História Para seu amor (versao calzona -2 temporada) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Grey's Anatomy
Personagens Alexander "Alex" Karev, Alexandra "Lexie" Grey, Amelia Shepherd, Arizona Robbins, Calliope "Callie" Torres, Derek Shepherd, George O'Malley, Mark Sloan
Tags Arizonarobbins, Calliopetorres, Calzona, Grey'anatomy
Visualizações 24
Palavras 835
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Amelia assumi para a seus pais


Uns dias depois

no quarto usando o lap top

Lexie: to morrendo de saudade

Amelia: Tambem, to louca pra não só pra te ver, mas te tocar sentir teu cheiro

Lexie: sonho com isso, aaaa e já falei com quem tinha q falar

Amelia: E ai?

Lexie: Aceitaram numa boa, e vc já conto para seus pais?

Amelia: Ainda não fui la, mas vou contar essa semana ainda

Lexie: moreca, tenho q ir, vamos passar som agora, mais tarde te ligo

Amelia: Ah não, vai agora não

Lexie: Queria ficar mas... vc entende neh?

Amelia: entendo e sei q não tenho jeito msm, vai la e bjos bem gostoso na boca

Lexie: Em dobro pra vc (rsrs)

AyC(Chegando no quarto de lexie): ta pronta?

Lexie: anham

Callie: Então vamos

Lexie: vamos

Arizona:q foi?

Lexie: tava tc com a Amelia

Callie: A temporada aqui já ta acabando, falta pouco

Lexie : ta demorando demais, essa é temporada mais longa
 
Arizona: Calma amiga, quando eu e Calliope estávamos separadas tbm tinha essa msm sensação, pra mim era pior via ela todos os dias e não podia fazer nada

Callie: verdade, a horas parecem não passar, mas não desespere, já vamos voltar. E vai poder matar toda saudade (sorrindo)

Lexie(abraçando callie e Arizona): brigada migas adolu vcs

3 dias depois

Casa dos pais de amelia....

Amelia: Pai, mãe tenho q contar uma coisa e é muito importante pra mim espero q me entendam

PAI: estamos escutando

Amelia: to namorando

MÃE(surpresa): Nossa q milagre, quem é o felizardo, vc nunca quis saber de namoro

PAI: Desencalhou, e quando vai nos apresentar?

Amelia: é ai q ta, é nessa parte q preciso q me entendam

MÃE: fala logo menina, tanto suspense por causa de um namoro

Amelia: Não é um namoro qualquer, e sei q muitos não aceitam, nunca tive vontade de namorar porque ainda não tinha encontrado alguém especial, mas não é só isso tem outra coisa q nunca tive coragem de falar, mas por essa pessoa faço qualquer coisa

PAI: Fala menina

MÃE: ta enrolando demais, é algum viciado?

Amelia: ta eu falo, vou tentar ir direto ao ponto, não é bem um felizardo, e não é ele

PAI: onde ta querendo chegar?

Amelia: Eu sou lésbica, e to namorando uma garota, pronto falei

Pai e mãe assustados

PAI: repete

Amelia: É isso msm q ouviram, eu tenho uma namorada e não um namorado, gosto de meninas e não de meninos, deu pra entender agora

MÃE: eu não to ouvindo isso, a qualquer hora vou acordar e tudo voltara ao normal

Amelia: Mãe sinto mto mais não é um sonho

PAI: Porq isso agora?

Amelia: Não é agora, gosto de garotas desde q me entendo por gente

PAI: E contou só agora porq?

Amelia: Porq eu to apaixonada, e não ia ter mais jeito de esconder por muito tempo, e antes não queria dar esse desgosto pra vcs, principalmente depois do q aconteceu com a Callie, e como disse por ela faço qualquer coisa, eu a amo demais

PAI(mão no rosto, em sinal de nervosismo): Quem é ela?

Amelia: Não posso falar agora, mas ela é mto especial

MÃE(Chorando): porq?

Amelia: Mãe, não chora, me desculpa, achei q este dia nunca chegaria

MÃE: Já não bastava sua prima, agora vc, minha unica filha

Amelia: Mãe eu não pedi pra ser assim

PAI(andando de uma lado pro outro): Então essa é a sua escolha

Amelia: É

PAI: E vc ta feliz sendo assim?

Amelia: Mais do q nunca

PAI: Nesse caso eu não posso fazer nada, vc já é de maior e sabe o q é bom e ruim pra vc, não posso te obrigar a fazer uma coisa da qual não gosta

MÃE: Vai aceitar assim?
 
PAI: Fazer o q? Bater nela não vai adiantar, psicólogo tambem não resolve, então deixa ela viver a vida dela como ela acha melhor, ela já é de maior, já é independente, se ela ta feliz assim, porq não aceitar? é claro não é a melhor noticia q to recebendo mas eu não posso fazer nada a não ser aceitar

MÃE: O q vão falar de nos, dela, quem vai me dar netos?

Amelia: Meus irmãos eu tbm posso adotar (sorrindo) pai te amo, obrigada por me entender e compreender

PAI: Tambem te amo muito, só quero te ver feliz (dando um bjo na testa de Bruna)

Amelia: Sei q ta maguada, mas posso contar com vc, vou traze-la essa semana

MÃE: Só não me peça pra aceitar isso

Amelia: ok mãe, finja q ela é só uma amiga minha e a trate bem só isso, pode ser?

MÃE: vou tentar, ate acostumar ver vc com uma garota vai ser difícil (Chorando)

PAI(falando com a mãe): meu bem. É melhor aceitarmos, do q ver ela sofrendo e sofrendo junto com ela, como aconteceu com a Callie e a lucia

MÃE: vc tem razão, mas pra mim é difícil, prometo q vou tentar

PAI: vc dorme aqui hoje

Amelia: Vou, já ta tarde



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...