1. Spirit Fanfics >
  2. Opostos >
  3. Obrigada por abrir meus olhos

História Opostos - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Obrigada por abrir meus olhos










Shikamaru 






- Porque está dizendo isso? -  Ela perguntou enquanto me olhava desconfiada.





A verdade era que só tinha feito aquela aposta porque queria me livrar da Temari, mas agora aquela aposta não valia a pena porque eu tinha começado a gostar dela e não queria que ela se afastasse de mim, não mais. 




- Porque eu não que você pare de gostar de mim. 





O olhar dela amoleceu porém ela não me respondeu de imediato, ela abriu o short e tirou de lá uma ficha que me fez arregalar os olhos ao perceber que era a minha. 



- Onde você conseguiu isso? - Disse, começando a ficar nervoso. 




- Eu gosto de você shikamaru, de verdade. E acho difícil alguma coisa me fazer parar de sentir isso por você. - Ela falou mas a única coisa que eu consegui processar foi as mãos dela abrindo aquele maldito papel - Me desculpe mas eu tenho que saber que segredo é esse. 




Naquela altura eu já não podia fazer nada, então apenas observei com o peito apertado ela ler palavra por palavra daquela ficha. Angustiado com a possibilidade dela sentir nojo de mim assim como toda a minha família e não querer mais falar comigo. 




Quando Temari terminou de ler e me fitou duramente eu apenas esperei o sinal de rejeição dela que não demorou muito para se manifestar. Ela se levantou da cadeira e seu rosto ficou totalmente vermelho de raiva antes dela virar a mesa do almoço com um chute, fazendo todo mundo no refeitório olhar para nós dois. 




- Você me enganou! Em pensar que eu quis ter alguma coisa com você. - Temari gritou me olhando com desgosto enquanto tremia de raiva - Mas pelo menos falou a verdade quando disse que eu perderia a vontade de transar com você porque eu não consigo nem olhar na sua cara. 




E então ela saiu do refeitório. 





Passei algum tempo encarando o lugar onde ela estava antes de começar a soluçar, sabia que todo mundo estava olhando para mim naquele momento mas não consegui segurar o choro. Eu que tinha começado com isso tudo fazendo aquela aposta idiota, eu merecia aquilo. 




- Parabéns Shikamaru, você sempre consegue afastar todo mundo. - Sussurrei para mim mesmo.





 …..




Temari





Ainda tremendo de raiva fui correndo até o quarto de Gaara, querendo mais que tudo um abraço. E quando finalmente cheguei lá me joguei na cama dele sem dizer nada e como sempre ele me consolou. Aquela era a parte boa de ter um irmão, eles sempre vão estar lá por você. Fiquei por alguns minutos que mais pareceram horas abraçada a ele enquanto choramingava, e ele esperou pacientemente até que eu me sentisse bem para falar.





- Eu gostava tanto dele Gaara, e ele me enganou. - Falei baixinho.




- O Shikamaru? - Ele perguntou e eu assenti -  É sobre a ficha dele? 




-  Olha o que eu descobri. - Disse antes de entregar a ficha a ele. 



Gaara leu tudo rapidamente e eu esperei que ele tivesse a mesma reação que eu porém sua expressão nem ao menos se alterou. 



- Temari, eu pensei que ele tivesse feito algo sério pela sua reação. Que susto. - Gaara falou como se o que ele tivesse acabado de ler não fosse nada demais. 



- Isso não é algo sério!? 




- Ele é apenas um homem trans, não vejo o que tem demais nisso.




- Ele é uma MULHER. - Fiz questão de levantar o tom na última palavra - Se ela tivesse sendo sapatão no lugar dela eu também não veria nada demais, porém ela resolveu brincar com os meus sentimentos e mentir para mim. 




Gaara me olhou com tédio antes de suspirar alto, como se estivesse prestes a explicar algo para uma criança mesmo eu sendo mais velha. 




- Temari eu tenho certeza absoluta que o relacionamento de vocês começou com você tentando seduzir ele, não ao contrário. Ele não mentiu para você ele é um homem. Se você está preocupada com o fato dele ter alguma parte feminina pode ficar tranquila porque pelo que eu vi no vestiário ele já fez a cirurgia de redesignação sexual mesmo que isso não importe muito. Eu ainda não entendi o porquê de você ter reagido tão mal. 



- Porque que eu reagi tão mal? Ela é gay, uma mulher tentando ser homem. - Falei sem rodeios. 



- Eu também sou LGBT, você vai começar a me odiar e me discriminar por isso? 




Olhei para ele com descrença antes de começar a rir de nervosismo. 




- Você não precisa fazer isso para defender ele, eu sei que você não é, você já teve uma namorada. 




- Eu também já tive um namorado, vários para falar a verdade. 





Aquilo me acertou em cheio, porque eu sempre sabia quando o Gaara estava mentindo e aquele não parecia ser o caso. Sempre imaginei que gays fossem afetados e até mesmo afeminados mas o Gaara nunca foi assim, ele sempre foi o Gaara…E eu não conseguia odiar meu irmão caçula só pelo fato dele ter se relacionado com outros homens. 




- Eu não te odeio Gaara, eu amo você. 




- Eu sabia que você iria dizer isso. - Ele sorriu - A gente nasceu em uma família muito conservadora e eu entendo você, mas pensa em tudo que você sofreu por ter esses pensamentos feministas. Você quer tratar as pessoas do jeito que o nosso pai te tratou? Esse tipo de pensamento do século passado que fez com que ele te expulsasse de casa invés de te ajudar quando descobriu sobre sua doença. 




Gaara tinha razão, eu estava pensando como uma mulher das cavernas, assim como o papai. Mas era tão difícil pensar diferente quando você foi criada com esse tipo de gente.



- Você tem razão. - Murmurei - Eu estou sendo idiota…




- Porque você não tenta ser compreensiva com o shikamaru como foi comigo? Eu tenho certeza que você gosta muito dele. - Gaara disse ainda com aquele sorriso acolhedor no rosto - Você o conheceu como um homem, o trate como um, quem ele foi no passado não importa. Até porque ele conhece o seu passado e te aceitou mesmo assim. 




Senti algumas lágrimas caírem pelo meu rosto e funguei baixinho ao me lembrar de como shikamaru ficou preocupado com minha reação e de como eu o tratei logo depois mesmo dizendo que nunca deixaria de gostar dele. Mas como Gaara havia dito, eu ainda gostava muito dele mesmo depois de saber a verdade. 




- Eu tratei ele muito mal Gaara, como faço para me desculpar? 




- Olha Temari pelo o que eu li nessa ficha ele está aqui porque entrou em depressão depois que a família dele o rejeitou, isso é algo muito delicado. Fala sobre como você se sentiu na hora e como percebeu que estava errada quando ficou de cabeça fria, seja sincera sobre os seus sentimentos. 




- Vou falar com ele. - Disse limpando as lágrimas e levantando da cama decidida - Obrigada por abrir meus olhos. 










 







 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...