História Os Legionários - Capítulo 4


Escrita por:

Visualizações 16
Palavras 8.519
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sci-Fi, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá futuros leitores!

Hoje vim trazer um novo capítulo dos Legionários para os curiosos! Esse capítulo está um pouquinho grande

Boa leitura e já agradeço para aqueles que se interessaram pela minha história!

Vejo vocês nas notas finais.

Capítulo 4 - Capítulo 3


Fanfic / Fanfiction Os Legionários - Capítulo 4 - Capítulo 3


Origens de Mulher Aranha, Guerreiro e Estrela da Noite(1)


Pov's Autor


Japão /Tóquio


6h40


Tudo começa com a existência de uma jovem mulher dormindo serenamente em sua cama, rodeada por bichos de pelúcia que comprou algumas semanas atrás dentre os mais antigos que comprou anos atrá, incluindo action figure colecionáveis de seus animes favoritos como Sailor Moon, Naruto, Cavaleiros do Zodíaco, Hunter X Hunter, Yu Yu Hakusho, Death Note, One Piece, Super Onze e mangá de animes entre os mais antigos e novos.


A mulher está agarrada ao seu Futon estilo Ayato de Diabolik Lovers que comprou recentemente na Internet por um bom preço. Seu quarto não é considerado o mais normal para pessoas comuns pois quem observara, depois de uma análise completa, já considera que a mulher seria uma otaku(1).


O despertador, vindo do celular, começa a tocar Overlord da primeira temporada despertando-a de seu sono para mais um dia de trabalho.


Pov's ???


Hoje é mais um lindo dia meu povo! Um dia onde não podemos ter o pessimismo pois sabemos que um dia com pessimismo não nos leva a nada além de fornecer dor e chatice, porém nosso dia nunca deve faltar otimismo pois sabemos que uma pessoa otimista sempre terá sucesso e alcançará todos seus objetivos, não concordam?


Meu nome é Alexia Jones, tenho 24 anos, sou uma repórter de um importante jornal local e estou solteira recentemente já que nenhum homem me suporta como meu ex que foi um babaca comigo.


Que a verdade seja dita para algumas mulheres : Ficar solteira é bom demais pra aquelas que são fortes porque sabem como lidar com a situação, mas é FODA quando tem aquele momento de tristeza para pessoas de coração mole, incluindo eu, que assalta a geladeira e fica comendo o sorvete do congelador ou comendo besteiras até engordar mais. Se lamentando no sofá com coberto quentinho e assistindo algum seriado dizendo " O que foi que eu fiz pra dar tudo errado? " ou " Porque ele me traiu?! " ou até mesmo " Eu sou uma idiota por acreditar nele!! " e por aí vai. Um grande sábio me disse uma vez que a felicidade não depende apenas de uma pessoa, mas sim de você mesmo e é você quem faz sua própria felicidade.

São 6:40 da manhã em meu celular e vejo meu Watsapp tendo 5 conversas e 89 mensagens, porém não vou responder nenhuma pois irei fazer minha rotina. Saí da minha cama vestindo apenas uma calça folgada cinza e uma camisa do Vegeta, caminhei em direção ao meu armário e fiz questão de pegar minhas toalhas, minhas peças de roupa íntima andando até ao banheiro pois uma mulher bonita precisa ficar bonita e um banho ajuda muito.


...


Saí com a toalha no meu corpo andando até meu quarto que logo vasculho meu armário e pego minhas roupas de caminhada.


Porque as roupas de caminhada?


Se você for uma heroína com poderes aracnídeos e seu corpo está mais forte que o normal e você não consegue controlar é necessário que se acostume aos seus novos poderes e sua nova forma, aumentar a flexibilidade de seus movimentos, fortalecer seus musculos para se acostumar são de extrema importância nesse caso. Manter o corpo saudável e ter uma alimentação controlada e bem balanceada são extremamente importantes para vida e principalmente para uma mulher-heroína. Não é que eu sou contra pessoa mais fofas por assim dizer cada um tem seu corpo do jeito que é. Ninguém é obrigado a malhar apenas para chamar atenção e, além disso, somos perfeitos com nossos próprios corpos e quem não gosta do jeito que nós somos você tem que... Bom... façam o que quiser.


Eu tenho duas identidades que faço questão de guarda a todo custo: Sou reconhecida como Alexia Jones para os meus amigos e parentes, entretanto, minha outra identidade é conhecida como a heroína mais famosa a incrível e espetacular Mulher Aranha.


Eu nem sempre tive esses poderes. Antes era uma simples cidadã e repórter iniciante, tendo que conseguir uma matéria em uma das cidades mais avançadas no mundo e é quando justamente uma azarada como eu, recebi esses poderes quando houve um vazamento químico de um dos laboratório da Takeda Enterprises que havia amostras de animais. Inicialmente, não queria ter esses poderes inicialmente, mas as circunstâncias me obrigaram a utiliza-los para o bem maior, portanto, é minha responsabilidade de proteger essas pessoas, deter os bandidos como nos desenhos e mostrar ao mundo do que sou capaz!


Faz 3 semanas que eu e meu namorado discutimos por conta daquele telefonema misterioso, que eu ouvi sem que o mesmo percebesse, no seu celular escrito Amor que até achei estranho estar no seu celular já que no dele só tinha apenas meu nome e nada mais. Nem mesmo um apelidinho carinhoso como nos casais apaixonados! Isso me irrita!!!


Eu não confio minha real identidade pra ninguém pois nunca se sabe o que podem fazer com essa informação e sabemos que todo cuidado é pouco. Agora vocês devem uma idéia de como foi meus antigos namoros. Nenhum deles provou ser digno desse segredo e sabemos que as pessoas que contamos esses segredos correm um grave risco de vida.


Depois que coloquei minha roupa para caminhar saí do meu apartamento e vou direto para o elevador e quando encontro vejo Daniel.


- Ohayo Daniel!_Respondi alegremente para Daniel que rapidamente suas bochechas coram de um jeito muito fofo.


- O-ohayo Alexia-San._Disse tímido o jovem Daniel.


Daniel é um lindo homem de cabelos ruivos e olhos castanhos, tendo um lindo sorriso estampado no rosto que pode fazer qualquer garota suspirar, mas ele é tímido nisso. Temos uma amizade de 2 anos, mas sempre quis aqueles lábios junto aos meus um dia desses.


- Já disse que não precisa colocar o San no meu nome!_Repreendi Daniel, pois somos amigos à bastante tempo. - Pode me chamar de Alexia! Nada mais!_Falei.


- Tudo bem... ._Disse meu nome sem formalidade junto as bochecha que corar. 


...


" KAIWAI!!! " disse em pensamento ao contemplar aquela fofura. Será que se eu o sequestrar e tranca-lo no meu quarto alguém notaria? Espero que não.


Poderia ficar olhando pra esse modelo lindo o dia todo!! Pensando assim, ele poderia ser modelo ao invés de um simples funcionário de um apartamento! É aquela barba mal-feita junto aqueles lábios? Deus me ajude! Aquele cabelo ruivo é tão bonito que fico ansiosa só de passar as minhas nele! Por baixo daquele tecido o corpinho deve ser ótimo!!! Fico até arrepida só de imaginar!


- Alexia!_Disse Daniel conseguindo minha atenção.


- O-o que foi?_Perguntei conseguindo recuperar meu juízo.


- V-você... f-ficou me o-olhando esse tempo todo que até fiquei constrangido. Tentei te chamar, mas você não respondia._Relatou Daniel sobre meu estado de coma temporária.


...

" QUE VERGONHA!!! " pensei totalmente envergonhada.


Eu fiquei olhando pro Daniel esse tempo todo?!?! O que falo pra ele?!? Pense Márcia Diaz. Você é uma mulher inteligente e é uma super-heroína que salva pessoas todo dia. Pensa!


- Eu tava... fiquei... Eh... _Tentei procurar as palavras certas para responder, mas consegui. - Eu vi que seu cabelo havia crescido muito e fiquei pensando se tinha algum cabelereiro pra você já que o seu viajou._Disse com um sorriso nervoso.


- Isso é verdade. Ele meio que viajou pro outro lado do mundo só pra ver a... _Interrompeu a si mesmo prestando atenção em mim de forma intensa. Minha nossa! Aqueles olhos são incríveis! - Como você sabia do cabeleireiro se eu não nunca te contei?_Falou Daniel suspeito.


... Eu só faço besteira!! Não é que fico espionando ele quase todo santo dia apenas tenho uma boa memória e sou bastante atenciosa com as pessoas ao meu redor.


- Segredo de mulher!_Respondi rapidamente. - Eu tenho que correr!_Disse já chegando perto do portão. - Onegai, pode abrir a porta?_Perguntei para Daniel que fez questão de abri-la. - Agariato!_Agradeço e começo a correr colocando umas das minhas músicas( Fifth Warmony - Worth It ).


...


Cheguei em casa por volta das 8:00 manhã toda suada e satisfeita com meu desempenho e rapidamente vou direto pro banheiro tirando a minha roupa de caminhada e tomar uma ducha pra tirar todo esse suor.


Saí do banheiro com a toalha presa em meu corpo e outro na minha cabeça andando em direção ao meu quarto  pegando uma roupa comum já que vou trabalhar somente ao 12:30.


Depois que coloquei uma roupa fui em direção a sala principal e começo a jogar Street Figther no meu PS4 por um tempo, mas desisto de jogar e começo a jogar Overwatch.


...


Observo o relógio e já são 10:55 desligo o jogo para minha infelicidade, andando em direção ao meu quarto trocar de roupa para
o trabalho.


Pego o elevador indo direto pro subsolo pegar meu carro sendo um Eco Sport Azul.


Em questões de minutos cheguei no estacionamento, deixando meu carro na minha vaga, fui em direção ao elevador e quando cheguei logo vejo que todos chegaram nos seus postos. Cumprimento todos que conheço no local de trabalho e depois tudo foi tranquilo.


- ALEXIA!!!_Gritou o dragão... quero dizer a  minha chefe.


Fui em direção para sala da minha chefe que gostaria de falar comigo. Sabe aquela chefe que você não gosta e vive te perturbando? Essa é minha chefe!


Cheguei na sua porta abrindo para entrar vendo a minha linda e querida chefe. Uma linda japonesa que comanda uma das mais importantes rede de notícias do Japão, porém não se enganem com sua beleza que por baixo da maquiagem existe uma mulher feroz e assustadora onde poucos conseguiram sobreviver.


- A Srta.Ayame me chamou?_Perguntei de forma educada.


- Sim!_Disse a Srta.Ayame me olhando. - Quero que vá a Takeda Enterpress e consiga o máximo de informação sobre o recente orfanato para crianças necessitadas._Informou minha chefe.


Eu não gosto muito da Sachiko Takeda. Não é que eu odeio ela e sabem porquê?


Ela é responsável pelo nascimento de muitos vilões que enfrento dia após dia. Uma mulher que pode fazer tudo e controlar tudo a sua volta, uma bilionária com uma armadura super avançada e poderosa, sendo uma das pessoas mais inteligentes do mundo, no entanto, é considerada uma arrogante na maioria das vezes, ela é polêmica para todo Japão que gosta de uma fofoca. É nosso trabalho revelar esses podres e babados ao público.


- Eu acho que não é uma boa idéia._Disse insegura e desconfiada em fazer essa matéria. - Eu ainda não sei devo ir.


- Você não tem que argumentar nada! É comum, nós jornalistas, se envolver com bilionários famosos e acabar aparecendo na TV. Você aceitou os riscos dessa trabalho quando entrou para esse jornal e deveria saber que algum dia isso aconteceria._ Prosseguiu. - Olha, eu sei que aquela polémica que você se envolveu com Sachiko Takeda mexeu com você. Ninguém vai notar ou reconhecer você lá. Então engole essa vergonha e cria coragem para fazer essa matéria.


É isso mesmo que vocês ouviram! Eu me envolvi sexualmente com Sachiko Takeda! E sabem o que mais? Foi aquela pervertida que me embebedou numa festa onde uma amiga havia me convidado para sua festa e foi nesse mesmo dia que a conheci de perto!! Eu estava solteira naquela época e faz 2 anos. Acordei com uma enorme dor de cabeça e uma puta ressaca e tinha percebido que aquela cama não era minha e quando me deparei estava no quarto de Sachiko Takeda totalmente pelada e sem sinal sequer das minhas roupas íntimas apenas as roupas que usei na festa, porém quase toda rasgada. Eu não a encontrei em casa pra tirar satisfação então peguei uma de suas roupas e fui direto pra minha casa.


Gente foi a primeira vez que dormi com uma mulher! Eu nunca fiz isso antes!


Qual foi o resultado? Vários colegas do jornal me zuaram e brincaram com meu juízo até 6 meses, porém nem todos me zuaram pois metade do povo daqui do jornal é fechamento. No entanto, isso não foi o suficiente pois parte do público japonês ficou sabendo dessa notícia e olha que fui reconhecida algumas vezes!


E sabem quem foi a puta que teve o prazer de arruinar minha imagem sabendo do meu envolvimento com Sachiko Takeda?!?


H - I - N - A - T - A !!!


Aquela puta não não duraria 10 segundos comigo na porrada. Ela pode até ser umas das repórteres mais bem conhecidas da atualidade, mas ela é enjoativa só de ouvir aquela voz de falsiane.


- Por que tem que ser eu?_Perguntei sabendo que aqui existe repórteres melhores que eu. - Você tem opções bem melhores do que eu pra fazer isso._Falei descuida.


" Você " ?_Enfatizou minha chefe me fuzilando com olhos e só agora percebi o meu erro.


- Q-quero d-dizer a Srta.Ayame tem opções muito melhores do que eu... Hehehe... _Disse rindo nervosa. - E-Eu não sei se sou capaz disso!_Respondi.


Ninguém deve faltar com respeita a Srta.Ayame!!! Jamais!!! Ou pode dizer adeus a sua carreira!


- Eu sei disso._Disse minha chefe que que descansou o olhos de dragão. - Você pode não ser tão boa quanto Hinata, mas acredito que você seja capaz de cumprir sua tarefa com eficiência para com povo._Disse minha chefe sem perceber que magoou meus sentimentos como repórter. - É nosso dever informar as pessoas do Japão sobre o ocorrido do nosso dia a dia, sendo capazes de alerta-los de um problemas que eles mesmos possam evitar. Faça seu trabalho com eficiência Alexia Jones!


- Entendido Sra.Ayame!_Falei em agradecimento.


- O evento acontecerá às 13:40. Depois do evento, você vai a cena do crime em que Justiceira foi vista em um de seus assassinatos cujo permissão de entrevistar o comandante sobre esse caso foi permitido._Prosseguiu. - Caso você consiga outra matéria que nos interessa como Hórus ou Ninigi no Mikoto tá valendo._Relatou minha chefe voltando a olhar seus papéis enquanto ainda a observo pra ver tem alguma coisa.


Eu nunca vi alguém mais assustador do que a própria Justiceira.


Dizem que Justiceira mata por prazer, tirando vidas de criminosos e corruptos onde quer que vá sempre deixa um rastro de morte!! Eu NUNCA a vi pessoalmente, nem como repórter ou Mulher Aranha. Existe um boato que Justiceira seja é um demônio vingativo. Não subestimem Justiceira apenas por seu gênero porque aqueles que fizeram isso morreram de uma forma que nem imaginam.


Vocês teve aquela infância onde seus pais contam aquelas horríveis histórias como " O Homem do Saco " ou " Bicho Papão " pra vocês não se comporta mal na infância?


É a mesma coisa pros bandidos.


Os sobreviventes de seus ataques comprovam que Justiceira é mais que uma simples mulher e a maioria morre antes mesmo de saber atingi-la. Justiceira deixa marcas nos sobreviventes em forma de X como se fossem gado, porém outros  exemplos de seus feitos são falta de membros, cicatrizes nos piores lugares do corpo, alguns foram até castrados no caso dos homens.


Depois da Justiceira temos Ninigi no Mikoto que foi o governador do Japão que reinou anos de paz e prosperidade e agora fica andando por aí resolvendo problemas sobrenaturais. Todos os japoneses amam Ninigi no Mikoto criando até clubes sobre ele, mas o único problema é que ele é arrogante e confiante demais até mesmo para um Deus pois eu já lutei ao seu lado algumas vezes.


Não é que tenho medo, mas eu não quero enfurecer um Deus de importância nacional. E vocês?


- É só isso?_Perguntei se tinha alguma coisa a mais.


- Por enquanto._Disse minha chefe. - Caso você consiga outra matéria que nos interessa como Hórus tá valendo._Disse minha chefe que voltou a olhar seus papéis enquanto ainda a observo pra ver tem alguma coisa.


Esse Hórus tem uma força descomunal! Meus instintos dizem o tempo todo para não enfrenta-lo em hipótese alguma! Antes mesmo de chegar no local como Mulher Aranha e os criminosos cometerem algum delito, o próprio Hórus chega mais rápido que qualquer um e rapidamente os criminosos desistem antes mesmo de lutar.


- O que você tá fazendo aí?!_Perguntou minha chefe irritada. - Mexa essas pernas gordas e faça seu trabalho!_Disse minha chefe irritada.


Pernas gordas?! Se ela não fosse minha chefe daria umas boas bofetadas nela! Pra mim isso é falta de sexo!


Saí de seu escritório indo pegar minhas coisas para minha matéria e logo encontrei o câmera-man que apesar de não conversamos muito nos entendemos um ao outro.


Hoje vai ser um dia cheio e por alguma razão tem alguma coisa que eu não tô conseguindo me lembrar, mas é melhor deixar pra depois.


...


21:25

Depois de um longo dia, me despeço de todos e indo direto pro meu carro quando meu celular toca e vejo que é minha mãe.


- Oi Mãe._Falei.


- Oi querida._Disse minha mãe. - Eu liguei pra te perguntar se está pronta pro aniversário do seu irmão? Você conseguiu o presente?_Perguntou minha mãe. - Ele está muito empolgado e feliz que sua irmã irá comprar o seu presente de aniversário... _Continuou minha mãe enquanto eu vasculhava minhas memórias.


EU ESQUECI!! Eu sabia que tava faltando alguma coisa nesse dia! Como fui tão burra em esquecer o aniversário do meu próprio irmão!? Que tipo de irmã eu sou?!


- Alexia?_Perguntou minha mãe no celular.


- H-hai(Sim)?_Disse a única coisa que pude falar.


- Você esqueceu o aniversário do seu irmão?_Perguntou minha mãe desconfiada que esqueci.


- ...Não!_Neguei. - Como... eu poderia esquecer o aniversário do meu próprio irmão!?! Se pensou que esqueci está enganada ao meu respeito._Disse fingindo estar incrédula com sua resposta. 


- Alexia._Disse minha mãe. - Você esqueceria até mesmo do forgão ligado._Criticou minha mãe.


- É um brinquedo do Homem de Ferro, não é?_Perguntei direta pois quando minha mãe fala sobre esses fatos da minha vida prefiro ignorar.


- Sim!_Afirmou minha mãe. - James ficará decepcionado que sua própria irmã esqueceu seu aniversário!_Disse minha mãe decepcionada comigo.


Eu não quero ver aqueles lindos olhos do meu irmãozinho ficarem tristes por minha causa!


- Eu vou conseguir!_Disse confiante.


- A maioria das lojas fecham as 22:00, então faça o favor de trazer esse brinquedo!!_Disse minha mãe. - Bem que você podia ficar aqui em casa essa noite. Se você for embora muito tarde e ainda estiver na rua, você pode ser assaltada minha querida!_Avisou com medo por causa do horário.


Quem devia ser avisado são os otários que vão tentar me assaltar.


- Eu não sou um bebê mãe! Eu já sou bem grandinha pra tomar conta de mim mesma!_Respondi.


Sabe aquela mãe que te trata como um bebê mesmo sendo uma adulta? Essa é minha mãe.


- Mais ainda te vejo como minha doce filhinha!_Brincou minha mãe. - Não esqueça  irmãozinho sente falta daqueles momentos que vocês dormiam juntos por causa dos medos dele!_Falou minha mãe tentando me convencer.


Pensei sobre o assunto e respondi.


- Tá bem! Eu vou passar uma noite aí ja quê não vou trabalhar amanhã._Disse para minha mãe.


Saí do prédio com meu carro procurando uma loja de brinquedos que poderia comprar e logo sinto o meu sentido aranha ficar louco avisando que alguma coisa ruim está prestes a acontecer, porém meu carro é atingido por alguma coisa e logo bati em em poste.


Por um triz eu poderia bater a cabeça no carro e ficar inconsciente por um tempo, entretanto, a minha grande sorte é que eu estou usando o cinto de segurança.


Por isso sempre usem o cinto de segurança crianças! " Ele salva vidas " como dizem.


Saí do carro um pouco tonta por causa do impacto e vejo o meu primeiro crush fugindo da polícia em pleno vôo carregando o que uma bolsa de dinheiro. Foi aquele homem que me fez a heroína mais amada do Japão, salvando a cidade de uma terrível catástrofe, o vilão que tanto amo e valorizo não importa quantas vezes eu o derrube sempre volta para causar terror e mesmo assim é derrotado.


Pareço uma adolescente contando sobre o Boy, mas afirmo que é muito diferente.


Seu nome é Toxicon. Um criminoso que usa poderes tóxicos nas pessoas para conseguir o que quer, destruir o meio ambiente e todos os seres vivos existentes e fazer o mundo um lugar melhor por assim dizer.

Os polícias estavam perseguindo Toxicon constantemente e a perseguição chama atenção dos cidadãos por onde passam.


Corri direto pro meu carro pegando minha bolsa tirando o meu traje.


Ele é branco e preto, minha máscara possui duas enormes lentes brancas, utilizando dois braceletes que me permitem usar as minhas teias que eu mesma desenvolvi.( NA: Para aqueles que não  sabem o traje tem referência da Gwen Stacy conhecida como Spider Gwen ou Mulher Aranha no Universo Marvel )


Comecei a perseguir os criminosos rapidamente junto a polícia, mas foram derrotados por Toxicon graças aos seus poderes. Consegui me aproximar de Toxicon e o derrubo com um chute nas suas costas. 


- Toxicon-Kun!_Disse alegre por ver meu Crush. - Atrapalhei alguma coisa?_Perguntei alegremente.


- Sua puta Aracnideo!_Insultou Toxicon totalmente enfurecido.


- Não é assim que se trata a Crush! Eu pensava que tínhamos uma ligação!_Disse fingindo estar triste.


- A única coisa que quero nesse mundo é me livrar de você!_Disse atirando suas rajadas tóxicas, porém eu desvio rapidamente para outro prédio apenas com um salto.


- Nós precisamos realmente conversar!_Disse iniciando nossa conversa. - Querido, sei que está com raiva por eu ter o jogado na prisão uns meses atrás, mas fiz isso por amor então entenda isso Darling!_Disse enquanto desvio de seus ataques constantes. - Se está com raiva também por não ter enviado às flores peço mil perdões! Eu estava lotada de coisas pra fazer esse tempo. Não é que tenho esquecido de você, só não tinha tempo!_Disse enquanto desviava de seus ataques mortais.


- Eu vou matar você!_Disse Toxicon disparando uma enorme esfera de energia tóxica em mim, mas eu desvio facilmente onde a esfera explodiu no ar.


- Essas foram as primeiras palavras que disse no nosso primeiro encontro!_Disse relembrando do nosso primeiro encontro. - Pensando melhor, hoje é o dia que você teve sua brilhante ideia de contaminar a cidade, mas também foi minha ascensão como... _Interrompi minha fala no momento em que atirei minhas teias na cara de Toxicon. Saltei do prédio não muito alto que rapidamente utilizo minhas teias na sua direção, mas não acerto pois eu as usarei como estilingue para impulso. - A Espetacular Mulher Aranha!_Disse o acertando com um chute potente em sua barriga.


Foi tipo amor à primeira vista. Entenderam?


Toxicon ficou atordoado pelo meu golpe enterrado no chão. Me afastei dele o prendendo com minhas teias.


As pessoas começaram a fazer um circulo tirando fotos de mim e falando " Eu te amo Mulher Aranha! " e " Casa-se comigo! " , " Deixa eu ser sua amiga! ", porém não podia ficar muito tempo então sai daquela multidão  pegando minhas roupas que deixei escondida e já que meu carro tá quase todo destruído decidi que resolverei esse problema outro dia.


Quando estava próxima da minha casa parei em um canto e troquei roupa correndo o mais rápido possível para uma loja de brinquedos que graças à Deus comprei o maldito boneco e faltou 21:48. Meu carro teria que esperar então corri mais uma vez para festa do meu irmãozinho.


Cheguei na avenida aonde eu morava conseguindo achar o número da casa. Toquei a campainha indicando que cheguei e sou recebida por um abraço caloroso nas minhas pernas.


- One-chan!_Exclamou meu irmãozinho.


David é meu meio-irmão por parte de pai tendo apenas 11 anos, mas o considero meu irmãozinho por completo.


- Oi meu pirralho!_Disse brincando com meu irmão que logo faz um biquinho muito fofo. - Adivinha o que trouxo pro seu aniversário?_Perguntei escondendo o brinquedo.


Meu irmão pensou um pouco colocando a mão no queixo pensando no presente e responde.


- Você chamou o Homem de Ferro!_Disse meu irmão animado.


- Não._Neguei. - Tente outra vez!_Falei.


- Você comprou um carro!_Disse meu irmão.


- Não._Neguei. - É algo que você queria de aniversário!_Disse dando uma pista.


- Finalmente arrumou um bom namorado que te ama? Porque a One-Chan fica um caco sem um!_Disse meu irmãozinho sapeca.


- Se você não fosse o meu irmão, eu te jogava no rio!_Falei um pouco raivosa.


- Eu to brincando One-chan!_Disse meu irmãozinho com um lindo sorriso. - O que a One-Chan trouxe?_Perguntou meu irmão.


- Isso!_Respondi revelando o presente.


E vejo os lindos olhos do meu pequeno James brilharem com presente.


- Agariato Gozaimasu One-Chan!_Disse meu irmãozinho me dando um abraço caloroso e forte tanto que fiz questão de me abaixar e abraça-lo. - Você é a melhor One-Chan do mundo!_Disse meu irmão alegre.


- Eu sei!_Respondi convencida.


Entramos em nossa casa e vejo que todos os amigos de James estão no local junto às mães que seriam amigas da minha.



Pov's Autor


Japão / Tóquio


15:45


Em meio a cidade movimentada de Tóquio existe um quiosque de flores que recomenda as melhores flores do local muitos clientes vêm ao seu encontro incluindo frequentemente casais apaixonados, pessoas ricas e famílias acompanhadas de suas crianças.


O quiosque é propriedade da gentil e amorosa Soraya Thompson, uma linda negra de cabelos cacheados, sua cintura é fina e delicada como uma modelo, seu busto não é exagerado ou pequenos portanto são totalmente perfeitos, sendo dona de um sorriso lindo e encantador e, graças sua beleza, chama atenção de muitos homens durante sua rotina tanto no trabalho quanto fora.


Neste momento Soraya está no balcão esperando algum cliente como sempre faz já que seus dois empregados, sendo uma garota do colégio de meio-período de 17 anos e um rapaz de 21 anos, estão fazendo entregas para outras residências que pediram antecipadamente.


O som do sino é ouvido e Soraya  rapidamente vê um jovem casal de idosos indo em sua direção.


-Irasshaimase!_Cumprimenta Soraya alegre. - Como posso ajuda-los?


- Konnichiwa!(Boa tarde)_Disse o idoso alegre. - Eu gostaria de comprar o melhor buquê de flores da loja apenas pra minha velha! Hoje os jovens aqui vão sair para um encontro._Pediu o idoso brincalhão como um adolescente  que logo recebeu um tapa fraco da idosa fazendo-a rir.


- Me desculpe querida meu marido pode ter 63 anos, mas tem mentalidade de um garoto de 16 anos._Disse a idosa. - Ele não aceita a realidade que está ficando velho.


- Eu não estou velho! Só é velho quem admite e estou longe de ser um velho!_Disse o idoso sabiamente.


- Vocês formam um lindo casal!_Comentou sobre o casal. - Creio que hoje deve ser um dia importante para vocês, estou certa?_Deduziu.


- Com certeza minha filha!_Disse a idosa sorridente e muito feliz. - Hoje estamos comemorando 31 anos de casados! Só de lembrar consigo reviver todas as boas memórias passando pela minha mente!_Disse a atriz idosa alegre.


- É hoje que comemoramos? Pensei que fosse amanhã._Disse o idoso brincalhão, porém recebeu um olhar mortal da esposa. - E-eu... tô brincando amorzinho! Sabe que juramos sempre brincar no casamento. Pode me perdoar?_Disse o idoso arrependido e pedindo seu perdão, mas foi ignorado pela esposa irritada.


- Se eu fosse o senhor escolheria rápido as rosas pois uma mulher zangada é capaz de fazer qualquer coisa e o senhor não vai gostar._Avisou Soraya. - Gostaria de quais rosas senhor?_Perguntou.


- Vermelhas para representar meu amor para minha linda esposa._Disse o idoso elegante e gentil, porém foi em vão pois pois sua esposa apenas bufou como resposta.


- Mais aberta ou mais fechada?_Perguntou.


- As mais fechado fechadas minha filha pois duram mais._Respondeu o idoso na tentativa de reconquistar sua amada.


Soraya pegou um pequeno arranjo de várias rosas vermelhas retirando 12 rosas das mais fechadas, pegando o papel para junta-las e em menos de 5 minutos tudo estava pronto.


- Custou ¥1.455,00(R$51,00)._Disse Leena o preço do buquê para o idoso já com dinheiro entregando uma nota de ¥2.000,00 e devolvendo o troco.


- Estas flores são dedicadas à ti minha querida e linda esposa._Disse o idoso mostrando as flores. - Não gosto quando fica chateada comigo e não suporto ver seu rosto entristecido pelas minhas atitudes, portanto, saiba que te amo do fundo meu coração e vou ama-la até meu último suspiro. Poderia aceitar meu pedido de desculpas pela brincadeira inocente deste pobre idoso?


Depois de se declarar e pedir desculpas pela brincadeira a idosa pensa se deve perdoar seu marido ou não e decide perdoa-lo pois sabe quando seu marido está sendo honesto aceitando as flores e sentindo sua fragrância.


- Você sabe que não consigo ficar com raiva de você!_Disse a idosa beijando sua bochecha entrelaçando sua mão com seu marido andando em direção a saída. - Tenha uma boa tarde e boas vendas minha querida!


- Obrigada e voltem sempre!_Disse para para o casal antes de sair.


Depois de alguns minutos após saída do casal outra pessoa aparece em sua loja sendo desta vez um de seus funcionários.


- Voltei do serviço chefe!_Disse o funcionário.


- Ainda bem que volotu em segurança!_Disse Leena. - Tudo ocorreu bem com a entrega?_Perguntou.


- Sim senhora!_Respondeu. - Existe mais alguma entrega que posso fazer?


- Na verdade, preciso que fique aqui na loja pois vou fazer uma entrega para um amigo que pediu uma orquídea._Disse Leena já pegando a orquídea na prateleira indo em direção a saída. - Qualquer problema pode ligar pra mim.


- Entendido!_Disse antes de que sua chefe fosse embora.


Soraya se afasta do quiosque caminhando em direção ao seu destino sendo muito cautelosa com a orquídea observando constantemente ao seu redor, porém sua intuição diz que Leena não está sozinha em seu caminho.


Soraya não esboça nenhuma preocupação ou medo pois sabia que tudo aquilo estava predestinado à acontecer. Planejando se livrar dos suspeitos, Leena começa a ser afastar do seu destino andando em direção a um prédio que está prestes a ser demolido e vê, como tinha previsto, três homens parados na entrada.


- Olha o que temos aqui galera!_Disse o homem de toca. - Eu não sei se você é burra demais pra se afastar da população ou se queria que isso acontecesse!


- É uma safada!_Disse outro homem de forma lascivo. 


- Não é todo dia que encontramos uma mulher assim!_Disse o outro homem já faca na mão.


- Tudo isso estava previsto, sabiam?_Prosseguiu. - Eu consegui ver as possibilidades que nos levariam a esse destino e como pode acabar. O mais engraçado de vocês humanos é que sempre, na maioria das vezes, seguem o destino que havia reservado e são poucos que conseguem muda-lo. É aquele mesmo dilema " Eu faço meu próprio destino. ", entendem?_Perguntou Soraya, mas nenhum deles entendeu.

 

- O que essa vadia tá falando?!_Perguntou um dos homens não fazendo ideia do que Soraya disse. - Vamos acabar logo com isso!_Ordenou o homem e logo foram em sua direção. 


Soraya não demonstra medo ou preocupação apenas fecha seus olhos e estande sua mão que libera uma pequena aura violeta, assustando os homens que param bruscamente no instante que viram. Na palma de sua mão, são formadas três pequenas esferas violetas horizontais enquanto seus olhos já abertos não estava mais como antes e sim totalmente brancos que libera também a mesma energia violeta que brilha intensamente.


Um dos homens deu um passo para trás acreditanto que aquela mulher não é normal, porém rapidamente Soraya jogou as três esferas na direção dos homens que se dissipam assim que são atingidos e por alguma razão desconhecida seus corpos não se mexem.


- Como eu disse antes tudo isso estava previsto._Disse Soraya caminhando em volta dos homens. - Os possíveis futuros, de acordo com minhas previsões, vocês três estavam destinados a ficar assim desde que puseram os olhos em mim. Acharam mesmo que eu não tinha reparado vocês me vigiando e observando dia pós dia? Eu recomendo que  vocês se entregem para as autoridades.


- Mas que porra é essa?!_Perguntou um dos homens tentando mexer seu corpo, mas é em vão. - Por que não consigo mexer meu corpo?!


- Ainda bem que o senhor perguntou._Prosseguiu. - As esferas de energia que atingiram seus corpos foi em direção ao seu sistema nervoso chegando no cerebelo fazendo assim que somente eu posso controlar seus corpos._Disse Soraya assustando os homens que tentam se mexer, mas é em vão. - Eu vejo em suas mentes todo mal que causaram para as mulheres desta sociedade e nada mais justo que ve-los sofrer pelos seus pecados. E isso que vocês chamam, não é?_Perguntou curiosa, mas continua. - Se vocês se renderem para as autoridades prometo que não farei nada pois não sou favor a violência._Alternou Soraya para uma opção melhor.


- Nos solte daqui, sua puta!_Gritou um dos homens enfurecido. - Quando sairmos daqui eu vou matar você!_Disse o homem enfurecido. 


- Qual é aquele ditado? Quem avisa, amigo é._Respondeu para os homens e com estalar de dedos suas mentes revelam todas suas atrocidades que cometeram ao longo dos anos.


Suas mentes ficaram rodeadas por suas vítimas e cada um recebeu um castigo em sua mente. O primeiro homem tevê seu corpo agarrado pelas vítimas do passado e rapidamente seus corpos pegaram fogo inexplicavelmente, queimando-o de forma agonizante que não parava de se contorcer pelas chamas enquanto o homem teve seu corpo coberto por inúmeros insetos, que antes eram as vitimas, onde alguns rasgavam sua carne ferozmente enquanto outros entravam em seu corpo e devorando seus órgãos. O último homem teve seu pulso e pernas acorrentado pelas vítimas que o puxavam como se fosse cabo de guerra seguido de uma corrente elétrica que somente ele sentia.


Os três homens sofrem pelas mãos de suas vítimas cada pessoa que sofreu nas mãos daqueles homens agora estes sofrem a mesma dor que eles passavam gritando cada vez mais alto para que a dor parasse implorando por clemência, contudo, ambos escutam um estalar de dedos em seus sofrimentos quando menos perceberam estavam deitados no chão sem nenhuma lesão corporal não fazendo ideia do que aconteceu e quando viram Soraya rapidamente se afastam por medo.


- MAS QUE PORRA FOI ESSA?!?_Gritou um dos homens assustado. - O que aconteceu comigo?!


- Você teve apenas um pesadelo assim como seus parceiros. _Disse Soraya que se refere aos outros dois homens perplexos com que viram. - Enquanto vocês estavam dormindo aproveitei para ligar a polícia sobre vocês e nem precisei falar sobre o que fizeram pois em 4 minutos estarão aqui e cercaram o local._Relata para o medo dos homens. - Eu vou me retirar pois tenho uma entrega pra fazer e caso mintam para polícia, o que seria irrelevante, ou falarem sobre mim coloquei uma coisinha nos seus corpos que não vai mata-los, porém não fará cócegas.


Soraya cria uma outra esfera de energia e arremessa a poucos metros de distância criando um portal interdimensional que logo atravessa para seu destino e se fecha rapidamente. Os homens ouvem as sirenes da polícia que logo se apavoram com sua chegada e tentando achar uma saída, mas são pegos assim que os policiais avistam. 


O portal interdimensional de Soraya é aberto novamente desta vez num beco com pouca luminosidade e presença humana, caminhando em direção ao apartamento  como se nada tivesse acontecido.




                               ...




Japão / Toquio / Minato


21:30


Em uma linda noite de Tóquio, dois carros pretos dirigem em direção para um enorme hotel.


Seu nome é Hotel Mystars, um dos melhores hotéis de hospedagens que abriu há 6 anos atrás ninguém conhecia seu nome e muito menos sua existência no passado, no entanto, agora é um dos melhores d hotéis da atualidade e muito popular no Japão, pois atraí atenção não só de pessoas que buscam diversão mais sim pessoas famosas e poderosas de todo Japão. Sua fama também se espalha na internet através de suas garotas e garotos de programa.


Anteriormente, o Hotel Mystars pertencia à um rico empresário que possuía outras propriedades no Japão já que que era dono de outras propriedades muito melhores que o Hotel Mystars. Antes de falecer todas as suas propriedades e bens foram herdados pelos seus sucessores enquanto o hotel Mystars seria reformada para construção de um hotel altamente luxuoso, porém tudo foi doado para um único homem através de uma negociação. Depois de algumas semanas a mansão fez sucesso com seus anúncios de entretenimento masculino e feminino chegando até aparecer nas revistas e rapidamente se tornou muito chamativa para o público através de músicas clássicas, as melhores bebidas que obtinham e gastronomia.


Em frente ao hotel dois Audi A8 pretos se aproximam do porteiro falndo que seu patrão marcou uma reunião com o proprietário mais cedo e pediu para atende-lo. O porteiro liga para a gerente informando sobre a situação que logo recebe a confirmação abrindo as portas deixando-os passar.


Os carros param em frente à mansão saindo 5 homens de ternos e um homem de 23 anos vestindo um par de tênis da Nike preto e branco, uma calça jeans preta, um blazer de cor branca e uma camiseta estampada.


Muitos sabiam quem é aquele jovem. Seu nome é Hayato, filho mais velho de um dos arquitetos mais respeitados do Japão. Sua fama é voltada para confusões e brigas pois o rapaz não tem autocontrole de suas atitudes e ações graças a superproteção do pai que o ajuda em qualquer problema que esteja.O jovem Hayato e seus seguranças se aproximam do recepcionista que cuida dos clientes do hotel.


- Pode me dizer seu nome?_Perguntou o recepcionista, porém sua pergunta irritou um pouco Hayato por não saber com quem o segurança está falando.


- Eu acho que você não sabe quem eu sou, não é?_Disse Hayato sério, porém o segurança percebe a arrogância em em sua voz.

- Se eu soubesse não estaria perguntando._Retrucou o recepcionista irritando Hayato aos poucos. - O senhor marcou uma reunião para às 21:45, estou certo?_Perguntou.


- Sim!_Disse Hayato que esboça um sorriso forçado. - O nome é Hayato Murakami e estou aqui para uma reunião com o dono da hotel Mystars.


O recepcionista verifica a lista através do tablet que logo digita o nome e depois de alguns minutos o nome Hayato Murakami é confirmado na lista.


- Está tudo bem, seu nome está na lista, portanto, pode entrar._Disse o recepcionista para felicidade de Hayato. - Mas preciso chamar a gerente pra leva-lo ao chefe e não posso sair daqui._Relatou o segurança que pega o telefone discando para o número da gerente. Depois de três tentativas falhas de chamar a gerente finalmente obteve sucesso e durante 2 minutos encerrou a ligação. - Relatei sobre sua presença Hayato-San e fui informado que a gerente da boate irá guia-lo até o chefe.


Depois de 12 minutos as portas do elevador são abertas e uma linda morena de cabelos pretos aparece chamando atenção não só de Hayato como também da fila de pessoas, principalmente dos homens, vestindo uma calça de couro que aperta um pouco seu bumbum, utilizando um salto preto e uma camiseta sexy.


- Desculpe pela demora Hayato-San._Se desculpou a jovem mulher. - Meu nome é Harley Collins, serei responsável por guia-lo até ao hotel Hotel Mystars até o proprietário._Informou com sua voz sexy.


- O prazer é todo meu Harley-San!_Enfatizou Hayato malicioso e só foi Harley virar as costas e abrir a porta da boate que logo Hayato prestou atenção em sua bunda ficando excitado.


Harley Collins é a vice-presidente do hotel Mystars, sendo responsável pelas contas, financiamentos e o toque de recolher de todas as boates. Sua autoridade sobre os empregados não é voltada apenas para o profissionalismo, pois a vice-presidente é conselheira pessoal do proprietário e dos empregados da mansão sendo responsável por ajudar todos aqueles que necessitam sua ajuda porque sabe das dificuldades que cada empregado está passando e ajudar aceitaram esse trabalho não porque quis, mas sim por necessidade.


Qualquer problema que acontece sobre os negócios da hotel Mystars é sua responsabilidade relatar ao seu chefe ou resolver através de dois métodos.


Tentar dialogar com os responsáveis ou resolve-los do seu próprio jeito, isto é, métodos ortodoxos.


Seu temperamento é curto para os que não sabem e não gosta de quem a falte com respeito. Para os empregados e conhecidos Harley Collins é um amor de pessoa, mas para aqueles que irritam-na é melhor ficar o mais longe possivel dela.


Harley guia o jovem Hayato e seus seguranças para o proprietário em meio a multidão animada enquanto os seguranças afastavam as pessoas de seu mestre Harley cumprimenta algumas pessoas no caminho por reconhecimento. Ambos se aproximam do elevador que os levariam até o proprietário.


- Como é seu chefe?_Perguntou Hayato curioso pela identidade do proprietário.


- É melhor o senhor ve-lo com seus próprios olhos._Respondeu Harley com um sorriso.


- Seu chefe deve ter muita sorte por ter você como gerente._Disse Hayato sincero, mas sua voz havia malícia em relação ao corpo de Harley.


Harley percebeu a malícia de seu convidado e, por mais que queira xinga-lo e arrebentar sua cara até que fique irreconhecível, sabia que não podia causar problemas no momento depois do último caso.


As portas do elevador se abrem no último andar e todos seguem Harley que caminha em direção a grande porta de madeira abrindo logo em seguida.


A sala principal é decorada com superfícies espelhadas e os móveis são dimensionados para ocupar todo o amplo espaço, para manter a circulação adequada e estimular a convivência de várias pessoas em um único lugar. Sua sala é motivo de muitos elogios para o proprietário que soube bem escolher os moveis e a cor.


Harley pediu delicadamente que Hayato e seus seguranças se sentassem pois iria chamar seu patrão.


- É um belo apartamento. Vocês não acham?_Perguntou Hayato para os seguranças.


- Sim, Hayato-Sama._Respondeu um dos empregados.


- No entanto, seria uma pena ele perder esse hotel!_Respondeu convencido.


O verdadeiro motivo de Hayato ter vindo ao hotel é convencer o proprietário assinar um acordo dizendo que vai entregar o hotel para seu pai. A parte boa do acordo é que o atual dono poderia ficar com prédio, mas o verdadeiro proprietário será seu pai obtendo a liberdade, sendo seu filho, de fazer o que quiser com prédio de seu pai assim que assinar o acordo.


- Desculpas pela demora cavalheiros!_Disse a voz masculina acompanhado de Harley.


Seu nome é Alexander Scheneider, proprietário do hotel Mystars, playboy, milionário e sendo um dos homens mais cobiçados do Japão. Seus olhos são tão azuis quanto o próprio oceano, seu cabelo é curto e castanho, sua barba mau feita e seu rosto quadrado lhe deixa um ar de um homem maduro e sexy para os olhos femininos. Seu porte físico é motivo de orgulho e desejo para suas amantes.


- Então o senhor é o famoso Alexander Scheneider?_Disse Hayato que finalmente conheceu o proprietário.


- Se existe outro Alexander Schneider posso lhe afirma que está falando com verdadeiro, mas se tiver alguém falando que possue o mesmo nome que o meu por favor fale aonde essa fraude mora._Brincou carismático. - Sentem para que possamos discutir.


Todos se sentaram nos sofás silenciosamente já iniciando a conversa.


- Antes de iniciarmos nossa conversa, gostaria de dizer que é uma honra conhece-lo pessoalmente!_Disse Hayato gentilmente.


- Gentileza da sua parte Hayato-San! _Prosseguiu. - O filho de um dos políticos mais importantes do Japão tirou seu glorioso tempo apenas para me ver!_Bajulou Alexander. - Qual é o motivo de sua vinda?


- Fique ciente que estou aqui a mando de meu pai apenas para conversar sobre sua boate._Prosseguiu. - Meu pai disse que essa boate tem muito potencial para arrecadar muito dinheiro sendo uma das melhores boates do Japão.


- " uma das melhores " você diz._Repetiu Samuel um pouco ofendido. - Tem certeza disso? Pelos meus cálculos, o hotel Grand Blue está entre os 5 melhores posto de renda que muitos hotéis poderiam oferecer e, em breve, obterá o primeiro lugar.- É por isso que estou aqui._Prosseguiu Hayato. - Meu pai quer que o senhor doe a hotel Mystars para construir um hospital local_Disse Hayato que estende sua mão para um dos seguranças que logo entrega. - Esse é um acordo legal dizendo que você, Alexander Scheneider, entregará o hotel Mystars para meu pai junto com vários protocolos e garantias que você irá receber._Finalizou.


Hayato entregou a folha à Alexander que fez questão de ler e analisar sobre as garantias e protocolos junto com Harley.


- Entenda que tudo isso é para um bem maior Alexander. Você será capaz de salvar muitas vidas basta apenas assinar._Disse Hayato sério trazendo consigo uma caneta para assinar o acordo, mas o verdadeiro motivo era outro.


- Deixa eu ver se entendi : Você e seu pai querem que eu entregue o melhor hotel do Japão e minha única fonte de renda para construir um hospital?_Deduziu calmo e tranquilo, porém está totalmente enfurecido pela ousadia do sujeito e está prestes a quebrar todos seus ossos sem esforço.


- Como disse antes é para o bem maior._Repetiu Hayato sério, porém no fundo queria esse prédio mais do que tudo.


Alexander sabia que tudo aquilo não passa de uma mentira pois não seria a primeira vez que alguém se aproximara por um motivo egoísta que envolve a hotel Mystars. Lidar com pessoas que pretendem roubar seu hotel seria trabalho da Harley, porém desta vez Alexander Schneider lidará com essa escória.


- Eu seria a pior pessoa do mundo se eu não assinasse isso._Responde Alexander para felicidade de Hayato. - Mas terei que recusar essa proposta._Disse jogando a folha mesa para o espanto de todos exceto pela Harley que sorrir.


- Como você pôde recusar uma proposta desta?!_Perguntou fingido estar indignado na tentativa de convence-lo. - Você sabe não sabe o bem que fará se não assinar esse contrato? Pense nas pessoas que, no futuro próximo, irão sofrer um acidente trágico! Pense nas crianças que podem perder seus pais! Você quer ser responsável pela tristeza deles por causa de seu egoísmo!?_Disse Hayato apelando para o emocional e tudo que conseguiu foram risadas.


- Sabe o que é mais engraçado? Você teve a coragem de vir aqui apenas para entregar uma folha dizendo que devemos entregar o prédio para " um bem maior " como você disse. Acha mesmo que vamos entregar o hotel Mystars só porque contou essa história ridícula?_Perguntou Harley chorando de rir.


- Se você tá tentando ser um ator recomendo que não escolha essa carreira pois, cá entre nós, você é péssimo._Zombou Alexander rindo junto com Harley, porém isso apenas enfurece Hayato por estar sendo ridicularizado.


- Como você ousa zombar do meu mestre, seus desgraçados?!_Gritou um dos seguranças irritado pelo seu mestre. - Se não retirarem o que disseram eu vou...


- O que você vai fazer?_Interrompeu Harley olhando fixamente para os olhos do segurança que, alguma forma estranha, não conseguiu falar mais nada. - Você não é nada mais que um simples segurança que inevitavelmente irá morrer por um idiota que não vale à pena ser protegido, portanto, seus esforços são patéticos e fúteis. Se quiser bancar o esperto terá de escolher muito bem seus inimigos e, acredite em mim, não arrume brigas que não pode vencer querido._Disse Harley séria.


De algum jeito suas palavras pareciam verdadeiras e ameaçadoras seguido de uma sensação de perigo vindo da mulher que nunca sentiu na vida.


- Vai por mim amigo. Se você arrumar uma briga com minha Harley com certeza irá sair daqui em um saco preto._Avisou Alexander brincalhão.


- AGORA JÁ CHEGA!!_Gritou Hayato enfurecido se levantando do sofá. - VOCÊ FAZ IDÉIA COM QUEM ESTÁ ZOMBANDO?!?


- Uma criança mimada que nunca levou uma surra do pai!_Alfinetou Alexander brincalhão. Se não for isso, um garoto que obteve tudo na vida e faz tudo o que quiser pois acha que o papai sempre estará lá para salva-lo.


Hayato, não aguentando mais seus insultos, decidiu que se não podia convencer Alexander pacificamente deveria força-lo a todo custo assinar o acordo, portanto, puxou uma pistola mirando na cabeça de Alexander como ameaça junto com seus seguranças.


- É melhor assinar a droga dos papéis seu desgraçado ou eu vou pintar o chão com seus miolos!_Ameaçou de morte.


Alexander e Harley no início ficaram surpresos pela atitude de Hayato, mas logo ficaram despreocupados com a situação apenas bufando de tédio como se aquilo não tivesse importância causando espanto para os convidados.


- Seus desgraçados!_Chamou Hayato se preparando para atirar. - Vocês não sabem qual é a situação de vocês?!


- Nós sabemos._Disse Harley. - O problema é que se tentaram matar a mim e Alexander, o que é impossível, vocês não conseguiram o hotel e nos já sabíamos que isso iria acontecer._Relata Harley entediada.


Vocês são patéticos ou melhor ridículos._Disse Alexander para irritação dos homens. - É melhor você abaixar sua arma, voltar para o papai e quem sabe nos podemos esquecer sobre essa noite._Disse se levantando e rapidamente leva um tiro no peito de Hayato, porém não surtiu efeito causando surpresa, e medo, para Hayato em seus seguranças. - Isso foi um grande erro meu amigo.


Todos os seguranças apontam suas armas para Alexandre e Harley, mas para surpresa de Hayato e seus seguranças logo avistam quatro armas no teto mirando infravermelho em seus alvos.


- Se vocês forem espertos, pelo menos um um de vocês, jogariam suas armas se querem viver ou vou ter que limpar a minha sala por causa do sangue de vocês._Avisou Alexander calmo, porém seu rosto ficar sério com sua situação.


Temendo pelas suas vidas, todos jogam suas armas para longe enquanto as armas que estão no teto miram em seus alvos.


- Eu não preciso dizer que foi idiotice da sua parte Hayato-San tentar me convencer com seu teatrinho ridículo. Você não faz idéia do que sou capaz e é melhor sair antes que crie mais problemas._Ameaçou Alexander.


- Que tipo de monstro é você?_Perguntou Hayato assustado não conseguindo entender o que aconteceu.


- Acredite, você não vai querer saber._Respondeu Alexander.


Na consciência de Hayato uma premonição acontece em sua mente revelando que se atacasse Alexander através de sua força seria totalmente derrotado e morto junto com seus seguranças.


- Pelo visto já sabe o que vai acontecer se fizer alguma besteira._Disse Alexander.


Por alguma razão desconhecida sua consciência ficou pesada assim como seus seguranças que sentiram um aroma estranho no ar e logo caíram todos no chão inconscientes.


- Ainda bem que liberei meus ferômenos no ar antes que criassem mais problemas._Disse Harley caminhando entre os homens.


- Eu vou deixa-los com você! Apague suas memórias e mande-os embora._Disse Alexander despreocupado e já saindo do local, porém Harley responde.


- Você sabe que não sou sua empregada, tá lembrado?_Avisou Harley um pouco irritada com as mãos na cintura. - Nós somos parceiros e sócios neste mundo.


- Faz esse favor pra mim! Prometo que te dou a total liberdade de mexer com as personalidades dos convidados._Sugeriu para o convence-la pois tinha um compromisso que seria a esposa do político que tentou rouba-lo( NA: Esse personagem tem muito que mostrar, meus caros leitores! ).


Depois de alguns minutos pensando na proposta Harley aceita sem reclamações para felicidade de Alexander caminhando rapidamente para a garagem e ir direto se encontrar com sua acompanhante. Chegando enfim à garagem, Alexander encontra sua Lamborghini Veneno favorita entre os 26 carros e 15 motos.


- Você demorou demais Alexander-kun!_Disse a mulher irritada pela demora.


- Desculpa pela demora meu amor. Houve um pequeno problema na mansão e tive que resolver, mas o que importa é que estou aqui e podemos terminar o que tínhamos começado._Disse Alexander beijando sua boca sem aviso prévio deixando-a excitada e rendida ao seus toques.


Alexander juntou seu corpo com de Himiko, colocando seu braço em sua cintura de forma possessiva e algumas vezes apalpando sua bunda.


Ambos entram no hotel pedindo para recepcionista um quarto de casal que logo Alexander paga e recebe as chaves, entrando no elevador às pressas com sua amante para seu destino e quando finalmente chegam não perdem tempo se beijam até conseguirem entrar no quarto, iniciando sua noite de diversão e prazer.


Ambos entram no hotel pedindo para recepcionista um quarto de casal que logo Alexander paga e recebe as chaves, entrando no elevador às pressas com sua amante para seu destino e quando finalmente chegam não perdem tempo se beijam até conseguirem entrar no quarto, iniciando sua noite de diversão e prazer.


Continua...


Notas Finais


(1) Otaku é um termo japonês que como todos sabem, significa fãs de animes e mangás, isso em outros países. No Japão, ser otaku é ser fanático por alguma coisa (qualquer coisa, e não somente animes). É uma palavra unissex, ou seja, utilizada tanto para o sexo masculino quanto para o feminino.


Na cultura ocidental (como a cultura brasileira), a palavra otaku ganhou um significado bastante diferente do original e é utilizada como uma gíria que define as pessoas que são exclusivamente fãs de animês e mangás (desenhos animados e histórias de quadrinho típicos do Japão).


No Japão, a figura do otaku é caracterizada como sendo a de um indivíduo que busca se isolar socialmente, dedicando-se exclusivamente e obsessivamente a um hobby ou atividade específica (como vídeogames, filmes, desenhos animados e etc) em alguns casos enquanto outros conseguem manter seu equilíbrio social.


Com o tempo, diversos "grupos" de otaku, que se identificavam de acordo com os seus interesses em comum. Algumas delas são:


Anime (animação japonesa)
Mangá (histórias em quadrinhos)
Pasokon (computadores)
Gēmu (video games)
Tetsudō (miniaturas, como trens de brinquedo)
Gunji (armas e coisas militares)
Auto otaku ou Jidosha otaku (carros, em especial os kei-jidosha e demais modelos destinados ao mercado interno japonês.


Emily Rudd / Alexia Jones


https://m.imdb.com/name/nm6185683/mediaviewer/rm2149141248


Heitor Rabello / David Jones


http://www.azmodels.com.br/modelos/masculinos/infantis/1372/heitor-rabello-10-anos-cabelos-loiros-olhos-verdes.html


Érika Januza / Soraya Thompson


http://static1.purepeople.com.br/articles/7/21/00/87/@/2415347-erika-januza-passou-o-reveillon-com-caio-950x0-3.jpg


Logan Mcneil / Alexander Scheneider


https://m.media-amazon.com/images/M/[email protected]_V1_.jpg


Lamborghini Veneno


https://fotos.jornaldocarro.estadao.com.br/uploads/2017/08/26120131/lamborghini-veneno-2-1160x775.jpg


Melanie Liburd / Harley Collins


https://m.media-amazon.com/images/M/[email protected]_V1_SY1000_CR0,0,666,1000_AL_.jpg


Hotel Mystars


https://r-ec.bstatic.com/images/hotel/max1280x900/765/76546784.jpg


Toxzon


https://encrypted-tbn2.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRspWQFEFTir5M-fn3ojScOpsJsDi-lDTLeeix4n5_i-KHfWaxc


Traje de Emily Rudd


https://lh6.googleusercontent.com/proxy/EXEHa3RKn50WSHFBmO4g9S7aa3XoYYEfaIRjhSbM9hsxd25ahmAkAJxHwLAOlwjl3XB97Vn3Jdn35yoGt9-jKGhdz6PvRaUXLVXXBSvm_QVh7LOvA2NIVwdRyC2fHUX6wZaymlqatvBlke0PT4a5YYffRracPGV76maxRhPszlU90pGivlitWGA=w314-h468-nc


O que vocês acharam dos personagens? Espero que tenham gostado e não deixem de comentar.

Até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...