1. Spirit Fanfics >
  2. Oyabun and hime recomeçar ( Livro II) >
  3. Término

História Oyabun and hime recomeçar ( Livro II) - Capítulo 18


Escrita por:


Capítulo 18 - Término


Izumi


Bati na porta do quarto do Yzaque e entrei. Ele estava deitado de barriga pra cima com a cabeça virada pro lago encarando sua televisão que estava desligada. 

Izumi: Yzaque você pode vir me ajudar a preparar as coisas pra sua irmã? - Ele me encarou. 

Yzaque: Não. 

Izumi: Por favor? Ela vem pra casa então seria bom ser recebida por você. 

Yzaque: Não. 

Izumi: Filho... Tudo bem você não precisa me ajudar, só esteja lá em baixo quando ela chegar. 

Yzaque: Não prometo nada. 

Izumi: Eu espero você. - Sai do quarto dele e desci pra cozinha indo preparar suas comidas favoritas. 


Estava distraída terminando de fritar uma porção de batata-frita. 

Yzaque: No que você quer minha ajuda? 

Izumi: Querido eu já terminei. - Virei na direção dele e dei um meio sorriso. 

Yzaque: Então vou subir. 

Izumi: Não vai. - Segurei seu braço. - Fica aqui, comigo. - Implorei com um olhar. 

Yzaque: Tudo bem. - Segurou minha mão. 

Izumi: Eu sinto muito. - Sussurrei olhando pras nossas mãos. - Se você soubesse a verdade desde o começo, você não estaria com o coração partido agora.

Yzaque: É verdade. - Me abraçou. - Eu tenho nojo de mim mesmo. 

Izumi: Filho.

Yzaque: Eu tô com raiva de mim mesmo também. Mãe eu namoro com a minha irmã, não eu ainda não terminei com ela. Não tenho coragem de encara-lá. Lembrar que ela é minha irmã e que... Você e o papai devem estar com raiva de mim também, eu transei com a minha irmã eu a amo. - Senti minha cabeça ficando molhada com as lágrimas dele. - Eu amo a Nikki que na verdade é Yuzi. Eu ainda não consigo entender como elas são a mesma pessoa mesmo sendo tão diferentes. Sabe eu... - Me afastei e o encarei, seus olhos estavam vermelhos e molhados. - Eu imaginava uma vida com ela, nós íamos nos formar e íamos morar juntos. Com o tempo nós casaríamos iríamos nos formar na faculdade e então teriamos dois filhos. Nós tínhamos uma vida inteira planejada. 

Izumi: Meu amor eu posso ser maluca mas não senti nojo ou repugnância de você em nenhum momento. Você ama a Yu... - Ele prendeu a respiração. - A Nikki. Eu sei que não é normal você namorar a sua irmã. Mas eu não quero que você seja infeliz. - As lágrimas desciam pelas minhas bochechas. - Me parte o coração ver você tão triste. Eu e seu pai vamos contar a verdade pra ela. 

Yzaque: Vocês não podem. - Sua expressão se tornou puro desespero. - Isso vai destruí-lá. Mãe não. 

Izumi: Yzaque ela é minha filha tanto quanto você ela precisa saber a verdade. Você gostaria de saber a verdade nessa situação não é? Alguém precisaria te falar a verdade. 

Yzaque: Mãe.

Izumi: Filho, depois de tudo isso. Porque isso vai acabar pode ser que vocês possam ficar juntos.

Yzaque: Mãe o que você tá falando?! 

Izumi: Toda a forma é amor é justa, ainda mais quando recíproca. 

Yzaque: Então você...

Izumi: Si... - Escutamos um barulho na porta e olhamos na direção. Yanca estava com o braço dado com o pai. Senti uma felicidade momentânea e alívio que me fez correr e abraça-lá. - Filha. - Ela abraçou de volta. 

Yanca: Eu preciso de fôlego. - A soltei e a olhei de cima abaixo. - Mãe você tá bem? 

Izumi: To. - Acenei positivamente. - Minha querida me desculpa por não ter ido te ver eu... 

Yanca: Tudo bem mãe. - A abracei novamente. 

Izumi: Eu fiquei tão preocupada com você. - A apertei mais. 

Yanca: Eu sei mãe. 

Izumi: Ok. - Acariciei seu rosto. - Tá com fome? Eu fiz tudo o que você mais gosta.

Yanca: Tô morrendo de fome. - Senti quando alguém me afastou da Yanca. 

Yzaque: Yanca. - Ele a abraçou com força a deixando surpresa. - Eu pensei que fosse morrer de preocupação. 

Yanca: Você não tá bem, não é? - Se afastou dele. - Eu conheço você. 

Yzaque: Cala a boca e vai comer Yanca. - Ele sorriu e fez meu coração se aquecer. 


Itachi


Eu estava descendo as escadas quando escutei a campainha. Vi Yzaque levantar contragosto e abrir a porta. 

Nikki: Yz, nós podemos conversar? Você tem me ignorado. - Subi dois lances de escada. 

Yzaque: O que você quer? 

Nikki: Eu sei que eu fui horrível com seus pais mas eu vou me desculpar com eles. 

Yzaque: Vai embora. 

Nikki: Yz, eu vou me desculpar. Eu me assustei quando os vi lá e meu pai estava sangrando então eu me desesperei. 

Izumi: O que você tá fazendo? - Virei pra trás e fiz um sinal pra ela ficar em silêncio. Ela se juntou a mim. 

Yzaque: Chega. 

Nikki: Então meu pai me explicou a situação e eu vim até aqui. - Meu coração doeu quando ouvi ela o chamando de pai. 

Yzaque: Ele mente pra você. 

Nikki: Do que você tá falando? 

Yzaque: Escuta Nikki. - Havia irônia no seu tom de voz. - Você não é filha do Orochimaru. 

Nikki: Eu sei Yzaque e daí? 

Yzaque: E daí? - Ficaram em silêncio por alguns segundos. - E daí que você é minha irmã. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...