História Os heróis do olimpo-A bela e o bobo - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Afrodite, Annabeth Chase, Apollo, Ares, Artemis, Atena, Bianca di Angelo, Calipso, Caronte, Chris Rodriguez, Clarisse La Rue, Cronos, Demeter, Dionísio, Éolo, Eros (Cupid), Febe, Frank Zhang, Frederick Chase, Grover Underwood, Hades, Hazel Levesque, Hefesto, Hera (Juno), Hermes, Hylla Ramírez-Arellano, Íris, Jano, Jason Grace, Júniper, Katie Gardner, Leo Valdez, Luke Castellan, Malcolm, Miranda Gardiner, Nêmesis, Nico di Angelo, Niké (Nice), Paul Blofis, Percy Jackson, Perséfone, Personagens Originais, Phobos, Piper McLean, Poseidon, Quíron, Rachel Elizabeth Dare, Reyna Avila Ramírez-Arellano, Thalia Grace, Travis Stoll, Treinador Gleeson Hedge, Tyson, Will Solace, Zeus
Visualizações 19
Palavras 1.210
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esse que tá na capa é o Travis Stoll. Espero que gostem desse capítulo.

Capítulo 4 - Mamãe me dá conselhos e quase sou estuprada.


Fanfic / Fanfiction Os heróis do olimpo-A bela e o bobo - Capítulo 4 - Mamãe me dá conselhos e quase sou estuprada.

- Oi filhinha - disse Afrodite em um tom animado.

- Oi mãe - falei - o que veio fazer aqui?

- vim te ajudar a conquistar o Travis.

- Não adianta mãe, ele nunca vai gostar de uma garota chata e mimada como eu.

- As pessoas mudam Drew - disse Afrodite - Vc pode mudar também. E outra, aquele beijo que vcs deram heim - ela sorriu maliciosa pra mim e eu corei - Ele adorou o seu beijo. Ele pode não ser um filho de Apolo ou de Ares mas ele é bonitinho, inteligente, esperto, gentil, educado, engraçado.... resumindo: fique com ele.

- pra vc é fácil - disse - Todos os homens se rendem perante a sua beleza.

- Vc também é muito linda minha filha - ela falou - e a beleza não é tudo o que importa. Seja gentil com ele, assim como ele é gentil com vc, seja menos mimada, e menos chata. Mas mesmo assim não deixe de provoca-lo. 

- Tabom mãe - falei sorrindo - Vou seguir todos os seus conselhos. Agora vá que minhas outras irmãs estão chegando. Já é hora do toque de recolher. Tchau.

- Tchauzinho.

MINHAS IRMÃS entraram assim que minha mãe saiu. Todas elas estavam lá. Melissa, Joyce, valeria, keitlen, Stefany, Piper e claro, a traidora da Natalie. Ainda me pergunto como ela pôde transar com o meu namorado? Me trair dessa forma. Isso não importava mais porque eu não gostava mais do Jack e sim do Travis. Todas as minhas irmãs deitaram. Eu pus meu pijama e também deitei. Meu pijama era um babydoll rosa e de seda. Era bem sexy e o shortinho era bem curto. A blusa realçava os meus seios. Deitei e tive sonhos terríveis. 

Eu estava em um lugar horrível. Havia almas e mais almas naquele lugar. Já dava pra saber que era o mundo dos mortos. Na minha frente, Hades conversava com seu filho Nico de Ângelo e com as três fúrias.

- Como foi que eles escaparam do tártaro? - perguntou Hades gritando.

- Acalme-se meu pai - disse Nico.

- Eu não sei senhor, eles simplesmente fugiram, não sabemos como - disse uma das fúrias.

- Logo agora que tudo isso está acontecendo no Olimpo - gritou Hades. O que será que estava acontecendo?

- Não deve ser coincidência meu pai - nico de angelo falou - os dois acontecimentos devem estar interligados de alguma forma.

- Nico - disse Hades - Quero que amanhã vc vá ao acampamento meio sangue pela viagem nas sombras. Avise Quiron sobre o que está acontecendo. Avise-o sobre o novo inimigo do olimpo.

Acordei. 

 Ainda era cedo. Deviam ser umas 6 horas. Levantei e fui correndo avisar Quiron. Nem prestei atenção nos trajes que estava usando o que foi meu grande erro, pois quando sai fui puxada por alguém. Esse alguém era o meu ex Jack Riden. Ele me agarrou e me prensou contra a parede.

- Olha só o que temos aqui - disse ele - Eu venho pra encontrar a Natalie mas ela ainda está dormindo então eu vejo essa delicia sair do chalé com esse pijama provocante. Mais que sorte a minha.

Ele começou a beijar o meu pescoço e tapou minha boca me impedindo de gritar. Ele amordaçou minha boca com um tecido e me amarrou com cordas que ele tirou sei lá de onde. Aí ele começou o terror. Ele começou a passar as mãos pelo meu corpo apertando partes como minhas coxas, cintura e bunda. Ele apertou os meus seios com tanta força que me machucou. Eu estava desesperada. Não queria perder minha virgindade ainda.  Não com ele. Não em um estupro. Consegui me livrar da mordaça e gritei: 

- socorro! Socorro! - parei pois recebi um murro no rosto.

- Cala a boca sua vadia desgraçada- ele me beijou a força e começou a tirar a minha roupa ele rasgou o meu short me deixando só com a camisa e a calcinha. Ele apertou a minha bunda com uma força absurda. Aquilo estava doendo muito. Comecei a chorar silenciosamente. 

- Agora eu vou te foder com tanta força que vc vai se rasgar todinha- ele falou - vc deve ser apertadinha. Virgem como é. Eu vou adorar ser o seu primeiro.

- por favor não - implorei mas ele já estava com a mão na calça pronto pra desabotoar.

- Larga ela - gritou uma voz familiar. Travis estava lá com uma espada na mão.

Jack começou a rir. 

- Vai fazer o que? Me atacar?

Foi exatamente o que Travis fez, mas Jack se defendeu com uma espada que ele tirou da suas costas. Parece que os filhos de Ares estavam sempre armados. Os dois lutaram. Foi uma luta incrível. Jack era bom mas parecia que ia perdendo habilidade e agilidade enquanto Travis ficava cada vez melhor. Jack estava cheio de cortes e Travis sem nenhum arranhão. Logo Travis desarmou Jack e deu-lhe um golpe com a espada que o fez cair.

- Vc vai pagar por isso - gritou Jack correndo.

- Vc está bem? - perguntou Travis.

- Agora estou - falei o abraçando - Foi horrível - Eu disse chorando - Ele ia me estuprar.

- Calma tá tudo bem agora - falou ele se separando de mim e me olhando. Ele olhou fixamente para as minhas pernas. Só aí percebi que estava com a calcinha a mostra. Corei e tapei com as mãos a calcinha.

- Não olha -pedi manhosa, cheia de vergonha.

- Belas pernas - disse ele rindo.

- Para - falei manhosa - Não olha seu tarado.

Ele soltou uma gargalhada.

- Eu já te vi então não adianta se tapar. E outra coisa: pra que ter vergonha de um corpo tão lindo como o seu.

Corei com o elogio. 

- Obrigada - falei. 

- esse Jack vai pagar por isso, eu vou falar pro Quiron e ele vai ser expulso do acampamento

- Não - gritei - Se vc falar pro Quiron todos vão saber que ele tentou me violentar. Por favor não faz isso.

- Infelizmente vc não pode me convencer a não fazer isso - ele falou decidido.

- por favor por mim - disse e o abracei, colocando meus braços ao redor do pescoço dele. Depois olhei em seus olhos e o beijei. Foi um beijo muito gostoso e apaixonado, com um pouco de desejo e malícia. Eu mexia em seu cabelo enquanto ele fazia carícias emma mim com a sua mão. Ele descia as mãos da minha cintura para as minhas pernas depois subia para a minha bunda que estava praticamente quase toda de fora por causa do tamanho pequeno da calcinha.  Ele apertou meu bumbum suavemente e eu gemi entre o beijo. Nossas línguas se entrelaçavam em uma dança sensual e logo o ar faltou. Nos separamos e eu corei de tanta vergonha.  Principalmente pelo fato de que eu estava com a calcinha a mostra.

- ME convenceu - disse ele sorrindo - Mas nunca vou esquecer o que aquele maldito fez.

- Travis - falei - eu tenho que me trocar agora. Ja já todos vai acordar e ninguém pode nos ver aqui taí cedo e principalmente comigo de calcinha a mostra.

Ele corou.

- Tabom tchau Drew- ele disse.

- Tchau- falei enquanto entrava no meu chalé. Dei uma girada e depois suspirei. É eu estava realmente apaixonada por ele. E aquele foi o melhor beijo da minha vida.







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...