1. Spirit Fanfics >
  2. Orphet Era sol nascente >
  3. Refino corporal e jogo

História Orphet Era sol nascente - Capítulo 29


Escrita por:


Capítulo 29 - Refino corporal e jogo



Zaatar estava sentado em baixo de uma árvore com os olhos fechados, ele ouvia o som das carruagens passando pela estrada de terra enquanto o relatório de zero estava tomando sua atenção

[Absorção de energia concluida. Banco de dados aprimorado Lv 5 Max, Ligado a fonte da memoria espaço interno 1.000 anos de memoria]
[Radiação elemental extrangeira 152 Digitos, deseja aprimorar o corpo?]

A primeira coisa que zero melhorou em si foi o banco de dados, aparentemente usar a energia absorvida tem um limite para melhora-lo que foi o Lv 5, a mais niveis porem esta mostrando indisponivel por algum motivo

"Sim, desejo aprimorar"

[Iniciando aprimoramento, tempo para finalização.. 12 dias e 23 horas] 

Zaatar sentiu as ondas de energia varrendo por todo seu corpo, zero ficou completamente focado agora de forma que Ele não podia sequer usar aura, toda a energia do seu corpo estava focada nesta tarefa

Zaatar agora estava vestido com um manto marrom longo de aldeão, havia um chapeu de palha longo em sua cabeça e um véu que tampava seu rosto, ele casualmente fiou em silencio esperando o processo acabar enquanto sentia as mãozinhas em sua cabeça brincando com seu cabelo, Esse pequeno companheiro mais dormia do que qualquer coisa e sua lingua era inaldivel para ele agora 

Zaatar começou a entender como funciona este aprimoramento, A radiação atacava seu corpo e destruia suas celulas enquanto seu corpo lutava para combater esse mal invasivo, se posto em muita quantidade pode realmente ate mata-lo porem, ao ser controlado por zero estava servindo para melhorar e adaptar seu corpo, enviando pequenas doses lentamente 

Zaatar ja tinha uma ideia de como produzir esse processo em si, era algum tipo de onda invasiva muito parecida com a radiação da terra, essa onda é destrutiva por onde passa, mas sempre deixas resquicios para trás, Zaatar só precisava pensar em uma maneira exata de controlar as particulas de energia as enviando com doses para outros corpos, dessa forma ele poderia  criar um plano de treinamento que melhora-se o atributos 

Zaatar esperou pacientemente o processo sem se mover muito, ele tirou su bolsa e começou a organizar as coisas que coletou, zaatar não dormia a três dias, havia olheiras profundas em seu rosto, mas ele não estava exausto ainda, O tempo passou casualmente e zero enviou o relatório 

Nome: Zaatar Raça:humano Idade:11 anos
Força:4.9 (Aprimorado +0.5) Taque fisico: 4-8
Destreza: Punhos fazios:3.2  Disparo:2.5
Equilibrio: (2.8 Aprimorado +0.3) Agilidade: 5.9 (Aprimorado +0.3)
Estamina:8 (Aprimorado +1.9)
Resistencia a venenos: 5.2(Aprimorado +0.1)
Resistencia a ataques fisicos: 2.2 (Aprimorado +0.2)
Força Vital 17.5 [Limite genético atingido]

"Hmmm esse metodo não fortalece meu progresso como usuario de aura, mas somente seus atributos fisicos basicos, parece que a aura não é o unico metodo de fortalecer o próprio corpo, posso Purificar minha Linhagem por alguns meios interessante"- Zaatar não dependeu somente disso, Ele tirou algumas folhs roxas da bolsa e as colocou na boca e seu rosto franziu depois de mascalas, ja que o gosto era horrivel

Zaatar fez m rosto desapontado depois que analise externa acabou enquanto gospia em um pedaço de patou que preparou anteriormente, Zaatar então pegou uma grande lagarta verde que se parecia exatamente com um monstro, ela tinha duas cabeças e parecia mais um galho bifurcado

As duas cabeças se moviam e havia inumeras rugas em sua pele, parecia bem repugnante, Zaatar matou a lagarta e tirou um suco verde do seu corpo, ele mergulhou o suco verde em sua lingua e esperou as analises e ficou desapontado novamente, ele continuou tentando com diferentes plantas e insetos que encontrou no caminho e levou tempo para ele esvaziar a sacola 

"Apenas dois uteis"- Zaatar disse em um tom leve, ele começou a registrar a especificação dos ingredientes no relatórios de zero

[Arquivado bagas negras. folhas triangulo. analisando banco de dados atual]

[23 criaturas organicas que podem aumentar os atributos]

Insetos, plantas e frutas, algumas dessas coisas se ingerida pode deixa-lo doente, mas como efeito colateral aumentaria seus atributos fisicos, Esse metodo de fortalecer seu corpo não tinha nada a ver com aura, estava fortalecendo sus atributos fisicos, as mudanças em sua semente da vida foram nulas

Zaatar testou muitos e muitos ingredientes e armazenou muita informação em zero, adicionando em seu banco de dados coisas que podem ser uteis para fortalecer seu corpo, ele se perguntou se continua-se fortalecendo e aumentando seus atributos fisicos assim se poderia superar ou pelo menos lutar por algum tempo contra alguem no estagio de abertura 

Querendo ou não ele se sentiu confiante, sua força estava aumentando muito rapido conforme ele usava esses meios para isso, Ele se perguntou se alguem ja teve esta ideia, quer dizer de fortalecer o corpo ingerindo recursos especificos, se sim ele queria conhecer e trocar varias ideias e topicos 

A fada foi o que mais lucrou com isso tudo, claro eles se ajudavam, ela mostrava a onde estava os recursos que poderiam ter ou radiação ou ou efeitos benefico e ele a alimentava todas as noites com ele, sem falar o fato que ela se alojou em sua cabeça e fez dali seu ninho pessoal

Zaatar Cruzou a fronteira sozinho durante varios dias indo por um caminho sinuoso atrás do outro, sua rota foi completamente irregular e ele praticamente seguiu a estrada coletando tudo o que via, não demorou muito para ele chegar a primeira capital, havia um garfo mostrando seis caminhos na estrada 

Zaatar foi para o mais a esquerda e seguiu o caminho com calma, fora da enorme cidade, havia comerciantes nomades em grande numero reunidos, parecia que esses comerciantes criaram pequenos mercados que cercavam toda a cidade, muitas pessoas andavam de um lado para o outro, mostrando que os mercados estavam agitados em atividades 

Era cerca de três horas da tarde quando Zaatar chegou, ele parecia apenas mais um de varios nomades ali, o céu estava nublado e embaixo havia carruagens que se moviam lentamente pelos mercados movimentados, eles estavam juntos com uma grande caravana de comercio que tratava de negocios com sal, e etc 

Zaatar estava em silencio contemplado a enorme cidade, ele foi recebido com muralhas cinzentas da cidade bem alts, e do seu anguo, parecia um muro interminavel, havia estatuas lindas esculpidas nas muralhas, a entrada da frente estava escancarada e ele podia ver claramente as pessoas ocupadas participando de suas próprias atividades la dentro 

Algumas carruagens estavam saindo da cidade com mercadorias pesadas em suas carroças na parte de trás, enquanto outras conversavam com os guardas para conseguirem entrar na cidade, os guardas estavam totalmente equipados, Armaduras de ferro dourado com um sol desenhado brilhante, lanças vermelhas com as pontas negras, eles pareciam bonitos nessas roupas 

Zaatar observou o movimento e começou a usar os passos nebulosos, Todas as carruagens que ele viu eram bastante parecidas entre elas, os guardas tiraram as engrenagens e as guardavam no carrinho de suprimentos enquanto por algum motivo estavam amontoados na entrada 

"Qualquer um que passar tera que apresentar sua identidade, Aqueles que não fizerem estarão sujeitos a prisão"- Um guarda com um rosto que tinha uma cicatris falou com um sorriso

Zaatar Não entrou na cidade logo de cara, ele começou a estudar a situação, ele jogou seu chapeu fora e fez sinal para a fada se segurar, ele disfarçadamente sumiu entre os pedestres e se alojou abaixo de uma caravana, A fada usou suas mãosinhas e mordeu seu cabelo para não sair euquanto zaatar grudou seus dedos dos pés e das mãos na madeira a fada literalmente abraçou sua cabeça  com os braços e pernas enrolados

Era uma caravana de recursos então tera de passar, o homem investigou carruagem por carruagem, todas as ruas da cidade estavam cercadas, havia pessoas reclamando o tempo todo dessa atitude, assim que passou pela inspeção aglomerada zaatar testemunhou uma visão incrível 

A rua estava limpa e arrumada, havia poucas ninhadas no chão, e os dois lados da rua estavam cheios de vendedores que vendiam inumeras mercadorias em suas banquinhas diferentes, indo desde sal a frutos do mar, ate algumas pessoas que compravam objetos de segunda mão, Perolas tambem estavam sendo vendidas, e enquanto agumas tinha animais estranhos que zaatar nunca viu antes e vozes discutindo com os donos da loja 

Essa era a rua comercial dos andarilhos, a caravana se moveu ate o meio da rua, Zaatar viu alguns oficiais andando lentamente pelas barras e lojas, cobrando taxas de adimistração, zaatar esperou por cerca de meia hora e chegou a um cruzamento ao lado de uma pedra cinza

Essa pedra era o pilar de sinal 

Era uma tecnologia desenvolvida a alguns anos atrás que usa ondas magicas para detectar invasores, separava a área nobre a onde estava os usuarios de aura e estudiosos do povão, Zaatar desceu da carruagem, assim que seus braços tocaram o chão ele carregou toda sua força em seus braços e pernas e se arremessou rapidamente em um beco escuro

zaatar subiu em cima de um prédio cinza que era a onde os guardas e a administração da cidade ficavam, ele estava ocultando completamente seu corpo, Zaatar olhou para o pilares escuros e fechou os olhos em concentração 

"Hmm funciona como uma rede"- Zaatar colocou as manoplas e a espada longa em suas costas, todos seus livros foram queimados, desde que ele desbloqueou o limite de memoria de zero zaatar os armazenou no banco de dados, ele tinha apenas seu dinheiro em uma peuen bolsa de couro 

Zaatar ficou completamente em silencio com os olhos olhando para os pilares, ele começou a observar os guardas que entravam e saiam, Uma aura clara brilhou em seus olhos enquanto ele observou 

"Hmmm Apenas o akagi é transmitido.. inferno sem estar no 3 estagio como aprendiz magico eu nunca vou conseguir ver a rede arcana..."- Zaatar se amaldiçou internamente por nascer com um  Magico Nulo 

"Bom é só um sinal, vão saber que eu entrei mas se vão conseguir me encontrar na área nobre a questão é outra"- Zaatar iria trabalhar para essas pessoas então ele queria ver o potencial delas e queria ver o quão bom eles eram 

Depois de juntar forças em suas pernas zaatar contraiu seus musculos e saltou sobe a barreira de sinal 

*TUUU TUUUU TUUUUU TUUUUU TUUU 

O pilar ficou vermelho após ele passar e um som enorme começou a soar como um sirene por toda a cidade 

Por um segundo todos os guardas em armaduras douradas se viraram para o palacio, seus olhos ficaram vermelhos de raiva e eles começaram a correr para dentro da cupula

Zaatar pousou os pés no tronco de uma árvore amarela, ele a escalou e se ocultou em um dos arbustos ficando em silencio e observando o movimento

"Se fosse um assassino, como eles iriam agir?"- Zaatar estava curioso seu cliente sabia que ele vinha, por isso das barragens nas entradas e da restrição forte dos guardas

Os guardas estavam vestido todos com armaduras encantadas com alquimia, aquelas armas tornavam aqueles mortais ate mesmo fortes o suficiente para lidar com um iniciado comum, agora um batalhão inteiro deles? seria complicado de lidar

Só o fato de zaatar passar por esse defesa ofendeu os guardas la dentro, afinal eles estavam ali para impedi-lo de fazer isso, Enquanto esperava zaatar pode ver varias auras poderosas brilhando no castelo

"Quatro oficializados, é uma força descente, agora entendo porque isso se manteve mesmo com tantos inimigos"- Zaatar pensou consigo mesmo e sorriu 

Ele gostou do desafio

**********************
Dentro da central de segurança do reino sol nascente

Peterson estava com o rosto cheio de veias, gritando com os guardas da cidade como um louco, seu rosto estava tão vermelho que ele parecia que ia explodir a qualquer momento

"COMO VOCÊ PODE TER DEIXADO ELE PASSAR? SEUS OLHOS NÃO FUNCIONAM MAIS!!?"- Nigel dava um pulo a cada grito de Peterson, pois parecia que um trovão caia na terra toda vez que a voz saia dos seus pulmões

Como aquele cara passou? nem ele ou ate mesmo nanyl ismir, nem lin su conseguiu passar pela formação nos testes defensivos, era realmente algo apertado, os guardas eram assustadores, para meros iniciados ele só pode abaixar a cabeça e deixar ser revistado 

"Parece que ele tem experiencia pelo menos, conseguiu passar pelos mortais"

"Ele usou a caravana de recursos, no final foram os nobres que nos foderam, não pensei nessa alternativa, o cara se alojou como um carrapato abaixo da carruagem seus dedos são feitos de ferro?"- Udogat disse enquanto observava da tela de transmissão

Eles conseguiram captar o momento em que o vulto negro saiu de fora da carruagem e saltou para o beco, foi uma velocidade surpreendente para nigel, ele nunca viu um iniciado com essa velocidade sem o uso de aura, Peterson explodiu toda sua aura após gritar com o guarda pelo cristal de comunicação, seus olhos se viraram para eles como os de uma fera e ele disse

"Peguem, não deixe se aproximar do castelo"- Nigel se levantou e olhou para Nanyl que tinha um rosto sério

Ela parecia bem puta agora

"Formação cinco?"

"Sim vamos usar a formação cinco"- O baixinho disse com os braços cruzados e as bochechas estufadas ela dava passos pesados com o rosto completamente vermelho

"Vou para minha sala pegar algumas coisas"- Nanyl disse e depois se retirou deixando Ismir e udogat engolindo saliva, Lin nem olhava em sua direção para ele essa coisinha era assustadora demais

"ele tem itens interessantes"- Udogat disse enquanto observava uma imagm pausada, e nigel fez um olhar compulsivo após olhar para a espada verde

"Feita de orion, é bem bruta mas só a materia prima vale muito e as manoplas?"

"Prata processada... os boatos são verdareiros ele matou um membro do emblema, caralho"- Nigel fez um olhar curioso e ansioso 

Ele queria e não queria ao mesmo tempo machucar sua rosa
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...