1. Spirit Fanfics >
  2. Os laços que nós unem. >
  3. A festa

História Os laços que nós unem. - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Oi pessoal.
Muito obrigado por vc que acompanham minhas fanfic. Principalmente a seiry-Nyer e a Maria212, minhas leitoras preferidas😍😍😍.
Espero que gostem do capítulo.
Tenham uma ótima leitura.
Bye😘😘😘.

Capítulo 4 - A festa


》Shiro《

A música  começa a tocar e as portas se abrem revelando o local lotado de pessoas que eu nunca tinha visto.

Todo o ambiente está ornamentado com flores azuis e violetas. Os lustres de cristais no teto realmente deixou o local bem belo dando a impressão do interior de um castelo europeu. Aberto um pouco o braco de mamãe  tentando conter o nervosismo. 

A música segue cantando e caminhamos em frente sobre o tapete vermelho estendido sobre o chão. O vestido de mamãe com sua saia longa que arrastava  no chão enquanto andava dava um belo quadro. Os detalhes em prata sintilando com a luz do sal da tarde deixaria qualquer aspirante a romântico babando de tão grande beleza. Realmente parecia uma deusa (claro que sou suspeito de falar não é mesmo já que ela é minha mãe) vinda da mitologia grega. 

Conforme íamos caminhando pude perceber a presença de um homem de meia idade, pele morena, cabelos pretos com alguns traços grisalhos atrás da orelha, com um belo terno preto e seus óculos em pé no altar. - então esse é o tal kazuya. Até o momento não o tinha conhecido pessoalmente, apenas por foto com mamãe.

Chegamos no altar e entrego minha mãe para ele e ela mi entrega o buquê. Fico em pé no altar ao lado de lika, do lado esquerdo de mamãe.  

Ao olhar para o outro lado pude ver um garoto loiro de pele morena e uma garotinha de uns dez anos eu acho ao seu lado com o sorriso mais terno do mundo. 

Shiro: estão esse são os filhos dele.- Chego no pé do ouvido de lika e sussurro para ela.

Lika: parece que sim. Mamãe havia no mostrado uma foto deles juntos em um jantar que eles foram.

Shiro: entendo.- então esses serão nosso novos irmãos?- penso.

A cerimônia se sucede normalmente sem nenhuma interrupção. Percebo que mamãe parece muito feliz pós pude perceber que estar segurando o chora para não borrar sua maquiagem durante os votos que eram jurados por ambos. Sabe aquela ladainha de até que a morte nos separe.

Quando o cerimonialista pergunta sobre as alianças a garotinha que estava super fofa de vestido branco com um laçarote no cabelo estende a mão onde segurava uma caixinha contendo as alianças.

Bem tudo se sucede bem. Terminada cerimônia todos nós seguimos juntos sem trocar uma palavra para nossa casa onde será realizada a festa.

Chegamos lá e lika e Eu entramos e nos sentamos em uma mesa perto da mesa de doces. Mamãe e seu mais novo marido ficam na entrada do salão recebendo os convidados.

Nós dois conversávamos animadamente quando duas figuras se aproximam de nossa mesa.

???: olá. Muito prazer. Mi chamo Shuya Goenji, e essa é minha irmãzinha Yuka. Ele fala se apresentando.

Lika: olá. Muito prazer em conhecê-los. Mi chamo lika e esse é meu irmão fubuki.

Goenji: o prazer é todo meu.- ele fala e estende a mão nos cumprimentando.

Ele e Yuka se sentam em nossa mesa e ficamos conversando. Bem na verdade lika e ele ficavam conversando pós eu não estava muito afim de conversar no momento.

Yuka: nossa seu cabelo é muito bonito.- ela fala olhando para mim.

Shiro: muito obrigado.- digo corado pela fala da pequena. Você também é uma graça.

Yuka: obrigada. Hahaha.- ela começa a sorrir como a mais pura entre os seres.

Lika: então... vocês pretendem vir morar aqui também?- ela pergunta para goenji.

Goenji: provavelmente sim. Nosso pai conversou com nós dois e acabamos concordando com ele.

Lika: entendo. Bem... Goenji onde você estuda? Ela continua com suas séries de perguntas. Realmente lika não tem limites mesmo, principalmente com quem acabou de conhecer.

Goenji: eu estudo na Escola Raimon. Sou do primeiro ano.

Lika: que legal nós também. Nossa mãe nos matriculou lá. E as aulas irão começar no mês que vem. 

Goenji: que bom. assim podemos ir juntos.- ele realmente ficou feliz com a notícia. Já eu não dava a mínima importância, a única coisa que importava para mim é ficar observando os arredores do salão.

Enquanto lika e goenji conversavam, Yuka veio até mim mi pedindo doce. Então mi levanto vou até a mesa e pego alguns para ela. Quando volto percebo que tem mais dois indivíduos sentados em nossa mesa. Mi sento e lika mi apresenta os dois desconhecidos.

Lika: fubuki esses são Haruya Nagumo e Hiroto Kiyama,  ambos são filhos adotivos de seyigiro kira, o sócio nas maiorias dos negócios de mamãe. Falou apontando para dois ruivos sentados ao meu lado, um de olhos verdes e outro de olhos âmba respectivamente.

Shiro: muito prazerem conhecê-los mi chamo Shiro Fubuki.- falo estendendo a mão.

Nagumo/hirtoto: igualmente- os dois falam e mi cumprimentam. 

A comida é servida e continuamos conversando. Apenas com esse pouco tempo de convivência pude perceber que haruya é muito extrovertido enquanto Hiroto parece mais sensato e calado, dando apenas quando é necessário. Realmente esse seu jeito mi intriga pós quase sempre consigo descobrir oque os outros estão pensando ou sentido por causa das reações ou expressões que demostram. Mas para mim ele parece uma incógnita a ser decifrada.

Terminado de servir a comida nossos pais nos chamam para irmos até eles que estão em cima da escadaria. Lika, Yuka, Goenji  e Eu nos levantamos e vamos até seu encontro. Ficamos cada um ao lado de nossos respectivos pais. Ao terminar de nos posicionamos em nossos lugares nos pais começam a fazer um discurso de como foi sua trajetória desde o dia em que se conheceram, até o dia em que se casaram que é hoje.

Ao terminar o discurso tiramos algumas fotos e voltamos a nos sentamos em nosso lugares, enquanto nossos pais se sentam em uma mesa com alguns empresários.

Passado um tempo nossos pais pedem para todos se aproximarem que irão cortar o bolo. Todos nós nos levantamos e ficamos perto da mesa. 

Mamãe: os meus Primeiros dois pedaço vai para meus filhos queridos, lika e Shiro - Ao falar isso lika e eu ficamos emocionados com a noticia, e nos aproximamos para pegar nosso pedaços.

Aviso:(Pessoal quando eu mi referir ao pai do goenji pelo fubuki ou lika vou chama-los de padrasto e madrasta para o goenji. A yuka vai chamala de mamãe mesmo tá. Apenas para explicar mesmo.)

O nosso mais novo padrasto dar seus primeiros pedaços para seus filhos também como o esperado. Conforme o tempo passava era a hora da valsa. Mamãe dançava com seu mais novo marido a valsa dos noivos. Terminado a sua dança, os outros convidados vão para o salão para dançar também. Lika convida goenji para dançar e Yuka dança com um garoto de mais ou menos sua idade de cabelos pretos e olhos verdes. Nagumo também se levanta e pega uma das meninas que estavam sentadas e a leva para o salão para dançaram. Ficamos apenas eu e Hiroto na mesa sentados observando os outros se divertindo e dançando.

Hiroto: não vai dançar?- ele mi pergunta mi fazendo sair de meus pensamentos.

Shiro: n...não. não sou muito bom.- digo ficando um pouco envergonhado. E você não vai dançar?- devolvo a pergunta para ele.

Hiroto: não sinto vontade. Prefiro ficar aqui sentando observando você.

Shiro: como é que é o negócio?- pergunto assustados com sua resposta.

Hiroto: nada não. Apenas fiquei curioso com você.- ele diz sem demonstrar nenhuma reação ou vergonha de sua resposta.

Shiro: oque em mim o deixa curioso?- pergunto.

Hiroto: tudo em você na verdade. Fiquei encantado com sua beleza.- ele mi diz de um modo sedutor.

Do nada somos interrompidos por Goenji e lika que se sentam em seus lugares. E disfarçamos para que não percebessem oque estava acontecendo aqui.

Shiro: porque já vinheram se não acabaram de dançar ainda?- pergunto para lika.

Lika: é que acabei pisando sem querer no pé dele.- ela diz com um sorriso torto. E você porque não foi para lá?- perguntou de Hiroto. O fubuki já sei que é porque ele tem vergonha.

Hiroto: não gosto muito de dançar apenas. Então decidir ficar aqui conversando com fubuki.- ele diz o mais frio possível.

Goenji: ficaram conversando sobre oque afinal?- goenji pergunta mi fazendo estranhar já que acabei de conhecê-lo e não tenho intimidades nenhuma com ele.

Hiroto: sobre nada de interessante. Apenas ficamos aqui fazendo companhia um para o outro.- ele respondeu com um certo deboche na voz e goenji não parece ter gostado da resposta.

Ficamos o resto do tempo conversando. E eu com Hiroto. ele até pede meu número e dou para ele. 

Passado um bom tempo a festa ia chegando ao fim e Os convidados iam embora assim como Hiroto e nagumo. Nos despedimos de todos e mamãe e nosso padrasto se despedem e vão para o carro onde pegarão o jatinho e irão ficar de férias em Okinawa curtindo a lua de mel.

Lika e eu mostramos os quarto de Goenji e Yuka que mamãe tinha separado no mesmo corredor que o meu e da lika. Eles pegam suas coisas que haviam trazido e entram para seus quartos.  

Vou para o meu e entro no banheiro. Fico um bom tempo lá tomando meu banho. Precisava relaxar esse foi um dia bem corrido e cansativo para todos, mas no final deu tudo certo. Mi seco, visto  minhas roupas e saio di banheiro. Assim que passo pela porta sinto dois braços fortes envolverem minha cintura com força e mi jogarem na cama.

Shiro: oque pensa que está fazendo...







Notas Finais


Bem pessoal no momento é isso.
Mi desculpem por qualquer erro.
Espero poder postar um novo capítulo até quinta.
Bye😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...