História Oppa Hyungwon - Capítulo 43


Escrita por: , Lilly18 e Harley3002

Postado
Categorias Monsta X
Personagens Hyung Won, I'M, Joo Heon, Ki Hyun, Min Hyuk, Personagens Originais, Show Nu, Won Ho
Tags Comedia, Diversão, Hentai, Hentai Hyungwonho, Hyungwonho, Imagine, Kihyuk, Lemon, Monbebe, Monsta X, Yaoi, Youhyung
Visualizações 91
Palavras 2.062
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Novo cap, yeeey

Boa leitura, desculpa qualquer erro.

Por favor, se puderem leiam a minha última nota no fim do capítulo

Capítulo 43 - Que saudades de vocês!


Fanfic / Fanfiction Oppa Hyungwon - Capítulo 43 - Que saudades de vocês!



   *POV S/N*

    Acordo antes do meu despertados às 06:17. Que raiva, só porque eu queria dormir mais um pouco antes de abrir.

   Me levanto naquele pique maroto de zumbi me arrastando até o banheiro. Faço tudo o de costume, mas hoje decidi sair sem maquiagem.

   Ontem foi um dia muito divertido com os meninos, mas hoje eu vou tentar me encontrar com as meninas! Melhor eu ligar logo pra elas antes de abrir a loja.

           *tu.... Tu... Tu...*

    — Alô? Quem fala?— Essa era a voz da Myunghee.

    — Alô, aqui é a S/N, lembra de mim, unnie?

   — OIII! Você tá sumida hein!? Estávamos tão preocupadas contigo.

     — Bom, eu liguei pois pensei que estariam preocupadas e gostariam de sair hoje pra descontrair, o que acha?

   — Claro que sim! Que tal... Irmos a um zoológico?

   — Sabe que sou contra ver animais enjaulados e muito provavelmente sendo maltratados me da muita raiva só de pensar.

    — Ah, sim... Então oque acha de irmos a um parque de diversões e depois a uma pizzaria.

   — Dessa eu gosto bem mais! — solto uma risada.— Que horas é um bom horário pra vocês?

   — Bom... Pode ser umas 15 horas? Temos que ir pro treino.

   — Pode ser sim, tá ótimo.— Tá mais que ótimo, dá tempo de fazer muita coisa.

      — Então tá marcado, vou falar com as outras, quando chegarmos te ligamos.

    — Vamos Myunghee, vamos nos atrasar.— grita Jiyoon ao fundo.

    — To indo unnie!! — Grita com o telefone perto da boca, admito que levei um sustão.— Tenho que ir, beijos dongsaeng.

         *Ligação off*

 Vamos lá, hoje temos muito a trabalhar, abro a lojinha e rapidamente enche o lugar, muitos pedidos e correria.

 — Minha jovem, é só você trabalhando aqui? — Uma senhora me chama.

 — Sim, essa lanchonete era do meu pai, e eu a recebi diretamente dele como presente, e eu sei me virar sozinha.

 —  Verdade, mas caso precise de contratar pessoas para ajuda-lá a cozinhar e servir... Eu estou desempregada a um tempo e estou a procura de algum trabalho que me dê algum dinheiro, não precisa ser muito... Só algo pra me sustentar temporariamente.

 — Ah meu deus...— Isso doeu em mim, até porque ela estava começando a ficar com o tom de voz como se fosse chorar.— Eu posso te por na cozinha sem problemas, mas a senhora é boa na cozinha?

 — Eu faço o que eu posso, mas não sou uma das melhores.

 — Olha, vou ter que fazer um teste com a senhora, se puder vir amanhã de tarde a gente pode já ver no que bota-la e como fazer, o que acha?

    — Uma maravilha! Eu posso vir amanhã sim!— Ela levanta e me abraça.— Uma mulher jovem, tão bonita e tão boa, deveria existir mais pessoas com esse bom coração que você tem bem aqui.— Ela aponta para meu peito esquerdo.

     — Que isso, muito obrigada pelos elogios, mas tem gente na mesa 17 me chamando, tchau senhora, pode passar aqui amanhã depois da lanchonete fechar.

     Bom, de resto foi o mesmo de sempre, até a hora da lanchonete fechar que um certo alguém, com um cheiro ferrado de cachaça e de cara de alguém que estava sem dormir a dias entrou na loja.

   — Olá, S/N... Se lembra de mim? Seu ex-noivo. — Puta merda, como ele descobriu onde eu estava?

    — O'Que você quer? Não está vendo que estou pra fechar a loja?— tento empurrá-lo pra fora.

   — Vim ver como você estava, achei que iria gostar de me ver de novo.— Ele vai aprontar alguma, agora eu quero saber o que é.

   — Fala de uma vez o que você quer aqui! — Elevei um pouco meu tom de voz.

     — Eu me sinto bem arrependido, e queria fazer as pazes contigo, algo de errado nisso? — Palhaço, ta achando que me engana, ele é ruim em mentir para mim! Além disso, esses episódios alheios de anime, principalmente  de Naruto, me ensinaram a nunca baixar a guarda e que o Neji é gostosão.

    — Ahm... Não, obrigada, agora cai fora antes que eu chame a polícia, você sendo um K-Idol ou não! — Acho que eu nunca falei mais sério que agora em toda a minha vida.

   — Calma, já estou indo.— levantou as mãos em rendição e andando devagar até a saída.

   Só que esse nojento me beijou e apertou meus peitos e saiu correndo. Aaah mas isso não vai ficar assim de jeito nenhum!

   Finalmente fechei a loja, e fui a delegacia prestar queixa, e claro um bebê de Bolsa, chamada Atena.



       -/-



     — Calma S/N, você vai encontrar suas amigas, ir se divertir e comer pizza.— Estava falando sozinha de frente ao espelho.— Muito bem gata, agora vai se arrumar.

     Falei isso, mas eu não faço ideia do que usar... Acho que vou desenterrar aquele modelo do meu armário. (foto da capa)

    Ahh até que ficou bonitinho. Agora só preciso pegar a minha câmera, da pra tirar umas fotos lindas, ainda mais com as minhas futuras K-idols.

    Já faltavam 30 minutos pro nosso encontro então já me apressei e corri para chegar a tempo de comprar logo o meu ingresso antes que a fila ficasse maior do que já é.



               —/—



     Tudo feito, até que eu entro e já as encontro lá dentro, tudo o'que  eu pensei foi "vacas, tiveram a mesma ideia".

   — Meninaaaassss! — Soltei a bomba e me escondi, foi engraçado ver elas me procurando feito paparazzi.

     — Unnie se você não aparecer logo vou chorar!— Ameaça Eunji.

     — Ou ou ou, eu me rendo.— Saio de trás do posto com as mãos pra cima.

     — Unnieee!— A louca quase que me dá uma voadora ao se jogar no meu colo.— Sooyoung, você voltou!!!! Que saudades, como estão as coisas lá com sua família?


  — Estão bem! Aliás eu voltei pra ficar, o CEO me aceitou de novo no grupo e eu vou ocupar sua posição, se não tiver problema pra você, claro.

  — Pode ir e fazer seus seu sonho virar verdade, ja que entre nos eu sou a única já debitada.

   — Teu, vou fazer o meu máximo pra conseguir chegar ao meu desejo!— ela me abraça e vem a Jiyoon.

     —Quanto tempo S/n, espera!— O'Que será dessa vez?— Você está sem maquiagem?— Meu deus Jiyoon unnie é sério que essa foi a primeira coisa que Você notou depois de tanto tempo?

    — Aham. Ta tão ruim assim?— Cubro meu rosto.

    — Que isso! Você fica mais bonita ainda de cara limpa do que de cara pintada.— Sooyoung fala. Gente eu juro que eu n faço a sobrancelha a muito tempo.

     — Chega de papo suas bobonas... VAMOS BRINCAR!— Yujin grita mais muito.

   — Vamoooos!

 Nós fomos ao barco viking, na xícara giratória (juro que eu até hoje não sei o nome dessa parada), montanha russa, bungee jump (quase vomitaram... Cof cof Myunghee cof cof), no carrossel e etc.

    — Meninas vocês viram o escândalo que deu por causa da confirmação do namoro da HyunA e do E'Dawn?— Pergunto.— Eu estou muito irritada! Não sei porque essas "fãs" possessivas são assim, juro que quando eu soube eu soltei o maior berro de alegria por eles.

    — Vi sim, e olha já perdi completamente minha paciência com essas pessoas, por isso espero ter muitos fãs internacionais.—

    — Mas fala ai S/N, você vai voltar para a empresa? — Yujin pergunta com uma cara bem interessada. 

  — Não tenho certeza ainda se vou, mas tem chance de acontecer sim!

   — Quantos por cento? — Chega Jiyoon com um algodão doce de flor e outro de um ursinho.

  — Tem… 27% de chance, mas eu tenho q continuar na lanchonete, preciso de alguém pra me substituir. — Pego o algodão doce de ursinho.

  — Mas tão pouco assim?— Myunghee vem com uma Joaninha e uma abelhinha pra Sooyoung.— Alias eu tenho uns amigos meus que precisam de trabalho quase que urgente.

  

  — Sei que é pouco, mas eu não quero dar de cara com o Hyungwon em momento algum. E manda seus amigos passarem amanhã na minha loja depois das 13 horas para que eu possa avaliá-los e quem be discutir sobre o salário.

  — Sério mesmo?— Assenti.— Nossa, calma vou ligar pra eles.— Ela saiu Correndo pro canto mais vazio pra ligar pro amigos.

  — Unnie volta pra empresa, quero debutar e já poder fazer música com você e dançar  juntas .— Eunji por fim aparece com mais dois algodões, só que um de borboleta e outro de sapo.

  — Primeiro me deixa achar alguém pra cuidar da minha lojinha, aí eu posso voltar.

  — Mesmo? — As meninas gritaram juntas quando assenti. 

 — Pronto, meus amigos vão aparecer la amanhã no horário que você falou.

   — Gente vamos tirar as fotos, estamos todas com algo na mão e num lugar lindo bem iluminado, está na hora do sol se pôr… temos um píer, porque não? — digo sorrindo.

   —VAMOS! — Corremos  até o píer e tiramos inúmeras, INÚMERAS fotos lindas que depois vou passar para elas. Mas agora vamos ao que interessa… PIZZAAAAA!!

 Fizemos a mesma coisa, muitas fotos e pizza pra todo lado.

 — S/n unnie, vem conosco até a nossa casa, só pra não voltar muito tarde e a pé pra sua casa. De lá a gente te pede um taxi.— Sooyoung pede toda carinhosa.

  — Ah gente, tá bom… mas só porque amo muito vocês e ainda acho que é bem cedinho pra dizer boa noite.— digo e elas quase que berram.

  Pagamos a conta e fomos direto pro dormitorio, faz tempo desde que pisei aqui pela ultima vez. Na verdade eu nem sei que dia é hoje. 

   — Vem unnie! Da pra ir a pé, 10 minutinhos.— Eunji me agarra pela mão e me puxa.

   — mas falem ai meninas, como que estão indo em todo aquele processo de competição? 

   — Ah, estamos indo bem, não perdemos nenhuma até agora, mas aparentemente o ceo vai pedir que que nos apresentemos solo e depois selecionar um número X de meninas pra fazer o novo grupo.— Myunghee fala meio chateada.

 — Espero que todas consigam impressionar todos os jurados mais algumas vezes e entrar nesse novo grupo.

  — Obrigada! — dizem juntas.

  Depois de muita conversa jogada fora finalmente chegamos no dormitório, o qual lembro de muitos momentos super divertidos e corridos.

 — Vamos entrar?— Perguntei, já que todas estavam paradas em frente a porta e sem se mover.

  — Entre você primeiro S/n, queremos que você veja as mudanças que fizemos.— Yujin fala, eu tenho certeza que alguma coisa ta bem errada.

  — Tá bem...— Vou toda estranhada com a minha chave até a porta e a abro. E era só oque me faltava, o Monsta x com um bolo gigante em cima da mesa, decoração e presentes de aniversário.

 — SURPREEEEESA!— Eles gritam em coro.

  — Pra quem?— Pergunto pasma.

  — Pra você o besta!— Jooheon vem me receber um presentão e um abraço caloroso.— Feliz aniversário S/n.

  — É hoje? — Ih mané eu esqueci do meu próprio aniversário.— Ah, obrigada Honey.— Meninos, venham cá!— Abracei cada um mas foi um abraço bem demorado.

 — Unnie, compramos presentes para você também!— Sooyoung e as meninas estavam com sacolas de diversas marcas.

  — Gente não precisava, eu nem sou grande coisa pra isso!

  — Claro que é, ta até nos sites de fã clube! Ta no café da Starship, EU publiquei no twitter parabéns diretamente pra você.— Wonho fala todo gracioso, meu deus me segura pra eu não ir beijar esse macho.

 — S/n, eu não tive tempo se comprar seus presente, então vou te arranjar um encontro seja la com que idol você queira, ou seja la qual for o seu pedido.— Mihyuk

  —  Olha que eu vou cobrar hein!— solto um sorriso bobo.

  — Gente vamos cantar parabéns o meu bolo não é de isopor, não vai durar pra sempre.— Diz Kihyun puxando o Shownu, parece um esqueleto puxando um trem, nem saiu do lugar.


        —/—

  

  — Vamos fazer um jogo?— I.M saltitante com um tablet até nós.

 — Bora, qual jogo?— Yujin pergunta ansiosa.

   — Jogo da garrafa e verdade e desafio ou twister, Vocês escolhem.

 — Oppa, alguém vai se terra e, não vai?

    — Oooh se vai!




Notas Finais


Enf for, desculpa toda a demora pra postar capitulo novo, mas eu estou bem ocupada, e as outras autoras também.

Tem alguém que queira ser mais uma co autora pra ajudar a escrever a Fic sem mta demora ir alternando
Se quiser manda direct, a primeira pessoa q mandar vai poder ser a co autora


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...