História Ovomon - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Digimon, Pokémon
Tags Aventura, Fantasia, Pokémon
Visualizações 4
Palavras 464
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esse capítulo será mais comprido que a introdução↓↓↓

Capítulo 2 - Aroma de aventura


Fanfic / Fanfiction Ovomon - Capítulo 2 - Aroma de aventura

Tiago está deitado na cama pensando na história que seu professor contou no museu, será que aquele objeto em exposição é mesmo a entrada dos Ovomons de volta a terra. Sua mente se apaga num sono profundo. 

"Você presissa pegar a LEAF antes que seja tarde demais,  Tiago estava no meio da infinidade do sono, não enxergando nada além do branco. Ele ouve vozes o instruindo a cada frase a ir atrás da conhecida LEAF. Se nos ajudar, sua mãe encontrará. Isso chamou muita atenção de Tiago. No momento era o que mais queria."

--- Mãe!? MÃÃEEE! 

Tiago abre seus olhos sonolentos e se depara com seus pais o encarando. 

--- O que estão fazendo no meu quarto? 

--- Você ficou gritando por uns 20 minutos --- Respondeu a mãe postiça. 

--- Desculpe te los acordados

---Filho eu e sua mãe temos que falar uma coisa que discutimos muito.

--- Fala então

--- Estamos pensando para o seu bem em...

--- Em manda lo para algumas consultas com um psiquiatra. --- Concluiu o pai

--- Mas estou ótimo 

--- Não está,  vive sozinho e não fala mais com ninguém

--- já disse...

--- já contei o que tinha para dizer --- O pai sai do quarto deixando seu filho e esposa a sós

--- Não liga pro seu pai. Prometo que só vai ser uma vez.

Tiago assentiu com a cabeça e sua mãe seguiu caminha para a sala a fim de terminar o filme com o esposo. Tiago apóia a cabeça no travesseiro e pensa no sonho que teve. Será que a LEAF é a resposta para encontrar sua mãe. 

ELE VOLTA PARA A INCONSCIÊNCIA


"ESTOU te esperando filho, pegue a LEAF e venha me encontrar. "

Tiago acorda com barulho do despertador.  Desanimado por ter que frequentar um psiquiatra mais tarde.

Ele decidiu,  iria roubar a preciosidade do museu de Boston

Ele arrumou a bolsa escolar com roupas e alguns objetos e saiu de fininho pela porta dos fundos, atravessando a casa e pegando o rumo para o conhecido museu , que a 1 dia mudou a vi da de um jovem garoto


(...)


--- Vamos casandra hora do remédio. 

--- Não quero

--- Enfermeira,  traga a seringa

Casandra no passado trabalhava como espiã em uma grande empresa, foi acusada de depressiva na própria empresa e foi presa em um manicômio. Seu sonho era reencontrar seu filho.

O médico se aproximou com a ingestão de calmante quando casandra tomou de sua mão e enfiou nele

Correndo por corredores ela da um pólo e entra no duto de ventilação, agora ela se via livre de tudo e todos que a odiava.


                    (...)


Andando nas movimentadas ruas de Boston, ela procurava por sua antiga empresa de espiões. 

Queria voltar ao trabalho e depois de sabe lépida procurar seu filho de 13 anos.

Pegando um táxi, ela seguiu para a Grande EPGE ( espiões graduados do estado)




Notas Finais


Em breve outro capitulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...