História Os pensamentos de Adam - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Voltron: O Defensor Lendário
Tags Adashi, Shadam, Shiro, Takashi Shirogane, Vld, Voltron
Visualizações 76
Palavras 632
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia)
Avisos: Homossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - O fim


         “A missão da Patrulha Galáctica de ida à lua distante de Cérbero fracassou, e acredita-se que todos os tripulantes estão mortos. A patrulha disse que a queda foi consequência de um erro do piloto.”

         "Erro do piloto? Não pode ser. Takashi... Takashi nunca... Ele era... É. Ele é o melhor piloto da Guarnição. Não tem como... Ele não pode ter morrido", pensou Adam e esforçou-se para não chorar.

         "Takashi... Takashi morreu? Meu Takashi? Meu colega de quarto, meu melhor amigo, meu namorado?"

         Desistiu. Assim que as lágrimas começaram a manchar seu rosto, seus joelhos falharam e ele caiu. Suas mãos tremiam.

         "Meu Takashi morreu? E eu... Eu fui cruel com ele... Eu falei que não estaria aqui quando ele voltasse, mas não era verdade!", pensou.

         — Não era verdade! — gritou.

         "Eu só... Eu tava machucado... É egoísta querer passar os prováveis últimos anos dele ao lado dele? É claro que não! Eu só... Eu só queria aproveitar o máximo possível... Ele não tinha muito tempo. Eu sei que o que eu disse te machucou, Takashi, mas você também me machucou".

         Ergue-se e abriu o guarda-roupa de Shiro — ainda dividiam um quarto, afinal — e pegou sua blusa favorita. Ainda podia sentir o cheiro fraco de seu ex-namorado, ex-noivo, na verdade. Fechou os olhos.

         — Você escolheu me deixar, Takashi, mas eu acreditei que você me escolheria depois do ultimato. Seu teimoso — riu soturnamente. — É claro que eu estaria aqui quando você voltasse. É claro! Como sempre estive...

***

              A Guarnição estava agitada. Muitos diziam que uma espaçonave alienígena havia caído na Terra. Adam foi investigar. Entrou na sala na qual os oficiais de patente mais alta discutiam o que fazer. Congelou assim que entrou. Takashi. Takashi estava ali na enorme tela no centro da sala. Ele estava amarrado numa maca.

                — O que estão fazendo com ele? — Adam bradou. — Takashi finalmente voltou para casa! Soltem-no!

         — Acalme-se, Adam — falou um dos comandantes.

         — Me acalmar?! Ele ficou um ano no espaço e vocês falaram que ele estava morto!

         — Justamente. Um ano no espaço. O que acha que aconteceu com ele? E se ele estiver tramando algo contra nós?

         — Do que está falando?! Ele é um dos nossos!

         Neste exato momento ouviram uma explosão e todos dirigiram seus olhares à tela. Tudo parecia normal.

         Enquanto os outros oficiais tentavam descobrir o que causou as explosões, Adam não desgrudou os olhos da tela e viu alguém adentrar a quarentena. Os médicos foram derrubados e Takashi foi posto de pé. Adam reconheceu Keith. Logo depois entrou outro cadete e ambos levaram Shiro embora.

         Tão rápido quanto Takashi voltara para sua vida, ele desapareceu novamente.

***

         Alguns meses depois e outra nave espacial caiu na Terra. Era Sam Holt dessa vez.

         Quando a Guarnição finalmente liberou Sam, ele lhe contou tudo sobre Voltron e como Takashi estava salvando o Universo. Adam ficou tão feliz e orgulhoso, mas a emoção que prevaleceu foi saudade. Sentia tanta saudade de Shiro que pensou que poderia literalmente morrer de saudade. Quando Takashi retornasse à Terra, Adam lhe pediria desculpas, diria que ele tinha razão e, se Shiro aceitasse, voltariam a fazer planos para o casamento e Adam nunca mais se afastaria de Takashi, mesmo que isso significasse que ele teria de se tornar um Paladino de Voltron para passar o resto da vida com seu marido.

***

         Há mais de um ano que não se tem notícias de Voltron. Mas Adam não perdeu a esperança. Takashi já sobrevivera tanta coisa e ele tinha certeza que sobreviveria quantas vezes fosse necessário para voltar para casa. Agora, com a Terra sob o ataque de Sendak, Adam precisava fazer o mesmo: sobreviver.

         Seu último pensamento antes de morrer foi Takashi. Desculpou-se por não conseguir ser tão forte quanto ele. Desculpou-se por não ter sobrevivido o bastante para poder reencontrá-lo.


Notas Finais


Ainda estou #bolada pela morte do Adam. Colocaram tanta expectaviva na relação dele com o Shiro e simplesmente matam ele? Nem mostraram o Shiro lamentando a morte do Adam! Sim, eu sei que muitos morrem em guerras, mas tanto o Adam quanto o Takashi mereciam mais!
Desculpem pelo desabafo (risos) e por favor comentem o que acharam!
Obs: vou escrever outra estória num universo alternativo no qual o Adam está vivo e se reencontra com Shiro qunado tiver tempo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...