História Our Little Mistake - Robstar. - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Batman, Capuz Vermelho e os Fora-da-lei, Liga da Justiça, Mulher Gato, Novos Titãs (Teen Titans)
Personagens Alfred Pennyworth, Arsenal, Asa Noturna, Barbara Gordon (Batgirl), Barry Allen (Flash), Bart Allen, Bruce Wayne (Batman), Capuz Vermelho, Cassandra Cain (Batgirl), Cassie Sandsmark (Moça-Maravilha), Ciborgue, Clark Kent (Superman), Comissário James "Jim" Gordon, Coringa (Jack Napier), Damian Wayne, Diana Prince (Mulher Maravilha), Dick Grayson, Donna Troy (Troia), Estelar, Garth (Aqualad / Tempest), Harleen Frances Quinzel (Harley Quinn / Arlequina), Helena Wayne, Jason Todd, Mutano, Personagens Originais, Ravena, Roy Harper (Arsenal), Selina Kyle (Mulher Gato), Starfire, Stephanie Brown, Terra, Timothy "Tim" Drake, Timothy "Tim" Drake (Robin), Wally West (Kid Flash)
Tags Bbrae, Cyjinx, Robstar
Visualizações 106
Palavras 2.164
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 12 - Agora Todos Sabem a Verdade


Fanfic / Fanfiction Our Little Mistake - Robstar. - Capítulo 12 - Agora Todos Sabem a Verdade

POV Autora

Dick estava caído no chão, tinha levado um golpe do irmão mais novo, que acabará de descobrir toda a verdade, os outros estavam vendo toda aquela pancadaria, torcendo pra quê Jason estivesse errado.

- ANDA, ME RESPONDE RICHARD! - Exclamou raivoso Jason - É VOCÊ O PAI DO BEBÊ DA KORI, NÃO É?

- Você não tem nada que se meter na minha vida, Jason! - Dick se levantou e foi pra cima do irmão, uma briga começou ali mesmo.

- Mas, o quê - Alfred ouvindo os barulhos, foi até a sala - Meninos! Parem! - O mordomo exclamou, mas foi ignorado.

- Gente! Para! - Cass exclamou.

- Só vou parar quando ele me contar a verdade! - Todd disse, e voltou a bater mais no garoto.

- OS DOIS, PAREM JÁ!

Os irmãos se viraram, e viram a figura de Bruce, que tinha acabado de chegar do trabalho.

- Os dois! Pra minha sala agora! - Bruce disse num tom autoritário, fazendo Dick e Jason se levantarem e seguirem o pai.

- Stephanie - Jason se virou para a loira - Me empresta seu celular, o velhote tem que saber a verdade - Steph entregou o celular ao irmão, que seguiu em frente.

Após os três entrarem na sala, os irmãos e até mesmo Alfred colaram os ouvidos na porta, queriam saber a verdade, mesmo que ela fosse horrível.

°°°°

- Então - Bruce começou - Querem me dizer, por quê estavam brigando? - Ele perguntou aos filhos, que estavam sangrando.

- Eu respondo - Jason mostrou o celular para Bruce - É por isso, que este idiota está aqui.

O Wayne começou a ler a notícia, sua feição, que antes era de dúvida, tornou-se, de assustado, o nome do filho mais velho não estava no enredo, mas, já foi o suficiente para o maior detetive do Gotham entender o quê estava acontecendo.

- Dick - Bruce olhou para o adolescente, que tinha a cabeça baixa - Este filho que Koriande'r espera, é seu? - Richard nada respondeu.

- Vai ficar quieto agora, passarinho? - Jason exclamou.

- Jason, por favor - O empresário disse - Então Dick, me responda, você é o pai desta criança?

- Sim.

- Jason - Bruce falou - Pode sair, quero conversar a sós com seu irmão.

- Ele não é mais meu irmão - Todd se levantou a saiu da sala, após fechar a porta, deu de cara com todos os membros da família o encarando.

- Mestre Jason - Alfred começou, ele estava quase chorando - Aquela notícia, era verdade?

- Sim, Alfred, eu estava certo - O ex-Robin respondeu, deixando todos os irmãos chocados.

- Então - Tim começou, já estava chorando - O Dick, deixou a Kori e o bebê?

- Sim, maninho - Stephanie o respondeu, e logo abraçou o irmão mais novo.

- Jay - Damian falou, estava com voz chorosa - Dick, não quis o filho dele?

- Não, Dami.

- E-ele, ELE MENTIU PRA MIM! - Damian saiu correndo chorando.

- Mestre Damian! - Alfred exclamou e saiu correndo atrás dele acompanhado de Cassandra.

- Não vai dizer nada, Bárbara? - Perguntou Jason.

- Ainda acho isso um exagero! Isso aí, deve ser uma tentativa da Kori pra fazer o Dick voltar!

- Como você pode ser tão ruim, Bárbara? - Tim perguntou.

- Não sou ruim! Vocês é que são dramáticos! - A ruiva exclamou e voltou a sala.

Jason e Stephanie ficaram em frente a sala consolando Tim, ele e Damian eram os mais apegados ao irmão mais velho, aquilo realmente acabou com eles, ou melhor, com toda a família Wayne.

°°°°

Torre Titã

Mutano estava em frente a porta do quarto de Ravena, depois que o dois se beijaram, ela havia ficado estranha, e o metaforfo queria saber o por quê.

- Rae! Posso entrar? Sou eu, Mutano! - Ele perguntou, estava parado ali faz um tempão e nada acontecia.

- Já disse pra ir embora, Mutano!

- Por favor, Ravena! Só quero conversar! - Depois de muita insistência, a empata finalmente abriu a porta.

- Seja breve.

- Por quê saiu da cozinha daquele jeito?

- Acho melhor você entrar. - Rachel deu passagem, o garoto verde entrou em seu quarto e se sentou na cama, ela se sentou ao lado dele.

- Então, vai me responder?

- Garfield, sabe que sou controlada pelas minhas emoções, não sabe?

- Sim, eu sei.

- Não posso sentir nada muito forte, se não..

- Se não o quê, Ravena?

- Se não... - Rachel estavava com os olhos marejados - Meu pai vai me controlar novamente, e vou acabar com tudo! 

- M-mas, nós derrotamos Trigon! Você até ficou com a capa branca! 

- E-eu sei, mas, Trigon é um demônio tridimensional, e qualquer escapada que eu der, ele pode voltar a terra denovo!

- Mas, Ravena...

- Me desculpe, mas eu...

- Você tem medo!

- O quê?

- Você tem medo de Trigon! Tem medo de algo que já se foi!

- Mutano, e-eu...

- Ravena - Garfield aproximou-se mais dela, encostou sua testa na dela, colocou suas mãos no rosto da menina e a olhou nos olhos - Você se lembra de como derrotamos Trigon? Foi com amor, Ravena, e é este amor que vai nos proteger dele - Logan se aproximou e beijou a menina, Rachel correspondeu.

Ravena tinha suas dúvidas sobre o amor, ela tinha medo, medo de que Trigon se apoderasse dela e tornasse a terra o seu próprio inferno, mas, pela primeira vez em muito tempo, ela não sentiu medo, sentiu que estava tudo bem, estaria tudo bem, se Garfield Mark Logan estivesse ali com ela.

- Obrigada - Ravena olhou para a Mutano e o abraçou.

- Eu que lhe agradeço - Garfield respondeu, abraçando a amiga.

- NÃO! - Um grito foi ouvido da sala.

- Estelar! - Ravena se levantou e foi até a sala, Logan foi atrás dela.

Não deu tempo de perguntar nada. Mutano e Ravena apenas olharam para a televisão, vendo o quê estava sendo exposto para toda a Jump City.

- Agora, uma fofoca fresquinha! - Exclamava a repórter - A Jovem Titã Estelar está grávida! Isso mesmo que vocês ouviram! Ela está esperando um bebê titã!

- Essa não... - Disse Cyborg.

- O mais inesperado dessa história, é que, ela foi vista saindo do hospital com o Cyborg! E eu achando que ela namorava o Robin!

- Quem sabe, May - Disse o outro repórter - Talvez, o Robin está tomando chifres e nem saiba!

- Uma boa hipótese, Brian, a dúvida é, quem é o pai desta criança? Cyborg ou Robin?

- Merda! - Exclamou Victor desligando a TV - Agora, esses repórters vão ficar na nossa cola!

- Quem dera fosse só isso! - Disse Mutano.

- Verdade - Falou Ravena - Agora, a cidade toda sabe disso!

- Tenho que aumentar a segurança da torre - Victor sentou-se em frente ao computador - Os vilões devem estar adorando saber disso!

- N-não - Sussurou Estelar, colocando as mãos na barriga - Cyborg, e-eles, vão machucar meu bebê? - A princesa perguntou quase chorando.

- Não descartaria esta opção, Estelar.

- Não - A ruiva abraçou sua barriga e começou a chorar mais.

- Estelar, olhe pra mim - A meia-demônia aproximou-se da amiga - Nós vamos proteger você e seu bebê!

- V-vão?

- É claro - Garfield respondeu - Acha que não vamos proteger nosso sobrinho querido?

- Eles tem razão, Estelar - Victor virou-se e foi até os amigos - Este é um grande problema, mas, nós vamos dar um jeito! Nós sempre damos um jeito!

- Sim - Rachel continou - E a senhorita, nada de se estressar! Não vai querer prejudicar o bebê!

- É claro que não! - A ruiva exclamou.

- Então, acalme-se, nada vai acontecer, nem com você, nem com ele! - Ravena abraçou a amiga.

A paz dos titãs estava sendo ameaçada novamente, agora, com a notícia da gravidez de Kori vazada, as coisas complicariam-se um pouco, mas, eles deveriam ser fortes e nunca recuar, tanto por Estelar, quanto pelo seu filho.

°°°°

Mansão Wayne

Alguns minutos atrás...

Bruce havia tirado Jason Todd da sala, precisava conversar a sós com Richard.

- Pode começar, eu tenho a noite toda pra te ouvir.

- Bem - Começou - Estelar e eu fizemos amor há algum tempo, e, ela acabou engravidando...

- Richard - Bruce se levantou - Quantas vezes já te disse que amor e trabalho...

- Não andam juntos, eu sei.

- Se sabe, por quê mentiu? Por quê largou os titãs e Koriande'r sozinhos com uma criança?

- Esta criança atrapalharia tudo! Não teria com quem ficar durante as missões, e atrairía mais vilões a torre.

- Então, ao invés de você apoiar a namorada que engravidou, contratar uma babá particular, e aumentar a segurança da torre, você preferiu largar tudo por um capricho, Richard?

- Não é um capricho, Bruce.

- Então é o quê? Orgulho?

- Talvez... 

- Não estou acreditando nisso, Richard John Grayson! - O empresário aumentou o tom de voz - Como pode largar tudo pelo seu orgulho?! Essa não foi a educação que eu te dei!

- Você não me educação nenhuma! - Dick levantou-se - Eu e meus irmãos sempre tivemos professores particulares! Você estava ocupado demais pra nos dar atenção!

- Está ouvindo o quê está falando? Está percebendo que está descrevendo a si mesmo? - Perguntou Bruce, fazendo o filho se calar - Eu posso não ter sido presente na vida de vocês, mas isso não significa que eu não os amava! Eu tinha negócios pra resolver, mas eu não abandonei, nenhum de vocês!

- Somos orfãos, onde ia nos largar?

- Poderia muito bem ter deixado vocês em um orfanato, e ter largado a Cassandra e o Damian com as mães, mas, eu não fiz isso, Richard! Eu não fiz, porque sabia o quanto vocês sofreram e o quanto sofreriam! Posso não ser presente, mas eu me importo com vocês, me importo como um pai deve ser importar com seu filho! - Bruce se sentou e respirou - Arrume suas coisas, você volta pra Jump City hoje!

- O quê?! Mais Bruce!

- Mais nada! - Bruce bateu na mesa - Se for voltar aqui, que volte apenas pra me apresentar meu neto! Agora, saía!

Dick se levantou e saiu da sala, completamente enfurecido, sua mentira havia chegado ao fim, e agora, teria de se decidir entre seu orgulho, ou seu coração.

- Droga! - Ele exclamou, abriu a porta do quarto e tomou um susto ao ver que suas malas já estavam prontas.

- Suas malas estão prontas, pode se retirar - Uma voz disse atrás do moreno.

- Alfred, eu...

- Até mais, mestre Dick - O mordomo disse firmamente.

Robin pegou suas malas e foi descendo até a sala, onde estava todos os irmãos lhe encarando com um olhar mortal, Tim estava abraçando uma almofada, ainda chorando.

- Tim...

- Deixe-o em paz, Grayson! - Cass entrou na frente dele, Dick não revidou, não queria mais brigar.

O moreno foi andando até a saída, quando saiu, ouviu a porta sendo fechada brutalmente, Richard foi até os fundos do jardim, aonde tinha estacionado sua moto, estava andando até ouvir alguém chorando atrás de um vaso.

- Damian? 

- Me deixe em paz, Grayson!

- Dami, eu..

- Você mentiu pra mim! Disse que nunca abandonaria seu filho, e largou ele lá sozinho com a Kori! - Damian se levantou e foi andando até a mansão - Eu nunca mais quero ter ver!

Dick não podia negar que estava triste, Damian era seu irmãozinho, ele o amava muito, e agora, tinha magoado tanto ele, quanto os outros irmãos.

- Boa, Grayson, estragou tudo! - Robin arrumava suas coisas e montou na moto, começou a dar partida nela, até ser interrompido.

- Dick, espera!

- O quê foi, Bárbara?

- Pra onde você vai?

- Eu não sei, mas, não volto pra Jump City.

- Aé? - Bárbara sorriu de canto e se aproximou do amigo - Sei de um lugar que você pode ficar, e é aqui em Gotham!

- Por quê está me ajudando? Não está brava como os outros?

- Não, acho que eles estão sendo muito malvados com você! - Babs subiu na moto e se segurou em Dick - Então, quer que eu te mostre o lugar?

- Sim - Dick deu partida na moto e saiu da mansão junto a Bárbara para o tal lugar que ela falava.

Richard pensava se tinha tomado a decisão certa ao não voltar pra Jump City, agora com a notícia da gravidez vazada, vários inimigos iriam atrás de Estelar e do bebê, procurando vingança, descarregando o ódio, ou até mesmo, ir atrás dele, eles iriam atrás da sua família.



Da família que ele abandonou. 




Notas Finais


Eita nóis, pra onde Bárbara vai levar este monte de estrume chamado Richard?

Bbrae está crescendo, socorro 💚💜

Foi isso

Bjs ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...