História Os Fetiches de Jungkook - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Personagens Originais, V
Visualizações 40
Palavras 920
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não me matem por favor desculpem por só escrever agora. Mas não deixem de dar a vossa opinião nos comentários boa leitura.

Capítulo 15 - Jimin eu preciso se você !


Seis anos depois ... 

 

Pov Jimin 

 

Seria errado se eu disse - se que estes seis anos foram os piores da minha vida ? 

Não. 

O meu marido Andrew trai - me todos os dias, lembro - me de uma vez quando cheguei a casa e os vi a fazer sexo na nossa cama. Se me chocou ? Não. Eles nem notaram a minha presença, por isso voltei a fechar a porta e fui até à sala. Deitado no sofá e com o som da tv quase no máximo ouvia os gemidos deles e isso irritava - me. Comecei a chorar não por estar a ser traído, mas por ter saudades do Jungkook. As lágrimas caiam pela minha face, fazendo - me levar rapidamente as mãos à cara tapando - a. Até que, pouco depois, sinto uma mão pousar no meu ombro, puxando - me para um corpo com bastante força. 

 

Jimin: Jung ... - tento dizer mas sou interrompido pelo o abraço do mais novo. 

Jungkook: Cala - te ! Apenas quero te abraçar. - ele disse - Tenho pena do que aconteceu com o Andrew ...

Jimin: Jungkook você acha que eu estou assim por ele ?  - perguntei saindo do abraço e limpando, de seguida, os meus olhos.

Jungkook: Sim. Que mais razão você teria ? 

Jimin: Você. Você é a minha razão.

Jungkook: Jimin ... Eu ... 

Jimin: Não precisa dizer nada. Eu sei que não me quer e que está muito feliz com sua mulher, toda a gente ouve os vossos gemidos. 

Jungkook: Jimin ...

Jimin: Sabe Jungkook ... Eu só me pergunto o porquê de você me confundir como fez agora. Chegar a casa e me abraçar ... como se gostasse muito de mim ...

Jungkook: Jimin ...

Jungkook: Porra - gritei - Jimin é só o que você sabe dizer ? Ah Jungkook sai da minha frente ! - disse saindo da frente dele em direção às escadas, mas ele agarrou meu braço, fazendo com que a outra mão apertasse minha cintura. Esse movimento fez com que as nossas caras ficassem a escassos centímetros uma da outra, podendo sentir a sua respiração.

Jungkook: O que eu queria dizer é que - ele disse aproximando nossos lábios um do outro - Jimin ... Eu quero você só para mim. Eu te amo. - falou iniciando um beijo necessitado e cheio de desejo. Logo paramos ao ouvir alguém descer as escadas, ficando de frente um para outro, olhando nos olhos um do outro.

 

Andrew: Jimin ? Já estava em casa ? - perguntou assustado. 

Jimin: Fique descansado, eu faço de conta que não vi você e sua amante na cama, mas me faz um favor, me deixa em paz. - falei subindo as escadas rapidamente e fechando - me no quarto. Só queria esquecer tudo e deixar o tempo passar. O beijo com Jungkook, o seu corpo colado ao meu num ósculo possessivo por parte de ambos. Porque ele tinha de ser meu irmão ? Porque eu tenho que sentir isto por ele ? 

 

/////////////////////////////////////

 

Ainda lembro desse dia como se fosse hoje. Desde esse dia passei a ignorar Jungkook e tentei evita - lo. Porquê ? Nem eu sei. Eu sinto que é o correto a fazer. Hoje fazem seis anos que casei, pior dia da minha vida, por sinal.

Como sempre desço as escadas mais tarde do que o previsto e a única pessoa que está em casa é Jungkook.

 

Jungkook: Bom dia - me diz com uma voz amarga

Jimin: Bom dia - gaguejo, enquanto pego na xícara de leite, para beber.

Jungkook: Vamos passar o fim de semana sozinhos.- afirma me fazendo engasgar.

Jimin: Como ? - grito.

Jungkook: Os avós foram passar o fim de semana fora, seu marido precisou ir ao estrangeiro, por causa de uma emergência na empresa e minha mulher foi cuidar da mãe que caiu em casa.

Jimin: E você ? Não foi junto com ela porquê ?  

Jungkook: Já não posso ficar na minha casa ?! - respondeu rude.

Jimin: Claro que pode ... Desculpe. Jungkook: Bem vou para o meu quarto ? 

Jimin: Hoje não vai trabalhar ? 

Jungkook: Não tirei dois dias de folga.

Jimin: Espere ... Você provocou tudo isso não foi ? Estamos em casa completamente sozinhos, de propósito ... - conclui sorrindo esperando um "sim".

Jungkook: Não. Juro que a culpa não é minha. Já tinha pedido dois dias de folga, à muito tempo. - respondeu olhando para mim - Mas porque estava tão sorrindente por isso ? 

Jimin: Por nada ... 

Jungkook: Jimin ... desde aquele dia você passou a me ignorar, nunca percebi o porquê, por isso prometi a mim mesmo que te ia esquecer. - ele disse me deixando de rastos. Ele tinha razão a culpa era toda minha, e eu tinha de tratar disso. - Adeus irmão. - disse indo até ao quarto e fechando a porta logo em seguida. Será que ele me irá perdoar ? "Espera ... Eu e Jungkook ... sozinhos ... durante um fim de semana ..." - pensei, subi as escadas indo até seu quarto, abri a porta e dei de cara com um Jungkook musculado, apenas de box em cima da cama, mexendo no telemóvel. 

Jungkook: Que quer ? - ele perguntou.

Jimin: Você. - respondi me aproximando da cama.

Jungkook: O quê ? 

Jimin: Eu quero você ! - respondi me colocando em cima do colo dele, atacando a sua boca ferozmente sendo correspondido - Fuck me Daddy ! 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...