História Para seu amor (versao calzona -2 temporada) - Capítulo 33


Escrita por:

Postado
Categorias Grey's Anatomy
Personagens Alexander "Alex" Karev, Alexandra "Lexie" Grey, Amelia Shepherd, Arizona Robbins, Calliope "Callie" Torres, Derek Shepherd, George O'Malley, Mark Sloan
Tags Arizonarobbins, Calliopetorres, Calzona, Grey'anatomy
Visualizações 20
Palavras 819
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 33 - Maldito telefone


Mais tarde voltando pra casa, no carro

Callie no volante, Arizona acaricia a coxa de Callie, Callie a olha, Arizona da um sorriso safado, Any faz não com a cabeça, Arizona sorrindo faz q sim, Callie faz q não mais uma vez, Arizona sobe a mão ate próximo a virilha de callie e aperta

Callie : Ta loca

Arizona : Não, e vc disse q poderia, aqui não é proibido estacionar, quase não tem movimento, então não vejo nada demais colocarmos nossa vontade em pratica

Callie (parando o carro): Vc ta falando serio mesmo?

Arizona: Paixão (carinha de piedade)

Callie (sorri): No banco de trás

Arizona pula pro banco de trás tira a bermuda, Callie levanta a saia tira a calçinha senta nas coxas de Arizona abraçando a com as pernas, Arizona afasta um pouco tuas pernas, Callie leva a mão ate a intimidade de Arizona e aperta-a com delicadeza, Arizona fecha os olhos em sinal de prazer, Arizona puxa callie pra um bjo, equanto se bjam Arizona enfia 2 dedos na intimidade de Callie , Callie geme no meio do bjo e faz o msm introduzindo 2 dedos na intimidade de arizona, Arizona tbm geme, Callie começa a movimentar seu corpo bem devagar equanto movimenta os dedos dentro de Arizona, terminam o bjo, com a outra mão arizona suspende a blusa de callie e começa a chupar seus seios, Callie apóia o outro braço no encosto do carro, aumenta mais a velocidade do corpo ambas seguram os gemidos e se bjam ardentemente

O cel toca

Arizona: Deixa tocar

Callie: E se for importante

Arizona: Não deve ser, continua (gemendo baixinho)

Callie continua

O cel de Arizona toca

Arizona: Caramba

Callie: DeIxa

Arizona: Essa coisa não vai parar de tocar não

Callie: Pensa em mim (gemendo)

Arizona: Desconcentrei, não da mais perdi a vontade

Callie: Vai broxar?

Arizona: Não diga isso, vc sabe q não broxo, só perdi a concentração

Callie(saindo de cima de Dul): ok

Arizona: Desculpa

Callie: De q?

Arizona : Por ter te deixado na mão

Callie: amor tudo bem, eu tbm me desconcentrei

Arizona: Mesmo

Callie: hunhum, eu só queria tentar continuar(dando um bjo em arizona) da próxima vamos desligar eles

Arizona (sorri): Ou deixamos pra trás

Callie: Já q perdeu a graça, vamos?

Arizona: vamos (vestindo a bermuda)

Callie: Vc continua?

Arizona: Continuo

Callie: E muda essa carinha

Arizona: Vou tentar (ligando o carro)

Callie (pega a bolsa tira os celulares): Era a lexie

Arizona: Eu ainda pego ela

Callie : Deve ser importante

Arizona : Tenho certeza q não é

Callie : Como pode saber

Arizona : Se fosse importante tinha insistido mais

Callie : Pensando por esse lado

Arizona : Por desaforo deixa ela ficar esperando

Callie : Nossa q brava (rindo) medo

Arizona : Não é pra menos

Chegando em casa

Callie : Maria chegamos

MARIA: ok

Arizona sobe as escadas brava e batendo o pé

Callie : Maria vou subir, tomar um banho, ai vc faz aquela saladinha de peito de frango

MARIA: Mais alguma coisa?

Callie : suco de laranja natural e só

MARIA: O q ela tem, brigaram?

Callie : Não, é só uma coisinha q aconteceu q deixou ela de mal humor, mas não precisa se preocupar rapidinho eu acalmo ela

MARIA: E como sei

Callie ; Dessa vez se enganou desse jeitinho aí hoje acho q não rola mais

MARIA: Ixi então a coisa foi feia

Callie : Ate q não, foi só a circunstância q aconteceu q ela não gostou, tipo no momento e no lugar errado

MARIA: Ninguém gosta neh

Callie : Pois é, isso foi o suficiente pra deixá-la assim

MARIA: Então vai la cuidar dela

Callie : Direitinho, e capricha la

MARIA: Pode deixar

Callie subiu rápido,Arizona já estava tomando banho

Callie : Porq não me esperou?

Arizona : Precisava de um banho frio pra esfria a cabeça

Callie : E esfriou?

Arizona : Um pouco

Callie : Posso entrar?

Arizona : Pode, só espera um pouco q vou passar PR o quente

Callie : Paixão essas coisas acontece

Arizona : Não comigo

Callie : Não é pra tanto

Arizona : É sim

Callie : Não somos feitas de ferro, sempre tem a 1º vez

Arizona : Eu sei, é q... tava tão bom ate a merda do cel tocar e atrapalhar

Callie : Poderia ter sido pior

Arizona : Eu quiz muito, não te dei sossego e no fim, quer dizer não teve fim

Callie : Já disse não to chateada, e não me chatearia por causa disso, eu entendo é difícil mas...

Arizona : Obrigada por ser tão compreensível

Callie : Se não fosse não estaríamos a beira do altar

Arizona (sorri de canto de boca): Pra fazer mais amor

Callie : Se te fiz sorri é porq agora ta tudo bem

Arizona : Ta sim, vc é meu remédio

Se beijam, terminaram o banho, vestiram-se e desceram pra jantar



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...