História Our Destiny - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Loona
Personagens Choerry, HaSeul, HeeJin, HyunJin, JinSoul, Kim Lip, Personagens Originais, ViVi
Tags Chuu, Go Won, Yeojin, Yves
Visualizações 25
Palavras 900
Terminada Não
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Descobrindo coisas.


Fanfic / Fanfiction Our Destiny - Capítulo 4 - Descobrindo coisas.



Ela dormiu, e eu fiquei pensando no seu sonho e em como ela gosta de mim em tão pouco tempo. Era tão bom ouvir ela dizendo que gosta de mim, não vejo outras intenções em suas palavras,  é tudo verdadeiro. 

Parei para pensar também em como eu pude permitir tudo isso, eu nunca faria isso por ninguém. Sou uma mulher de 23 anos e nunca fiquei rindo a toa ou correspondendo um 'eu gosto de você', eu nunca, nunca mesmo respondi uma pergunta como essa. Jamais senti amor por ninguém nem mesmo por Haseul ou meus pais adotivos, eu falava apenas quando era pequena e ainda era da boca pra fora.

Mas teve uma pessoa, uma pessoa que até hoje eu não sei se senti algo ou se foi apenas uma boa amizade. Posso ver seu rosto em meu pensamento até hoje, lembro me que seu nome era JungEun mas ela não gostava desse nome então todos a chamavam de Kim Lip, mas eu a chamava apenas de Lip. E eu lembro que a Haseul fazia de tudo para nos separar, e um dia ela conseguiu de uma forma horrível, de uma forma que nós machucou muito.

Iria ter um show de talentos em nossa escola, Lip estava super animada e ela resolveu que iria participar cantando, sua voz era suave e extremamente gostosa de se ouvir. E como eu era uma boa amiga resolvi a ajudar no que fosse preciso. 

Kim Lip era minha única amiga, já que Haseul tem um ciúme muito grande de mim ela sempre afastava todos que tentavam se aproximar de mim, eu sempre andava com ela e sua turminha de populares frescos, confesso que ninguém ali me agradava e pelo visto todos (menos minha irmã de fachada) não gostavam nada de mim, o que era bom. 

A ajudei na música que a mesma estava compondo, a ajudei apenas na parte do instrumental. Sua música falava sobre uma menina solitária que um dia ganhou um ursinho de pelúcia e no final ela se apaixona por ele, mas seus sentimentos não eram correspondidos. Ela nunca me disse qual foi sua inspiração para a letra, ela dizia que era algo especial de mais. 

Estava tudo perfeito mas não durou por muito tempo nossa felicidade.

Logo que minha velha amiga subiu no palco para cantar o silêncio era total, eu estava observando cada detalhe no cantinho do palco. Mas quando a mesma começou a cantar a platéia inteira começou a vaiar e a jogar coisas nela, a chamaram de nomes horríveis. Seus olhos se encheram de lágrimas e eu apenas a vi correr muito rápido. Quando eu ia atrás dela reparei que Haseul estava na platéia rindo sem parar, acompanhada de seus amigos insuportáveis. 

Eu não consegui ir atrás dela, as pessoas não permitiam. E foi naquele dia que eu a perdi talvez para sempre.

Desde o tal dia, eu nunca mais consegui contato com ela, sempre me evitava e sempre que eu me aproximava ela me ignorava. Era nosso último ano escolar e depois eu nunca mais a vi, a última coisa que eu soube foi que ela virou professora de uma escola de criancinhas e que nunca mais cantou, dizem que ela ficou traumatizada desde então. Eu sinto falta dela em alguns momentos, principalmente quando estou triste, ela sempre me animava e me ajudava.

Eu sei que foi culpa da minha irmã, mas eu não posso provar isso, portanto, o que me resta é a saudade. 


Parei com meus pensamentos quando olho o horário e vejo que já são 10:00 horas da manhã, dou um pulo da cama e vou ao banheiro tomar um banho e fazer minhas higienes. Mas antes eu peguei um vestido simples já que eu ainda ficaria em casa por algumas horas até dar a hora de trabalhar. 

Logo termino tudo e vou preparar uma comida para comermos, fiz um lamen e um suco de morango com limão. Era algo simples mas eu não sei fazer muita coisa, e além disso não tinha quase nada de comer em casa já que eu sempre comia fora. 

Vou em passos lentos até Chuu e a acordo fazendo carinho em seu rosto, logo vejo ela abrir seus olhos e sorrir fraco. 

— Vamos acordar, tem comida na mesa! - falo assim que ela senta na cama.

— Estou indo, mas eu queria dormir mais! - brincou.

— Também queria mas você também precisa comer, ou então vai morrer de fome.

— Você tem razão, eu já estou indo. 

— Ah! Esta aqui sua roupa, vá tomar um banho e venha comer. - falei em quando corria até o closet para pegar uma blusa rosa claro e uma saia branca para a mesma.

— Okay. Já estou indo, obrigada. - pegou as roupas e se curvou indo até o banheiro em seguida.

Voltei a cozinha onde me sentei e comecei a mexer no celular esperando a Chuu para comermos. 

Alguns minutos depois ela saiu do quarto, ela parecia uma boneca e novamente eu abri um sorriso bobo ao vê-la. 

— Vem! Senta aqui e vamos comer. - a chamei com a mão e ela prontamente veio ao meu encontro e se sentou.

Coloquei nossos potes de macarrão e nossos sucos e eu pude ver  mesma sorrir ao ver tudo aquilo.

— Chuu podemos conversar sobre você agora? - falei antes de comer o macarrão. 

— Claro, mas eu também vou querer sobre você. 

— Okay. Então vamos lá! 




Notas Finais


Ixiiii um em seguida do outro! Isso sim é raridade.

EU ESPERO QUE TENHAM GOSTADO, TÁ?
AAAAAAAAAAAAAA MEU JESUS QUE MEDO DE VOCÊS NÃO TEREM GOSTADO KKKKKK

Me falem suas opiniões e me falem também o que vocês querem que talvez eu coloque aqui! BJSSS PRO 6 E ATÉ DEPOIS!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...