1. Spirit Fanfics >
  2. Other Side Story >
  3. Primeiro

História Other Side Story - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Esse capítulo vai ser narrado pela protagonista, Hilde.

Boa leitura.

Capítulo 1 - Primeiro


Fanfic / Fanfiction Other Side Story - Capítulo 1 - Primeiro

A festa não estava muito interessante...

Lá estava eu, uma lady, no palácio de Odin em uma festa sem sentido nem motivo à qual fui obrigada pela minha queridíssima mãe a comparecer. Não era pra eu estar ali, e sim treinando, pois o torneio anual estava próximo e eu não deveria perder meu tempo em uma futilidade como aquela.

- Ora, Hilde, sorria um pouco, nobres gostam de pessoas sorridentes... – minha mãe me cutucou por trás, me assustando.

- Ai! Mãe... – olhei em volta verificando se alguém tinha me escutado – Não estou feliz, logo não tenho motivo nenhum pra sorrir... – cruzei os braços, que logo foram descruzados por ela.

- Estar aqui já é motivo para sorrir! Não é comum alguém como nós estar aqui, então seja grata e ao menos sorria.

Apenas bufei e desfiz minha cara fechada. “Espero que seja o suficiente. Não vou sorrir só por estar aqui...”.

Meus pensamentos foram interrompidos com a sensação de estar sendo observada. Sentia que era um olhar profundo, pesado e constante, e não me deixava por um instante. Por conta disso fiquei inquieta por quase toda festa, até encontrar meu observador. E no instante que descobri que o sujeito era ninguém mais, ninguém menos que Loki, eu congelei. O príncipe Loki. Filho caçula do grande e poderoso Odin. Irmão mais novo do deus do trovão Thor.

No momento que houve o contato visual, todo meu corpo se arrepiou e meus músculos congelaram. Isso nunca aconteceu antes e é impressionante, principalmente considerando que já enfrentei guerreiros três vezes maiores que eu. 

Depois de alguns segundos, que pareciam ter se estendido por horas, eu desviei e tentei disfarçar.

- O que foi? – ela me chamou a atenção – Parece estar... envergonhada...? – a cara dela era de quem estava curiosa sobre o que teria causado meu desconforto repentino.

- Não... Não é nada... – tentei não olhar diretamente para ela, e acabei olhando de volta para onde estava o príncipe.

Ele não estava mais lá. Olhei em volta do lugar, mas não tive sinal algum da presença dele. Hoje admito que senti uma pontada de desapontamento, acho que por não ter desgostado por completo ter um observador, ainda mais um tão insistentemente concentrado em seu objeto de observação. E ainda sentia estar sendo observada, mesmo depois de seu sumiço.

- Hilde, minha filha! Está na hora! – minha mãe me tirou dos meus pensamentos.

Eu apenas concordei depois de um momento de volta à realidade, e me direcionei ao local da apresentação. Sim, eu estava lá para me apresentar. Era isso que sustentava a minha mãe e a mim, e ela estava “incapacitada” de trabalhar de certo modo. Logo, eu tinha que fazer alguma coisa para nos manter vivas.

Durante a dança, mesmo em meio aos olhares que eu recebia, o que eu não gostava muito, eu sentia que aquele rapaz dos olhos esmeralda ainda me observava.

(Dia Seguinte)

Finalmente eu estava fazendo algo que eu gostava. Ensinando em um Campo de Treinamento.

Sempre houve jovens com potencial para serem grandes heróis de guerra em Asgard, e eu era incumbida de treiná-los desde sua pré-adolescência. E sim, eu fazia isso desde minha infância, e treinei vários guerreiros mais velhos que eu.

O treinamento estava andando bem, embora um deles estivesse baixando muito a guarda.

- Treinadora... – outro me chamou a atenção a tirou o foco os outros do foco – O que é isso em seu peitoral?...

Franzi o cenho e olhei para mim, me surpreendendo com uma rosa dentro do meu peitoral e sua flor saindo por cima. A retirei com cuidado, reparando que seus espinhos foram retirados com cuidado, o que me deixou muito pensativa. “Como isso veio parar aqui? Não me lembro de alguém se aproximando, nem de a flor voando por aqui...”.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...