História Os casos de Namjoon - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Namjoon (RM), Personagens Originais
Tags Bottompk, Kim Namjoon, Namjin, Rap Monster, Revelaçoes, Sadomasoquismo, Yaoi
Visualizações 294
Palavras 713
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Adivinha quem não tem vergonha na cara e, está postando mais uma história? Isso mesmo, eu. 😅🌚

Quero deixar alguns avisos antes: ⚠

─ A capa e Banner foram feitos pela, @_LittleRose_ . Obrigada anjo. ♥

─ A fanfic será Yaoi, mas em algumas partes pode ter cenas héteros.

─ Namjoon tem como idade 25; e Kim Seokjin 22.

─ A história é de minha autoria.

─ Os personagens não são de minha autoria e, sim de minha realidade.

Espero que gostem, amores 🌷✨

Capítulo 1 - I - Capítulo um


Fanfic / Fanfiction Os casos de Namjoon - Capítulo 1 - I - Capítulo um

Garrafas espalhadas por toda a extensão de seu apartamento, roupas largadas em qualquer canto do cômodo e não esquecendo de lembra sobre o cheiro de perfume barato que exalava de seu quarto. A noite anterior foi bastante produtiva para Kim Namjoon, pois o mesmo acabara de ter mais um de seus casos.

Se alguém possivelmente entrasse em seu apartamento, diria que aconteceu uma enorme festa e que obviamente várias pessoas passaram por ali, mas não. Só havia a vítima de Namjoon e, o próprio. Entre gemidos e outros, era essa a trilha sonora que os vizinhos estavam acostumados a ouvi de seu quarto, sala, banheiro e até a cozinha. Ele não parava, era um sádico por sexo, e só acabava seu trabalho quando gozasse 10 vezes na mesma noite. Por onde passava, arrancava suspiros de mulheres e homens, mas todos sabiam que Namjoon tinha uma obsessão enorme pelo seu amigo, Kim Seokjin. 

Seok era um garçom comum que trabalhava em uma doceria. O mesmo amava o que fazia e tinha orgulho disso, tendo apoio de sua família e de seu amigo Namjoon. Seokjin se viu em uma situação embaraçosa quando se deparava com seu amigo, se masturbando repetidamente em seu quarto e, no fundo Jin amava presenciar tal cena. O mesmo era um doce de pessoa, compreensivo e acolhedor e, por esses motivos Namjoon alimentou uma obsessão absurda pelo o mesmo. Festas? Apenas se Namjoon estivesse perto. Amigos? Não precisava de muitos, pois o Kim mais velho não deixava ninguém se aproximar. 

Agora, sentados em um banco qualquer da praça, Namjoon negava pela quinta vez que não iria procurar um psicólogo. Pelas palavras do Seokjin, o seu amigo tinha compulsividade e que isso atrapalha na amizade dos dois, já que Namjoon sempre tenta achar uma forma de "ter" seu amigo.

─ Nam.. eu já disse que será melhor para você. ─ Jin com sua paciência de anjo, disse novamente para seu amigo. 

─ Não Jinnie, eu não preciso disso. Eu sou saudável de corpo e de mentalidade. ─ disse convicto o Kim. 

─ Você se acha saudável, mentalmente? ─ perguntou incrédulo Jin. ─ Semana passada você ficou excitado com a música do Justin. ─ disse exaltado o mais novo. 

─ Não fiquei excitado com a música e, sim com o cantor. ─ tentou de defender o Kim. 

Ambos sabiam que continuariam naquela discussão até não poder mais, então Namjoon tomou uma decisão sobre suas ações. 

─ Irei na psicóloga. 

O Kim era orgulhoso demais para abrir mão de uma decisão sua, mas seu amigo tinha tanta influência sobre ele que chegava a ser amedrontador. Óbvio que ele não estava contente em ir ao um psicólogo, afinal ele não se achava um compulsivo por sexo. Talvez isso fosse um avanço e futuramente o Kim não teria que ficar se tocando ao som de Justin. Bizarro, né? 

De banho tomado, cabelos ajeitados e roupa alinhada. Namjoom estava pronto para ir em sua primeira seção. Ele estava ansioso, inseguro e nervoso, pois não achava necessidade para aquele alvoroço todo. No caminho até o consultório, tentou pensar em algo que não fizesse o mesmo ficar excitado, pois como um passe de mágica o Kim estava ereto. Frustado e excitado, Namjoon parou o carro em um acostamento e com muito má gosto,  abaixou suas calças assim liberando seu membro do aperto do Jeans. 

─ Droga. ─ murmurou o mais velho e é tentou se aliviar de sua dureza rápido. Pensando em ninguém menos e ninguém mais do que, Kim Seokjin. 

Namjoon só imaginava em seu corpo desnudo e, ansiava tanto por aquela entradinha rosinha e apertada. Céus, como Namjoon desejava o mesmo. Seus movimentos ficaram rápido e finalmente ejaculou, gritando o nome do Kim. 

Rapidamente voltou em sua postura e secou alguns pingos de suor que escorria e sua testa. Ligou o carro novamente e tratou de segui até o consultório e, não demorando para chegar ao local. O Kim varreu o lugar com seus olhos e andou em direção à sala da doutora Cloe. 

─ Uh,  vejo que já está ai. Vamos entrar. ─ a doutora disse gentilmente e Namjoon seguiu a mesma até sua sala. 

Agora sentados em suas posições, Namjoon respirou fundo para o que viria em diante. 

─ Tudo bem, Kim Namjoon. Me conte seus casos. 


Notas Finais


Peço perdão, se ouver qualquer erro ortográfico. 🌚

E aí, essa história promete muito sexo e amorzinho. 😅⚠

Comentem, por favor. Me dê uma chance. 🌈🌷

Meu perfil: @Bottompk 🌷✨

Perfil da Capista: @_LittleRose_


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...