História Os Terroristas De Konoha (Atualizando) - Capítulo 9


Escrita por:

Visualizações 120
Palavras 661
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que Gostem :D

Capítulo 9 - Fugindo de Hilux


 Sasuke dormia tranquilamente em sua cama quando uma galinha do nada entra em seu quarto, sobe em sua cama e cacareja alto.

Galinha: CÓCÓRICÓOOOOOOO!!

 O Uchiha da um pulo e assusta a galinha, que si voando pela janela.

Sasuke: Galinha de merda! Como pode uma coisa dessas?

 Já que acordou mesmo, Sasuke se levanta e desce para a cozinha, onde pega uma garrafa de leite na geladeira e começa a beber.

 Enquanto isso Deidara também está em seu quarto, dormindo, quando de repente o fazendeiro Madara entra em seu quarto e joga um balde de água fria nele.

Deidara: Aaaah!! Que porra é essa?!

Madara: Acorda pra cuspi loira do banheiro!

Deidara: Mais que porra é essa?! Perdeu a noção do perigo seu velho broxa?!

Madara: Me chamou do que?

Deidara: De velho broxa! Isso mesmo que você ouviu! Por que veio aqui me acordar?

Madara: Não sei, sempre quis fazer isso com o pessoar da cidade sô.

Deidara: Vai fazer isso lá na Puta que te Pariu! Seu merda!

Madara*Sad face

Então Madara saiu com cara de bunda. Como Deidara já havia sido acordado ele não conseguiria dormir de novo, então se levantou e foi até a cozinha. Ele encontrou Sasuke lá na mesa tomando leite e ouvindo música no fone de ouvido.

Deidara: Já se levantou?

Sasuke: Não, não! To na cama ainda não ta vendo?!

Então Sakura também aparece. Ela boceja e abre a geladeira, pegando um milho e começando a comer.

Sasuke: Você gosta de milho?

Sakura: Eu adoro milho.

Deidara: Também é galinha...

Sakura: O que disse?!

Deidara: Eu disse que também adoro galinha! Hehehe!

Sakura: Acho bom mesmo.*Diz se virando.

Deidara: Puta.

Sasuke: A gente tem que sair logo daqui, eu to com pressa.

Deidara: Acho melhor a gente ir mesmo, essa casa tem fantasmas.

Madara: Uai! Não tem não! Só tem o fantasma do meu primo Patrick que era tarado e morreu de tanto bater bronha!

Sasuke: Não importa, vamos sair daqui de qualquer jeito!

 Eles então pegaram suas coisas e foram saindo da fazenda, Madara os acompanhou até a porta.

Madara: Foi um prazer ter vocês aqui comigo sô, voltem di novo quando pudé!

Sasuke: Eu nunca vou voltar pra essa merda.

Madara: Que seja assim então, mas agora que vocês já se hospedaram aqui, já podem pagar.*Estende a mão.

Sasuke: Pagar?

Madara: Vocês não acharam que ia ser de graça né? Mil Dollars.

Sasuke: A gente não tem esse dinheiro!

Madara: Então o coro vai cumê!*Diz sacando uma espingarda não sei da onde e apontando pra cabeça da Sakura.

Sakura: Ai! Aponte isso pra outro lugar!

Madara então aponta para o Deidara.

Deidara: Ei! Se for matar alguém é primeiro as damas!

Madara*Aponta pra Sakura.

Sakura: Ele é mais dama do que eu!

Madara*Aponta pro Deidara.

Sasuke: Chega dessa merda!

 Sasuke então saca o seu canivete e efetua um ataque surpresa, dando várias facadas no fazendeiro.

Sasuke: Toma essa seu merda!

Madara*Gritando.

 Então ele cai no chão.

Sakura: Sasuke! Ai meu Pain! Você tem um canivete!

Sasuke: Sim, eu tenho um canivete porra, e é da Tramontina! Agora vamos sair daqui!

 Sasuke pega a espingarda do fazendeiro e os três vão até a garagem da casa dele, onde encontram o carro dele: Uma Hilux branca muito loka.

Deidara: caralho mano que carro foda!

Sasuke abre a porta (Ele havia pegado a chave do Madara também, esqueci de mencionar isso) e entra no carro, sentando ao volante.

Sasuke: Vamos, entrem! Temos que fugir daqui, nós matamos um homem, daqui a pouco a polícia ta aqui!

Sakura: Peraí, VOCÊ matou um homem!

Deidara: É! Não mete a gente nessa!

Sasuke: Vão se fuder!

 Os dois então entram no carro, Sakura no passageiro e Deidara atrás.

Deidara: Ei, por que eu tenho que ficar no banco de trás?

 Sasuke então acelera e os três saem em alta velocidade pelo campo de trigo em direção à estrada, enquanto tocava “Highway To Hell” no rádio do carro.

 

 


Notas Finais


João Kleber: E agora? O que será que esses três vão aprontar?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...