1. Spirit Fanfics >
  2. Os Beauchamps >
  3. Now United

História Os Beauchamps - Capítulo 43


Escrita por:


Capítulo 43 - Now United


Any p.o.v 

Estou terminando de me arrumar para o tal baile que a Sabina inventou. Alguma coisa me diz que ela está mentindo, mas tudo bem. Confesso que estou precisando de um pouco de diversão e nada melhor que dançar um pouco. Saio do banheiro e dou de cara com o Josh

-o que é minha sombra?- pergunto e vou em direção ao criado mudo- tava fazendo o que ai parado?

-te observando- ele responde com os olhos fixo em mim

-isso soa como se você fosse um maníaco posssesivo, não?- falo passando perfurme e pegando minha bolsa- ah esqueci que você é- rio

-eu estou aqui admirando você e você já me vem provocando?- ele revira os olhos 

-ah já que é pra me admirar pode- sorrio e dou um selinho no mesmo

-toma- ele tira uma arma da sua cintura e me entrega 

-pra que isso? Estamos saindo para curti- devolvo a mesma para ele- não para matar

-eu sei, mas nunca se sabe o que pode acontecer- ele pega a minha bolsa- e eu vou estar mais tranquilo se isso- ele coloca a arma na minha bolsa- estiver com você 

-se preocupando comigo?- sorrio e pego a bolsa

-sempre- ele abraça a minha cintura-promete que nunca vai me deixar?

-pra que isso agora, Joshua?

-promete?

-prometo- vejo o mesmo sorrir

-você está maravilhosa

-eu sei...

-Any, você tem que aprender que quando eu te elogiar é para você me ologiar também porra

-ok, Joshua, você está um gato

-Eu sei- ele sorrir-eu te amo -ele fala em português 

-eu te amo- falo também. Descemos para a sala onde todos estavam reunidos. Todos estavam maravilhosos, como sempre. Fomos cada um em sua moto, pois dessa vez tínhamos motos para todos. O caminho foi longo, mas logo chegamos no tal baile.

-eu vou estrangular a Sabi- falo tirando o capacete e olhando no lugar onde estamos 

-gostou? É tipo uma boate da favela- ela fala

-não me venha com "é tipo uma boate da favela" você sabe que isso aqui é comandado por traficantes da pesada?- falo. Eu não quero nem saber se algum traficante saber que tem uma outra máfia no território deles. É capaz deles nos matarem 

-relaxa, Any- a mesma fala- só é eles não descobrirem

-difícil- Lamar fala

-por quê?- Heyoon pergunta tomando a frente 

-Joshua, se alguém fizesse isso na Any?- ele me dá um tapa na bunda. Só tenho uma coisa a dizer, Lamar se considere um homem espancado- o que você fazeria?

-você está louco??- Josh empurra o mesmo e tira uma arma da sua cintura

-ta vendo- me meto na frente do Josh- ele não se aguenta, qualquer um que chega perto da Any ele fica doido

-verdade, me dê a arma, Joshua- Sina tira a arma dele

-me devolve isso- ele tenta pegar mas a mesma dá um passo para trás 

-só depois que acabar a festa- ela sai andando em direção a festa

-puta que pariu- Josh resmunga 

-vamos entrar logo- Sabina fala e sai andando. Suspiro antes de seguir a mesma

Hina p.o.v 

Nunca tinha entrado em um lugar assim. Mesmo eu indo a baladas chiques, nada a se compara no que eu estou vendo agora. O lugar está lotado, parecendo um formigueiro. As pessoas estão pulando e rebolando suas rabas como nunca. O som está no último volume. Tem mulheres se esfregando em homens, essa parte eu prefiro ignorar. Já Any parece não se espantar com o que vê. Ah lembrei, ela trabalhava em uma boate tipo como essa. Olho para a mesma que já vai para a pista de dança, ela puxa a Sabina que puxa a Shiv e que puxa a Heyoon. Os meninos vão para um tipo de bar, e ficam por lá. Eu fico meio sem saber o que fazer até ser puxada por alguém desconhecido 

- oi -uma garota fala no meu ouvido por conta do barulho, ela está com o peito ofegante

- oi- falo assustada 

- qual é o seu nome?- até essa parte eu estou conseguindo entender o que ela fala 

- mio nome é Hina e...- tento lembrar a palavra- o siu?

- meu nome é marina, espera um segundinho- ela sai e volta com um amigo- this is my friend shori- esse menino é um anjo- ela parece falar japonês ou qualquer outra língua ajuda ela ai- ela fala qualquer coisa que eu não entendi e sai deixando somente eu e o garoto

-ola- ele fala perto do meu ouvido em japonês 

-o-olá-falo- prazer meu nome é Hina

-o meu é shori...e o que leva uma japonesa está em um baile funk no Rio de Janeiro?- ele sorrir

-eles- aponto para o pessoal- e o que leva você também está aqui?

-eu moro aqui- ele rir- ta afim de dançar?- ele estende a mão pra mim e eu sorrio

-vou logo avisando que não danço tão bem- seguro a sua mão e ele me leva para a pista de dança. Começamos a dançar loucamente, confesso que nunca dancei tanto assim, sem me preoucupar se tem um inimigo pra me matar a qualquer momento. Ele me vez esquecer de tudo e de todos. Mas era impossível eu estar começando a gostar de um cara que eu acabei de conhecer, concerteza eu estou com um problema chamado carência, mas eu só vou aproveitar enquanto eu estou aqui...

Any p.o.v

Estou dançando como nunca com as meninas. Eu realmente precisava desse descanso, pra falar a verdade acho todos nós precisávamos disso. Eu acho que nós estamos ficando mais próximos a cada dia. Acho que não existe mais "Os Beauchamps" ou "Os Urreas", nós viramos uma máfia só. Onde muitos tem diferenças mais que acima de tudo sabe lidar com elas, cada um do seu jeito claro. Puxo o resto do pessoal para dançar. Ainda bem que eles não entendem a letra da música. Sinto uma mão rodear minha cintura e me abraçar por atrás. Me assusto  e me viro rapidamente, por minha sorte era o Josh, o que me faz soltar um suspiro de alívio. Sorrio e começo a rebolar para o mesmo o provocando, ele somente me encara mordendo os lábios. 

-pelo menos na dança eu sou melhor que você- sussurro no seu ouvido

-você acha mesmo que eu não sei dançar essa dança ai, você está falando com joshua Kyle Beauchamp- ele sussurra de volta- eu sei fazer tudo

-me prova- falo com um sorriso desafiador

Josh devolve o sorriso e começa a rebolar. Fico de boca aberta. O mesmo faz o quadradinho perfeitamente, vejo algumas pessoas olharem o mesmo. Concerteza deve esta achando estranho um homem estar rebolando assim. A coisa mais linda do mundo é homem que não tem a masculinidade frágil. Empurro o mesmo levemente para trás. Pegando um pouco de espaço na pistae começando a dançar até o chão. Vejo uma menina começar a dançar encarando a gente, pelo o visto ela tava querendo se amostra pra gente...ou pro Joshua. Faço pouco caso e contínuo dançando com o Josh. 

Sofya p.o.v 

-REGASSA ELA SOFY- sabina gritava empolgada asssim como todos a nossa volta. A garota começo a dançar, analisava seus passos atentamente. 

-faz melhor, puta- ela gita assim como todo mundo. Vou pro meio da pista e começo a dançar. Danço hip hop misturado com alguns passos de balé. Pelo menos pra isso o balé tinha que servir. Dou un toque final abrindo um espacate, o que faz todo mundo delirar. Aquela menina só sabia mexer a porra da bunda, eu tinha que mostra a ela que a dança não se resume a isso. 

-quem vai querer enfrentar essa mini ferinha ai?- o dj fala uma coisa que eu não entendo

-eu quero enfrentar aquela ali- uma garota aponta para a Jojo

-não valeu- Jojo fala. Ela era tímida desde de pequena, sempre era tão quieta e observadora.

-tá com medo puta?- outra menina fala

-não, só estou de boa- logo todo mundo começa a falar uma palavra que eu não entendo, ele falam tipo" ta com miedo" mas eu não consigo entender. Mas a Jojo parece entender muito bem, tanto que a mesma vai para o centro da pista- quem vai ser a puta que vai me desafiar?- ela fala em espanhol

-nos desafiar- Sabina vai até a Jojo e sorrir

-perfeito- duas meninas começam a dançar. Dessa vez elas estavam dançando muito bem, e eu tinha medo das meninas  tomarem uma surra pra elas. As meninas susurram uma no ouvido da outra. As mesmas tomam conta da pista com uma coleografia pronta, que se encachava perfeitamente com a batida da música. Dois meninos invadem a pista e começam a darem uma "surra" nas menians

-meninos,vão- Heyoon fala

-tô fora, eu nao sei dançar- Bailey fala 

-Cadê o Krys?- a mesma pergunta

-banheiro- falo

-Noah, Josh e lamar lá agora-Any fala

-Josh e Lamar- Noah fala

-eu não- Josh fala

-medroso- lamar fala

-vai lá, Josh- Any pedi- porfavor

-tá- ele revira os olhos. Concerteza a Any está mudando o Josh. Do nada começa a tocar "Dança monkey" olho pro lugar onde fica o dj e encontro o Krys. Josh e Lamar invadem a pista e começam a dançar como ninguém. Os mesmos começam a fazer uma dança sensual. O que faz as putas gritarem com nunca. Logo Lamar fica cara a cara com o outro menino que estava dançando, eu jurava que ia rolar uma treta, mas vejo o Josh correr em direção ao Lamar (Lamar está de costas para Josh) quando Josh chega perto o bastante Lamar abaixa. Josh pula por cima da suas costas caindo em um espacate perfeito

-esse é o meu namorado porra- any grita

Logo todos os Urreas e os Beauchamps estão revisando e indo dançar. Confesso que estamos arrasando. Na vez da Any, a mesma estava dançando perfeitamente mas a sua adversária empurra ela. Nisso tudo começa uma discussão entre nós e o pessoal que estava disputando. Uma hora a briga para e todos do baile abrem alas para um homem cheio de corrente de ouro. Só conseguimos ouvir a voz do Josh xingando em português 

Any p.o.v

-fudeo- falo pra mim mesma

-tô sabendo que tem uns gringos folgado aqui na área- o homem tinha uma voz grossa- quem é?- todos do baile apontam para nós. Bando de linguarudo- sarta do meu baile- ele aumenta o tom de voz.

- Sarta? Agora meu parceiro-falo- vamos galera

-eu não vou- Josh fala. Eu vou estrangular essa peste

-o que esse viadinho está falando?- o homem pergunta

-viadinho??- maldita hora que eu ensinei o que significava "viadinho pro Josh" - você é veado corno- alguém cala a boca do Joshua 

-você me chamou de quê?- o homem fica cara a cara com o Joshua. Me meto no meio dos dois

-ele não sabe o que está falando-falo 

-não é isso que parece- o homem rebate e pega uma arma. É hoje que meu coração salta pela a boca

-ele tem problemas de cabeça desde de pequeno por conta que nós perdemos os nossos pais muito cedo- inveto qualquer coisa e começo a chorar. A globo não sabe o que está perdendo bebê-só nos deixe ir embora

-vocês tem 1 minuto para sair do meu território senão não já sabe- ele mostra uma arma. Não precisa falar duas vezes

-vamos pessoal

-o que ele falou?- Sina pergunta 

-falou que foi um prazer terem vocês aqui no baile e que podemos voltar mais vezes, mas temos que ir embora agora-vocês acham mesmo que eu vou falar o que ele falou pra mim? Ai sim que ia ter uma briga

-por quê?- hina pergunta

-coisas de traficantes- falo e todos nós começamos a sair rapidamente. Montamos nas motos e damos a partida. Chegando em casa todos se jogam no sofá e começam a falar sobre a noite de hoje

-nós arrasamos- Heyoon fala

-os Urreas e os Beauchamps arrasaram-Sina fala

-vamos criar outro nome- krystian fala 

-tipo?- perguto

-sabina e seus aliados- Sabina fala e todos riem- o que foi gente?eu amei o nome, você amou não amou, Bailey?- isso soa mais como uma ameaça do que uma pergunta

-super- o mesmo fala e rir

-que tal "Now United"- falo

-sim! Porque a gente era rivais e agora estão unidos- joalin fala

-então nós somos o "Now United"

Josh p.o.v 

-shivani?

-oi- a mesma fala em um tom seco 

-podemos trocar algumas palavras?- falo com receio da sua resposta 

-já estamos trocando "algumas palavras"- ela sorrir debochado

-então podemos conversa?- pergunto com medo da sua resposta

-podemos- fomos até o jardim- o que você quer Joshua?

-eu...não sei o que eu quero, eu só sinto que eu preciso resolver algumas coisas mal esclarecidas entre a gente 

-não tem nada de mal esclarecido entre a gente, você já falou que me odeia, o que mal você tem para esclarece?, que quer me matar? Que eu sou adotada?

-que...eu quero te pedir perdão por ter te batido? E dessa vez ninguém me forçou a nada eu juro

-você está arrependido?

-não- sou sincero. A mesma fica com os olhos marejados e sai pisando duro. Corro até a mesma e seguro o seu braço- espera

-o que eu te fiz?- as mesma chora, fico calado- O QUE EU TE FIZ??

-nada...

-então por quê? Eu desde de pequena eu te idolatrava, eu achava você o máximo, você era o meu herói...mesmo que nunca me salvou. Eu tentava me aproximar de você e a única coisa que você fazia era falar "VOCÊ É UMA PRAGA NESSE MUNDO" "SE MATA GAROTA" "VOCÊ NÃO É MINHA IRMÃ" "EU TE ODEIO" -ela cai ajoelhada no chão e eu fico sem saber o que fazer- eu me odeio por ter sido tão ingênua, eu acahava que eu era o problema- ela solta uma risada irônica- eu lembro do dia que eu coloquei na cabeça que eu queria ficar loira, somente pra eu tentar parecer com Sina ou chegar o mais perto de ser sua irmã- ela soca o gramado- por quê? Por que me odeia?

-eu...eu te odiava pelo o simples fato de que do meus pais me odeiarem e só amarem somente você. SABE QUANTAS VEZES EU FUI PRA PORRA DAQUELA DALA DE TORTURA?? E SABE QUANTAS VEZES A QUERIDINHA DELES FOI?? SABE QUANTAS VEZES A SINA APANHOU NO MEU LUGAR PELO O SIMPLES FATO DE QUE EU JÁ ESTAVA TODO MACHUCADO DA SUA DO DIA ANTERIOR, AI VOCÊ ME VEM PERGUTA PORQUE EU FICO COM RAIVA PELO O SIMPLES FATO DE TE VÊ-tento calmo- Ele nunca foi quem você pensou, ele nunca foi o senhor certinho, sabe quantas vezes ele falava "eu vou colocar o Josh para dormi" e me levava para a sala de tortura? Você vivia em um mundo onde seus pais eram perfeitos e eu vivia onde meus pais eram o meu pior pesadelo

-e eu tenho culpa disso?

-não, você não tem. Mas é impossível eu olhar pra tua cara e não querer te matar ou dizer o que eu sempre quis dizer- me ajoelho ao seu lado- eu estou disposto a mudar isso...me ajuda a superar isso?

-o que te fez mudar de idéia?

-tem uma mulher que está fodendo com a porra do meu psicológico, ela me faz querer ser uma pessoa capaz de merece-la. Eu quero- pego a sua mão- esquecer tudo, me perdoa?- a mesma me abraça aos plantos- desculpa- abraço ela fortemente. Caímos na grama abraçados 

-eu te amo- ela fala com uma doçura na voz

-eu...eu não tem odeio mais- ela rir e eu também. Ficamos um bom tempo conversando sobre coisas aleatórias. Ficamos olhando para o céu enquanto eu fazia carinho em seu cabelo. Eu realmente quero tentar ser tudo que eu não fui esses anos todos pra ela

Sina p.o.v

Vou atrás do Josh e vejo o mesmo no jardim. A princípio pensei que era ele e a Any mas vejo que é a...Shivani. O que ele está fazendo com essa garota?

-eu te amo, Josh-Shivani fala

-você não vai cansar até eu dizer que eu te amo, né?- ele rir 

-não- a mesma fala

-eu te amo, Shiv-ele fala e isso é como uma facada no meu coração

-não acredito- falo pra mim mesma. Eles estão abraçados enquanto Josh faz carinho nela. Lágrimas querem descer mais eu não deixo- não foi ela que esteve com você Joshua- sussurro e subo correndo para o meu quarto. Bato a porta com força- MALDITA- pego um abajur e jogo contra a parede. Pego um objeto e jogo contra o espelho, o mesmo se quebra- eu que sou a sua irmã- desabo em choro. Pego o porta retrato onde estavam a foto minha e dele. Quando o meu primeiro dente caiu com um soco que o Josh me deu em uma bricadeira. Jogo o mesmo contra a parede- eu te odeio- jogo um vaso de flores na porta. A mesma é aberta por Noah. Por pouco ele não é acertado

-Sina? O que aconteceu?- ele vem até mim

-eu vou matar ela!!- pego uma arma na minha gaveta

-matar quem?- o mesmo fecha a porta

-a puta da Shivani- tento sair mas o Noah me segura- me larga, senão vai sobrar pra você, Urrea- tento me soltar. Noah me dá um abraço e ao mesmo tenta me segura. Desabo em seu peito

-eu a odeio!!- Noah me apertava no abraço 

-fica calma Sina- ele acaricia meus cabelos e me senta na cama 

-me conta o que aconteceu- ele passa o polegar pelo o meu rosto enxugando as lágrimas 

-o Josh e a Shiv...eles estão abraçados no jardim enquanto o Josh faz carinho nela

-você está assim por causa disso?- Noah se senta ao meu lado

-você não entende...é muito mais que isso. Eu e o Josh prometemos que sempre iríamos ser somente eu e ele...SEMPRE FOI SOMENTE EU E ELE. Agora ele está lá abraçado com a vadia da Shivani

-calma Sina

-não me pede pra ter isso. Ela sempre teve tudo e eu nunca tive nada. Ela tinha os MEUS PAIS enquanto eu não tinha. Ela teve uma festa de aniversário enquanto eu comemorava meu aniversário trancada em uma sala de tortura ao lado do Josh dividindo um cupcake. Agora ela quer me roubar a única coisa que eu tenho...o Josh- Noah volta a me abraçar e eu retribuo- por quê?

-shiii- ele me consola- amanhã você conversa com ele- nego com a cabeça- vem cá- ele se encosta na cabeceira da cama e abre os braços. Me deito em seu peito enquanto soluçava

-ele me deixou- sussurro 

-se ele realmente te deixou, eu não vou te deixar Sina...eu juro- depois de um tempo a mesma adormece em meu colo. Encaro seu rosto, a mesma dorme como se fosse um anjo. Mesmo se eu quisesse não conseguiria mata-lá, o que essa mulher está fazendo comigo?. Me levanto devagar e tiro seu tênis. Enrolo a mesma e tiro a arma do chão. Vejo o porta retrato dela e do Josh quebrado no chão. Começo a tirar os cacos de vidro do chão com caltela para que a mesma não acordasse. Depois de eu ter arrumado tudo, me deito ao lado da mesma. Acho que essa noite eu vou dormi com a mesma, vai que ela acorda e vai para o quarto da Shiv, é capaz da mesma mata-lá. 

-o que você está fazendo comigo, Sina?

Josh p.o.v  

-acho que já está ficando um pouco tarde, vamos entrar?- pergunto

-vamos- Shiv se levanta e eu também

-tenho que passar no quarto da Sina para dar um beijo nela- falo

-você e ela são bem apegados né?

-sempre foi só eu e ela, ela é minha melhor amiga- entramos pra dentro de casa. Dou um beijo de despedida na Shiv e subo para o quarto da Sina- Sina?- entro e vejo a mesma e o Noah deitados dormindo. Ia tirar pergunta com o Noah mas decido deixar quieto. Vou para a sala onde estão todos conversando. Me sento ao lado da Any e lhe dou um celinho

-o mais engraçado foi tombo que a Heyoon tomou enquanto estava correndo- Lamar fala e rir

-eu estava desesperada tá?- a mesma rir

-amanhã eu quero sair mais- Sabina fala e se joga no colo da Joalin

-também- Jojo fala

-amanhã tem treino-falo e todos começam a resmungar- falando nisso é melhor todos irem dormi pois já é- olho no relógio- 4:30 am

-não estou com clima para dormi- Bailey fala

-nem eu- Any fala- vamos ficar conversando até dá a hora do treino?

-vamos- Krystian fala

-eu lembro do dia em que eu, Josh, Heyoon e Sofya fugimos dos caras lá- Any fala e rir

-aquela foi a melhor fulga da minha vida- Heyoon fala e rir

-não pensa que eu esqueci que você passou por debaixo da catraca- falo e todos rir

-nem me lembre- ela rir

-na minha fulga a Hina teve que fingir que era prostituta-Krys fala

-Hina com essa carinha de bebê?- Joakin fala

-mas ela fingiu- Krys levanta e começa a imitar a Hina fingindo que era um prostituta e todos riem sem parar- ai ela fala "Sua vida" e aponta a arma pro cara, parecia coisa de filme eu estava me sentindo- ele se senta. Ficamos conversando por horas. Damos boas risadas, qualquer pessoa que chegasse iria calar que eramos melhores amigos. Quando vimos já era 7:00 da manhã

-NÃÃÃO- sabina fala

-eu não quero ir- Shiv choraminga

-vamos logo se arrumar sem atrasos hoje- me levanto e puxo Any pela a mão indo até o quarto- tenho uma coisa para te contar- me sento na cama

-iiih lá vem- a mesma fala trocando de roupa

-não, é uma coisa boa-falo e começo a me trocar também- eu e a Shiv se entendemos

-mentira- a mesma fala sem acreditar e pula e em cima de mim- eu não acredito

-nem eu- rio e a mesma me abraça- gostou?

-eu amei, que bom que vocês se acertaram- ela sorrir

-bem que eu merecia um prêmio não?- a olho com um sorriso malicioso

-temos treino agora- a mesma corta o meu barato- você mesmo disse "sem atrasos"

-isso não se estende para o chefe?- puxo a mesma pela a cintura- eu sou o poder- começo a beijar a mesma...

Sina p.o.v

Acordo e vejo o Noah ao meu lado dormindo como um anjo

-Noah- balanço o mesmo e ele acorda pouco a pouco- bom dia- sorrio fraco e o mesmo sorrir de volta

-bom dia, baby- ele fala com uma voz rouca- dormiu bem?

-sim e você?

-obvio, com você do lado quem não dorme bem?- rio e ele também- vou indo- ele se levanta-te vejo no treino

-até- sorrio e o mesmo sai do quarto. Entro no banheiro e começo a tomar meu banho. Faço tudo o que tenho que fazer e desco para sala de jantar. Vejo quase todos lá. Lanço um olhar mortal para a Shivani e me sento ao lado da Sabi e do Noah. 

-me passa esse bolo ai- Heyoon fala comigo. Pego o bolo e derubo de propósito na Shivani- eita

-desculpa- falo com a cara mais cínica que eu tenho

-você fez isso de propósito?- a mesma pergunta e se levanta

-foi, vai fazer o quê? Chorar? Me bater?- Noah ne puxa para sentar mais eu não sento 

-eu vou trocar a minha roupa- ela sai da Sala de jantar com os olhos marajados . Me sento 

-idiota- resmungo e pego o meu café- ela vai me apagar

Sina- Noah fala em um tom de repreensão

-nem começa Urrea- falo e vejo josh e Any chegarem na sala

-bom dia- ambos falam. Josh me olha e lança um sorriso e eu dou dedo para ele. Terminamos de tomar nosso café. Hoje todo mundo estava conversando sem parar sobre assutos aleatórios, não sei o que perdi mais todos parecem estarem bem amigos. Fomos para a área de treinamentos, hoje o treino não foi tão pesado assim. Depois fui tomar outro banho e desci para sala. Any deu a ideia de irmos comer em um restaurante muito bom. Ela iria nos apresentar feijoada e açaí

-Sina? Podemos conversa?- Josh se senta ao meu lado

-não- falo seco e saio de lá. 

Heyoon p.o.v 

Fomos para o tal restaurante. A any pediu feijoada para todos. Eu realmente amei isso. Eu repetir uns 3 pratos. Depois disso fomos comprar açaí

-fala um de cada vez porfavor- Any fala. O lugar onde vende açaí está lotado só com a gente. Cada um pega o açaí que quer

-eww- Sabina cospe o açaí

-você é nojenta mesmo viu- pego o açaí dela- se você não quer tem quem queira

-Heyoon tem um buraco sem fundo na barriga- Diarra fala

-toma- Joalin me entrega o açaí dela- isso é ruim

-loucas- Any fala- depois daqui vamos voltar para casa ok?

-eu vou na praia- Bailey fala

-a gente nem trouxe roupa de praia- falo

-não importa- ele fala

-tô dentro cara-lamar fala

Josh p.o.v 

A sina está diferente comigo e eu não vou deixar a mesma em paz até ela me dizer o que aconteceu

-dessa vez não tem para onde você fugir- falo e encaro a mesma...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...