História Os vizinhos da casa ao lado-Bts. - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Amizade, Bts, Comedia, Killer, Loucuras, Mortes, Romance, Tretas
Visualizações 33
Palavras 979
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooi Desculpa pelo tempo que eu fiquei sumida... como eu já disse (eu acho) não tenho tanto tempo como antes. Mas sempre que eu posso faço um capítulo! ! Obrigada por ler ♥

Capítulo 9 - Capítulo : 9 - Nova descoberta.


Fanfic / Fanfiction Os vizinhos da casa ao lado-Bts. - Capítulo 9 - Capítulo : 9 - Nova descoberta.

No Capítulo anterior :


Jin: Desculpe,  eu sai de mim e acabei fazendo besteira, não vou mais te machucar então não deixe outro homem te tocar.-diz com a voz suave.


Eu me odeio...e eu te odeio mais ainda! Não acredito que vou fazer isso.


 o Abraço e deixo minhas lágrimas caírem, ele se afasta e segura meu rosto com as mãos delicadamente aproximando seus lábios dos meus....


No capítulo atual :


Me dando vários selinhos e transformando em um beijo calmo e doce, mas ao mesmo tempo selvagem e doloroso quando morde meu lábio inferior um pouco mais do que devia. 


Aí!  Isso doeu! !-digo saindo do beijo com a mão na boca e o empurrando para trás com a outra.


Posso parecer louca, mas o beijo definiu totalmente sua personalidade o que me fez soltar uma risadinha. 


Jin: me empolguei...-exclama dando um meio sorriso, o mesmo me pega no colo estilo noiva e começa a subir as escadas


Vamos dormir? -pergunto curiosa em quanto entramos no quarto.


Jin : você vai dormir. eu vou tomar um banho e depois venho para cama.-diz em tom de ordem me colocando na cama. 


Não vou dormir até você vir, já te esperei a noite toda, mais alguns minutos não vai fazer mal -digo firme, ele me olha com uma cara de bravo e sobrancelha erguida,   abre um pouco a boca como se fosse falar algo, mas muda de idéia a fechando e indo em direção ao banheiro.


Eimi Off  


Jin On ( P.o.v )


Garota, você  é muito teimosa!-digo entrando no banheiro.-SOU MESMO! -ouço ela falar gritando  em resposta e não evito de dar uma gargalhada. 


Ligo o chuveiro e fico com a cabeça de baixo do mesmo, pesando sobre tudo que aconteceu esses dias. 


  Ela me fazia ficar instável, eu saia fora de mim quando se tratava dela, me  arriscava e agia sem pensar, ela despertava um lado meu que tinha deixado no passado, um lado ruim. Desde que a conheci, não paro de pensar nela...


Ela é  problema,  tenho que tomar cuidado.


Tomo um banho rápido, visto uma calça moleton cinza, coloco minha toalha no ombro com o cabelo ainda molhado e vou para o quarto me deparando com uma garota de pele morena e cabelo cacheado, minha noiva. dormindo na cama com uma expressão serena.


Inconscientemente acaricio seu rosto colocando uma mecha do seu cabelo para o lado e dou um selar em seus lábios. Quando vejo seus machucados me irrito não só comigo como com ela.


Como pude tratar ela assim?  Acabei deixando aquele lado aparecer e ferindo-a, sendo que eu deveria protege-la. Isso não vai acontecer de novo, e qualquer um que ousar toca-lá vai  se arrepender. 


 Como consegue dormir tão calma e segura de baixo do mesmo teto da pessoa que te causou tanta dor à horas atrás? Não seja tão estúpida a confiar em mim tão rapidamente! -digo baixinho sorrindo deitando ao seu lado e coloco meu braço em cima de sua cintura.


Jin Off


Eimi (P.o.v ) On


Quando vejo que jin adormeceu, tiro sua mão com cuidado de minha cintura e levanto da cama saindo do quarto, indo em direção a sala, ele não sabia... mas eu tinha ouvido o que ele disse e ele estava certo.


Eu confiava de mais no homem que havia me machucado... poderia eu estar ficando louca?  Perdoei machucados que a cicatrização duraria dias em questão de horas... desde quando me tornei tão estúpida? Des de que o conheci.- eu mesma respondo minha pergunta mentalmente. 


Vou até a TV e tiro um celular de dentro do vaso de planta que ficava ao seu lado, eu poderia estar confiando nele,  mas não o obedecia, ele tinha tomado meu celular e disse que era só por um tempo até ele ter certeza que tudo estava "seguro". Eu pedi que me explicasse mas o mesmo mudou de assunto. o que gerava as discussões. Quando eu vim para essa casa ele estabeleceu algumas regras;  


1- Não desobedecer.

2- Não esconder.

3- Se relacionar apenas com ele.

4- Não fugir.

5- Não espiar.

6- seguir a primeira regra.


Acha que eu ouvi alguma delas? Caso a resposta seja sim, Então estão muito enganados. Se eu as seguisse, tenho certeza que não discutiria tanto com ele.


Desbloqueio e ligo para o Taehyung, ninguém sabia que eu tinha começado uma amizade com tae desde a primeira vez que ele foi lá em casa,  não nos falávamos na frente do pessoal, mas conversávamos por Mensagens todos os dias e as vezes até por vídeo chamada. Eu contava tudo que acontecia para ele, inclusive do Jin ter me machucado. Quando eu contei isso? Simples, depois do Yoongi sair e eu ficar aqui sozinha. Taehyung ficou realmente bravo e ameaçou vir aqui e me levar para morar com os meninos além de dar uma surra no Jin.


Ele não veio após eu dizer que sabia me virar sozinha,  claro que nos brigamos um pouco por ele insistir mas depois de um tempo cedeu. 


Taeh:Quem diabos é louco o suficiente pra me ligar a essa hora? -ouço a voz de taeh rouca por causa do sono e solto uma risadinha. 


É a Eimi, eu perdoei ele Taeh,  não sei o porque... mas me sinto realmente uma idiota!-digo baixinho com medo do jin estar ouvindo.

Taeh: você  se sente idiota porque realmente é uma!  Se você acha que está certa não tem por que se arrepender e muito menos me  acordar por causa disso. 


Taehyung!  É sério! -digo brava.


*quebra de tempo *


Eu havia explicado tudo o que tinha acontecido desde que o jin chegou e como eu reagir para o taeh esperando um conselho.


Então... o que você acha?- digo com a cabeça apoiada  nos joelhos.


Você ainda não percebeu Eimi? Está apaixonada pelo Jin-hyung!!!-diz agitado provavelmente fazendo um escândalo... ou seja, sendo ele mesmo. 


Eu apenas coço a cabeça e fico em silêncio, Taehyung  havia me contado o que tentei fugir a todo custo, sabia que era verdade, mas não queria aceitar. 


Estou apaixonada por SeokJin. 




Notas Finais


Comentem o que acharam, se quiserem kkk eu fiz esse capítulo ouvindo i'll be good kkk

Ainda tem muita coisa para gente descobrir! Fico empolgada só em pensar! !! As tretas ainda nem começaram.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...