1. Spirit Fanfics >
  2. Os Sete Pecados Capitais >
  3. A inveja da serpente

História Os Sete Pecados Capitais - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - A inveja da serpente


Fanfic / Fanfiction Os Sete Pecados Capitais - Capítulo 4 - A inveja da serpente

Pov's Astrid

Depois que Seeylfe fechou o bar,pegou sua espada,chamou Flora e partimos em direção à floresta.

Enquanto caminhávamos,analisei Seeylfe discretamente.

Ela é tão jovem para alguém que foi cavaleira dos meus pais.Será que ela é uma feiticeira e usa um feitiço para ficar desse jeito?

Lembrei imediatamente da luta dela contra Dagur e os outros cavaleiros de Liones.

Não...Ela teria usado magia naquela hora...Ah,ela deve usar um creme especial...

-Seeylfe-chamei fazendo-a me encarar-Meu pai me contou uma vez que uma das coisas que fazia você e os outros pecados conhecidos,é porque era um grupo diverso.Poderia me explicar?

-Ah sim-sorriu-É que,nem todos do grupo são humanos.

Arregalei os olhos.

-Quer dizer que no grupo tem alguém de algum outro clã?Tipo...uma fada ou um gigante?-indaguei animada.

-É,por aí-confirmou rindo da minha animação.

A Britannia tinha uma divisão entre clãs das espécies:Os humanos,as fadas,os gigantes,os feiticeiros,as deusas,os vampiros e os demônios.

Três mil anos atrás,o clã dos demônios era o mais poderoso de todo o mundo e era rival do clã das deusas(só há mulheres no clã),mas por não conseguir derrotar os demônios,formou uma aliança com o restante dos clãs.Essa guerra foi chamada de "Guerra Santa".

Pelo o que soube,o rei dos demônios foi morto e as deusas usaram todo o seu poder para selar o clã rival,perdendo seus corpos materiais e indo para o Palácio Celestial,onde ficava a mãe das deusas,chamada Divindade Suprema.O clã dos vampiros - servos dos demônios - também foi selado.

E assim,a "Guerra Santa" se encerrou,impedindo que o clã dos demônios dominasse tudo.

Paramos em frente à floresta,vendo ela cercada por uma neblina sombria.

Flora rosnou.

Seeylfe começou a andar e nós a seguimos.

(...)

Já estávamos andando por uns minutos,quando ouvimos um barulho e paramos.

-O que foi isso?-perguntou Dag assustado.

Foi então que mini monstro de terra surgiu do meu lado e agarrou minha perna.

Gritei assustada e Flora começou a latir.

-Intrusos!Intrusos!-disse o monstrinho.

Vários monstrinhos de terra começaram a aparecer do chão.

-LARGA DO MEU PÉ!-berrei irritada tentando me soltar.

Dag surgiu com um pedaço grosso de madeira nas mãos e atingiu o monstrinho,destruindo-o e me libertando.

Foi então que Seeylfe ativou os olhos ferozes e socou o chão,criando vários espinhos de gelo por onde estávamos e atingindo todos os monstrinhos de terra,destruindo-os na hora.

A Strondus se ergueu e olhou ao redor,desativando os olhos.

-Ela está aqui-afirmou já se afastando.

-Que?Quem!?!-questionei a seguindo com Dag.

Andamos por entre a neblina mais um pouco,até que nos deparamos com um enorme corpo.

Arregalei os olhos em choque.

Um gigante!

A neblina se dissipou um pouco e pudemos ver melhor.Era ela.

A gigante dormia tranquilamente no chão.Ela tinha cachos ruivos,pele branca e trajava um vestido verde estilo escocês.

-Merida!-chamou Seeylfe-Acorda!

A ruiva abriu os olhos sonolenta e se sentou imediatamente.

Arregalei os olhos quando vi ela erguer o braço enorme.

-ELA VAI ATACAR!-gritou Dag me puxando pra longe.

-WOW!CALMA!-gritou Seeylfe assustada segurando o punho dela,o que nos chocou-Não tá me reconhecendo?

Merida bocejou e piscou os olhos.Em seguida,arregalou os olhos.

-CAPITÃ!-gritou surpresa e feliz.

A gigante agarrou Seeylfe com as duas mãos e a pressionou sobre seu rosto.

-Quanto tempo,Strondus!Você ainda tá gata!-afirmou animada.

-Tá tá,mais devagar aí-riu Seeylfe-Da última vez que você me abraçou assim,você quebrou minha coluna.

Arregalei os olhos em choque.Que!?!

Merida pôs a Strondus no chão e nos encarou.

-Quem são esses?-perguntou curiosa.

-Podem vir-incentivou Seeylfe com um sorriso.

Eu e Dag nos encaramos e então,começamos a nos aproximar das duas.

-Merida,esses são Dag e Astrid,os filhos de Leo e Vitória-declarou Seeylfe-Gente,essa é Merida Dunbrooch,pecado da inveja da serpente.

-Uau!Eles cresceram né?Da última vez que eu os vi,eles eram bebês!-comentou Merida surpresa.

-Precisamos da sua ajuda-afirmei.

-Estou reunindo o grupo novamente,Meri-acrescentou Seeylfe séria-Morgana organizou um golpe de estado contra Liones.

-Que desgraçada!-xingou a Dunbrooch revoltada-Então?O que estamos esperando?Vamos atrás dos outros!

Foi então que enormes correntes surgiram e amarraram os braços de Merida.O mesmo ocorreu com Seeylfe.

Viramos,arregalando os olhos surpresos.

-Heather!-exclamei.

(...)
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

-Desculpa estragar a reunião-ironizou ela-Como é que vocês duas continuam tão jovens?

-É porque a...-disse Merida.

-Ei!-cortou Seeylfe repreensiva-Porque está fazendo isso,Heather?Seu pai não ia concordar com o que está fazendo.

-Você disse isso antes de matar ele?-rebateu a Skrill ríspida.

Seeylfe franziu a testa confusa.

-Como é?-questionou.

-Você matou meu pai!Morgana me contou!-acusou irritada-E agora,eu irei me vingar!

-Isso é mentira!Seeylfe não é assassina!-afirmou Merida alterada-Se bem que ela já matou alguns caras e tal...mas era tudo cara mau!

-Merida!-Seeylfe se irritou.

-Tá bom,vou ficar calada-respondeu ela constrangida.

Heather sacou seu machado duplo.

-Heather,não precisa fazer isso!-alertei me metendo na frente dela-Elas e os outros pecados só querem ajudar!

-Em nome da nossa amizade e por você ser a princesa,eu peço que saía da frente-ordenou séria.

-Não!-neguei imediatamente.

Ela socou meu rosto,me fazendo cair sentada no chão.Senti minha boca arder.

Foi então que Seeylfe se soltou das correntes e avançou em Heather,segurando seu machado.

A Strondus ativou os olhos ferozes e o machado duplo se quebrou ao meio.Ela jogou os pedaços da arma pra longe e deu um empurrão em Heather.

-Vai embora-pediu.

A Skrill gritou raivosa e avançou,mas de repente,foi cercada completamente por um círculo feito de pedras.

Ergui meu olhar vendo Merida com a mão levantada.Gigantes tinham o dom de controlar a terra.

A Dunbrooch abaixou a mão e se aproximou,chutando a bola de terra pra longe.

-Merida!-repreendeu Seeylfe irritada.

-O que?Ela estava me irritando-se defendeu.

A Strondus me ajudou a levantar e criou um pedaço de gelo na mão.

-Coloca isso no canto do lábio-pediu e eu obedeci,pegando o pedaço de gelo da sua mão.

-Bom...-suspirou Merida pondo as mãos na cintura-Quem nós vamos procurar agora?

Seeylfe deu um sorriso amarelo,fazendo a gigante arregalar os olhos.

-QUALÉ!PORQUE TEM QUE SER ELE?-reclamou.


Notas Finais


*PECADOS*
Ira-Seeylfe
Inveja-Merida

Roupa da Merida:
https://pin.it/1r4dU7Z


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...