História Our Dream - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Min Yoongi (Suga)
Tags Bottom!hoseok, Bts, Gravidez Masculina, Hoseok, Hoseok Bottom, Hoseok Passivo, Hoseok Uke, Jung Hoseok, Lemon, Min Yoongi, Mpreg, Seokyoon, Top!yoongi, Yaoi, Yoongi, Yoongi Ativo, Yoongi Seme, Yoongi Top, Yoonseok
Visualizações 181
Palavras 1.672
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Slash, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


HOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLLA!
Apareceu eu aqui com mais um capítulo, simplezinho, para vocês... Espero que gostem, toracõezinhos!




Boa leitura

Capítulo 11 - Nono


Fanfic / Fanfiction Our Dream - Capítulo 11 - Nono


— A causa dos abortos anteriores foram provocados por um déficit de dinucleótido de nicotinamida e adenina no organismo. - Dr. Choi começou a explicar.


O casal encontrava-se no consultório médico, onde o homem formado em medicina, detalhou o motivo que foi descoberto por ser o responsável por causar as interrupções nas gestações anteriores do mais novo dos Min.


— Em palavras um pouco mais simples, Hoseok possui um defeito na capacidade do corpo de produzir uma molécula chamada NAD, que acaba resultando em um aborto espontâneo. Então, para que isso não torne a acontecer, o tratamento será com base na vitamina B3 e será feito o uso de uma medicação. Ela deve ser tomada no horário das refeições ou com leite para evitar incômodos gástricos. A partir de agora, a sua alimentação irá conter carnes e verduras, pois, a vitamina que seu organismo necessita, está presente naturalmente neles.

— No caso, eu já posso começar a fazer uso dela assim que chegar em casa? - o gestante quis saber.


As mãos de Hoseok e Yoongi não soltaram-se desde que saíram do quarto e foram ao encontro do médico.


— Eu lhe digo que não só pode, como deve. Porque, quanto mais rápido começar a tomá-la, maiores serão as chances para que a gestação não seja interrompida. - o médico sorrindo apontou as duas folhas de papel com tamanhos diferentes, mostrando a pequena primeiro. — Neste receituário está o nome da medicação, a dosagem que deve ser tomada e os horários mais adequados para fazer isso. - depois, apontando para a outra, continuou. — Acabei tomando a liberdade e, nessa folha maior, imprimi alguns dos vários alimentos que contém a vitamina B3 e também fiz um pequeno cardápio com várias opções, pois assim, não vai precisar repetir o mesmo alimento todos os dias.

— Muito obrigado por tudo, obrigado mesmo. Na verdade, eu não sei nem como agradecê-lo. - Yoongi se pronunciou.

— O agradecimento que mais desejo ter é poder ajudar, de todas as formas possíveis, para que essa gestação ocorra bem e o bebê nasça saudável. Mas, como já disse, o HoSeok terá que seguir a risca com o tratamento.

— Eu seguirei. - o moreno falou sorrindo. — Eu realmente farei tudo o que for preciso, não importa o que seja. - o sorriso aumentou ainda mais enquanto sua mão aperta com mais força a do marido.

— Só quero fazer mais duas observações importantes. Primeira: bastante repouso nesses primeiros meses, por favor. Segunda: Hoseok, principalmente agora no início, o seu desejo sexual ficará mais aguçado devido às oscilações hormonais e isso é super normal, então vocês não estão proibidos de terem relações sexuais. Porém, peço que sejam calmos ao fazerem durante os primeiros meses. - Yoongi segurou o riso ao ver o gestante iguala a uma pimenta por ouvir tais palavras. — Quero pedir também para que fique de repouso absoluto nos próximos quatro ou cinco dias. Então, com tudo devidamente explicado, o meu paciente está liberado e pode ir para casa, ok?




.


.


.




Quando saíram da sala do Seunghyun, tudo foi totalmente o oposto quando o casal chegou ao hospital.

Hoseok foi conduzido em uma cadeiras de rodas até a entrada do hospital, para não se esforçar, onde ficou aguardando Yoongi ir ao estacionamento pegar o carro.

Já o trajeto até a residência do casal também foi bem tranquilo. O empresário agora estava calmo por ter o moreno ao seu lado, este que carregava um pequeno sorriso nos lábios igualmente ao mais velho. Ambos estava pensando na mesma coisa, com toda certeza.

A noticia de que Min Hoseok estava esperando um bebê.

"O nosso bebê!" - pensavam ambos, silenciosamente.

Contudo, Hoseok estaria mentindo se dissesse que não sentia medo. Seria impossível não sentir tal coisa, diante de tudo que já aconteceu. Mas dessa vez parecia que tudo seria diferente, pois, com o tratamento, as chances de tudo dar certo eram maiores e a esperança surgia.

Ao chegarem no estacionamento do edifício, Yoongi pegou o moreno no colo e o carregou igual a mais cedo. Como Hoseok necessitava de repouso, não teria lógica nenhuma para o outro homem, deixá-lo subir até o vigésimo andar em pé, mesmo sendo de elevador.

Assim que Yoongi abriu a porta, depois de destrancá-la com a senha digital, a primeira coisa com que os dois se depararam foi com um Taemin todo choroso nos braços de Changgu.

Percebendo a presença alheia à porta, o menor se agitou para descer do colo do jovem, indo para o lado do Hoseok assim que ele foi colocado no chão, agarrando em sua mão livre e o olhando com o seu rostinho infantil, denunciando os olhinhos inchados de quem chorou a minutos atrás e que agora mesclava-se com a felicidade.


— Hoseok hyung, está melhor? Já estava nervoso por não ter notícias. - o jovem quis saber.

— Eu estou bem, realmente, estou me sentindo bem melhor. Se comparado a antes. - respondeu ao adentrar mais no apartamento.

— Estou aliviado por terem voltado, já não sabia mais o que fazer ou dizer ao Taemin, cada vez que ele chorava reclamando por causa da demora.

— Moço Ungi mentiu pa eu, disse que voltava logo e demorou muitão. - o garotinho fez um bico.

— Ele não mentiu para você, meu amor. Eu demorei porque precisei fazer um monte de exames e tomar remédio. - o gestante começou a explicar enquanto iam em direção ao quarto do casal. — Chorou tanto que chega está com os olhinhos inchados, meu deus.

— Puquê deve ser ruim ficá dodói e moço Soki tava mole com o olho fechado. - já no quarto, Taemin sentou na cama ao lado de Hoseok, praticamente grudado nele, ao que o mesmo começou a acalentar o menor. — Eu fiquei com medo do senhô num acordá.

— Já passou, já passou. Eu já voltei, então, não precisa mais ter medo. - acalmou o pequeno.


Depois de acalmar o coraçãozinho do pequenino, Yoongi acomodou ainda mais Hoseok sobre a cama para repousar como Seunghyun havia pedido; sob a supervisão de um Taemin que prometeu ficar o tempo todo junto ao moreno, pois, não deixaria a doença chegar nem perto dele novamente.

Enquanto o marido estava descansando, aproveitando o momento, o Min mais alto ligou para a farmácia e faz o pedido do medicamento, pedindo para que fosse entregue o mais rápido possível. Pois, quanto mais rápido iniciado, maiores seriam as chances do tratamento ser bem mais sucedido.

Após encerrar a chamada, o empresário foi para a cozinha dar uma olhada no que seria necessário comprar para acrescentar ao cardápio que teria que ser seguido a risca por hoseok e preparar algo que ele pudesse se alimentar, de acordo com a lista.

Por sorte, no armário tinha boa parte do que serviria de alimento a partir daquele dia e, para alívio de Yoongi, todos os ingredientes necessários para fazer algo gostoso para Hoseok. E logo um Changgu apareceu se oferecendo para ajudar.

Enquanto preparavam a refeição para os dois que estavam no quarto, o Min fez um pequeno resumo, não muito detalhado, sobre a situação do HoSeok e não citou sobre a gravidez; ambos preferiram esperar um pouco para contar. Optando por fazerem isso apenas quando tivessem certeza que o tratamento estivesse tendo total eficácia.

E para alívio novamente de Yoongi, a medicação fora entregue poucos minutos depois de terminarem de preparar os alimentos. Então, colocando a dosagem prescrita na mesma bandeja em que estavam duas porções da que, apenas uma, seria a refeição para o Hoseok e em outra estava apenas uma para o Taemin.

No meio tempo em que passou preparando a comida, Yoongi decidiu que passaria a se alimentar da mesma refeição que fosse feita para o gestante, tanto por se tratar de uma alimentação saudável, como para servir de incentivo e prova de que ele sempre estaria ao seu lado em qualquer momento. Não apenas nos bons.

Assim que chegaram ao quarto, o Min ouviu um barulho de água caindo enquanto o menininho ainda dormia agarrado a um dos nossos travesseiros e, com a ajuda de Changgu, o mais velho acomodou tudo sobre a mesinha de centro e depois informou que o jovem teria folga pela parte da manhã seguinte, pois, o empresário não iria trabalhar e ficaria cuidando dos dois.

Com poucos minutos que o jovem havia se despedido e ido embora, um Hoseok devidamente tomado banho e trajando roupas bem confortáveis, logo percebeu mais uma presença ao sair do closet.


— Acordei faz pouco tempo e aproveitando que o Taemin continuou dormindo, tomei um banho. - sorriu.

— Vai ter que comer alguma coisa agora, então. Não pense que passou despercebido, por mim, que você praticamente não tocou em nada na hora do almoço, porque eu notei, ok? - fez cara de bravo e o abraçou enquanto o guiava até o sofá.

— Quer dizer que anda me observando tanto assim? - perguntou já sentado.

— Sempre te observei. Desde quando estudamos no primário. - Yoongi confessou.

— Eu nem te notei nessa época... - deu de ombros. — Porque dois pratos com a mesma comida, Gi? Acha que estou morrendo de fome para comer tudo isso, por acaso? - indagou ao notar o conteúdo da bandeja e o outro deu risada.

— Claro que não, Seok. Um é para você, o outro pra mim. - disse simples.

— Como assim? Não acredito que vai comer o mesmo que eu, logo você que não é tão chegado a coisas saudáveis. - franziu o cenho.

— Sim. Decidi fazer tudo que puder junto com você durante esse tratamento, mesmo sendo coisas que eu não precise. - Yoongi segurou seu rosto com ambas as mãos. — Quando me apaixonei por você, eu escolhi ficar ao seu lado e o nosso casamento apenas fortaleceu mais a minha decisão. Eu estou aqui com você para tudo. Para rir ou chorar. Para te ajudar. Para te incentivar. O importante é estar ao seu lado, sempre.

— As vezes eu custo a acreditar que tive a sorte de ter te encontrado, sabia? E, mais

ainda, de te ter como meu marido. - Hoseok o abraçou. — Eu tenho o melhor marido do mundo. - sussurrou rente a orelha de Yoongi.


Notas Finais


Link do grupinho no wpp: https://chat.whatsapp.com/9YOxUw4juki9Bxe9weVx5H






Ate mais...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...