1. Spirit Fanfics >
  2. Os quatro reis e rainhas >
  3. Maldição??

História Os quatro reis e rainhas - Capítulo 29


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gente. Então, eu dei uma modificada no capítulo onde o Hobi faz a confissão, pois achei que estava muito meh.
Era só isso mesmo.

Tenham uma ótima leitura ^-^

Capítulo 29 - Maldição??


Pvd Gahyeon

Assim que a Ji Eun contou sobre a sala para Yoongi e Jin nós começamos a procurar alguma coisa perto do lago. Mas, não achamos nada. NADA. Isso estava nos deixando cada vez mais preocupados e frustados. 


- Eu cansei! - Hoseok grita e começa retirar os sapatos. 

- O que vai fazer? - Pergunto e Hoseok pula no lago. 

- O rei Yoongi disse que a s/n foi puxada por uma coisa estranha logo depois de beber o líquido presente naquela taça, então, eu vou fazer o mesmo. - Diz ele nadando até o meio do lago. 

- Eu vou junto! - Ji Eun fala confiante e pega as roupas que estavam na beira do lago. Creio eu que são as roupas da nossa rainha. 

- Já que vocês vão eu também vou. - Digo e tiro minhas botas. 

- Vocês estão doidos? - Yoongi pergunta e Jin começar retirar seus sapatos. - Seokjin, o está fazendo? 

- Eu vou junto vossa majestade. - Jin fala e entra no lago.

- E se.... Aish. - Yoongi fala e pula no lago. - Se eu morrer a culpa é de vocês. - Diz ele bravo se aproximando de nós que estávamos envolta da vitória-regia com a taça encima. 

- Ninguém tá te obrigando fazer isso. - Falo e Yoongi me olha sério e depois revira os olhos. - Pelo que parece a s/n não bebeu muito, pois a taça ainda está cheia. 

- Sim. - Ji Eun fala e pega a taça. - Cada um de nós vai beber um pouco e passar a taça para o próximo. 

- Certo. - Falamos em unissono e Ji Eun respirou fundo. 

Pvd S/n

- V-você.....

- Eu já sei no que está pensando. E sim, sou eu, filha. - Meu pai fala e começa se aproximar. 

- Você não é o meu pai! - Grito e ele me olha surpreso. - Meu pai desapareceu! 

- Eu sou o seu pai. - O homem a minha frente afirma. 

- Não! Você não é! 

- Eu sou, e posso provar isso. - Ele fala e uma mini nuvem preta aparece do seu lado e uma imagem. Era a minha casa antiga e meus pais estavam de frente um para o outro. E então, minha voz aparece. "Pai".

- Isso é uma lembrança? - Pergunto e ele assente. 

- Continue vendo. - Ele fala e eu assenti. Meu pai falou alguma coisa para minha mãe e então novamente minha voz pode ser ouvida. "Eu sinto a falta de você e da mamãe. Agora eu estou confusa sobre o que está acontecendo, acabei de ter uma visão da mamãe com três bruxas e agora estou aqui. Eu não sei o que está acontecendo, mas desde que eu completei meus 20 anos vocês estão desaparecidos, então por favor, voltem, eu sinto falta de vocês, sinto falta do seus abraços e sinto falta de vocês ao meu lado. Eu amo vocês." 

- Eu me lembro disso. - Falo com os olhos cheios de lágrimas. - Foi quando eu estava no reino da água e tive uma visão do passado. 

- Essa lembrança apareceu uns dias atrás. Antes, eu não tinha elas. - Meu pai fala e se aproxima. - Assim que elas apareceu, eu soube que você logo estaria aqui. 

- Mas o que é que realmente esta acontecendo? Por que eu estou aqui? 

- Você, a rainha Siyeon, o rei Taehyung e o rei Yoongi são os escolhidos para salvar nosso mundo. - Meu pai fala e eu o olho ainda mais confusa do que antes. - Vou explicar tudo desde o começo. - Diz ele e eu assenti, logo ele se sentou e eu fiz o mesmo. - Bom, alguns anos antes de você nascer sua mãe e algumas feiticeiras tiveram uma visão. Nela você e esses dois reis e rainha iriam conseguir fazer um tratado de paz entre os quatro reinos. Mas.... com esse tratado uma maldição seria lançada. 

- Que maldição? - Pergunto e meu pai respira fundo. 

- Nem a rainha do reino do e nem a rainha do reino da Terra poderão continuar vivas. E é por isso que você encontrou esse lugar. Na profecia de sua mãe quatro dias antes do seu aniversário você iria até o lago e beberia do líquido que tem na taça e então viria para cá. Depois ficaria presa durante anos, você tentaria de todos os jeitos sair. Você tentaria usar magia, e até tentaria ir para o meu mundo. Mas falharia e tiraria a própria vida por estar enlouquecendo. - Meu pai se aproxima. - Mas, sua mãe conseguiu um jeito de fazer você sobreviver. 

- Qual? 

- Ela fez com que uma pessoa de nosso reino se sentisse completamente apaixonado por você. Ela sentiria algo tão forte por você a ponto de matar qualquer um que tente separar vocês. - Assim que meu pai fala disso eu lembro do Hoseok. - Com isso, essa pessoa ficaria aqui, nesse mesmo lugar que estamos. Ela sacrificaria a vida dela por você e com isso te salvaria. 

- E a rainha do reino da Terra? - Pergunto e quando meu pai ia falar várias pessoas aparecem interrompendo a nossa conversa. Logo reconheço elas. Eram Gahyeon, Hoseok, Ji Eun, Jin e Yoongi. Ji Eun estava com minhas roupas. 

- O que fazem aqui? Como conseguiram vim aqui? - Pergunto e Hoseok corre até mim. 

- Fico aliviado que você esteja bem. - Diz ele me abraçando forte. 

- S/n, trouxe suas roupas. - Ji Eun fala se aproximando de mim com minhas roupas molhadas. 

- Obrigada Eun. - Falo e pego as roupas, logo faço um feitiço para elas secarem e as coloco. 

- Quem é ele? - Gahyeon pergunta se posicionando na minha frente e me empurrando um pouco para trás. 

- Eu não acredito que você não está me reconhecendo, pequena Yeon. - Meu pai fala e Gahyeon o olha surpresa. 

- Só uma pessoa me chamava assim. - Gahyeon fala e olha para Ji Eun que também estava surpresa. - Tio Moon? 

- Sim. - Meu pai responde e Gahyeon corre até ele e o abraça. 

- Você está tão diferente com essas roupas feias. - Gahyeon fala e rimos. 

- Pensei que teria sentido minha falta.

- Como eu sentiria falta da pessoa que deixou minha melhor amiga de lado? - Gahyeon pergunta brava se separando do abraço. 

- Eu tive que fazer isso. - Meu pai fala e olha para Ji Eun. - Não vai dar um abraço no tio, IU? 

- Esse apelido não existe mais tio. - Ji Eun fala indo até ele. 

- Tô confuso. - Seokjin fala.

- Também tô, meu caro conselheiro. - Yoongi fala e Ji Eun se separa do abraço. 

- Como saímos daqui? - Hoseok pergunta. 

- Do mesmo jeito que minha filha e a Ju Eun saíram antes. - Meu pai fala e Ji Eun pega o mesmo livro que ela tinha pegado quando estivemos aqui na primeira vez. 

- Todos se juntem. - Ji Eun fala e todos vão até ela, menos eu. 

- Vem s/n. - Gahyeon fala e eu olho para meu pai que retira o capuz. Ele me olhava com uma expressão de tristeza e então eu olho para todos. 

- Eu quero ir, mas não posso. - Falo e todos me olham confusos. - Eu tenho que ficar aqui até o fim da minha vida. Não tem como eu sair. 

- Como assim não tem como você sair? - Yoongi pergunta e eu respiro fundo. 

- Eu estou presa a esse lugar, não tem como eu sair. 

- Então eu vou ficar também. - Hoseok se afasta dos outros e vem até mim. 

- Não Hoseok. Você vai voltar com eles. - Falo firme e Hoseok nega. 

- Eu não vou fazer isso! Não vou deixar esse lugar nos separar! Eu vou ficar aqui! - Ele grita e então eu abaixo a cabeça. 

- Se você ficar aqui eu tenho ir e se eu ficar aqui você tem ir. - Falo ainda com a cabeça baixa. - Seu eu ficar aqui eu vou acabar me matando e se você ficar aqui você morre. - O olho com os olhos cheios de lágrimas. - De qualquer jeito um de nós vai morrer! 

- S/n.... - Gahyeon fala já chorando juntamente com Ji Eun. 

- Você realmente não tem escolha? - Ji Eun pergunta. 

- Eu.... não tenho outra opção a não ser ficar aqui. - Falo e uma lágrima cai de meus olhos, logo a seco e olho séria para todos. - Vão. 

- Espera! - Meu pai fala. - Tem um jeito dela ir. 

- Qual? - Hoseok pergunta e meu pai vai até ele. 

- Você. - Ele fala e Hoseok o olha confuso. - Você se sacrificaria para poder salvar a sua rainha? 

- Sim! Eu me sacrificaria! 

- Hoseok não! - Falo e Jin vem até mim. 

- Certo, então me de a sua mão. - Meu pai pede e Hoseok estende a mão para ele que logo a corta e deixa o sangue dele cair. Assim que o sangue de Hoseok cai no chão ele some. - Você está preso a esse lugar. A s/n foi libertada. - Meu pai fala e Jin começa me puxar delicadamente para o resto do pessoal. 

- Eu não vou. - Falo e Ji Eun abre o livro. 

- S/n vá. Continue no trono e não desista. Eu sempre te amarei. - Hoseok fala e um luz cobre o lugar, logo depois aparecemos na biblioteca real. 

- Não! Eu quero voltar! - Falo chorando e abaixada.

- Você realmente se importa tanto assim com um simples conselheiro? - Yoongi pergunta e eu assenti. 

- Me importo! Não só com ele. Eu me importo com todas as vidas dos habitantes de meu reino! - Grito ao me levantar. - Eu me importo com qualquer vida inocente que é tirada por minha culpa! - Ao falar isso eu caminho em direção a saída da biblioteca. - A visita de seu grupo acabou. Marcaremos um outro dia para vocês virem novamente. - Falo e saio da biblioteca. 




Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Um grande beijo e até a próxima ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...