História Opostos se atraem!!! - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bottom!jungkook, Bottomnochu, Depressão, Jikook, Jikook Abo, Jimin, Jimin!alfa, Jungkook, Jungkook!ômega, Menção Namjin, Menção Vhope, Mpreg, Suícidio, Top!jimin
Visualizações 463
Palavras 1.101
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Ficção, Fluffy, Luta, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom pessoas desculpe o pequeno atraso, mas eu tive imprevistos. Eu pretendia postar ontem ,mas uma tia minha faleceu e minha vida entrou de cabeça pra baixo ontem, então desculpe. E desculpe os erros, eu não tive tempo para revisar.

Capítulo 17 - Capitulo 17


*Jimin*

Eu havia acabado de acordar com o barulho irritante e estridente do maldito despertador, que avisava quando deveria acordar e me arrumar para ir para a escola. Então de saco cheio do barulho alto e irritante, decido que deveria começar a me arrumar. Quando fiz menção em levantar, sinto um pequeno e leve corpo sobre mim, que logo percebo ser Jungkook. Assim que vejo seu belo rosto lindo e sereno, penso mais uma vez se deveria ir mesmo a escola. Em meio ao pensamento acabo por me lembra o ocorrido na escola. Aquela maldita imbecil! O kookie ficou tão triste com o que ela havia dito, que dava pra ver até em seus próprios olhos tristes e marejados.

Com um pouco de esforço me levanto com muito cuidado para não acordar o outro – que não sei como ainda continua dormindo com toda essa barulheira, mais ele parecia realmente cansado – e me dirijo a bancada do meu quarto, que no caso se encontrava do outro lado do cômodo e desligo aquele maldito despertado. Ai você me pergunta, “Jimin por que seu despertador fica do outro lado do seu quarto?” então eu te respondo. Minha omma colocou ali para garantir que eu acorde, já que para desliga-lo eu preciso me levantar e ela sabe que eu não consigo mais dormir se eu levantar, só se eu estiver bem cansado, que é o que esta acontecendo nesse exato instante.

Assim que me viro para olhar Jungkook na cama, percebo que ainda estávamos sem roupa. Nos estávamos tão cansados depois daquilo, que nem nos preocupamos com isso.

Quando me aproximei do mesmo, pude notar o mesmo tremer um pouco, visto que estávamos com o ar condicionado ligado e sem nenhuma roupa para variar.

Então vendo como Jungkook estava tremendo, resolvo colocar pelo menos uma cueca e um moletom no mesmo.

(...)

Dito e feito, coloque a boxer e o moletom no mesmo com o maior cuidado possível, para que ele mesmo acordasse.

Eu realmente não queria incomodar seu sono, para que o mesmo só colocasse uma roupa. Mas confesso que tive um pouco de dificuldade, já que tinha que ser o mais cuidadoso e delicado possível com o mesmo, para que ele não acordasse. Eu não queria acorda-lo, pois sei que ele estava cansado e acima de tudo, não queria parar de olhar aquela carinha angelical e delicada dele, ele estava tão fofo que eu ficava com vontade de guardar ele em um potinho e proteger do mundo.

Depois de um tempo observando o mesmo – já vestido com uma cueca e um moletom meu, que ficou um pouco maior do que achei que ficaria – decide ver se as cozinheiras já haviam feito o café da manhã visto que já eram quase 8 horas da manhã.

Assim desço as escadas e encontro as duas betas terminando de arrumar algumas coisas na cozinha. Quando me aproximo mais, as mesmas notam a minha presença e logo coram envergonhadas, já que estava com uma calça moletom e uma regata, que deixava meus músculos bem visíveis, mas eu não me importei, visto que elas não ousavam falar nem um “ah” na minha presença. Com isso dou um suspiro cansado e falo para as mesmas que prestavam atenção em cada ação minha.

-Bom se vocês quiserem já podem ir. –Falei para as mesmas. O fato de eu ter dito isso, é que queria ficar mais tempo com ele se possível.

-Mais senhor, nos ainda não fizemos o almoço. –Falou uma das betas, evitando olhar para mim.

-Não é necessário me chamar de senhor. E também não é necessário que façam o almoço, eu sei me virar. Podem tirar o resto do dia de folga. –Falei e as mesmas fazem menção em dizer algo, mas lanço um olhar pedindo para as mesmas não insistirem no assunto e as mesma só se olham entre si e afirmam com a cabeça falando.

-Ok Senhor. –Falaram uníssono, logo saindo do local, me deixando sozinho.

(...)

Depois de um tempo após me certificar que elas já tinham ido embora, me dirijo até o armário da cozinha pegando uma bandeja. Assim que a pego, me direciono para a mesa onde estava o café da manhã preparado pelas empregadas e logo deixando tudo arrumado na baandeja, para leva-la para Jungkook.

Assim que está tudo organizado, subo as escadas devagar e cuidadoso, para que não ocorra nenhum acidente que possa comprometer a pequena surpresa de café da manhã na cama.

Quando chego em frente a porta do quarto, com cuidado, uso meu cotovelo para abaixar a maçaneta da porta, para assim abri-la. E assim foi feito. Com cuidado para não fazer barulho, deixo a bandeja na cômoda ao lado da cama, me dirijo até a janela e a abro ainda sem fazer barulho e olho para o mesmo que parece incomodado com a claridade, mas mesmo assim não acorda. Então me aproximo da cama com cautela e me sento na beirada da mesma, começando a fazer um cafuné na cabeça de Jungkook que começa a ronronar em resposta, e logo deixo um pequeno sorriso de canto escapar de meus lábios e logo começo a chama-lo de forma doce.

-Jungkook. Acorda, vamos. –O chamei continuando a fazer carinho em seus fios negros e sedosos.

-Hum. –O mesmo murmura ainda sem acordar totalmente.

-Vamos Jungkook. Você precisa acordar para comermos. –Falei ainda de forma doce, mas agora distribuindo beijos por seu lindo, sereno e delicado rosto, mas dando selares principalmente em seus lindos lábios vermelhos e de sabores viciantes.

-Jiminie? –Falou rouco – pelo sono e falta de uso de sua voz –abrindo os olhinhos lentamente.

-Oi Kookie, eu te trouxe um café da manhã. –Falei para o mesmo, que me fitou confuso e levantou seu tronco lentamente.

Assim que o mesmo ficou completamente sentado, ainda me fitando confuso, pego a bandeja que estava no cômodo ao lado da cama e coloco em seu colo.

-Jimin, p-por que fe-fez iss-so? Perguntou gaguejando, ganhando um tom ainda mais rubro em suas bochechas.

-Eu queria te fazer algo especial, já que ágoras somos oficialmente namorado, eu quero ser um pouco mais atencioso. Você merece até mais que isso na minha opinião. –Falei dando um beijo rápido – porém gostoso – em seus lábios.

-Obrigado Jimin. –Falou me dando mais um beijo, um pouco mais demorado que o anterior.

-De nada meu anjo. –Falei olhando o outro começando a comer de um jeito extremamente fofo e infantil, enchendo suas bochechas rubras de comida, logo me fitando e me dando um singelo sorriso de coelhinho.

Eu espero que nada de ruim aconteça com o nosso recém relacionamento.


Notas Finais


Bom eu fiz um grupo que quiser entrar. Só fiz ele pra discontrair, eu não tenho nada pra fazer kkkkk. bjs e até a proxima <3

https://chat.whatsapp.com/CemJ8yEqd15LweI4f7Yqrc


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...