História Papai Desatento - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Jaehyun, Jisung, Taeyong
Tags Família, Jaeyong, Jaeyong!pais, Jisung!kid, Luvyun
Visualizações 123
Palavras 372
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Fluffy

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Deveria tá estudando mas tô aqui kkk

Capítulo 1 - Capítulo Único


Taeyong pediu para Jaehyun cuidar de Jisung enquanto ele ia ao mercado, e, sem contestar, Jaehyun aceitou. Estava confiante sobre cuidar de seu filho, essa mesma confiança que, depois de minutos, sumiu.

Seu bebê não parava de chorar e Jaehyun estava ficando louco. Pensou ser fome, então deu-lhe mamadeira e até tentou dá papinha, mas não adiantou de nada, ele continuou a chorar. Também pensou ser cólicas, então fez uma massagem que aprendera no YouTube há semanas atrás, mas, novamente, não adiantou de nada. Chegou até a cantar para ver se seu filho acalmava, mas parecia ser impossível.

Prestes a desistir de sua missão e ligar para seu marido pedindo socorro, ouviu a porta abrir; Taeyong havia chegado e seu filho continuava a chorar.

— Porque o Jisung tá chorando assim? 

Taeyong perguntou, assim que entrou e largou as sacolas perto da cozinha. 

— Eu não sei, estou tentando fazer ele parar desde que você saiu mas ele simplesmente não para! — Jaehyun disse, enquanto fazia carinho nas costas de Jisung em seu colo.

Taeyong pegou Jisung do colo de Jaehyun e percebeu algo estranho: Jisung estava fedendo. 

— Eu não acredito, Jaehyun! Você deixou o Jisung com a fralda de cocô até agora, por isso que ele tá chorando assim.

Taeyong foi até o quarto de Jisung, sendo seguido por Jaehyun, e começou a limpá-lo.

O maior ficou estático ali pensando, como não havia percebido antes? E como não pensou nessa possibilidade? Meu Deus, como era desatento. 

Quando seu marido terminou de trocar Jisung, botou o mesmo no chão e o deixou livre para brincar pela casa. 

— Eu realmente não levo jeito para ser pai. — Jaehyun comentou, rindo fraco.

— Ya, é normal, Jaehyun. Você é um pouco distraído sim, mas é um ótimo pai. Além de que você não term o costume de cuidar do Jisung sozinho. 

O menor disse e puxou Jaehyun para um abraço aconchegante. 

— Espero que você esteja certo, não quero ser um pai ruim. 

— Você não é. Pode ter certeza. 

Jaehyun abriu um sorriso bobo e deu um selar rápido em Taeyong. 

— Agora vamos lá ver o Jisung antes que ele destrua a casa. — Taeyong disse rindo e puxou a mão de Jaehyun para fora do quarto. 


Notas Finais


Adoro umas OS soft assim, iti
Espero que tenham gostado.

Até mais. xoxo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...