História Opostos -Imagine Jungkook (BTS) - Capítulo 29


Escrita por: ~ e ~unicooornio

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Lisa, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bangtan Boys, Bts, Híbrida, Imagine Jungkook, Lie
Visualizações 171
Palavras 1.092
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii. Demorei, neh ?


Peguem! Isso é alimento para a alma que eu sei....


Boa Leitura ♡ ^-^

Capítulo 29 - História...


Fanfic / Fanfiction Opostos -Imagine Jungkook (BTS) - Capítulo 29 - História...

• Mal acordei e já tem gente pegando no meu pé,com certeza são aqueles que se diziam ser meus pais.


• Eu- O que vocês querem seus monstros ? Querem destruir minha vida novamente, Vocês não acha que já fizeram isso até demais ?


• JS- Olha, nós queremos que você entenda que... não foi de propósito, isso foi algo que aconteceu no decorrer da vida, não queríamos mais te machucar, me perdoa ? - para que ela está se desculpando, eles estão realmente escondendo alguma coisa de mim.


• Eu- Só me respondam. Por que vocês pedem simples desculpas idiotas ? para que perdi perdão por algo que você já cometeu ? isso é algo que não se perdoa, mas se apaga com tempo coisa que eu não quero que aconteça eu só quero ter ódio de vocês, ódio guardado e a não ser que me contem essa história inteira esse ódio só vai crescer mais e mais. Por favor, Me explique o motivo dessa história e o motivo de tudo ter acontecido, o motivo de eu estar aqui no lugar da minha verdadeira mãe.... eu só queria saber a verdade... - sinto pequenas gotas escorrerem por minha face.


• P/JK- Vamos contar para você. Mas eu quero que você lembre, não tenho afeto guardado por você, isso foi apenas uma enganação que funcionou por anos e anos sem você saber a verdade, e quero que saiba que você não é nada para mim que eu simplesmente quero esquecer que te fiz, esquecer os momentos nos quais eu não fui eu para ver se valia a pena estar ao seu lado - fecha os olhos.


• P/JK- Eu me apaixonei pela sua mãe muito jovem, Eu sabia que ela não ia ser aceita na minha família várias pessoas ricas e que não dariam a mínima para ela. Minha família se resume apenas pessoas da alta sociedade, sua mãe não era isso, minha família inteira guardou mágoas por anos e anos, até que um dia simplesmente eles explodiram... não conseguiam aguentar ter um membro na família que se casaria com uma mulher que não tivesse status. Uns anos depois eu tive que me afastar, já era tarde demais....você estava sendo gerado. Com o tempo eu aprendi a esconder tudo isso, mas um dia descobriram e não passou de uma farsa, fizeram possível para me afastar de vocês, Óbvio que não deu certo, você ia nascer em poucos dias e eu seria um covarde se não estivesse lá para assumir. O dia, o grande dia havia chegado... Foi emocionante ver seu nascimento, uma pessoa que você ama dando vida a um pequeno fruto do amor de duas pessoas. Eu estava muito feliz vendo tudo aquilo, vendo a sorte que eu tinha. Até que... algo que não estava nos planos aconteceu, duas vidas em risco e uma viveria e a outra iria embora para sempre. Eu tinha tanta certeza de que a vida seria plena mesmo depois da partida dela, realmente uma mulher incrível que deu sua vida por um pequeno ser humano que ela não sabia se faria bem ao mundo ou mal. - ele chorava enquanto Jisoo observava de cabeça baixa.


• Eu- E-eu quer-ro saber o-o resto...- chorava enquanto desciam lágrimas de dor e ódio.


• JS- Ela era minha irmã, eu era apaixonada pelo seu pai mas ele não ligava para mim, sempre quis ter a sorte na minha irmã, afinal, éramos gêmeas, por esse pequeno detalhe você nunca duvidou que eu fosse sua mãe. Ela disse para mim cuidar de vocês, eu consegui o que eu queria mas perdi a minha irmã. Jungkook, iriamos salvar você e cuidar de você, fica difícil quando você se apaixona pelo inimigo, e foi o que aconteceu... sabemos que está apaixonado pela S/N, não sabemos que ela é filha dos S/Sobrenome. Não se preocupe eu entendo, seu pai já por outro lado não compreende que não mandamos no coração, não se preocupe ele vai acabar entendendo. - dá um sorriso amigável. 


• P/JK - Já que nós nos entendemos, eu só quero que você suma da minha vida, esqueça que me conheceu. Esqueça essa história também, você simplesmente é um órfão e se quiser morar com aqueles seus amigos igual o Jimin fez, não quero nunca mais saber de você ok ?! - diz e sai.


• JS- Jungkook, eu irei lhe ajudar no que precisar eu sei que seu pai tem essa carinha maravilhosa de meter medo, mas.... vai por mim, ele tem um lado muito bom só que ele quer esconder por trás de mais uma das máscaras da sociedade. Lembre-se - Eu irei ajudá-lo no que der e vier, para isso que servem as tias madrastas ??? - sorri - Adeus Jungkook, I love you ! - diz em inglês me fazendo rir.


• Com certeza minha vida está bem louca, mas do que já estava antes, mas agora eu tenho permissão para a Coreia viver minha vida, eu espero que o que a Jisoo tenha certeza do que disse. Pensamentos vinham e iam, e assim pude finalmente dormir.


S/N ON


• Acordo de manhã novamente com aquela droga chamada preguiça que é o Mozão da minha vida. Eu sempre pensando de Jungkook, me pergunto se ele está bem se já encontrou outro alguém ou se tá lá mó gayzão. Simplesmente ele não sai mais dos meus pensamentos, Sério que eu vou ter que aturar ele pelo resto de dois anos inteiros um milhão de milhas de distância ? As vezes reflito à Vida e lembro que eu sou uma trouxa.
• Sabe quando você reflete sobre a vida e pensa em um milhão de coisas que você poderia ter feito mas fez a mais errada. Até que meus pensamentos altos e bem estranhos são interrompidos por uma chamada de ninguém mais ninguém menos que.... aqueles Monstros ? Deus é Pai !!!


• Mesmo que eu não queira atender essa linda e maravilhosa ligação, vou atender para esfregar na cara de como minha vida está maravilhosa.

Ligação ON

• Eu- Quem infelizmente está vivo sempre aparece, não ? - digo irônica. 


• Vó- Estamos indo visitar nossa querida netinha, quero saber como está a sua vida como você está aí, se irá morrer ou iremos aturar você por longos e longos anos! 


• Eu- T.O.P, espero que o avião caia, Tchau! - desligou na cara dos monstros.


• Agora vou ter que aturar aqueles monstros na minha vida. Vou nem perguntar se tem como piorar porque aí sim vai piorar.


Notas Finais


Uiiii. Asdoron! Gentiiii caso não conheçam, pesquisem High Hill e Wibe. Simplesmente maravilhosos.

Não fiz um enorme, sorry ;-;


Chau meu amores !♡

* Não fiz revisão.. ..enton, deve ter erros.*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...