História Paixão à primeira vista! - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias TWICE
Personagens Dahyun, Momo, Sana, Tzuyu
Tags Dahmo
Visualizações 12
Palavras 789
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiie meus amores💕

Velho, no capítulo de ontem deve 2 comentários, e pouco mas me deixaram tão feliz, mto mesmo vcs não tem noção do quanto esses apenas 2 comentários me deixaram feliz.
Obgd mesmo🐼💕

Boa leitura🐼💕
(Por enquanto só irá ter postos de vista da momo ok?)

Capítulo 2 - CAPÍTULO 2


Fanfic / Fanfiction Paixão à primeira vista! - Capítulo 2 - CAPÍTULO 2

        

[13:00]

Abro meus olhos um pouco assustada por conta do barulho patético que me acordou.

Olho pros lados e vejo Dahyun assistindo algum programa na televisão. Eu odeio televisões, só tenho uma pq a Sana me deu de presente. Isso porque ela é minha melhor amiga e sabe que eu odeio televisões.

Ela está sentada no chão e acho que ela não percebeu meu olhar pra ela pois ela nem se moveu.

As vezes parece que ela é de outro mundo e veio pra esse por conta de uma grande explosão e agora está descobrindo coisas desse novo mundo. As vezes eu viajo na minha imaginação mas é isto.

Me levanto. Ela me olha e desliga a televisão. Adoraria dize-lá que não precisa desligar mas eu odeio televisão então agradeço- a muito por ter desligado.

- Está acordada a mto tempo?- Pergunto.

Ela faz um sinal de não com a cabeça.

Eu queria ouvir a voz dela,aaa.

- Está com fome anjo?- Não resistir e tive que chamar ela de anjo.

Ela assente.

- Bem que vc poderia falar ne?- Falo

- Desculpe- Diz a mesma 

Ain eu amo a voz dela, talvez não seja só a voz q amo...quer dizer, concentra momo!

Vou até a cozinha e vejo o que tem na geladeira.

Não tem absolutamente N A D A.

Não quero sair pra buscar comida então vou pedir pelo aplicativo que me helpa nesses momentos. Eu preciso fazer mais compras aqui pra casa agora que a Dahyun chegou. Quer dizer...quando eu achar a família dela eu ajudo- a pra voltar pra casa.

Mesmo eu não querendo...

Pego meu celular e peço a comida. Rapidinho chega.

- Faz tempo que você acordou?-

- Não, acordei a alguns minutos antes de você acordar. Resolvi ligar a televisão pra ver que horas eram.

Eu estou sem acreditar que ela disse tudo isso!! 

- Aah claro...tenho que te falar que não gosto de televisões.- Iiiii 

- Também não gosto, mas tive que ligar. Vc também não gosta de relógios? Não vi nenhum até agora!-

Aish, que voz maravilhosa. Eu amo ela sério...o que eu estou falando? Eu conheci ela ontem.

- Pra que relógios de parede sendo que eu tenho um celular?-

Ela ri e eu também vou no embalo.

A campainha toca.

Vou até a porta e abro.

Não acredito em quem estou vendo. Sana?

- Sana?- Pergunto sem acreditar 

Ela estava com um uniforme do aplicativo que pedi a comida e com o que suponho que seja a comida que pedi na mão.

- Não, minha querida, aqui e o papai Noel. Feliz natal menina!- Irônica. E a Sana.

- O que faz aqui?- Pergunto 

- Vim trazer presentinhos!

- Você não cansa de ser chata e irônica não anjo?-

- Não! Toma essa comida e pague...- Ela para de falar e olha pra dentro da casa- Quem é essa? Momo vc está pegando outra e não me avisou?- Ela grita- Nossa você e uma bela amiga...-

- Para de gritar sua anta! Vai assustar ela! Não, eu não estou pegando outra.- Mas bem que queria- Diz a menina que me deu um TELEVISÃO de presente!-

- Desculpe, mas quem é ela?-

- Nem eu sei...-

- COMO VOCÊ TRAZ UMA PESSOA QUE NEM VOCÊ CONHECE?- Ela berra 

- Para de berrar anta! Eu não sei...mas ela precisa da minha ajuda- Falo

- Pra quê?- Pergunta a besta da Sana 

- Não sei merda! Para de fazer perguntas e me responde porque está com essa roupa?- Falo- E se vim com grosseria vai levar um tapa nessa sua boca!-

- Porque meus pais querem que eu tenha um trabalho digno- Fala ela revirando os olhos.

- Aah claro-

Pago a mesma e fecho a porta na sua cara.

Chamo a Dahyun pra vim a mesa.



Depois de comermos, tomamos banho e estávamos conversando sobre coisas aleatórias que eu estava com vontade de conversar mas a anta da Sana e mto burra pra entender o que quero falar, ainda bem que achei a Dahyun.

- Bom, eu adoro falar sobre isso, mas acho que você precisa me falar porque ontem estava naquele estado.-

Ela parece que fica em choque. Acho que está mto cedo pra perguntar isso pra ela

- Ok, se não quiser dizer.-

Ela começa a chorar, limpo as lágrimas grossas que descem do seus olhos lindos e a abraço. Fico assim com ela por um tempo.

Saio do seu abraço e a olho.

Eu só queria saber porque esse bebê está assim!

Poder ajudar ela é tudo que mais quero.

Eu não sei como mas eu acho que me apaixonei por ela. Mas nem eu sei como isso pode acontecer. Conheci ela ontem.

- Vamos mudar de assunto. Quantos anos vc tem?-

- 19 e vc?-

-20, um aninho mais velha.-

- Pois é- Ela diz

- Vamos sair?- Faço essa proposta.

- Depende, pra onde?- Pergunta ela

- Af, não sei, shopping talvez...-

- Vamos então!- 

Não sei mas eu acho que essa saída vai dar alguma coisa errada!

Espero que eu esteja errada


Notas Finais


Foi isso meus amores♡
Desculpe por qualquer coisa

Contínuo? Vcs que decidem!!

Fiquem bem💕🐼


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...