História Opposites ( Mitw ) - Capítulo 2


Escrita por:

Visualizações 58
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção Adolescente, LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meu povo, aqui vem mais um capítulo da fanfic de Mitw, YEEEE

Espero que gostem!
Boa leitura <3

Capítulo 2 - Capítulo 2- Internato


Canadá- 12 de abril de 2018- 18 horas e 17 minutos 


Antes 


Quarto 206 era o meu, e do Cell era o 207, um ao lado do outro, infelizmente ainda não sabíamos quem eram nossos colegas de quarto, e só iríamos saber quando eles chegassem. Depois de um tempo finalmente chegamos nos quartos, peguei minha chave e abri a porta me deparando com um quarto bem organizado, talvez o internato não fosse tão ruim assim. Entrei dentro do mesmo e vi que tinha várias malas ali, pelo visto meu colega ja havia chegado, me sentei na cama disponível e comecei a tirar as coisas de minha mala e a guardar nas gavetas e no guarda roupa que havia ali. 


Agora 


Depois de um longo tempo eu finalmente havia acabado de guardar minhas coisas, me deitei na cama e fechei os olhos por um instante, pensando se deveria ir conhecer o internato sozinho ou com o Cell. E talvez fosse realmente melhor ir com o Cell. 

Me levantei da cama e sai de meu quarto, fechando a porta em seguida e indo até o quarto do Cell, que por sorte era do lado do meu, bati na porta e logo um garoto apareceu. 


O observei, meu coração começou acelerar no mesmo tempo em que meu rosto começou a queimar, minhas mãozinha tremiam e eu tinha certeza que iria gaguejar, pq aquilo estava acontecendo comigo? Em nenhum momento da minha vida aquilo aconteceu, nem quando eu namorei com a Maria. 


— Em que posso ajudar ? — O garoto perguntou olhando para mim, sua voz era calma e doce, mas ao mesmo tempo era agressiva e grossa, sim eu sei, bem estranho. Aquela voz me fez delirar, uma simples voz mecheu tanto comigo. 


— O-O C-Cellbicha, n-não digo o Rafael Lange, está ai ? — Abaixei minha cabeça tentando esconder meu nervosismo. 


— Uhum, entra. — Ele disse dando um sorriso de lado e dando espaço para que eu conseguisse entrar. 


Assim o fiz, entrei sentindo o olhar dele em mim, e fui até o Cell que estava sentada na cama tirando as roupas da mala. Me joguei ao seu lado e gargalhei. 


— Eae Cellbicha. — Falei, tentando provocar o mesmo. 


— Cale a boca, Pac. — Ele falou dando uma risada e voltando a arrumar as coisas, peguei algumas coisas e resolvi ajudar o mesmo. Vi o colega do Cell saindo do quarto, nos deixando sozinhos. 


— Quem é seu colega de quarto?. — Falei, me referindo ao garoto que estava no quarto mas acabou saindo. 


— Uh, o nome dele é Mike, e o seu ?. — Ele falou revirando os olhos quando disse o nome do colega, dei um sorriso e abaixei a cabeça.


— Ele já chegou, mas ainda não o conheci. — Falei dando um longo suspiro, e o silêncio reinou. Após um tempo terminamos de arrumar as roupas de Cell, nos levantamos e saímos do quarto, começamos a caminhar em lugares aleatórios afim de conhecer um pouco mais o internato. Cell achou uma sala de games, o lugar preferido dele e eu uma biblioteca, no caso meu lugar preferido. Resolvemos ir para a secretária, para podermos colocar em nossa lista de aula algum curso que nos interessasse. Podia adicionar até três cursos, pelo que Cell havia me falado. 


— Olá. — Falei para a secretária que logo parou o que estava fazendo e me entregou um papel com os cursos que tinha, peguei o papel e voltei para perto do Cell, pensando em qual curso iria querer.


Administração


Informática


Teatro


Canto 


Dança


Enfermagem


Astronômia


Nutrição


Designer Gráfico


Games 


E mais uns 200 outros que haviam no papel, mas que eu não havia prestado atenção. Olhei para Cell vendo ele assinar seu nome em três cursos, logo voltei a atenção para o papel em minhas mãos, estava com um certo receio de me inscrever em algum curso e acabar não gostando, mas mesmo assim o importante era que eu teria experiências novas. 


Suspirei e anotei meu nome em três cursos, assim como Cellbit, e por acaso acabou ficando


Administração- Rafael 


Informática


Teatro- Rafael 


Canto- Tarik 


Dança


Enfermagem


Astronômia- Tarik 


Nutrição


Designer Gráfico


Games- Tarik, Rafael


Entreguei o papel para a secretária que logo pegou e anotou alguma coisa, saímos da secretária e fomos caminhando até o refeitório, já era umas 19 horas e minha barriga a cada minuto pedia comida. Não demorou muito e logo encontramos, o barulho também acabou ajudando um pouco, entramos no refeitório e vimos o quão lotado estava, fomos caminhando até aonde as tias da cantina estavam e acabamos pedindo algumas besteiras, nos sentamos em uma mesa vazia e começamos a comer. Logo vimos o colega de quarto do Cell chegar com alguns outros garotos e mais algumas garotas, ele estava na frente de todos junto com uma garota que estava de mãos dadas com ele. Eles logo foram até uma mesa disponível que era um pouco próxima da nossa, não sei por que, mas aquela cena de Mike com a garota me fez te uma sensação estranha, por que eu estava sentindo uma vontade de dar na cara daquela vagabunda? Afinal, conheci Mike há poucas horas. 


Suspirei e terminei de comer junto com Cell, nos levantamos e fomos caminhando para fora do refeitório, iríamos subir uns 5 lances de escada para conseguir chegar em nosso quarto. Cell estava cansado da viagem, assim como eu, então decidimos ir para nossos quartos dormir um pouco. Cheguei em meu quarto e fui entrando no mesmo, vi um garoto deitado na outra cama e logo deduzi ser meu colega de quarto, me direcionei para minha cama e me joguei na mesma recebendo uma risada do garoto. 


— Me chamo Felipe, mas pode me chamar de Felps, e você é?. — Ele perguntou curioso, se ajeitando na cama e largando o livro que estava a ler. 


— Tarik, mas pode me chamar de Pac! _ Falei dando um sorriso amigável para o garoto, querendo ou não iria precisar de amizades ali. 


— Primeiro ano aqui ? — Ele perguntou e eu assenti com a cabeça, olhei ao redor do quarto e pensei em arrumar do meu jeito. 


Ficamos conversando durante um tempo até que fomos dormir, peguei meu celular e respondi algumas mensagens de meu pai, fechei meus olhos e logo adormeci. 


Notas Finais


Capítulo feito por: @giuhsz
Revisado por: @giuhsz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...