História Overgirl - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Supergirl
Personagens Alex Danvers, Cat Grant, James "Jimmy" Olsen, J'onn J'onzz "John Jones" (Caçador de Marte), Kara Zor-El (Supergirl), Lar Gand (Mon-El), Lena Luthor, Lucy Lane, Maggie Sawyer, Personagens Originais, Samantha Arias (Reign), Winslow "Winn" Schott Jr.
Tags Casallesbico, Karadanvers, Lenaluthor, Supercorp, Supergirl
Visualizações 101
Palavras 2.237
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção, Hentai, LGBT, Luta, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Galerinha do meu coração,depois de nove dias eu voltei com um capítulo fresquinho para vcs agora um pouquinho maior do que o normal então espero q gostem e boa leitura

Capítulo 7 - Meeting a new version of you


Fanfic / Fanfiction Overgirl - Capítulo 7 - Meeting a new version of you

    Lena e Lilian nunca foram tão próxima igual naquela época,as duas viviam juntas em Metrópolis comandando a Lex-Corp da cidade,enquanto Lex comandava a principal em Nacional City,desde de ser adotada Lilian tentou ser uma boa mãe para Lena pois sabia bem como era ruim não ser amada mas por Lex o carinho sempre foi maior e mesmo sendo egoísta esse pensamento a morena queria ser o centro das atenções.A oportunidade surgiu com a mudança de Lex, Lillian e Lena começaram a passar mais tempo juntas, era somente as duas contra o mundo, passou-se o tempo e Lena estava com seus vinte e dois anos e formada ,Lilian estava com saudade do seu filho mais velho por isso decidiu marcar um final de semana para ir visitar o mesmo,só não esperava que na mesma semana uma notícia rodasse o mundo ,o atentado contra a vida de Superman e Supergirl.

"Lex Luthor ,empresário dono da Lex-Corp,tenta assassinar dupla de Supers "

Quando Lillian ouviu aquilo sentiu seu coração partir,ela sinceramente sabia o quando Lex era uma pessoa fria sem emoções mas claro que ouvir isso de todos dóia muito em uma mãe.Aquele dia a mulher chorou ,Lena nunca havia visto sua mãe tão frágil e por um momento sentiu até pena da mesma.No final da noite após uma discussão Lillian foi mesmo sem Lena achar certo,atrás de Lex que foi preso na segurança de Nacional City,Lena não achava justo o fato de toda vez que seu filho vissesse alguma besteira como se tivesse oito anos de idade ela fosse atrás e consertasse,Lex já era um adulto e podia arcar com suas ações.Não tinha um dia que Lena passa sem pensar o quão errada estava,ela devia ter abraçado sua mãe naquele dia e talvez até ido para Nacional City,mas ela não sabia que após Lillian visitar Lex na cadeia iria se transformar em uma pessoa totalmente diferente.

- - /// - -

Batidas na porta tiram Lena dos suas profundas memórias,colocou a foto de volta na gaveta e falou alto para a pessoa entrar,pela porta passou uma Evie animada,pelo menos alguém no final de semana havia se divertido,pensou Lena ao ouvir sua assistente falar.

-Bom dia senhorita Luthor,aqui estão os papéis que pediu para lhe entregar,hoje a senhora terá apenas duas reuniões de manhã e a tarde Cat Grant havia pedido para marcar um horário para uma pessoa da revista vir aqui ,e por hoje está vazio eu marquei para a tarde.-Falou enquanto Lena lia os papéis que a mesma havia entregado,sorriu para a sua assistente e falou.

-Muito obrigada Evie,mas Grant adiantou o assunto da conversa e com quem seria ?-Perguntou se levantando e indo até a sua varanda,abrindo um pouco a mesma sentindo um vento bater contra seu corpo.

-Não ela não informou sobre isso,mas se quiser eu posso ligar e perguntar sobre .-Falou e Lena virou negando com a cabeça,Evie pede licença deixando novamente a Luthor sozinha naquele escritório inerte em seus pensamentos por longos segundos observando aquela paisagem enquanto sua mente vagava em lembranças do final de semana.

"Por quê não me fala o seu nome,assim podemos nos conhecer melhor ?"

A voz de Linda soou em sua cabeça,e Lena se perguntou se a mulher soubesse realmente o passado atrás do seu sobrenome e família se ainda interesse na mesma.

Longe da L-CORP ,James entra aonde havia marcado com Lillian,um galpão velho ao chegar lá encontrou a mesma fazendo alguns testes enquanto um homen metade robô estava estático na porta como um segurança,James tenta passar mas mesmo o segura mas antes do negro se pronunciar a voz da mulher soa alto e autoritária.

-Deixe ele passar Hank.-O homen assente com a cabeça dando um passo para a esquerda,James arruma o paletó que usava andando em direção a mulher que concentrada mexia em uma máquina,o homen coloca a mão no bolso de trás e Lillian se pronucia .

-Então Jimmy,vai me dar o que pedi ou não ?-Falou o apelido com um deboche iminente,o homen revira os olhos e tira do bolso um pequeno despositivo que parecia uma bola de golfe e estende a mão.

-Depende querida ,o que tem para eu acabar de uma vez com Overgirl ?-A mulher pega um livro e mostra alguns desenhos,o homen toma da sua mão tentando entender os rascunhos desenhados no mesmo,mas desiste e joga o caderno na mesa falando alto.

-Pare enrolação Lillian,eu lhe tirei da cadeia para acabarmos juntos de uma vez com aquela loira,se quer essa peça me explique direitinho o seu plano !-Falou batendo a mão na mesa,Lillian revira os olhos e se vira totalmente para o homen e fala.

-Eu estou criando a partir desses rascunhos de Lex,uma arma tão forte que caso acerte Overgirl ela morreria e nem mesmo Deus poderia a salvar .-Falou rindo,passando a mão no cabelo,um sorriso surge no rosto de James e ele deixa em cima do mesa o pequeno protótipo dando as costas a mulher enquanto falava.

-Espero que consiga fazer o que diz,se não sabe muito bem o que irá lhe acontecer.

- - /// - -

Kara acordou segunda-feira com um mal humor aflorado,a noite mal dormida era evidente somente observando a expressão de cansaço do rosto da loira,algo dentro dela a lhe incomodava,mas a mesma não sabia se era o fato de ter levado um pé na bunda de Lena sábado ou o fato de ter vontade de repetir os beijos e a sessão flerte a amassos com a mesma e um barulho dentro da sua cabeça mais conhecidos com pensamentos lhe atormentando a noite inteira,seus sentidos estavam totalmente descontrolados,um espirro de alguém doente no primeiro andar era perceptível a sua audição.Fez uma nota mental para conversar com Winn e fazer seus exames ,voltando a falar sobre o trabalho Kara chegou na CatCo com um óculos escuros e foi direto para sua mesa,começando resolver tudo que sua chefe havia mandando em emails durante o final de semana, sinceramente as vezes a loira sentia um vontade de pedir demissão mas lembrava que tinha contas a pagar e voltava com a decisão,além do fato de amar ser repórter mesmo não tendo muitas oportunidades como pensou que teria quando se formou.

-Kiera em minha sala agora !-Cat falou enquanto passava surpreendemente sem óculos escuros,pela primeira vez Kara podia dizer que a mesma aparentava um bom humor matinal,entrou na sala da sua chefe fechando a porta e se aproximando da mesa da mesma enquanto mulher arrumava as coisas em sua mesa.

-Então,você precisa fazer algo para mim,eu marquei uma entrevista mas quem seria responsável por ela seria a Nicole ,acho que esse é o seu nome,mas ela não pode vim trabalhar hoje então estou passando essa responsabilidade para você -Kara já ia falar,querendo ou não a loira nunca tinha trabalhado diretamente como uma repórter,mas Grant se levanta indo até a mais nova e fala.

-Você irá entrevistar Lena Luthor,eu pedi para Nicole lhe enviar a pauta e todos os assuntos,agora você de manhã está livre,vá para casa e não me decepcione.-Falou autoritária e voltando a sentar em sua cadeira e começar mexer em seu computador enquanto falava.

-Saia e feche a porta .-Falou simples,a loira passou a mão no cabelo e fechou os olhos, sinceramente por quê Lena Luthor não saía da sua vida ?Dentro da grande sala Grant tirou seus óculos susurrando baixo,para si mesma.

-Ela me lembra tanto alguém,mas não lembro quem .-Falou mordendo a ponta dos óculos e suspirou passando a mão no rosto enquanto pesquisava em seu computador.

"Overgirl "

- - /// - -

Alex entrou no bar,era sábado a noite e normalmente uma hora dessa ela estaria na casa de Maggie ou na sua aproveitando o descanso do DEO e pesquisando sobre Overgirl,mas não estava naquele ambiente para se divertir não hoje,andou levemente até a mesa combinada vendo que Winn já lhe esperava enquanto tomava um gole do seu drink.

-Winn,que bom que já chegou.-Falou sentando na frente do mesmo,olhou para os lados,ninguém suspeito então voltou a falar.

-Que bom que eu não sou a única que acha que algo de errado está acontecendo no DEO,e que estão escondendo de todos.-Alex falou tirando da sua mochila uma pasta, passando para o homen que abre e começa folear as páginas,era matérias em geral sobre Overgirl mas tinham algumas sobre Guardião e Superman também.

-Por quê está lendo reportagens e matérias sobre Superman ?-Winn perguntou sem entender enquanto lia uma página com uma reportagem sobre Guardião e Overgirl.

-Quando Overgirl apareceu,ela era como se fosse uma assistente de James,mas se você observar bem as datas ela se aproximou de Clarck e depois começou a trabalhar como Supergirl junto com ele.-Falou enquanto chamava um garçom pedindo um bebida,Winn tentava associar rapidamente todas essas informações e realmente haviam coisas ali que nem ele parceiro de Overgirl havia pesquisado sobre, mentalmente se xinga e promete conversar futuramente sobre alguma assuntos desses com a própria justiceira.

-Eu me lembro disso,o dia que Lex Luthor tentou matar Superman,mas depois disso eu me lembro de no DEO,todos estarem amendontrados,claro quem não temia aquele maníaco.-Falou enquanto lia uma capa de jornal da época que falava sobre o acontecimento,Winn lembrava muito bem dessa época ele era apenas um estagiário no DEO,lembrava que um dia após Lex ser preso foram enviados vários agentes para aumentarem a segurança era como se ele tivesse um plano que seria capaz de matar dois kryptonianos o que sinceramente na época nem passou na cabeça do homen,mas uma coisa que ele não se lembrava era de ver Supergirl naquele dia e nem Guardião e o que era totalmente estranho já que mais que nunca eles deveriam estar as postos para caso o pior acontecesse.

-Esse dia que Lex foi preso,James não apareceu em nenhuma matéria,como se ele não tivesse ajudado,eu procurei filmagens na internet e aparentemente eu não vi nada em relação a ele esse dia,o que é realmente estranho já que toda ajuda para derrotar Lex nessa época fosse aceita.-Alex falou enquanto tomava um gole da sua bebida,ela havia pesquisado bem,e mesmo que não estivesse ainda no DEO na época ela sentiu o seu sexto sentido apitar em relação a esse evento.

-Sinceramente,existem muitas coisas no DEO que não fazem sentido,Winn se você me ajudar já que trabalha lá a mais tempo que eu poderemos descobrir isso juntos ,o que acha ?-Alex estende a mão,Winn deixa a pasta na mesa, a probabilidade de Overgirl aceitar mais alguém na equipe era mínima mas realmente a equipe estavam precisando de mais integrantes.

-Eu estou aqui,eu vou ajudar nessa pesquisa digamos assim,conte comigo Alex.-Estende a mão,apertando a da mulher que sorri abertamente,toda ajuda agora era falida e algo sobre assunto parecia intrigar e atrair cada vez mais a ruiva.

- - /// - -

Já era o final da tarde,e se não fosse com essa entrevista para a CatCo Lena já estaria descansando em sua casa,como estava entediada resolveu dar uma olhada no email que Alex havia mandado na hora do almoço,a ruiva usualmente mandava algumas reportagens ou matérias sobre Overgirl e as duas passavam muito tempo no telefone conversando sobre.

"Dupla de Supers salvam mais uma vez o dia,mas dessa vez de uma ameaça à todo os EUA "

Lena intrigada pela manchete começa descer a página mas antes de começar ler sobre,ouve batidas na porta,e Evie entra no escritório falando da porta mesmo.

-Senhorita Luthor,Kara Angels venho lhe entrevistar em nome da CatCo,posso deixar-la entrar ?-Pergunta e Lena se levanta falando.

-Apenas um segundo eu irei organizar aqui o escritório , peça para ela esperar na sala que eu já irei chama-la.-Evie apenas assente com a cabeça,Lena arruma a posição das cadeiras,junta os papéis em cima da sua mesa jogados guardando em uma pasta e arruma as almofadas do seu sofá,tinha uma reputação para zelar então não podia deixar esses mínimos detalhes passarem despercebidos.

Ao abrir a porta do seu escritório dando de cara com uma cena não muito comum,Evie e Kara estavam gargalhando que nem perceberam a presença da CEO.

-Kara só para fazer eu rir uma hora dessas.-Falou limpando o canto dos olhos,mas a repórter antes de responder vê de canto de olho a Luthor lhe observando por isso virou a cabeça comprimentando a mesma.

-Senhorita Luthor,meu nome é Kara Angels,fico agradecida por abrir um espaço na sua agenda para essa entrevista .-Falou estendendo a mão para Lena,que sorri comprimentando a mesma,enquanto falava.

-Vamos entrar então senhorita Angels,estou curiosa sobre o assunto da conversa.-Kara por ela e Lena faz um sinal para sua assistente que estava liberada,fechando a porta após isso,voltando a falar.

-Então ,fique a vontade a partir de agora -Lena falou indo em direção sua cadeira,ela não percebeu mas Kara acompanhou o seu caminhar com o olhar enquanto sentava na cadeira a frente da grande mesa da CEO.

-Uh senhorita Luthor,Grant me pediu para fazer algumas perguntas que estão relacionadas a último atentado de Overgirl.-A expressão de Lena era de dúvida,por isso a repórter começou logo a explicar.

    Eu-A senhorita estava no último atentado de Overgirl,quando ela podemos dizer desmascarou o político que por sinal era um conhecido da senhorita,eu queria saber sua opinião primeiramente sobre Overgirl .-Falou enquanto pegava sua caneta abrindo seu bloco de notas,Lena por dentro estava apreensivo nunca pensaria que o assunto da conversa seria isso e agora ela realmente saber o que falar no momento.


Notas Finais


Uhhummm o próximo capítulo promete,então se gostarem e quiserem que poste mais rápido comentem muito e favoritem a fic caso não tenha favorita bjinhos até a próxima nenexx


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...