História Para sempre contigo --Dahmo-- - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias TWICE
Personagens Dahyun, Momo
Tags 2yeon, Dahmo, Michaeng, Satzu, Sohyo, Vkook
Visualizações 116
Palavras 696
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, LGBT, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


me desculpem algum erro. Boa leitura.

Capítulo 9 - 'nine'



Momo p.o.v

Momo -- Dahyun, Minari me ligou, disse que brigou com a Chae.

Dahyun -- E o que que tem? - Ela disse puxando a coberta para perto de si.

Momo -- Bebê, se ela ligou agora as 2 da manhã, deve ser sério, a Mina ama a Chae.

Dahyun -- Agora a gente virou cúpido foi?

Momo -- Ah Hyunnie não seja assim, só estamos ajudando as nossas amigas. - Eu disse trazendo sua cabeça ao meu colo.

Dahyun -- Liga pra essa menina logo e fala que é pra ela vir aqui agora, senão eu não ajudo mais não. - Ela disse com a cara emburrada. Tão fofa.

Chamada ON

Momo -- Dahyun mandou tu vir aqui agora.

Mina -- Tá, tô indo. - Ela disse com a voz chorosa.

Momo -- Mina, não chora por favor, vem aqui vamos te ajudar.

Mina -- O-okay.

Chamada OFF

Momo -- Mina tá chorando.

Dahyun -- Eu mereço mesmo, que drama só por causa de uma menina. Oh, daqui a pouco elas tão aí se comendo, essas meninas do cu doce.

Nesse momento a porta foi aberta, era Mina toda acabada, com uma garrafa de soju nas mãos. Corri até ela é a trouxe ao sofá.

Momo -- Me dê isso, você não precisa beber Mina. - Disse limpando as lágrimas de seu rosto.

Dahyun -- Me conta tudo o que aconteceu.

Mina -- A-a Chaeyoung ta-tava c-om outra ga-garota. - Ela disse chorando ainda.

Momo -- Ei, se acalma, para de chorar. - Disse limpando novamente suas lágrimas, e colocando sua cabeça em meu ombro.

Dahyun -- Que garota era?

Mina -- A-a ex dela, Sorn.

Momo -- Caralho aquela filha da puta voltou! - Eu disse com raiva.

Sorn era a garota que eu gostava, mas Chaeyoung foi mais rápida e ficou com ela. Eu parei de falar com ela por um tempo, mas depois voltamos a nos falar. Sorn depois teve que ir para o Canadá, ela ia estudar lá por um tempo.

Ela disse que ia demorar, só que ela voltou mais cedo, e com os seus charmes. 

Momo -- Mina, fica com a Dahyun, eu tenho que falar com a Chaeyoung. - Eu disse saindo do dormitório e indo em direção ao quarto dela.

Quando cheguei bati na porta, e fui atendida, nossa esse povo não dorme não?

Logo depois, empurrei Chae no chão.

Chaeyoung -- O que foi?

Momo -- Por que você ficou com outra garota? Você namora a Mina, não se lembra? - Eu disse dando um soco nela.

Chaeyoung -- Momo, para, foi só o momento. - Ela disse colocando a mão no seu rosto.

Momo -- Pelo amor de Deus Chaeyoung, não foi o momento, você tem consciência do que você faz, não é? - Eu disse dando outro soco nela.

Chaeyoung -- PARA MOMO! EU AMO A MINA, EU FUI UMA IDIOTA OK?!?

Momo -- Ainda bem que você se tocou.

Chaeyoung -- Eu não gosto mais da Sorn, acho que só fiquei meio animada com a chegada dela.

Momo -- Só para de falar com ela, vai melhorar a sua vida, certo? Agora eu quero que você vá na Mina e peça desculpas. Ela chegou lá chorando, bêbada, por sua causa.

Chaeyoung -- A minha Minari... Como eu sou uma otária. - Ela disse começando a chorar.

Logo, eu ajudei Chae a se levantar, e limpei suas lágrimas. Fui abraçada com ela até meu dormitório.

Tempo depois.

Dahyun -- Chaeyoung sua trouxa! É pra tu ficar com alguém que te ame, Mina sempre vai te amar, ouviu? Sua viada do cu doce.

Momo -- Já se entenderam? Então já podem ir embora.

Chaeyoung -- Sua mal-educada, nós já vamos. - Ela disse abraçando Mina de lado.

Mina -- Muito obrigada por nos ajudar, viu? Agora vamos deixar vocês se comerem. Vamos Chae.

Dahyun -- O que? n-ós nem íamos s-se c-comer. - Ela disse toda envergonhada.

Mina -- Não ligo, tchau! - Ela disse batendo a porta.

Momo -- Ou Dahyun, vamos pro quarto. - Eu disse com cara de sono.

Dahyun -- Sim nenê, mas antes eu quero fazer uma coisa. - Ela disse colocando suas mãos em minha cintura, e logo em seguida me beijando.

Era um beijo calmo, sem malícias, cheio de afeto, ela segurava minha cintura, e eu seu pescoço. Paramos por falta de ar, e sono, depois, só fomos para o quarto e dormimos.


Notas Finais


cap curto, sorry, tô com sono rsrs.
boa noite, ou bom dia pra vcs, byee.

~yoony


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...