História Para salvar o mundo - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Hermione Granger
Visualizações 102
Palavras 1.065
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 29 - Cap. XXVIII


POV Severus

- A ultima, foi uma que ele não planejou fazer, mas sua alma tão fraturada não aguentou quando na noite de 31 de outubro de 1981 ele tentou matar uma criança, um bebê que foi protegido pelo sacrifício de sua mãe – ela olhou para todos e senti meu coração, algo que muitos acham que eu não tenho bater incontrolavelmente, viva a Sonserina e suas mascaras sociais – naquela noite ele fez de Harry James Potter uma horcrux.

Então o Lorde das trevas fez horcruxes? E para piorar o garoto Potter é uma. Por que alguém não me matou durante a primeira guerra? Olhei novamente para a mulher que povoou meus pensamentos e que para meu pesar é uma Potter, ela corou e senti um pouco de orgulho, parece que eu não sou o único afetado por sentimentos.

- Vocês sabem como salvar o garoto Potter? – perguntei tentando não deixar a mostra minha preocupação, não importa de quem ele é filho, ele é só uma criança e não merece ter um fragmento da alma do Lorde das trevas em sua cabeça...antes que Hermione pudesse responder o vira-lata e a senhorita Belinni voltaram...eles pareciam um tanto quanto desgrenhados, mas não é meu problema. Senti alguém me olhando e olhei para Hermione que olhava o casal que chegava com um sorrisinho malicioso.

- Olha quem voltou – Belinni corou e Black sorriu, aquele sorriso que sempre odiei...a sensação de ser observado voltou e percebi o porque quando vi Lucius me observar intensamente, a expressão no seu rosto me fez querer bater nele – bem continuando, sim Severus conseguimos reunir um ritual que expulsará o fragmento de alma sem machucar o Harry, mas precisaremos fazer uma poção complicada e só confio em uma pessoa para faze-la.

Ela tirou um pergaminho da ridícula bolsa pequena que parecia sempre carregar e estendeu para mim.

- Eu?

- Sim Severus, você é o melhor mestre de poções do mundo e confio plenamente em você para desenvolver a poção, Violeta é boa, mas você ainda é o melhor e ela tem Nott sênior para lidar no momento – me senti corar e ouvi Lucius bufar tentando segurar o riso – a poção leva três meses para ficar pronta, você terá a sua disposição todos os ingredientes e verba que precisar, mas nem Violeta ou eu conseguiremos faze-la.

- Eu farei – ela segurou minha mão com força...seus pequenos dedos eram quentes contra a minha mão – precisarei dos ingredientes o mais rápido possível se quer que ela esteja pronta em três meses.

- Só será necessária a poção? – Madame Longbotton perguntou a Hermione.

- Não, a poção é parte do ritual, será necessária um conjunto de feitiços a serem lançados ao mesmo tempo – ela se virou para Lucius e pegando um outro pergaminho estendeu a ele – senhor Malfoy, você tem uma maestria em feitiços e todos estamos cientes do quão bom você é, você pode ser o terceiro para Violeta e eu?

Lucius olhou para o pergaminho na sua mão e acenou em concordância.

- Sim, eu vou precisar de um tempo para aprender o feitiço, mas creio que consigo.

- Temos tempo, o ritual indica que temos que dar a poção e depois os feitiços; primeiro a Violeta, depois você e por ultimo eu – Hermione disse e seu olhar emitia um fogo e paixão que me fizeram querer me queimar.

- Mas o ultimo feitiço é o mais esgotante, será necessário muito de você, pode até mata-la – por um instante foi como se o meu coração parasse.

- Não importa, é tudo para que o Harry possa ter uma vida – ela exclamou como se concluísse...ela não parecia temer uma possível morte e sua coragem me humilhou; resolvi mudar de assunto.

- E as outras horcruxes? – perguntei – Onde estão?

- Bem...o colar está na casa da família Black, Grimmauldi Place, precisaremos que Sirius reivindique o seu lugar como Lorde Black, Violeta é só a regente, ela não pode forçar a entrada dela em Grimmauldi, já que é a casa de sua mãe, Sirius, por direito e esse direito só pode ser ignorado pelo Lorde em vigência, você pode fazer isso?

- Posso – o vira-lata olhou Violeta que sorriu para ele.

- Ótimo, Violeta te dará os detalhes – Hermione disse e anotou algo em um terceiro pergaminho – outro que você pode ajudar Sirius é a taça de Lufa-lufa, está no cofre particular de Belatriz Lestrange; como Lorde Black você pode alegar que ela está em posse de alguma herança Black que você deseja recuperar.

- Posso ir junto, como regente os goblins não irão reclamar e como sei a aparência da taça ficará mais fácil – Violeta disse e pude ver que o vira-lata relaxou bastante.

- Ok, isso é bom...o próximo é o diadema perdido de Ravenclaw...

- Ele está perdido a décadas – Longbotton disse em confusão – como ele pode ser uma horcrux?

- O diadema está escondido em Hogwarts, na sala das coisas perdidas...- sala das coisas perdidas? Que sala é essa? Estava confuso, nunca ouvir falar dessa sala e antes que pudesse vocalizar minha confusão o lobo passou a frente.

- Que sala é essa? Os caras e eu nunca a achamos e sabíamos muito sobre o castelo – ele balbuciou um pouco de maneira ridícula e quis zombar dele como na época da escola.

- Bem Hogwarts é magica não tem como vocês saberem de tudo...quando recuperarmos o diadema podemos aproveitar e conseguir veneno de basilisco na câmara secreta de Sonserina...- meu espanto só foi superado pelos dos outros.

- A câmara secreta existe? – Lucius parecia animado.

- Sim, existe – Hermione sorriu e olhou para mim – quando formos recuperar o diadema, podemos usar a desculpa e visitar a câmara, matando o basilisco e conseguindo veneno o suficiente.

- Isso dá três – o vira-lata comentou, quem diria que ele sabe contar.

- Sim, o anel encontraremos na velha casa dos Gaunt em Little Hangleton, aqui precisaremos de uma equipe, eu sugiro Severus, Lucius, Sirius, Frank e eu – Hermione disse com o rosto serio e mordeu seu lábio inferior gordo e rosado, me fazendo querer gemer de desejo – acho que terão varias enfermarias escuras e não quero ninguém indo até lá sozinho.

Todos acenaram em concordância imaginando as possíveis enfermarias escuras que podem estar protegendo o anel.

- E o diário? Onde ele está – Alice perguntou com a voz fraca...Hermione se virou para Lucius.

- Está na mansão Malfoy.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...