sessões de fotos e a noite eu passava praticamente trancada no quarto compondo, que era minha hora favorita. A casa estava bem vazia agora que Jennie havia conseguido um papel num drama que estava sendo filmado em outra cidade e já que os meninos do Exo estavam fazendo muitas apresentações, muitas vezes eu só encontrava com eles de madrugada, e era sempre por um breve momento, eu era a única que ficava mais tempo em casa já que ainda não havia começado a fazer as apresentações ao público.

Acordei cedo, mas fiquei deitada olhando pro teto enquanto pensava um pouco, hoje é uma segunda feira, significa que praticamente todo mundo estava em casa e ninguém tem nada pra fazer, rolei na cama abraçando um dos vários travesseiros jogados na cama e estava pensando seriamente em ficar o dia todo na cama, quando alguém bateu na minha porta, eu me virei pra ficar de frente pra porta.

-Entra, tá aberta- a porta se abriu e Chanyeol estava parado bem na minha frente, por algum motivo só de olha-lo ali parado senti minha bochechas corarem. Ele deu um passo pra dentro do quarto, mas mantendo a porta aberta, parecia querer dizer algo, olhei pra ele esperando que dissesse alguma coisa, ele levantou as mãos bagunçou o cabelo meio envergonhado e sorriu.

-O que vai fazer hoje?-

-Estava pretendendo ficar o dia todo na cama- olhei pra ele desconfiada- Por quê?-

-Eu estou querendo comprar umas roupas no shopping e pensei que... talvez, se não for te incomodar é claro, você poderia me ajudar e depois podemos ver um filme, o que acha?-

Eu não tinha muita experiência com garotos, mas algo me dizia que aquilo quase soava como um encontro, eu pensei seriamente em dizer não, dizer não era a coisa mais fácil pra mim, mas ele estava ali parado, todo sem jeito e tão bonito, olhando pra mim como se pedisse colo e eu não pude dizer não.

-Ah, tudo bem, que horas você quer ir?-

Quando respondi seu rosto se iluminou, e ele deu um sorrisão digno de uma foto.

-Serio? Então podemos ir 4 hrs? Está bom pra você?

-Esta sim, 4 hrs então.

-Eu vou sair agora e deixar você, até mais tarde então.

-Até-

Ele saiu do quarto e eu desabei de novo na cama.

/Uau, ele me chamou pra sair, e eu aceitei/

Olhei pro relógio que marcava 2 horas, eu tinha exatamente duas horas pra me arrumar, me levantei e fui direto pro banho, lavei o cabelo escovei os dentes e sai do banho com um roupão de banho e uma toalha enrolada na cabeça, me sentei de frente pra penteadeira sequei meu cabelo e passei um pouco de maquiagem, nada de mais, só um rímel um batom e uma base, abri meu armário e fiquei parada lá por 20 minutos sem saber o que vestir, tirei inúmeras roupas e provei e nenhuma ficava boa, quando já estava desistindo, vesti uma jardineira rosa clara e uma camisa branca por baixo e gostei, a jardineira não era curta, mas deixava uma boa parte das minhas pernas a mostra, coloquei um tênis branco, peguei minha bolsa, conferi se meus cartões estava ali, peguei meu celular que estava conectado no carregador e olhei as horas 3 e 50, dez minutos sobrando, perfeito! Sai do quarto e fui tomar um pouco de água enquanto esperava o Chanyeol, quando entrei na cozinha, alguns dos meninos estava sentados a mesa, passei por eles abri a geladeira peguei uma garrafinha de água virei na boca.

-Uau, está bonita Bon Young, vai sair? – Sehun perguntou

-Vou, Estou mesmo?- disse colocando a mão na cintura

- Sim, muito, disse fazendo um gesto de joinha com as mãos.

-Então eu já vou, até mais tarde.

Caminhei em direção o elevador e encontrei o Chanyeol parado na porta olhando pros pés com as mãos enfiadas no bolso, ele estava com uma calça jeans branca e uma blusa azul clara, usava óculos de sol, quando me viu ele sorriu e chamou o elevador.

-Você fez de novo, não é?

-O quê? Perguntei sem entender mas sorri pela cara que ele fazia.

- Conseguiu ficar ainda mais bonita e eu achei que não era possível.

- Obrigada, você também está muito bem. O elevador chegou e nós entramos, quando descemos o carro já estava esperando, o caminho até o shopping foi mais rápido que pensei, e o shopping estava agradavelmente vazio, só algumas pessoas passavam.

-Então, em que loja quer ir primeiro? Perguntei e ele apontou pra uma loja um pouco a frente

-Que tal ali?-

-Serio? Uma livraria?

-Sim, não quer?

-Vamos nessa! Disse enquanto caminhava em direção a livraria. Escolhemos vários livros e eu comprei também muito mangás, e apesar do Chanyeol ter comprado muito, ele não conseguiu me superar.

-Você lê muito? Ele perguntou sorrindo, ele sempre estava sorrindo, era reconfortante olhar pra ele.

-Quase o tempo todo na verdade, quando tenho tempo livre ou estou compondo, ou dormindo ou lendo, mas isso- disse levantando uma das sacolas - Nãoo é tudo pra mim, vou dar uns dos mangás pro Xiumin, e um livro pro Sehun- Sorri pra ele me divertindo com as caras que ele fazia enquanto me escutava

-Se você não estivesse sorrindo desse jeito pra mim, eu possivelmente teria ficado com ciúmes disso.- disse e depois deu um piscadinha e sorriu, e eu quase morri ali mesmo com aquela visão.

/Se controle Young/

Decidimos entrar numa loja de roupas, assim que entramos fomos atendidos por uma garota um pouco mais velha que eu.

-Boa Tarde, posso ajudar vocês?- disse a atendente, olhei pro Chanyeol e depois pra moça e disse

-Camisas, ele quer comprar algumas, o que você tem da coleção nova?

-Toda essa parte faz parte da nova coleção, estão muito bonitas- disse enquanto me deixava olhar as roupas, Chanyeol se aproximou olhando as roupas e pegou algumas blusas e eu escolhi outras.

-Toma, prova essas, e saia aqui pra eu ver como ficou- joguei a pilha de camisas nele e me sentei no sofá em frente do provador. Ele saiu com a primeira blusa que eu havia escolhido, era uma camisa branca com o colarinho preto, ficou muito bem nele, mas confesso que o mérito não era da roupa.

-Hmm, próxima.

Ele sorriu e tornou entrar no provador saiu de lá alguns instantes depois com uma blusa de manga comprida roxa, ele estava perfeito, olhei pra ele avaliando a peça, fui até as roupas peguei um sobretudo cinza e joguei, ele vestiu e ficou perfeito.

-Agora ficou perfeito, você devia levar- disse pra ele enquanto ele se olhava no espelho avaliando o conjunto

-Uau, você é muito boa em escolher roupas pra ele, você tem sorte por ter uma namorada com um bom gosto desses- A atendente disse e instantaneamente fiquei corada

-Não somos namorados- eu e ele dissemos na mesma hora.

-Oh, desculpe achei que fossem, vocês ficam bem juntos, parecem até um casal de um drama de tão lindos que ficam juntos. – disse sorrindo

-Obrigada- disse sem graça, depois de quase morrer de vergonha, escolhemos mais algumas camisas e Chanyeol levou a roxa que eu escolhi com o sobretudo, duas blusas brancas básicas duas pretas e uma vermelha, escolhi nove camisas e comprei, cada uma de uma cor, eram muito bonitas, quando Chanyeol se aproximou olhou todas as blusas que eu havia escolhido e me olhou estranho.

-Vai levar essas blusas? Porquê?

-Olha, são 9 camisas, uma pra cada um de vocês,

-Não precisa comprar roupas pra gente.- disse meio estranho

-Eu não me importo, gosto de dar presentes- disse enquanto passava o cartão de crédito e digitava a senha. A moça da loja embalou tudo e nós saímos da loja e fomos direto pro cinema com os braços cheios de sacolas, felizmente a sala estava vazia, então não teve ninguém pra reclamar do nosso barulho enquanto entrava com todas aquelas sacolas.

O filme que estávamos assistindo era um drama de guerra, eu adorava filmes assim, enquanto assistíamos notei que ele não estava mais sorrindo tanto como antes e tentei anima-lo.

-Eu adoro quando você sorri, sabe porquê?-

Ele sorriu e uma covinha apareceu na sua bochecha

-Porque você tem duas convinhas que aparecem quando você sorri- disse enquanto colocava o dedo na sua bochecha, fazendo ele sorrir mais ainda, ele tirou meu dedo e ficou segurando minha mão enquanto olhava pra mim, por um momento eu pude jurar que vi ele olhar em direção a minha boca e sem perceber acabei molhando os lábios com a língua, quando percebi o que havia feito soltei sua mão e voltei a prestar atenção no filme. O filme acabou e fomos direto pra casa, chegando lá todos estavam na sala e ficaram em silêncio quando me viram entrando  acompanhada do Chanyeol.

-Vocês saíram juntos?- Chen perguntou sorrindo – Park Chanyeol ataca outra vez-

-Cala a boca Chen- Chanyeol respondeu sorrindo

-Saíram ou não? Chen insistiu, quando Chanyeol estava prestes a responder seu amigo eu interrompi e falei antes que ele pudesse dizer algo.

-Não saímos, mas acabamos nos encontrando na mesma loja e voltamos juntos- eu respondi e o Chen olhou pro Chanyeol que agora estava com um semblante fechado.

-Comprei presentes pra vocês- disse tentando quebrar o clima.

Todos se aproximaram e eu fui entregando uma sacola pra cada, todos eles adoraram as camisas e eu acertei direitinho nos tamanhos.

-Uou, você tem bom gosto, eu amei essa blusa- Kai disse animado

-Eu fiquei sexy com a minha- Baekhyun disse fazendo pose e todos riram, quando fui entregar a camisa que eu havia comprado pro Chanyeol ele olhou pra mim mas não pegou a sacola

-Não quero, pode dar pra outra pessoa se quiser.-disse enquanto saia e ia em direção ao quarto, fiquei sem reação, mas fingi que estava bem, dei um sorrisinho e peguei as sacolas dos livros.

-Sehun e Xiumin, vocês podem me ajudar com os livros? – Perguntei e os dois levantaram pegaram as sacolas e levaram pro meu quarto, entreguei o livro que havia comprado pro Sehun e ele não parou de me agradecer até sair do quarto, entreguei os mangás pro Xiumin que me agradeceu e se sentou no tapete ao lado da cama.

-Se importa se eu ficar aqui e ler os mangás? – perguntou. Eu sabia o que ele estava fazendo, ele sabia que eu estava chateada, mas ele sabia que eu não queria dizer nada, então só ficou ali, pra não me deixar só.

-Obrigada, por não perguntar- sorri me sentindo grata por ter conhecido alguém como ele

-Disponha Srta Park- pegou uma almofada e ficou ali deitado no tapete lendo enquanto eu fiquei suspirando abraçada a um presente que não foi aceito.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...