História Paixão Escondida - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 35
Palavras 698
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 6 - Ei Gatinho


Eu não sei estou louco ou se isso foi real, Jeon Jungkook me chamou para sair. Será um encontro? Não, Jungkook é hetero.

Chego em casa e vou direto tomar um banho, não se posso chamar isso de um encontro, mesmo assim tenho que estar com uma boa aparência. Depois do banho eu comecei a me arrumar, afinal já era 18:30, meus pensamentos são tão ligados a Jungkook, que perco a noção do tempo.

Termino de me arrumar, claro a roupa mais linda que achei em meu armário.

A campainha toca, vou correndo até a porta e a abro.

- Oii Jungkook, como vai? - disse sorrindo.

O mesmo só me olhava, aquele olhar me deixou bem vermelho.

- Oii Jimin, estou bem, e você? - ele finalmente me encara de sorri.

- Estou bem, podemos ir? - disse fechando a porta do apartamento.

- Sim, podemos sim. - Começamos a andar.

A conversar não estava rendendo muito, estávamos apenas andando, trocando alguns olhares se vezes.

Chegamos no local, nós sentamos em canto e finalmente a conversa começou.

- Então, eu queria pedir desculpas pelo que aconteceu hoje...Aqueles caras são loucos...

- Não, tudo bem. Eu sei que eles gostam um dos outros. - disse olhando o cardápio.

- Não estou falando disso...que eles se gostam não é problema meu nem seu. Estou falando do que o Tae falou sobre eu querer... - ele disse olhando para baixo coçando a cabeça.

- Ah Jungkook - sinto minhas bochechas ficarem muito vermelhas. - eu sei que é mentira, não é?

- Sim, eu tenho namorada. - disse diz olhando o cardápio também.

Aquilo caiu como um pedra na minha cabeça, além de ser hetero, namora... É Jimin, acabou todas as suas possibilidades.

- Ah...entendi. Acho que vou pedir meu sorvete - disse tentando disfarçar.

- Vou pegar um também. - ele chama o garçon pedimos nossos sorvetes.

O clima tinha ficado meio estranho, a conversa não surgia...

Isso estava me dando uma aflição muito ruim, será que eu tinha dito algo de errado? Ele só prestava atenção no celular.

- Jimin, eu preciso ir embora. Foi bem legal passar esse tempo com você, mas tenho que ir. - ele se levanta coloca o dinheiro na mesa - Tchau Jiminie - ele dá um tapinha nas minhas costa e vai embora.

Mano, eu vou ficar aqui sozinho, legal... Quando eu iria pegar minha certeira para pagar alguém toca no meu ombro.

- Quem foi o idiota que deixou esse gatinho sozinho? - Yoongi se senta na minha frente.

- Gatinho? Oi Yoongi. - dei risada.

- Oi Jimin, você não estava com o Jungkook? - ele disse tomando o sorvete que seria do Jungkook.

-Ele teve que sair...

- Já sabe que ele namora né?

- Sim, e o que tem? - disse tentando ignorar o fato que isso me incomodava.

- Jimin, sei que você está apaixonado pelo Jungkook. Só você que não quer assumir. - Ele disse como se isso fosse uma coisa normal.

- Como você mesmo disse ele tem namorada, e outra não dá para de apaixonar por alguém que acobou te conhece. - eu me levanto, minha saída com o Jungkook já foi ruim, não queria que com o Yoongi fiquasse ruim também. - Yoongi, eu tenho que ir, até segunda.

- Você não quer que eu te leve para casa? Eu estou de carro. - ele disse mostrando a chave.

- Não precisa, eu só quero andar. Tchau. -pago o meu sorvete e vou embora.

Não sei porque isso estava me incomodando tanto, minhas chances de ficar com o Jungkook eram de 1 em 100000. Ele é hetero, namora, deve ter todas as meninas da escola babando por ele, e se ele fosse gay, teria mil meninos para escolher, quem ficaria com o garotinho novo da escola que nem sabe direito que está sentindo.

Bem, pelo menos eu não fico criando expectativas erradas...

Chego no apartamento, indo até meu andar vendo Jungkook sentando no chão. Com as mãos na cabeça.

- Jungkook? O que faz aqui? - disse me agachado.

Ele me da um abraço um pouco apertado.

- Podemos conversar? - ele olha para mim um pouco triste.


Notas Finais


Novo capítulo, espero que gostem ~❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...