História Outono de emoções - Capítulo 22


Postado
Categorias Belíssima, Maria do Bairro
Visualizações 3
Palavras 765
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 22 - 21- Colocando os pingos nos IS


Fanfic / Fanfiction Outono de emoções - Capítulo 22 - 21- Colocando os pingos nos IS


- Você; diz Tosca - O que faz aqui? E como teve a coragem de entrar em minha casa?

- Quanta hostilidade minha esposinha querida... Legalmente ainda somos marido e mulher.

- Ela deixou de ser sua esposa quando você a abandonou! - Diz Ricardo indignado; por favor saia antes que eu perca a paciência e já não responda mais por mim.

- Nossa o play boizinho está está querendo cantar de galo querida...

Isabella fica atrás de Tosca...

- Esta atrás de você é sua bastarda, que garotinha mais feia se parece com o pai.

Quando Edson xingou Isa Ricardo não aguentou mais e o colocou para fora pelo gola da camisa.

- Vai se arrepender disso! - Diz Edson a Ricardo após este o jogar no meio fio; juro que vai!

Depois disso Ricardo entrou dentro de casa e viu Tosca tomando conta de Isabella.

- Não se importe com o que esse idiota disse minha filha, você é a garota mais linda do mundo.

- Seu pai está certo filha.... Você é linda.

Isabella se fechou no quarto

E Ricardo foi falar com ela, e se sentou ao seu lado assim que ela abriu a porta.

- Você se parece com sua mãe, Flávia também tinha os cabelos longos; pega uma foto na carteira dele e de Tosca e entrega a Isa - Esta foto está comigo há muito tempo, foi tirada no dia em que me casei no civil com sua mãe, vocês são idênticas, se você se achar feia então pensará o mesmo de sua mãe.

Isabella não disse nada ,estava muito chocada

- Pegue esta foto para você... Filha você é a copia fiel de sua mãe, de mim herdou apenas os olhos.

Tosca entra no quarto

- Vejo que vocês estão bem.

- Sim querida, filha se sente melhor?

-mais ou menos

- Você ficou sentida com que ele disse... Eu devia ter matado aquele infeliz!

- Calma Ricardo você não é um assassino.

Nisso Flad entra na casa deles...

E como não encontra ninguém vai até o quarto de Tosca e vê Isa chorando.

- O que houve aqui para Isa estar chorando?

Ricardo disse...

- Aquele rato que infelizmente é o seu pai biológico esteve aqui e disse que sua irmã era feia.

- Eu vou mata - lo agora; ele ia saindo mas Ricardo o impede - Por favor pai me deixa acabar com ele!

- Não filho... Não seria certo estragar sua vida por um idiota.

- Isa venha aqui irmã eu quero te abraçar...

-claro flad

Os dois se abraçam e choram ao mesmo tempo.

Enquanto isso...

- Hoje saímos do hospital meu amor.

- Isso me enche de felicidade Luis Fernando.

Enquanto isso...

Soraia e calista ...

- Eu devia matar a catadora com minhas próprias mãos... Já que você é uma inútil.

- Por favor menina isso pode te complicar.

- Não se meta em meus assuntos!

Enquanto isso...

Edson recebe a visita de Murat em sua casa.

- O que faz aqui?

- Com certeza a Bia deve estar te bancando... Aposto que você voltou por que ela está tramando algo.

- Nunca te disseram que em boca fechada não entra mosca? E que mortos não falam?

Enquanto isso

Flad está sozinho com Isa, ele a está consolando.

- Lamento Isa por você ter conhecido aquele verme.

-o que ele quer afinal Flad?

- Eu não sei Isa, mas eu o odeio, e você sabe que eu não sou de odiar ninguém, nem mesmo o Edmilson eu odeio, somos até amigos hoje em dia, mas este homem...

-eu sei flad,ah eu também não gostava do Edmilson ele fazia muita gracinha sem graça,mas ele não é ma pessoa só era imaturo ,mas tudo bem

- Desde que se casou com a Vick se tornou outra pessoa...

-com certeza

- Isa meu pai sempre foi o Ricardo, espero que você não o rejeite, ele te ama muito.

-jamais rejeitaria meu pai

De volta a Murat e Edson.

- Não tenho medo das suas ameaças você não passa de um brinquedo da Bia.

Edson não aguentou isso e começou a sufocar Murat e somente quando percebeu que ele estava morto parou. Então ligou para Bia e contou tudo.

- Seu idiota, se livre do corpo caso contrário isso nos trará problemas!

- Ora cale a boca!

Bia disse...

- Livre - se do corpo...

- Está bem...

Edson joga o corpo num beco qualquer, e assim que ele sai Nikkos aparece, já que o beco era próximo de sua casa. Ao ver Murat pensa que o meso está morto, mas quando vai checar a pulsação dele percebe que estava enganado.

- Ele está vivo



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...