História Os opóstos se atraem . Imgine Min yoongi - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 181
Palavras 682
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Mistério, Poesias
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meus anjos... espero que gostem e não liguem para os erros de português, por favor.
Boa leitura ..........

Capítulo 1 - Quando tudo comessou...


Fanfic / Fanfiction Os opóstos se atraem . Imgine Min yoongi - Capítulo 1 - Quando tudo comessou...


P.V.O.N  MIN YOONGI


Olá , me chamo Min Yoongi, tenho 22 anos e sou um dos maiores psicólogos da Coréia do Sul. Ultimamente  recebi uma proposta de emprego em uma clínica melhor aqui em daegu, parece que eles tem um caso  no qual andou lhes dando muita dor de cabeça. Resolvi aceitar, adoro desafios e o salário é muito bom.

Não sei nada sobre esse caso, muito menos se é uma garota ou um garoto. Não deve ser tão difícil assim, eles devem estar exagerando. A não ser que essa pessoa seja realmente complicada.

Agora são 9:30 da noite  e eu estou indo dormi,por que amanhã de manhã, as 8:00 horas eu já tenho que estar na frente da clínica.  Me deitei e fiquei pensando em como seria esse caso, até que o sono vem chegando e eu resolvi me entregar a ele.


     No dia seguinte...


Acordei com o despertador tocando, olhei as horas no celular já são 7:00 da manhã. Levantei bem disposto, fui para o banheiro, me despi e tomei um banho rápido de uns 10 minutos. Me sequei e sai do banheiro com a toalha enrolada em minha cintura e caminhei até meu closet, botei minha cueca box preta,calsa jeans preta, camiseta com listras,na cor vermelha e preta , blusa xadrez e um Hall star preto. Penteei meus cabelos ruivos e borrife meu perfume favorito.

Peguei meu celular e já era 7:40, sai correndo de casa, iria comprar um  Milk chack no caminho.  Tranquei a casa e fui em direção ao meu carro BMW, passei em uma cafeteira que tinha ali perto e fui em direção a clínica.  Cheguei lá e já era 8:10, pelo menos  não cheguei tão tarde.

Entrei na clínica e logo fui recebido por Jay Park , meu novo chefe. 

Jay Park : Bom dia  Dtr.  Min Yoongi - disse fazendo uma breve referência

Y : Bom dia senhor Jay - disse fazendo uma breve referência

Jay Park: venha... Vou leva-lo até sua sala --  assenti e comessei a caminhar ao seu lado. Adentramos uma sala toda branca com apenas a mesa de vidro vermelha,  as cadeiras pretas e o sofá vermelho. Deduzi ser minha sala, pois é  bem simples do jeito que eu gosto. - essa é sua sala, a ficha de seu paciente está em cima da mesa. As 9:30  é a hora da consulta, os guardas irão vir lhe buscar.

Y :  Obrigado  - disse e logo em seguida Ele sai da sala, coloquei meu  jaleco e me sentei na mesa. 

Respirei fundo e estralei meus dedos antes de ler a ficha... logo abri e comessei a ler.


Ficha on


Nome:  S/N CWLLYN

Idade: 17                        Data de nascimento:  03 / 11 /2000

Filiação : CECÍLIA CWLLYN  E  ROBERTO CWLLYN.

PAÍS DE ORIGEM: BRASIL


caso:  S/N FOI ENTERNADA PELA SUA TIA POR TER MATADO SEUS PRÓPRIOS PRO PAÍS.  JÁ TENTOU SE MATAR MAIS DE UMA VEZ , MATOU PESSOAS INOCENTES POR DIVERSÃO E TOMANDO O SANGUE DAS VÍTIMAS. 

 DEPRECISAVA,  NÃO DEIXA NINGUÉM CHEGAR PERTO DA MESMA. JÁ MATOU TRÊS PSICÓLOGOS COM APENAS AMEAÇAS, OS DEIXANDO DESNORTEADOS, OU SEJA PSICOLÓGICAMENTE.

NINGUÉM, NEM MESMO SUA PRÓPRIA TIA SABE O QUE FEZ A GAROTA CHEGAR A ESSE ESTADO DOENTIO.

  Ficha of


Terminei de ler a ficha chocado, é meio irônico matar psicólogos psicológicamente por que né. Matar as pessoas e depois beber o seu sangue é muito estranho,Essa garota deve ser realmente problemática. Tem algo no passado dessa garota que a deixou assim, tem que ser algum motivo muito grave. Hmmm.... para matar os próprios pais, eles devem ter feito algo... haja eu estou curioso, mal comesei o caso e já tô intrigado.

Fui tirado dos meus pensamentos com os  guardas chamando para consulta. Passei tanto tempo pensando assim? nem tinha percebido que já estava na hora. Levantei e segui o mesmo. Passamos por várias portas com os nomes dos pacientes, todas eram de madeiras mas paramos no final do corredor de frente para uma sala que tinha a porta de ferro.

Y: é aqui ?? - ele assente -  já até imagino o por que da porta de ferro.

Guarda : qualquer coisa é só gritar senhor - disse abrindo a porta e eu assenti.


Continua...




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...